Análise físico química da unira. cor e aspecto.

Páginas: 6 (1405 palavras) Publicado: 8 de abril de 2013
COMPONENTES FÍSICO/QUÍMICA DA URINÁLISE BÁSICA
A urinálise básica consiste em quatro partes: avaliação da amostra, exame superficial/físico, triagem química e exame de sedimento.
Avaliação da Amostra
Antes de se proceder qualquer exame, a amostra de urina deve ser avaliada em termos de sua aceitabilidade. As considerações incluem identificação adequada, condições da amostra para o examesolicitado, conservação adequada, sinais visíveis de contaminação e eventual atraso no encaminhamento pode ter causado deterioração significante. Cada laboratório deve dispor de diretrizes formalizadas e reforçadas para a aceitação ou rejeição das amostras. Uma amostra adequadamente identificada deve possuir o nome completo do paciente e a data e a hora da coleta. A primeira urina da manhã, a maisconcentrada, é a melhor para a urinálise de rotina.
Exame Físico/Macroscópico
Aspecto
Algumas das alterações mais importantes no aspecto superficial da urina estão descritas nesta seção. A tabela 1-1 apresente uma listagem mais abrangente.
TABELA 1-1 ASPECTO E COR DA URINA
ASPECTO | CAUSA | CONSIDERAÇÕES |
Incolor | Urina muito diluída | Poliúria, diabete insípido |
Turva | Fosfatos,carbonatosUratos, ácido úricoLeucócitosEritrócitos Bactérias, levedurasEspermatozoidesFluido prostáticoMucina, filamentos mucososCálculos, “pedras”Agregados, pus, tecidoContaminação fecalCorante radiográfico | Solúvel em ácido acético diluídoDissolve, em 60ºC em álcalisInsolúvel em ácido acético Lise em ácido acético diluídoInsolúvel em ácido acético diluídoInsolúvel em ácido acético diluídoPodemapresentar floculaçãoFosfatos, oxalatosFístula retovesicalNa urina ácida |
Leitosa | Muitos neutrófilosGordura Lipidúria, opalescente Quilúria, leitosaParafina emulsificada | Insolúvel em ácido acético diluído Nefrose, lesão por esmagamento – Solúvel em éterObstrução linfática – Solúvel em éterCremes vaginais |
Amarela | Acriflavina | Fluorescência verde |
Amarelo-alaranjada | UrinaconcentradaUrobilina em excessoBilirrubina | Febre, desidrataçãoSem espuma amarelaEspuma amarela se houver suficiente bilirrubina |
Amarelo-esverdeada | Bilirrubina-biliverdina | Espuma amarela |
Amarelo-acastanhada | Bilirrubina-biliverdina | Marrom “cerveja”, espuma amarela |
Vermelha | HemoglobinaEritrócitosMioglobinaPorfirinaFuscina, corante anilinaBeterrabaContaminação com sangue menstrual |Positiva |Positiva | COM TIRA REAGENTE Positiva |Pode estar incolorAlimentos, docesAlcalina amarela, genéticaCoágulos, muco |
Vemelho-púrpura | Porfirinas | Pode estar incolor |
Vermelho-acastanhado | EritrócitosHemoglobina em repousoMetemoglobinaMioglobinaBilifuscina (dipirrol) | pH ácido Lesão muscularResultado da hemoglobina instável |
Marrom-preto | Metemoglobina ÁcidohomogentísicoMelanina | Sangue, pH ácidoAlcalina em repouso, alcaptonúria Em repousa, rara |
Azul- esverdeado | Indicans Infecções por PseudomonasClorofila | Infecções do intestino delgadoRefrescantes bucais |

COR
A cor amarela da urina é decorrente principalmente do pigmento urocromo, cuja excreção geralmente é proporcional a taxa metabólica. Pequenas quantidades de urobilinas e uroeritrinas (pigmentos rosa)também contribuem para a coloração da urina. Indivíduos normais podem produzir urina amarelo-clara ou escura e essas diferenciações são indicadores rudimentares da hidratação e da concentração de urina. A urina clara, tipicamente de densidade baixa, é excretada após a ingestão de grande quantidade de líquido, enquanto a urina escura é encontrada nos caso de privação de líquido. É convenienteenfatizar que a urina clara de densidade específica alta pode ser encontrada nos casos de diabete melito. A Tabela 1-2 apresenta as alterações na cor da urina associadas com as drogas comumente utilizadas.
TABELA 1-2 MODIFICAÇÕES NA COR DA URINA COM DROGAS COMUMENTE UTILIZADAS*
DROGA | COR |
Álcool etílico | Pálida, diurese |
Laxativos antraquinona (sena, cáscara) | Avermelhada, alcalina;...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Análises fisico-químicas do leite
  • Execícios De Analise Fisico Quimica.
  • Análises físico-químicas no leite
  • Análises Físico-Químicas em Água
  • Analise Fisico-Quimica de Alimentos
  • Relatorio de analise fisico-quimica
  • Análise Físico
  • Análise fisico-quimica da jabuticaba

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!