Alfred Marshall

Páginas: 12 (2883 palavras) Publicado: 21 de junho de 2013
 1- Introdução
Marshall foi o maior economista inglês de sua geração. Sua influência, principalmente no mundo de língua inglesa, até por volta de 1930, se deu por duas razões.
Primeiro, sua linguagem foi mais acessível, falando para o homem de negócio, e não para o especialista. Diagramas e elaborações matemáticas foram relegados a notas de rodapé. Marshall era uma pessoa humanitária equando jovem, suas ideias eram para mudar o mundo, e essas ideias eram recebidas com ironia e ceticismo. Diziam que ele pensava assim por desconhecer o mundo dos negócios.
E foi a vontade de conhecer este mundo e convencer as pessoas; que o desviou da Matemática para a Economia. Sua intenção era fazer uma breve incursão pelo mundo da Economia, convencer seus adversários e depois voltar a seusestudos. O que não ocorreu.
O segundo motivo; foi o fato de ele não romper com a grande tradição da economia que vinha desde Adam Smith, David Ricardo e Stuart Mill. Marshall os estudou e apresentou sua obra como continuação de tais economistas, preservando seu legado, e foi a partir de Marshall que surgiu a escola neoclássica.











2- Alfred Marshall
2.1- Biografia
Marshallcresceu no subúrbio londrino de Clapham e foi educado na Merchant Taylor's School onde demonstrou aptidão para a matemática. Apesar de ter demonstrado interesse em tornar-se ministro da Igreja anglicana, sua trajetória bem sucedida na Universidade de Cambridge o levou a tomar a decisão de seguir uma carreira acadêmica.
Tornou-se professor em 1868, especializando-se em economia política. Ele desejavamelhorar o rigor matemático da teoria econômica e transformá-la numa disciplina mais científica. Nos anos1870, ele escreveu um pequeno número de trabalhos sobre o comércio internacional e os problemas do protecionismo.
Em 1879, muitos destes textos forma compilados em uma obra intitulada A Teoria Pura do Comércio Exterior e A Teoria Pura dos Valores Domésticos. No mesmo ano, publicou emconjunto com sua mulher, Mary Payley Marshall, a Economia da Indústria.
Em Cambridge, Alfred fora professor de economia política de Mary Payley, uma das primeiras mulheres inglesas a alcançar o grau universitário. Os dois casaram-se em 1877, forçando Marshall a abandonar seu posto em Cambridge em razão das regras daquela universidade sobre o celibato. Ele tornou-se diretor do UniversityCollege, emBristol, lecionando novamente sobre economia política.
Aperfeiçoou sua Economiada Indústria e o publicou em 1879 como um manual para uso dos estudantes de economia; sua aparência simples apoiava sobre fundamentos teóricos sofisticados. Marshall alcançou certa fama com seu trabalho e, após a morte de William Jevons em 1881, tornou-se o mais influente economista britânico de seu tempo.
Em dezembro de1884, após a morte de Henry Fawcett, Marshall retornou a Cambridge, como professor de economia política.
Marshall começou a trabalhar em sua obra seminal, os Princípios de Economia em 1881 e consumiu boa parte da década seguinte trabalhando em seu tratado. O seu plano para a obra gradualmente se estendeu para uma compilação em dois volumes de todo o pensamento econômico; o primeiro volume foipublicado em 1890 sendo aclamado mundialmente, o que o colocou entre os principais economistas de seu tempo.
Nas duas décadas seguintes, ele trabalhou para completar o segundo volume dos Princípios, que deveria tratar do comércio internacional, do dinheiro, das flutuações comerciais, dos impostos e do coletivismo. Mas sua atenção obstinada aos detalhes e seu perfeccionismo o impediram de dar contado fôlego da obra. O segundo volume nunca foi completado e muitas outras obras de menor vulto nas quais ele começara a trabalhar - por exemplo, um memorando sobre política comercial para o ministro inglês das finanças na década de 1890 - foram deixadas incompletas pela mesma razão.
Seus problemas de saúde foram se agravando gradualmente a partir dos anos 1880. Em 1908 ele se aposentou da...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • alfred marshall
  • Alfred Marshall
  • Alfred marshall
  • Alfred Marshall
  • Alfred marshall
  • alfred marshall
  • Alfred marshall
  • Alfred Marshall

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!