Ativo intangível

Páginas: 26 (6378 palavras) Publicado: 18 de março de 2011
GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ
SECRETARIA DO DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO DO CEARÁ (SDE) SECRETARIA DO PLANEJAMENTO E COORDENAÇÃO (SEPLAN) INSTITUTO DE PESQUISA E ESTRATÉGIA ECONÔMICA DO CEARÁ (IPECE)

BOLETIM DO COMÉRCIO EXTERIOR

ANUAL - 2006

Fortaleza-CE Dezembro/2006

Boletim do Comércio Exterior, Novembro/2006

APRESENTAÇÃO

A Secretaria do Desenvolvimento Econômico e o Instituto dePesquisa e Estratégia Econômica do Ceará (IPECE) apresentam o Boletim de Conjuntura do Comércio Exterior do Ceará, referente ao ano de 2006. O documento aborda o desempenho do comércio exterior cearense levando em consideração as exportações e importações com seus destaques, em termos de produtos, países de destino e de origem, fazendo, quando necessário, comparações com os resultados do País e daregião Nordeste. Encontram-se no Anexo 1 os códigos utilizados para a classificação das mercadorias, segundo a Classificação de Mercadorias/Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM) . A SDE e o IPECE, com a divulgação desse documento, procuram atender a demanda do setor público e privado por informações de curto prazo sobre a economia cearense, especificando o comércio exterior.

Ivan RodriguesBezerra Presidente da CDE Marcos Costa Holanda Diretor Geral do IPECE

2

Boletim do Comércio Exterior, Novembro/2006

SUMÁRIO

1 BALANÇA COMERCIAL, 4

2 DESEMPENHO DAS EXPORTAÇÕES, 4

2.1 Exportações Cearenses no Contexto Nacional, 4

2.2 Exportações Cearenses por Produtos e Mercado de Destino, 5

2.3 Exportações Cearenses por Fator de Agregação, 7

2.4 Empresas Exportadoras, 83 DESEMPENHO DAS IMPORTAÇÕES, 9

3.1 Importações por Fator de Agregação e Setores de Contas Nacionais, 11

3.2 Origem das Mercadorias,12

3.3 Empresas Importadoras, 13

4 PERSPECTIVAS PARA 2006, 13

ANEXO 1, 15

3

Boletim do Comércio Exterior, Novembro/2006

1 BALANÇA COMERCIAL DO CEARÁ
Em 2006, a balança comercial cearense foi marcada por manter as exportações com resultadospositivos, porém com um modesto crescimento de 2,86% no valor exportado, comparado com o ano de 2005. Diante desse crescimento, não foi possível para as exportações cearenses obter a meta desejada de US$ 1 bilhão. Os principais fatores que impediram essa meta foram a desvalorização cambial e a concorrência externa, que afetou principalmente os segmentos de calçados e têxteis. Do lado dasimportações, o ano de 2006 fechou com um crescimento de 86,23% do valor importado, comparado com o ano de 2005. Esse crescimento foi ocasionado pelo aumento de combustíveis importados. Diante desses números, o saldo da balança encerrou o ano com US$ -139,7 milhões. As exportações cearenses, no mês de dezembro de 2006, mantiveram o mesmo ritmo que vinha obtendo nos meses anteriores do ano. Já as importações,registraram queda de novembro para dezembro de 2006, obtendo ao longo do ano grandes oscilações no valor importado. As importações de combustíveis foram responsáveis por essas oscilações. O salda da balança comercial cearense, no mês dezembro de 2006, foi de US$ -11 milhões, decorrente do valor exportado de US$ 80 milhões e das despesas com importações de US$ 91 milhões (Gráfico 1). Gráfico 1 –Balança Comercial – Ceará – 2006 (US$ milhões/FOB)
200 150 100 50 0
-1 1 77 59 1 8 81 58 23 74 38 36 72 1 41 83 46 30 45 38 6 93 81 70 79 1 44 1 22 76 76 1 09 81 80 91 1 68

-50 -100 -150
Janeiro Fevereiro Março Abril Maio Junho Julho Agosto
-69 -51

-28 -41 -89

Setembro

Outubro Novembro Dezembro

Exp

Imp

Saldo

Fonte: Secretaria do Comércio Exterior (SECEX)/MDIC.

2DESEMPENHO DAS EXPORTAÇÕES
2.1 Exportações Cearenses no Contexto Nacional No âmbito nacional, o estado de São Paulo continua sendo o estado que mais exporta, fechando o ano de 2006 com US$ 45.929 milhões exportados. Em seguida aparecem os estados de Minas Gerais (US$ 11.638 milhões), Rio Grande do Sul (US$ 11.774 milhões) Rio de Janeiro (US$ 11.469 milhões). Os estados que mais aumentaram suas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Ativos intangiveis
  • Ativos intangíveis
  • Ativos intangiveis
  • ativos intangiveis
  • Ativos Intangíveis
  • Ativos intangíveis
  • Ativos intangíveis
  • Ativo Intangivel

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!