Atuação do enfermeiro no processo saúde - doença

Páginas: 9 (2200 palavras) Publicado: 19 de maio de 2012
ATUAÇÃO DO ENFERMEIRO NO PROCESSO SAÚDE - DOENÇA
CLAUDIA MORESCHI 
UNIVERSIDADE DE CAXIAS DO SUL 
CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE 
DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM
  
RESUMO:
A competência profissional na área da Enfermagem é fator importante para elevar o nível de saúde da população, o qual depende do alcance do profissional para evitar problemas de saúde ou para resolver os que seapresentam. Faz-se necessário que o enfermeiro conheça sua área de atuação frente a prevenção e os diferentes fatores que determinam as condições de saúde do indivíduo. Tendo presente tais aspectos, são importantes estudos que sinalizem problemas na formação profissional, como fator indispensável à permitir adaptações constantes às reais necessidades da população, a quem se destina o trabalho. Opresente trabalho é baseado em pesquisas bibliográficas de diferentes autores; foram procuradas reportagens em sites da Internet, mas não foram encontrados assuntos específicos de interesse.
PALAVRA-CHAVE: Atuação profissional – prevenção em saúde 
 
1 – INTRODUÇÃO 
Na proximidade da virada do século, velhos desafios ainda percorrem a vida em sociedade, como o desemprego, a miséria, aviolência... que têm relação direta com o processo saúde/doença de uma população.
Evidencia-se relações significativas da desigualdade de renda da população com todos os indicadores de saúde, onde as piores condições de saúde não podem ser dissociadas dos índices de pobreza, aumento da criminalidade e deterioração dos serviços de saúde.
É neste cenário que se insere a questão da cidadania, dos direitossociais, no qual se inclui o direito à saúde.
É necessário que a atuação profissional, dentro de seus diferentes níveis, seja continuamente orientada por um conhecimento de qualidade, pertinente e relevante para a melhoria das condições de saúde da população.
O conjunto de conceitos que constituem a base tecnológica pode ser atualizado constantemente por um processo contínuo de produção deconhecimento. 
  
 2 – SAÚDE: DIREITO DO CIDADÃO
Amélia Cohn (1998) acredita que para formular uma política de saúde e instituir um sistema compatível com a realidade, é necessário a presença decisiva do Estado. Cabe a ele redistribuir recursos sob a lógica do interesse social coletivo, promovendo e consolidando um padrão de solidariedade social e permitindo que todo cidadão tenha garantido oacesso ao atendimento, através de serviços estatais e privados.
O Brasil institui o preceito constitucional que coloca a saúde como direito do cidadão e dever do Estado.
Berlinguer (1996) afirma que "a saúde difere dos outros direitos humanos pois está contida no direito à vida". Cria obrigações sociais mutáveis, em que tais direitos podem ser ampliados ou reduzidos.
A realidade nos mostra oocultamento e mistificação destes direitos, com possibilidades restritas para determinados grupos sociais. Os direitos do homem não são absolutos; são constituídos pela forma como os homens relacionam-se entre si, pelos embates das forças sociais presentes na sociedade.
Maria Camilo (1999) considera o processo saúde/doença a partir das determinações econômicas, sociais, prevendo o acesso universal eigualitário aos serviços de saúde (SUS). Mas, estudos recentes de Gerschman (1995) sinalizam para o fato da chamada Reforma Sanitária ser um movimento democrático inconcluso.
O que tem ocorrido é a dificuldade de construir um sistema público eficiente, em decorrência das grandes diferenças sociais e da divergência de interesses dela decorrente. Assim, algumas classes sociais ficam compossibilidades restritas de acesso à saúde. 
 
3 – SAÚDE E PREVENÇÃO 
É comum, entre os profissionais de saúde e a população em geral, uma concepção limitada do significado do termo saúde, definindo-a como o oposto da doença (ausência de doença).
Segundo estudos realizados por Nilva Stédile (1996), grande parte da população acredita que saúde e doença são apresentados como fenômenos "dicotômicos" e...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Fichamento: atuação do enfermeiro no processo saúde doença
  • Fichamento: atuacao do enfermeiro no processo saude e doenca
  • atuação do enfermeiro em saúde mental
  • ATUAÇÃO DO ENFERMEIRO DA ESTRATÉGIA SAÚDE DA FAMÍLIA
  • Atuação do Enfermeiro na Estratégia Saúde da Familia
  • a aTUAÇÃO DO eNFERMEIRO NO PROCESSO DE ACREDITAÇÃO HOSPITALAR
  • Conceito de saúde e do processo saúde – doença
  • O conceito de saúde e do processo saúde-doença

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!