activo toxico

Páginas: 8 (1788 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
Instituto superios de tecnologia e gestao












Instituto superios de tecnologia e gestao i
i
ii
Kyh67yedcujby734e5g
a
Activo Tóxico b
Crise da dívida pública da Zona Euro c
Causas e
Seria errado "mudar o curso" do combate à crise na Europa g
As 10 maiores empresas do mundo, segundo a Fortune h
1 - Royal Dutch Shell i
2 - Walmart i
3 - Exxon Mobil i
4 -Sinopec Group i
5 - China National Petroleum i
6 - BP j
País: Inglaterra
 7 - State Grid j
8 - Toyota Motor j
9 - Volkswagen j
10 - Total j


Kyh67yedcujby734e5g

Activo Tóxico
Os "Activos Tóxicos" são instrumentos de investimento baseados nos Subprimes, que se tornaram ilíquidos. Esta perca de liquidez levou a fortes depreciações nas contas das instituições que os detinham em carteira.Aplicam o método contabilista do valor certo. São estes activos que vão ser comprados pelo Estado Americano, conforme o Plano Paulson.

“Activos tóxicos” ainda são uma “bomba financeira” sobre a Europa

See more at: http://www.beinternacional.eu/pt-pt/the-week/week/activos-toxicos-ainda-sao-uma-bomba-financeira-sobre-europa#sthash.hkTp1TR2.dpuf

Mais de um bilião de euros de activostóxicos envenenam o sector financeiro europeu na sequência da “crise do suprime”, despoletada há seis anos nos Estados Unidos e que está muito longe de ultrapassada, recorda o jornal francês Les Echos.
Os bancos e os Estados europeus, isto é, os contribuintes, deverão demorar ainda décadas a pagar os efeitos das actividades gananciosas do sistema financeiro privado ao misturar créditos duvidosos, semgarantias e incobráveis com títulos garantidos em pacotes envenenados que provocaram as quebras bancárias a partir de 2007. Os Estados salvaram “os bancos que não podiam falir”, mas as sequelas mantêm-se vivas no sistema financeiro mundial apesar de a crise das dívidas soberanas ter vindo sobrepor-se mediaticamente à do “suprime”.
O Les Echos lembra que os activos tóxicos ou ilíquidos estãoarmazenados nos chamados “bad banks”, que assumiram estruturas diferenciadas consoante países e regiões. O diário económico francês cita como exemplo o “bad bank” do banco franco-belga Dexia, que no fim de Março guardava 266 mil milhões de activos tóxicos, “que deverão demorar 63 anos a liquidar totalmente”.
Estes activos armazenados em instituições financeiras de vários países representam “uma bombafinanceira europeia” que é apenas “a ponta de um icebergue” que pesa sem qualquer dúvida “sobre o dinamismo do sector financeiro”.
Em Espanha, a instituição Sareb, uma sociedade gestora de activos e reestruturação bancária fundada há cerca de um ano, tem fundos próprios de 4800 milhões de euros, muito abaixo dos 51 mil milhões de euros de activos tóxicos transferidos para a sua gestão.
Na Alemanhahá 600 mil milhões de euros de activos tóxicos e não estratégicos por eliminar dos bancos do país, enquanto 940 mil milhões foram já transferidos desde o fim de 2008. Este valor equivaleria à dimensão do segundo maior banco alemão. Não há cálculos quanto aos prazos para eliminar as sequelas da “crise do suprime”.

Crise da dívida pública da Zona Euro

A crise da dívida pública europeia(muitas vezes referida como crise da Zona Euro) é uma crise financeira em curso que, para alguns países da zona euro, tornou difícil ou até mesmo impossível, o pagamento ou refinanciamento da sua dívida pública sem a ajuda de terceiros.
A partir do final de 2009, o receio de uma crise de dívida pública desenvolveu-se entre os investidores como resultado do aumento dos níveis de endividamento do governoe entidades privadas em alguns estados europeus. As causas da crise variaram de país para país. Em alguns países, as dívidas privadas decorrentes da bolha de especulação imobiliária, foram transferidas para a dívida pública como resultado dos resgates do sistema bancário e respostas governamentais à desaceleração das economias no período pós-bolha. Na Grécia, os insustentáveis compromissos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Activo
  • Activos
  • toxico
  • toxicos
  • toxico
  • Toxico
  • Envelhecimento activo
  • Activos tangiveis

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!