Arquitetura Paulista

Páginas: 6 (1278 palavras) Publicado: 13 de fevereiro de 2015
ARQUITETURA BRASILEIRA
CARLOS A. C. LEMOS

ARQUITETURA PAULISTA
NOS PRIMEIROS Séculos

ALUNA:
Anelise Braga
Casa do Sítio Padre
Inácio

O litoral paulista também se ateve à tradição arquitetônica européia
que se estendeu uniformemente, principalmente, a uma mesma
técnica construtiva. Essa uniformidade se prende mais os partidos
em geral sempre definidos pela técnica construtiva dosmuros
contínuos de pedra e cal, havendo desigualdade mais visível só nos
acabamentos e intenção decorativa diferenciando locais ricos.

O litoral sul brasileiro sempre foi muito pobre e procurando
conquistar vasta e deslocada área faziam incursões os
jesuítas, que chegaram a se estabelecer em Itanhaém e
pouco mais ao sul no lugar que hoje chamamos de Abarebebê,
nas proximidades dePeruíbe e, depois, em Paranaguá, onde
tiveram um colégio de pedra e cal.

Capela lateral da antiga
igreja colegio são paulo

• Desses poucos esparsos
resultaram cidades de traçado
irregular , embora plantadas no
chão plano, ao pé dos morros,
onde a arquitetura singela de
pedra entaipada, a tradição
vernáculas de além-mar figurava
ao lado dos tejupares indígenas
dos recentes amigos nativos.Nestas praias não houve, além
da miscigenação racial, maiores
demonstrações de aliança
cultural e na arquitetura não
vislumbramos sincretismos
construtivos além de um ou
outro agenciamento mais ligado
à culinária, tanto nas casas
urbanas como as afastadas. Ali,
a civilização material européia
prevaleceu, dando às vilas da
marinha sul uma feição quase
mediterrânea.

Casa do litoralpaulista – Engenho d’água – Ilha
Bela

Enquanto no litoral ainda permanecemos dentro do quadro definido
pela arquitetura Portuguesa simplesmente transladada para o Brasil,
em São Paulo, seguindo a fundação do Colégio. Vinte e tantos anos
depois de chegados ao Novo Mundo, os colonos pioneiros, gente
central das genealogicas de Pedro Taques, subiram as íngremes
escarpas da Serra deParanapiacaba. Primeiro subiram alguns mais
apressados, fundando Santo André da Borda do Campo.
Temos , então, a determinante inicial da arquitetura paulista: o
isolamento de seus moradores, todos pobres e de origem até certo
ponto heterogenia, embora sempre ibérica: afeita a lidar com
alvenarias de pedras os do norte de Portugal e da Espanha. Os que
conheciam a técnica da alvenaria de pedramantiveram-se
inoperante, dada a ausência desse material nas proximidades do
Colégio. Pedras, só de muito longe em terras sem estradas. Os
colonos que tinham rudimentos de carpintaria, dada também a
dificuldade de transportes, mal podiam se servir da madeira de lei
abundante ao longo dos ribeirões e vales. As primeiras construções
seriam de palha e o sapé caracterizou todo o burgo nascente. Aexigência de se plantar a construção em terreno plano, em nível de
modo a não permitir enxurradas. Esse fato, de início, já sugeriu que
todas as ruas fossem, sempre que possível sem inclinações
longitudinais.

O jesuíta Afonso Brás, que
era taipeiro exímio, fez a
primeira construção de terra
socada de São Paulo dos
campos
de
Piratininga.
Dos
determinantes
do
partido
arquitetônico,o
sistema
construtivo
caracterizado pela taipa de
pilão foi o prevalente e tão
importante, que condicionou
até o próprio traçado urbano
da
cidade.

Frotispicio , verga datada de
1962
e banca de comunhão da capela
de São Miguel – São Paulo

Foi o tijolo, só na segunda metade do século XIX, que permitiu
novas ruas nos terrenos inclinados descendo os morros.
Mais que no traçadoviário, foi na arquitetura realmente que a taipa
impôs suas condições.
Existem duas determinantes também condicionadoras do partido da
casa paulista e de um modo ou outro ligadas à adoção de abrigos
externos como os alpendres, que são abrigos externos: e não
podemos nos esquecer a influência espanhola no agenciamento de
certos elementos da composição arquitetônica e, também, a
questão do...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Arquitetura paulista
  • O Emprego de Lajes Jardim na Arquitetura de São Paulo: Possibilidades para a Avenida Paulista
  • paulista
  • paulista
  • Bandeiras paulistas
  • musica na paulista
  • UNIVERSIDADE PAULISTA
  • UNIVERSIDADE PAULISTA

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!