biologia

Páginas: 3 (582 palavras) Publicado: 29 de setembro de 2014
Religioso e botânico austríaco cujo nome completo era Gregor Jonhann Mendel (1822-1884). No dia 6 de janeiro de 1884 morreu o obscuro abade em um mosteiro na cidade de Brno, na Morávia. Os mongeslamentaram-no, pois fora um homem bom. E muitas pessoas o tinham na conta de um grande cientista. Mas se perguntassem por que, pouco saberiam responder. Para ciência oficial, o abade Mendel era umdesconhecido. Sua obra sobre hereditariedade cobria-se de poeira na biblioteca local, desde quando publicada em 1866, nas atas da Sociedade de Ciência Naturais. E assim ficou por 34 anos, até que em 1990,agindo independentemente, três botânicos - K. Correns, na Alemanha, E. Tcherrmak, na Áustria, e H. De Vries, na Holanda - redescobriram seu trabalho e proclamaram as leis de Mendel, desenterraram seutrabalho e proclamaram sua importância.
Johann Mendel nasceu a 22 de julho de 1822, em Heinzendorf, na parte da Silésia que então pertencia à Áustria. Na fazenda do pai costumava observar e estudaras plantas. Sua vocação científica desenvolveu-se paralela à vocação religiosa. Em 1843 entrou no Mosteiro Agostiniano de São Tomás, em Brno (então Brünn), onde foi ordenado padre com o nome deGregório, tornou-se abade e passou o resto da vida.
Só saiu dali por volta 1851, enviado à Universidade de Viena por seu superior, que queria dar ao jovem clérigo uma oportunidade de desenvolver seuinteresse pela ciência. Após três anos de dedicação à física, química, biologia e matemática, voltou a província. E dividiu o tempo entre lecionar numa escola técnica e plantar ervilhas no jardim no mosteiro.Com alguns colegas de magistério, fundou em 1862 a Sociedade de Ciências Naturais. E paradoxalmente, enquanto tentava ser aprovado oficialmente como professor de Biologia - o que nunca conseguiu -Mendel fez descobertas que criaram um novo ramo dentro das ciências biológicas: a genética, ciência da hereditariedade.
Apesar da paixão de Mendel por botânica e zoologia, lá por 1868 seus deveres...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Biologia
  • Biologia
  • Biologia
  • Biologia
  • Biologia
  • Biologia
  • Biologia
  • Biologia

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!