Administração e politicas publicas

Páginas: 73 (18243 palavras) Publicado: 17 de maio de 2013
1 Formas históricas de administração pública
Quando falamos em modelos teóricos de administração pública, ou formas
históricas, estamos nos referindo basicamente a três diferentes formas de se
administrar o Estado: patrimonialismo, burocracia e gerencialismo.
São três modelos que se sucederam ao longo do tempo, tendo cada um
prevalecido em épocas diferentes, mas isso não significa que foramdeixando
de existir à medida que outro surgia. Dessa forma, tanto o patrimonialismo
quanto a burocracia ainda estão presentes, apesar de prevalecer o
gerencialismo.
O termo patrimonialismo vem de “patrimônio”, isso porque o governante
administrava o patrimônio público como se fosse seu patrimônio privado. Era o
modelo característico das monarquias europeias até o Século XIX, quando sedesenvolve as ideias de legalidade e impessoalidade com o modelo burocrático.
Este surge como uma forma de proteger o patrimônio coletivo contra os
interesses privados, estabelecendo procedimentos a serem seguidos. Contudo,
exageraram nas regras, a administração pública ficou muito rígida e
“burocracia” virou sinônimo de ineficiência. Isso se torna um problema sério
com a crise fiscal a partir dadécada de 1970, quando ganham força as ideias
de uma administração gerencial, que tem como principal diferença em relação
ao modelo burocrático o foco no controle, que deixa de ser a priori nos
processos para ser a posteriori nos resultados. Podemos enxergar melhor essa
evolução na tabela a seguir.
Patrimonialismo Burocracia Gerencial
– Tem origem nas
sociedades patriarcais,
em que acomunidade
vivia ao redor do senhor
e servia a este em troca
de proteção.
– Esteve presente nas
monarquias europeias
absolutistas.
– O patrimônio público é
confundido com o
particular.
– Desenvolve-se com o
surgimento do capitalismo e
da democracia.
– Defende a separação do
público e do privado,
impondo limites legais a
atuação da administração
pública.
– Entra em crise a partir dadécada de 1970, devido à
crise fiscal que teve origem
nas duas crises do petróleo.
– É aplicada inicialmente
pelos governos Thatcher
no Reino Unido e Reagan
nos EUA, no início dos
anos 1980.
– Prega a redução das
atividades estatais e a
autonomia do gestor
público
– Defende a mudança no
foco do controle, do
processo para o resultado
Até 1850 1850-1980 Depois de 1980

Antes deentrarmos em cada um desses modelos, é preciso que seja visto o
que Max Weber chamou de tipos puros de dominação legítima, que constituem
a base de cada um deles.
1.1 TIPOS PUROS DE DOMINAÇÃO
Max Weber foi um pensador alemão. É difícil colocar ele em
alguma ciência específica, pois seus estudos abrangeram
áreas como a sociologia, a economia, o direito e a política.
Esse autor é muito importanteporque toda a base do
estudo do modelo burocrático está em seus escritos. Não
foi ele que criou esse modelo, mas foi um dos primeiros a
analisá-lo, no início do Século XX, e seu trabalho teve
grande repercussão.
Segundo o autor:
Dominação é a probabilidade de encontrar obediência a uma ordem de
determinado conteúdo, entre determinadas pessoas indicáveis.
Weber fala em “encontrarobediência”, ou seja, é preciso que a pessoa aceite a
ordem do outro, que ela adote determinada conduta sem resistência. A
dominação precisa que haja obediência, que a pessoa que recebe a ordem
aceite a outra como alguém com o direito de lhe dar ordens, ou seja, que
tenha legitimidade.
O conceito de legitimidade é muito importante
dentro do conceito de dominação. Só há
dominação se há legitimidade. Énecessário que os
detentores do poder possuam uma autoridade
reconhecida como legítima.
Weber fala que “há três tipos puros de dominação
legítima”. Quando ele fala em “puros”, ele se refere a “tipos-ideais”, ou seja,
um recurso metodológico que o cientista utiliza toda vez que necessita
compreender um fenômeno formado por um conjunto histórico ou uma
sequência de acontecimentos. Estes...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Administração e políticas públicas
  • POLÍTICAS PÚBLICAS: ADMINISTRAÇÃO COM DEMOCRACIA
  • As mudanças na política e na administração pública
  • Política e administração pública
  • A judicialização da política e seus impactos na administração pública
  • Reforma Política na Administração Pública do Brasil
  • Formulação, administração e execução de políticas públicas
  • AD1 CIENCIA POLÍTICA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA CEDERJ

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!