Administração hospitalar

Páginas: 32 (7916 palavras) Publicado: 12 de maio de 2012
A Liderança na “corda-bamba”: quais Habilidades o Líder deve Desenvolver para Gerenciar e não Potencializar Conflitos? Juliana Albuquerque da Paz Antonio de Souza Silva Junior

Universidade Federal de Pernambuco - UFPE

Resumo Encontrar caminhos para construir uma liderança de gerenciamento de conflitos não é fácil. O objetivo deste artigo é contribuir para os estudos sobre liderança nogerenciamento de conflitos. Ele destacará o ponto e o contraponto da liderança no que diz respeito aos conflitos para destacar habilidades que o líder pode desenvolver para gerenciar conflitos de forma mais eficiente e não os potencializar. O campo escolhido para a pesquisa empírica realizada foi o terceiro setor devido, principalmente, à carência de estudos acadêmicos no campo da administração sobreele. Foram identificadas diferentes antecedentes de conflitos, mas que se relacionam diretamente com a postura do líder no dia-a-dia das organizações. Cinco habilidades principais foram apontadas para que o líder gerencie e não potencialize conflito: estilo de liderança participativo, comunicação, negociação, compartilhamento do gerenciamento de conflitos e avaliação do conflito. Palavras Chaves:gerenciamento de conflitos, liderança, terceiro setor. 1. Armando o Circo: Uma introdução ao conflito e ao papel do líder nas organizações. Quem nunca se viu às voltas com conflitos nas organizações, atire a primeira pedra. O conflito é percebido nos departamentos, grupos, corredores, salas, reuniões, documentos e muitas outras instâncias organizacionais. O conflito está nas organizações; inclusivenas do terceiro setor. Por quê? Será que há alguma condição na sociedade gerou uma inclinação maior dos indivíduos ao conflito? Ou ele é mais um inevitável fenômeno organizacional? A literatura sobre conflitos nas organizações estuda diversos antecedentes ou causas do conflito. Apesar da variedade, existe certo consenso de que algumas combinações de fatores internos e externos à organização geramtensões e conflitos (LIKERT & LIKERT, 1979; HEIFETZ & LINSKY, 2002; MANN, 1995). Um desses fatores é a liderança. Likert (1979) conduziu estudos sobre a eficácia do estilo de liderança de apoio ou democrática (que ele chamou de Sistema 4) para a administração de conflitos. Ele mostrou evidências de que quanto mais o estilo de liderança se afaste do Sistema 4, mais conflitos surgirão nasorganizações e que quanto mais se aproximasse do Sistema 1, autocrático, haveria mais predisposição da equipe ao conflito. Xavier (2002) confirmou essa afirmação a partir de seus estudos: um estilo de liderança democrático e participativo oferece aos funcionários um ambiente organizacional desfavorável ao conflito. Apesar do ser humano por trás do líder, o estereótipo da liderança para as organizações aindapermanece como o de responsável pela estrutura, valores, teorias e práticas organizacionais (VECCHIO, 2005), “representando autoridade, ordem e controle” (idem, p.2). Pelos motivos supracitados, o conflito, como produto das relações da ou na organização, converte-se em objeto de interesse dos líderes e passível à gerenciamento. Caso não o seja, altos custos podem estar envolvidos (MANN, 1995). 1 Conflitos não administrados nas organizações geram dois custos, segundo Mann (1995): (1) rotatividade de pessoal (custo de desligamento, substituição e treinamento) e (2) ineficácia (tempo despendido devido ao conflito, comprometendo o trabalho da organização). Análises mais detalhadas destes custos apresentarão outros igualmente dispendiosos. De forma que gerenciar conflitos é a única opçãoviável para as organizações não desperdiçarem recursos. As duas faces da liderança, ou, como se propõe o artigo, a corda-bamba em que o líder está exposto está dentro de uma temática maior de interesse da academia: as funções ou papel do líder. Na atualidade, estas estão ficando cada vez mais complexa, o que o torna seu estudo de grande interesse para a vida nas organizações e para a academia. O...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • administracao hospitalar
  • Administração hospitalar
  • A administração hospitalar
  • Administração hospitalar
  • Administração Hospitalar
  • Administração hospitalar
  • Administração hospitalar
  • administração Hospitalar

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!