As Origens do Pensamento Filosófico-Científico

Páginas: 6 (1321 palavras) Publicado: 26 de setembro de 2014
Hoje a grande maioria dos historiadores tende a admitir que somente com os gregos começou-se a fazer ciência teórica e filosofia.
Tudo teria começado no sec. VI a.C., quando uma nova mentalidade foi substituindo as antigas construções mitológicas, o antigo pensamento mítico, por uma aventura intelectual, que levou a investigações científicas e especulações filosóficas.
Essa mentalidade resultoude um longo processo da racionalização da cultura, que foi acelerado pela queda da antiga civilização micênica. A confluência de vários outros fatores - econômicos,sociais, políticos, geográficos - fez eclodir o "milagre grego": a busca de uma unidade de compreensão racional, que organizasse, integrasse e dinamizasse os conhecimentos.
Mas para que entendamos o pensamento filosófico-científico,precisamos primeiro entender o que significa ter uma visão mitológica do mundo.
O pensamento mítico teve início na Grécia no XXI a. C. Nasceu, talvez para afugentar o medo e a insegurança, e, também, provavelmente, do desejo de dominar do mundo.
Basicamente o pensamento mítico é uma forma pela qual um povo explica aspectos essenciais da realidade em que vive: como acredita que o mundo seoriginou, como ocorre o funcionamento da natureza,como este povo mesmo teve início etc., além de determinar seus valores básicos.
O pensamento mítico caracteriza-se, principalmente, pelo tipo de discurso que é usado para transmitir aquelas explicações. O termo grego mythos significa precisamente discurso fictício ou imaginário; mas, embora possa ser sinônimo de "mentira", o mito é verdadeiro para quem ovive.
Assim, a verdade do mito não corresponde a lógica nem da verdade empírica, nem da verdade científica: é verdade nascida da intuição, da imaginação. Por ser a visão mesma de mundo, a forma mesma de um povo experimentar a vida, o mito não se justifica, não se fundamenta, nem é alvo de questionamento, crítica ou correção. A discussão é descartada porque todas as outras perspectivas pelas quaispoderia ser ele discutido são excluídas: ou o indivíduo é integrante dessa cultura e aceita, e adere àquela visão mítica, ou ele é alienígena e para ele nada faz sentido, nada significa, nada lhe diz respeito.
Ao longo dos milênios foi sendo criada uma diversificada gama de explicações mitológicas que refletiam o estágio de evolução do conhecimento do homem. Recorria-se ao sobrenatural, aomistério, ao sagrado, à magia. Assim, a natureza, o homem, toda a sociedade eram regidos, governados pelos deuses, pelos espíritos, pelo destino - que estão fora do plano de compreensão humana. Por haver uma luta e um equilíbrio tênue entre as forças do bem e do mal supunha-se que quando ocorriam catástrofes e epidemias era, ou porque os deuses estavam enfurecidos, ou porque aquele equilíbrio havia sidorompido e as forças do mal estariam prevalecendo sobre as do bem. Surgem os sacerdotes, os rituais religiosos, os oráculos que serão os intermediários entre os dois mundos: o humano e o divino. Desenvolvem-se cerimônias e rituais religiosos, objetivando um estreitamento das ligações com as divindades. Oferendas, sacrifícios de homens e animais visam agradar e saciar os desejos dos deuses, oufortalecê-los na luta contra o mal.
No século IX a.C., Homero com a Ilíada e a Odisséia, e, mais tarde, no séc. VIII, Hesíodo com a Teogonia, registraram, poeticamente, essas tradições, assim como as lendas recolhidas junto aos diversos povos que sucessivamente ocuparam a Grécia desde o período arcaico (c. 1500 a.C.). Tais registros levaram a uma situação inteiramente nova: ao serem postos no papel,os mitos tornaram-se passíveis de discussão. E a discussão permite que se reflita sobre os mitos, trazendo à tona uma insatisfação latente com toda aquela explicação fornecida pelo pensamento mítico.
Nas palavras de J. Burnet, "os gregos não começaram a sentir a necessidade de uma filosofia da natureza e da ética a não ser após o fracasso de suas primitivas cosmovisões e de suas regras...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Pensamento mítico, filosófico e científico
  • Pensamento científico e filosófico
  • Surgimento do pensamento filosófico científico
  • Surgimento do pensamento cientifico e filosofico
  • pensamento filosófico científico
  • origens do pensamento filosófico ocidental
  • A origem do pensamento filosofico
  • A HISTORIA DA PSICOLOGIA, DO PENSAMENTO FILOSOFICO AO CIENTIFICO.•.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!