As fronteiras da ética: maquiavel

Páginas: 5 (1157 palavras) Publicado: 3 de outubro de 2011
O líder, segundo Maquiavel

A obra “O Príncipe”, de Maquiavel, é considerada uma leitura básica para os homens políticos e líderes de qualquer espécie. Ela mostra, através da visão de Maquiavel, quais são as qualidades essenciais para ser um bom “príncipe”. Maquiavel mostra em sua obra que qualidades como força, liberdade de agir conforme a necessidade política do momento e a violência, sãoessenciais para que um homem seja um bom líder. Mostra que a ética cristã baseada em valores morais abstratos tornaria o líder um homem fraco, pois tiraria sua liberdade de tomar certas decisões. Porém, aparentar possuir esses valores éticos, é essencial para que o líder possua uma boa imagem perante seu povo. Além disso, Maquiavel também mostra que, sem ética alguma, o líder se tornaria um tirano, eseu estado inevitavelmente cairia, por não ser construído em cima de leis e regras éticas que o povo usa como critério de julgamento humano, mas em cima de uma política de medo.
O homem político que deseja chegar ao poder deve saber utilizar a força muito bem, pois a força e a violência são, para Maquiavel, os meios mais eficazes de se chegar ao poder. Estes valores são herdados da historia deRoma, o maior império que havia existido na época, e que utilizava a força e manipulação do povo, entre outros meios, para prosperar. Porém, atingir só o poder não é o suficiente para o homem político. Ele visa, diferentemente do tirano, obter também, a glória. Para obter glória o homem, após chegar ao poder, deve conseguir reconhecimento de seu povo como sendo um bom líder, para que ali semantenha governando. Mas como é possível para o homem político chegar ao poder utilizando sua força e violência e ainda assim ser adorado por seu povo? Maquiavel diz que “As violências devem ser feitas todas, ao mesmo tempo, afim de que seu gosto, persistindo por menos tempo, ofenda menos. Os bons feitos devem ser praticados pouco a pouco para que possamos saboreá-los melhor”. Dessa forma, diz Maquiavel,o príncipe será lembrado pelo povo por suas virtudes, e não pela violência que pratica para governar. Ele complementa com a seguinte afirmação: “Não é necessário ao príncipe possuir todas as qualidades, mas parecer tê-las”. Ora, se o homem político deseja não só chegar ao poder, façanha essa que pode ser conquistada através do uso da força, mas visa também obter a glória, se manter no poder eliderar um governo que efetivamente prospere, ele deve conseguir, na liderança, o apoio de seu povo.
Os princípios éticos cristãos eram os princípios através do qual se baseava a moral da época, e os critérios utilizados pelo povo para julgar os homens. Logo, a fim de agradar o povo, o príncipe deve aparentar ao povo possuir essas qualidades cristãs consideradas éticas na época.
Maquiavel, nesseponto, diz que é essencial ao líder aparentar possuir essas qualidades cristãs, mas, se ele efetivamente as possuísse, ele não seria um bom líder. A religião dá mais valor às virtudes humildes e coloca a felicidade como um valor oposto ao poder humano, então se o príncipe realmente possuísse estes valores cristãos, ele nunca seria capaz de tomar as decisões necessárias para aumentar seu império,fazer prosperar a republica, ou se manter no poder. Em relação à manipulação de sua imagem, Maquiavel diz que “Os homens julgam mais pelos olhos do que pelas mãos, pois é dado a todos ver e a poucos perceber. É, pois, uma condição fundamental da política se desenrolar na aparência”. Assim, reforçando seu conceito de que apesar de ser de extrema importância parecer possuir atitudes éticasfundamentadas no cristianismo, a fim de conquistar o povo, possuir efetivamente estes valores enfraqueceria o líder em termos de prosperar politicamente.

O limite entre a ética e a política

Maquiavel, porém, não divide a política e a ética como duas coisas distintas e autônomas, mas mostra que há duas formas de se conceber a ética: a cristã, baseada nos “princípios de Deus”, fundamentada na...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A ética de maquiavel
  • A Ética de Maquiavel
  • Ética em maquiavel
  • Contraposição entre a ética medieval e a ética de Maquiavel
  • Maquiavel: uma nova ética política
  • A ética como virtude em maquiavel
  • Etica e política em maquiavel
  • Como maquiavél separa política de filosofia ética

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!