Analise do Conto "A Torre de Má Hora" - Manuel da Fonseca

Páginas: 2 (255 palavras) Publicado: 21 de outubro de 2014
Análise do Conto “A Torre de Má Hora”
Manuel da Fonseca
Conto de Manuel da Fonseca, publicado no livro Aldeia Nova, 1ª edição de 1942 A Torre daMá Hora
Linhas gerais do conto:
1. Campanelo, o contador de histórias da vila, conta aos rapazinhos a história da Torre da Má Hora.
2. . Um dosrapazinhos ouve com particular atenção e o conto traz-lhe à lembrança memórias da sua própria vida.
3. Sempre atento, Campanelo muda o final dahistória para que aquele rapazinho, que já sofreu tanto, se sinta um pouco menos triste.

1. Ação
A narrativa está organizada por alternância: existemduas histórias (o conto que Campanelo conta e a história da vida do rapazinho), que vão sendo narradas de forma alternada e acabam por se misturar,de certa maneira, no final.

2. Personagens
Principal – o rapazinho
Secundárias – Campanelo, o Tóino, o avô, a Chica Nora e o Jacinto NoraFigurantes – os outros miúdos, a avó, os pais do rapazinho, as mulheres

3. Espaço
O Largo
Os campos em volta
Espaços físicos
A Torre da Má HoraEspaço imaginário

4. Tempo
O conto desenrola-se no espaço de um serão de Verão (2 ou 3 horas);
As lembranças que o rapazinho evoca ocuparãotalvez um ano da sua vida;
O conto tradicional desenrola-se ao longo de vários anos, uma vez que, em algumas versões pelo menos, se inicia antes donascimento dos seus heróis.

5. Narrador
Há dois narradores:
O narrador do conto, externo e omnisciente;
O Campanelo, externo e omnisciente.
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Resumo "A Torre da Má Hora
  • manuel fonseca
  • Análise conto "onze de maio", rubens fonseca
  • Análise do conto A hora e a vez de Augusto Matraga
  • Análise conto A hora de vez de Augusto Matraga
  • O Largo de Manuel da Fonseca
  • Luis Manuel Fonseca Pires
  • Hora do conto

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!