AS ENCHENTES NO MUNICÍPIO DE RIO BRANCO: A ATUAÇÃO DA COORDENADORIA MUNICIPAL DE DEFESA CIVIL SOB A ÓTICA DA GESTÃO DE RISCO E DA ADMINISTRAÇÃO DE DESASTRES

Páginas: 86 (21302 palavras) Publicado: 8 de agosto de 2013
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA
CENTRO TECNOLÓGICO
DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PLANEJAMENTO E GESTÃO EM DEFESA CIVIL

AS ENCHENTES NO MUNICÍPIO DE RIO BRANCO: A TUAÇÃO DA
COORDENADORIA MUNICIPAL DE DEFESA CIVIL SOB A ÓTICA DA
GESTÃO DE RISCO E DA ADMINISTRAÇÃO DE DESASTRES

GEORGE LUIZ PEREIRA SANTOS

FLORIANÓPOLIS
2006

UNIVERSIDADEFEDERAL DE SANTA CATARINA
CENTRO TECNOLÓGICO
DEPARTAMENTO DE ENGENHARIA CIVIL
CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM PLANEJAMENTO E GESTÃO EM DEFESA CIVIL

AUTOR: George Luiz Pereira Santos.

AS ENCHENTES NO MUNICÍPIO DE RIO BRANCO: A ATUAÇÃO DA
COORDENADORIA MUNICIPAL DE DEFESA CIVIL SOB A ÓTICA DA
GESTÃO DE RISCO E DA ADMINISTRAÇÃO DE DESASTRES

Trabalho monográfico apresentado na UniversidadeFederal de
Santa Catarina como requisito para a obtenção do título de
especialista em planejamento e gestão em Defesa Civil.
Orientado pela Professora Doutora Flávia Regina Souza
Ramos.

Edésio Jungles – Profº. Dr.
Coordenador do Curso

Florianópolis-SC
2006

i

AUTOR: George Luiz Pereira Santos.

AS ENCHENTES NO MUNICÍPIO DE RIO BRANCO: A ATUAÇÃO DA
COORDENADORIAMUNICIPAL DE DEFESA CIVIL SOB A ÓTICA DA
GESTÃO DE RISCO E DA ADMINISTRAÇÃO DE DESASTRES

Trabalho monográfico apresentado na Universidade
Federal de Santa Catarina como requisito para a
obtenção do título de Especialista em Planejamento e
Gestão em Defesa Civil.
Orientado pela Professora Doutora Flávia Regina Souza
Ramos.

Aprovada em _________/__________/2005

BANCA EXAMINADORAPresidente

Membro

Membro

Membro
Observações:

ii

Dedico o presente trabalho a minha mãe
Luiza de Marilac, referência de tudo aquilo
que sou hoje, sem a qual, todo o esforço que
fez ao longo de minha trajetória de vida,
jamais teria conseguido chegar aonde
cheguei.
Dedico, ainda, ao pedaço de mim fora do
meu corpo, pessoa pela qual vivo cada dia
de minha vida – meu filhoJoão Lucas.

iii

Agradeço, acima de tudo a Deus, Ser
supremo de tudo aquilo que existe, a minha
mãe, Luiza de Marilac, pelo ensinamento e
valores a mim repassados.
A minha orientadora Profª. Drª. Flávia
Regina pelo apoio e paciência.
Aos amigos de curso pelo companheirismo.

iv

“Impossível é apenas uma grande palavra
usada por gente fraca que prefere viver no
mundo comoestá em vez de usar o poder que
tem para mudá-lo, impossível não é um fato.
É uma opinião. Impossível não é uma
declaração. É um desafio. Impossível é
hipotético. É temporário. Impossível é nada”.
(Muhammed Ali)

v

SUMÁRIO
LISTA DE ILUSTRAÇÕES.................................................................................................

VII

LISTA DETABELAS........................................................................................................... VIII
LISTA DE ABREVIATURAS..............................................................................................

IX

RESUMO................................................................................................................................

X

1INTRODUÇÃO...................................................................................................................

11

2 O MARCO TEÓRICO CONCEITUAL DO ESTUDO..................................................

14

2.1 A Defesa Civil no contexto global e local.....................................................................

14

2.1.1 Origem eevolução......................................................................................................

14

2.1.2 A doutrina brasileira de Defesa Civil.........................................................................

18

2.1.3 A Defesa Civil no contexto Histórico-Político do Estado do Acre............................

24

2.1.4

A

Cidade

de

Rio

Branco

e

sua

vulnerabilidade

às...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Tecnico em Defesa Civil Gestão de Riscos
  • A QUALIDADE DOS SERVIÇOS PRESTADOS PELA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA MUNICIPAL SOB A ÓTICA DOS MUNÍCIPES
  • caracteriza o do municipio de Rio Branco
  • Gestão de riscos e desastres
  • Gerenciamento de Riscos em Projetos de Construção Civil sob a Ótica dos Principais Stakeholders
  • Riscos e impactos ambientais na área de expansão urbana no município de rio branco
  • Anunciologia: um estudo sob a ótica da administração
  • INVESTIMENTO EM COLIGADA E CONTROLADA SOB A ÓTICA DO RISCO E RETORNO

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!