As.condições históricas dos movimentos funcionalistas

Páginas: 7 (1550 palavras) Publicado: 15 de maio de 2014
0 FUNCIONALISMO EM SEUS PRIMÓRDIOS: A PSICOLOGIA A SERVIÇO
DA ADAPTAÇÃO

As.condições históricas dos movimentos funcionalistas

Nos dias atuais a psicologia pouco tem a ver com aquela produzida em no século XIX na Alemanha.
Faz-se necessário estabelecer uma distinção entre o funcionalismo norte americano sugerido na virada do século XIX para o século XX e um projeto da psicologia enquantociência de maneira mais abrangente.
As necessidades políticas resultantes do processo de modernização dos Estados Unidos e as características do sistema universitário daquele país no final do século XIX foram as condições básicas para que o movimento funcionalista se ajuste de uma forma mais organizada e sistemática.
O avanço industrial e o processo de urbanização, o avanço do sistema escolare outros processos decorrentes do processo de modernização que acometeram os Estados Unidos e parte da Europa em meados do século XIX, trouxeram uma demanda de vários ajustes, exames e controles sobre os indivíduos, que Foucault (1977) denomina poder disciplinar.
Nesse contexto que a psicologia passou a ter um papel ativo,classificando, selecionando e ajustando os indivíduos aos novos espaços dasescolas e as fabricas, auxiliando a usarem de forma correta liberdade conquistada nesse novo mundo. A expansão universitária levou à constituição de novas e importantes universidades, como a de Chicago e a de Columbia, sedes de movimentos funcionalistas.


0s primeiros psicólogos norte-americanos


Alguns psicólogos como, Titchener,começam a se destacar nesse processo. Titchener viria serresponsável pela inauguração da psicologia funcionalista em 1898.
Um segundo grupo, composto por psicólogos genuinamente norte americanos, como Granville Stanley Hall, James McKeen Cattell e James Mark Baldwin, freqüentou a Roma da psicologia do século XIX visando à obtenção da bênção institucional de seu papa Wlheln Wundt. Baldwin, tendo passado um breve período em Leipzig, foi um dos autoresque, de modo mais evidente, adotou o pensamento darwinista, voltando-o para temas como o desenvolvimento infantil.
Catteli Dedicou-se ao trabalho de aperfeiçoamento de medidas mentais para a classificação dos indivíduos, crucial para a constituição dos testes mentais.
Stanley Hall, sob orientação de William James, o primeiro doutor em psicologia nos Estados Unidos, e o primeiro aluno americanode wundt (1879), ao retornar para a universidade de clark promove a implantação,o de uma série de novas áreas e de um conjunto de novas instituições.
Um terceiro grupo de psicólogos, composto por wiÌiiam James e por John Dewey implanta essa disciplina em território norte-americano a seu próprio modo.
As primeiras tentativas de sistematização da psicologia so nova orientação couberam a Dewey, eJames. O livro de James “ The Principles of psichology”, foi fundamental para um primeiro esboço do movimento funcionalista.


A psicologia e a filosofia de William

A obra de Willian James se divide em dois momentos: psicológico e filosófico.
Em 1890 ele publica “Os princípios da psicologia”, que contém as principais idéias de James sobre temas como: hábito, atenção e fluxo de pensamento.Este é o ponto alto da sua produção teórica.
James lança dúvidas sobre os limites daquilo que é chamado de "se!f' , "eu" ou "ego". Para James o sef não existe como uma estrutura com certa organização psíquica, antes de suas ações; ao contrário, ele passa a existir em função de suas ações sobre o ambiente.
William James forneceu a primeira sistematização do conceito de self em psicologia,dividindo-o em três partes: seus constituintes, os sentimentos e emoções que eles provocam e as ações que eles incitam.
Em um dos capítulos de seu livro temos um bom exemplo do modo como James já avançava teoricamente em bases sobre as quais, mais tarde, edificaria, em termos mais livres, as relações entre o sef e o ambiente.
Ao afirmar que o pensamento é contínuo, não fragmentado em partes três...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A Construção Histórica do Movimento de Emancipação do Estado do Tapajós
  • a evolução Histórica dos conceitos de energia e quantidade de movimento
  • Metodos estruturalista, funcionalista, histórica, comparativa, tipológica, monográfica, quantitativa e qualitativa
  • Movimentos sociais, educação não-formal e cidadania: duas experiências históricas
  • Movimento passe livre, a evolução histórica das manifestações populares e o desafio para a segurança pública
  • A teoria funcionalista
  • Teoria Funcionalista
  • teoria funcionalista

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!