Asma Brônquica

Páginas: 6 (1444 palavras) Publicado: 21 de fevereiro de 2015
Asma Brônquica

Definição:
"Asma é uma doença inflamatória crônica caracterizada por hiper-responsividade das vias aéreas inferiores e por limitação variável ao fluxo aéreo, reversível espontaneamente ou com tratamento, manifestando-se clinicamente por episódios recorrentes de sibilância, dispneia, aperto no peito e tosse, particularmente à noite e pela manhã, ao despertar. Resulta de umainteração entre carga genética, exposição ambiental a alérgenos e irritantes, e outros fatores específicos que levam ao desenvolvimento e manutenção dos sintomas". IV Diretrizes Brasileiras para o Manejo da Asma.
A inflamação brônquica constitui o mais importante mecanismo fisiopatológico da asma, e resulta de interações complexas entre células inflamatórias, mediadores e células estruturais dasvias aéreas. Está presente não apenas em asmáticos graves ou com doença de longa duração, mas também em pacientes com asma de início recente, em pacientes com formas leves da doença e mesmo nos assintomáticos. A mucosa brônquica inflamada torna-se hiperreativa a diversos estímulos, sejam eles alérgicos ou não.
Quando ocorre uma crise de asma, os brônquios ficam inchados, quase fechados e cheios demuco, devido à inflamação dos tecidos que revestem as vias aéreas. Essa reação causa um processo de broncoconstrição (o diâmetro dos brônquios diminui), dificultando a respiração do paciente. Em geral, indivíduos com asma possuem histórico familiar de pessoas portadoras da mesma doença, sejam pais, avós, irmãos ou filhos, ou, ainda, de outras causas. O caráter genético da doença já está comprovadoe parece ser o principal fator predisponente.
Os fatores desencadeadores da asma são: ácaros presentes na poeira, pólen de flores, pelos de animais domésticos, ar frio, fumaça de cigarro, exercícios físicos.
Neste trabalho, iremos dar o enfoque na fisiopatologia de crises asmáticas induzidas pelo exercício físico.
A asma induzida pelo exercício (AIE) é conhecida como uma obstrução transitórianas vias aéreas logo após o exercício vigoroso, sendo seus principais sintomas a falta de ar, a tosse e o chiado. Pode ser evidenciada pela queda no volume expiratório forçado em um segundo (VEF1) e por outros parâmetros espirométricos.
O mecanismo de desenvolvimento dessa obstrução ainda não está definido; no entanto, muitos estudos foram realizados para esclarecer os mecanismos de ação da AIE.A AIE pode ser observada em crianças e adolescentes de diferentes níveis de condicionamento físico, desde aquelas não engajadas em esportes até atletas competitivos. O exercício físico provoca broncoconstrição na maioria (~70%) das crianças e dos adolescentes que apresentam asma, porém, a AIE pode ocorrer naquelas que não apresentam o diagnóstico de asma.
Tipicamente, a crise inicia de dois aquatro minutos após o exercício, com picos de cinco a 10 minutos, e desaparece espontaneamente em torno de 20 a 40 minutos. Algumas vezes, a crise pode ser sustentada por mais de uma hora. Uma resposta tardia pode aparecer de quatro a 10 horas após o exercício.
Os eventos fisiológicos que desencadeiam a crise de AIE permanecem sem uma conclusão definida; no entanto, diversos estudos sugeremalguns mecanismos fisiológicos da AIE.
A AIE pode ser explicada por duas hipóteses. A hipótese osmótica considera que a desidratação das vias aéreas gerada pela perda insensível de água pelo trato respiratório estimulada pela inalação de ar seco durante o exercício aumenta a osmolaridade dos líquidos periciliares, liberando mediadores químicos (histamina, prostaglandinas e leucotrienos) que acentuam acontração da musculatura lisa brônquica, causando a obstrução.
A hipótese térmica considera que a AIE é iniciada pelo efeito térmico nas vias aéreas causado pelo exercício, isto é, o resfriamento das vias aéreas seguido de um reaquecimento pós-exercício que causa uma hiperemia reativa da vasculatura brônquica e edema na parede das vias aéreas. Isso sugere que o resfriamento das vias aéreas...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Asma bronquica
  • Asma Bronquica
  • Asma Brônquica
  • asma bronquica
  • Asma Bronquica
  • Asma bronquica
  • Asma Bronquica Broncodilatadores Beta agonistas
  • Atuação do enfermeiro como orientador na prevenção da asma bronquica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!