Aquisição da língua escrita abaurre

Páginas: 6 (1271 palavras) Publicado: 7 de novembro de 2012
FICHAMENTO DE TEXTO MARIA BERNADETE MARQUES ABAURRE - AQUISIÇÃO DA LINGUAGEM ESCRITA


1. Maria Bernadete Marques Abaurre, do Instituto de Estudos da Linguagem da UNICAMP, investiga os casos tomados como “exceção” nos estudos quantitativos referentes à aquisição da linguagem, ou seja, aqueles singulares, episódicos e idiossincráticos.
Tema: A relevância Teórica dos Dados Singulares para aAquisição da Linguagem Escrita.
Tema: Subjetividade, Alteridade e Construção do Estilo.
Tema: Relação entre Estilos dos Gêneros e Estilos Individuais.

2. A linguagem vista como lugar de interação humana. Tomada como atividade, a linguagem constitui os pólos da subjetividade e da alteridade e é também constantemente modificada pelo sujeito que sobre ela atua.
Franchi: A linguagem é ela mesma umtrabalho pelo qual, histórica, social e culturalmente, o homem organiza e dá forma a suas experiências. Nela se produz, do modo mais admirável, o processo dialético entre o que resulta da interação e o que resulta da atividade do sujeito na constituição dos sistemas lingüísticos, as línguas naturais de que nos servimos.”
É nessa interação social que o sujeito se apropria do sistema lingüístico,no sentido de que constrói, com os outros, os objetos lingüísticos de que se vai utilizar.

Esta concepção da linguagem permite-nos voltar a atenção para os sujeitos reais e suas histórias individuais de relação com a linguagem.
Não só os papéis que Sujeito e Outro representam são importantes. Aqui, a autora dá relevância para os indivíduos que preenchem esses papeis, em situações reais deinterlocução.

Ginzburg afirma a relevância de estudos voltados ao detalhe, episódico, resíduo corrente desde o final do século XIX nas Ciências Humanas. No entanto, não havia a preocupação com a definição de um paradigma coerente com esses pressupostos.
Esse paradigma, chamado de “indiciário” por Ginzburg, assume como pressuposto que dado que A REALIDADE É OPACA, deve-se contar com dadosprivilegiados – sinais, indícios – para decifrá-la além do superficial. (Não abandona o estudo das regularidades)

Trabalho a partir de indícios:
a. Critérios de identificação e seleção dos dados representativos da “singularidade reveladora”
b. Conceito de “rigor” metodológico – torna-se necessário o estabelecimento de um rigor metodológico diferenciado daquele instaurado pelas metodologiasexperimentais. No interior desse “rigor flexível” entram em jogo a intuição do investigador, sua capacidade de formular hipóteses explicativas interessantes para aspectos da realidade que não se deixam captar diretamente.

Neste projeto: Exercício constante de formulação e reformulação constante de hipóteses a partir da crença de que o programa de investigação sobre a aquisição da escrita é muito recenteABDUÇÃO -> o que leva o pesquisador a SUGERIR uma hipótese explicativa para determinado fenômeno. Charles Pierce acentuou o fato que a abdução é inferência LÓGICA, ao contrário do que se pensava (tinham-na como intuição, “efeito heureka” e ficar para a psicologia).
nem toda hipótese que surge na cabeça de alguém é assumida e
investigada, mas apenas aquelas que se qualificam como “plausíveis”ou “razoáveis”, o que quer
dizer que na abdução, como em qualquer inferência, deve haver “razões” que suportem a “sugestão”
da hipótese como uma conjectura valiosa.

Norwood Russell Hanson -> formula lógica da inferência:

1. Algum fenômeno surpreendente F é observado.
2. F seria explicável naturalmente5 se determinada hipótese H fosse verdadeira.
3. Então há razão para pensar que H sejaverdadeira.
Grandes descobertas na historia da ciência são grandes “retroduções”.

3. vincular o que se vem tomando como “singularidade reveladora” àquele tipo de singularidade que, pelo seu caráter surpreendente, permite inferências que exibem a forma lógica apresentada por Hanson.

A RELAÇÃO ENTRE A ESCOLHA DAS LETRAS E A PERCEPÇÃO DOS SONS
“afirmação ingênua segundo a qual as crianças...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Trabalhando com dificuldades na aquisição da língua escrita
  • Alfabetizar letrando: um repensar da aquisicão da língua escrita
  • DIMENSÕES SOCIOINTERACIONISTAS DO PROCESSO DE AQUISIÇÃO DE LÍNGUA ESCRITA
  • Alfabetização – o processo de aquisição da língua escrita construído pela criança
  • Aquisição sobre a aquisição da escrita de acordo com emilia ferreiro e o ensino da lingua portuguesa
  • Aquisição da escrita
  • lingua escrita
  • Língua e escrita

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!