"As técnicas do corpo". mauss, marcel.

Páginas: 5 (1032 palavras) Publicado: 22 de janeiro de 2013
FICHAMENTO elaborado por Gabriel S. Duarte, aluno do 2º período de Odontologia da Universidade Federal de Alfenas.

Texto: MAUSS, Marcel. Sociologia e Antropologia. São Paulo: Cosac & Naify, 2003. Sexta parte: “As técnicas do corpo”, p. 399-422.

“O corpo é o primeiro e mais natural instrumento do homem. Ou, mais exatamente, sem falar do instrumento: o primeiro e o mais natural objetotécnico.” (pág 407).
Inicio com a citação acima porque me pareceu a justificativa do autor para a abordagem do assunto, sobre os movimentos, posições, modos; ou seja, de forma geral as técnicas do corpo relacionando-as com as diversas culturas. Além da própria cultura, é importante salientar que as técnicas do corpo se dividem e variam de acordo com o sexo (“...há uma sociedade dos homens e umasociedade das mulheres”) e com a idade.
Antes de qualquer coisa, o texto tem mais dois trechos-chave, os quais demonstrarei novamente por meio de citações: “Olhemos para nós mesmos, neste momento. Tudo em nós é imposto. [...]. Temos um conjunto de atitudes permitidas ou não, naturais ou não.” (pág. 408). O outro resumiria a influência do meio no comportamento: “Essa adaptação constante a um objetofísico, mecânico, químico é efetuada numa série de atos montados, e montados no indivíduo não simplesmente por ele próprio mas por toda a sua educação, por todas a sociedade da qual faz parte, conforme o lugar que nela ocupa.” (pág. 408).
No momento em que li esses trechos, me recordei da época que estudei literatura, ainda no colegial, sobre a teoria do Bom Selvagem, de Rosseau. A teoria emquestão, em suma, utiliza da figura do índio para dizer que o homem nasce bom por natureza, mas logo é corrompido pela sociedade. Logicamente não se relaciona com os movimentos corporais, porém me parece válido, pois mostra que o homem nasce e mantém seus costumes até que outra cultura seja inserida e os modifique.
Mauss deixa bem claro, depois de citar inúmeros exemplos no início do texto, o modo comque observaria o contexto dos movimentos corporais dentro das diversas culturas: “Era muito simples, eu só precisava referir-me à divisão dos atos tradicionais em técnicas e em ritos, que considero fundada. Todos esses modos de agir eram técnicas, são técnicas do corpo.” (pág. 407).
O autor utiliza de acontecimentos pessoais, principalmente ocorridos na guerra; citações de outros livros eobservações feitas por ele próprio para relatar essas diferenças de técnicas corporais em diferentes países e, consequentemente, diferentes culturas.
Uma delas (bastante interessante, à propósito) foi a influência de uma cultura em outra, como citado no exemplo do andar das enfermeiras observado por Marcel Mauss enquanto estava no hospital de Nova York: “...me perguntava onde tinha visto moças andandocomo minhas enfermeiras.[...]. De volta à França, passei a observar, sobretudo em Paris, a frequência desse andar; as jovens eram francesas e caminhavam também desta maneira. De fato, os modos de andar americanos, graças ao cinema, começavam a se disseminar entre nós.” (pág. 403 e 404). Nota-se, assim, que a introdução de uma cultura em outra, nesse caso por meios de comunicação, é fundamental paraessa constante moldagem de movimentos corporais, tanto nos Estados Unidos, onde o filme relatado foi produzido, quanto na França, que, mesmo bastante distante dali, foi influenciada.
Mas deve-se reforçar que esses “hábitos” (como dito pelo autor) não são moldados somente por imitações, e sim variam de acordo com o contexto social e, sobretudo, com a educação: “Em todos os elementos da arte deutilizar o corpo humano os fatos de educação predominavam. A noção de educação podia sobrepor-se à de imitação.” (pág. 405). As mulheres Maori da Nova Zelândia são um ótimo exemplo. Estas quando andam, movimentam os quadris (chamado pelos indígenas de “onioi”) de acordo com o que é ensinado pelas mães. O movimento, dentro da cultura ocidental seria visto de uma forma ruim, mas dentro da...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • RESUMO Marcel Mauss
  • Marcel mauss- as técnicas corporais
  • Marcel Mauss
  • marcel mauss
  • Marcel Mauss
  • Fichamento sociologia e antropologia, mauss, marcel. sexta parte: “as técnicas do corpo”, p. 399-422.
  • [Resenha] MAUSS, Marcel. As técnicas do corpo. In:____ Sociologia e Antropologia. São Paulo: Cosac Naify, 2003,...
  • Seminário marcel mauss

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!