Aritimética

Páginas: 14 (3378 palavras) Publicado: 19 de abril de 2013
Turma 219 GNAZA
Bruno Lopes de Oliveira
Fernanda Pimentel Borges
Janaina Pegado
Neuzilene Morais Mariano
Ricardo Dantas de Oliveira
Ronie David Pereira da Silva
Sander Moreira de Jesus



Aritmética
GESTÃO FINANCEIRA








SÃO PAULO
2013

Bruno Lopes de Oliveira
Fernanda Pimentel Borges
Neuzilene Morais Mariano
Janaina Pegado
Ricardo Dantas deOliveira
Ronie David Pereira da Silva
Sander Moreira de Jesus


Aritmética
GESTÃO FINANCEIRA





Trabalho apresentado ao curso de Ciências
Contábeis e Administração, da Faculdade Flamingo.
Professor: Edison Pires





SÃO PAULO
2013
TEMAS ABORDADOS NESTE TRABALHO DE ARITMÉTICA:

* HISTÓRIA DAS PROGRESSÕES ARITMÉTICAS;

*JUROS SIMPLES;

* MÚLTIPLOS;* MEDIA;

* ESCALA;

* DIVISORES DE UM NÚMERO NATURAL;

* PORCENTAGEM.

HISTÓRIA DAS PROGRESSÕES ARITMÉTICAS.
As progressões foram estudadas desde povos muito antigos como os babilônicos.
Inicialmente, procurou-se estabelecer padrões como o daenchente do Rio Nilo, onde os egípcios de 5.000 anos atrás tiveram que observar os períodos em que ocorria a enchente do rio, pois para poderemplantar na época certa e assim garantir seus alimentos, os egípcios precisavam saber quando haveria inundação. Havia, portanto, necessidade de se conhecer o padrão desse acontecimento.
Eles observaram que o rio subia logo depois que a estrela Sírius se levantava a leste, um pouco antes do Sol. Notando que isso acontecia a cada 365 dias, os egípcios criaram um calendário solar composto de dozemeses, de 30 dias cada mês e mais cinco dias de festas, dedicados aos deuses Osíris, Hórus, Seth, Ísis e Nephthys.
Os egípcios dividiramainda os doze meses em três estações de quatro meses cada uma: período de semear, período de crescimento e período da colheita.

Tableta Babilônica
Na Mesopotâmia surgiram várias tabletas babilônicas muito interessantes, mas nenhuma delas foi tão extraordináriaquanto atabletaPlimpton322 (1900 a 1600 a.C.).
Numa dessas tabletas, a progressão geométrica 1+2+2²+...+29 é somada de forma que a série de quadrados 1²+2²+3²+...+10² é achada.A Matemática no Egito antigo nunca alcançou o nível obtido pelaMatemática babilônica, talvez porque os egípcios tenham se mantido em semiisolamento, enquanto a babilônia era o centro das rotas de navios, econsequentemente, era um centro de troca de saberes. No entanto, devemos lembrar que os egípcios desenvolveram um papel primordial na preservação de muitos papiros que contribuíram para o nosso conhecimento atual sobre a Matemática. Em um papiro que data de 1950 a. C. podemos encontrar alguns problemas teóricos a respeito de Progressões Aritméticas e Geométricas.O papiro Rhind (ou Ahmes) data aproximadamente de1650 a. C. e nada mais é do que um texto matemático na forma de manual prático que contém 85 problemas copiados em escrita hierática pelo escriba Ahmes de um trabalho mais antigo.

Papiro Rhind

Esse papiro foi adquirido no Egito pelo egiptólogo escocês A.HenryRhind, sendo mais tarde comprado pelo Museu Britânico. O papiro Rhindfoi publicado em 1927. Tem cerca de dezoito pés de comprimento porcerca de treze polegadas de altura. Porém, quando o papiro chegou ao Museu Britânico ele era menor, formado de duas partes, e faltava-lhe a porção central.
Cerca de quatro anos depois de Rhind ter adquirido seu papiro, o egiptólogo americano Edwin Smith comprou no Egito o que pensou que fosse um papiro médico. A aquisição de Smith foi doada À Sociedade Histórica de Nova York em 1932, quando osespecialistas descobriram por sob uma camada fraudulenta a parte que faltava do papiro de Ahmes. A Sociedade, então, doou o rolo de pergaminho ao Museu Britânico, completando-se assim
todo o trabalho de Ahmes. O papiro Rhind é uma fonte primária rica sobre a matemática egípcia antiga, deixando evidências de que sabiam fazer a soma dos termos de uma progressão aritmética.
No Papiro de Rhind...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • aritimetica
  • Aritimetica
  • média aritimética
  • Progressão aritimetica
  • Progressões aritimética
  • Progressão aritimética
  • progressao aritimetica
  • Base aritimetica

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!