Acolhimento institucional de crianças e adolescentes em belo horizonte e a atuação do serviço social

Páginas: 52 (12967 palavras) Publicado: 22 de março de 2012
1 INTRODUÇÃO

O presente estudo é o resultado da sistematização da pesquisa que culminou no trabalho de conclusão de curso, oriundo da interface da pesquisa bibliográfica e das considerações finais da pesquisa realizada no segundo semestre de 2010. O Centro Universitário UNA, possui regulamento específico para este trabalho compreendendo este como um momento de síntese e expressão da totalidadeda formação profissional, resultante de um processo investigativo, originário de uma indagação teórica, gerada a partir da prática do estágio ou dos trabalhos de investigação elaborados no decorrer do curso. Este processo deve apresentar os elementos do trabalho profissional em seus aspectos teórico-metodológico-operativos e realiza-se dentro de padrões e exigências metodológicas eacadêmico-científicas.
O TCC constitui-se numa atividade acadêmica de pesquisa e sistematização do conhecimento sobre um objeto de estudo pertinente à profissão, ao curso de graduação e à realidade social em suas diferentes expressões, desenvolvida mediante controle, orientação e avaliação docente, cuja exigência é um requisito essencial e obrigatório para a obtenção do diploma. (Regulamento do trabalho deconclusão de curso UNA/2011)

Esse trabalho visa analisar o acolhimento institucional de crianças e adolescentes em situação de risco que foram retiradas do convívio familiar, e a atuação do Assistente Social nestas instituições. Pretende-se apresentar as ações desenvolvidas, e se estas seguem as deliberações do Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA. O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada -IPEA realizou em 2003 uma pesquisa referente á crianças e adolescentes que vivem em instituições de acolhimento no Brasil. Neste período, os dados apresentaram a estimativa de 80 mil crianças e adolescentes nestas condições. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE , em dezembro de 2003, a população brasileira ultrapassou os 180 milhões de habitantes, sendo 14% de criançase adolescentes. Os estudos realizados pelo IPEA apontaram que pouco se sabe sobre os acolhidos e suas famílias. O desconhecimento acerca das crianças e adolescentes institucionalizados em Belo Horizonte motivou esta pesquisa. Inicialmente realizou-se pesquisa bibliográfica para aprofundamento do tema, onde foram consultados autores que abordam a temática da assistência a crianças e adolescentes.Para a metodologia da pesquisa de campo, foram pesquisadas instituições de acolhimento que estão envolvidas no atendimento de crianças e adolescentes em situação de risco e o acompanhamento de suas famílias. Selecionamos três instituições dentre as que

8

prestam esse serviço em Belo Horizonte. Optamos pelas instituições que nos proporcionou maior abertura para a obtenção dos dados.Aplicamos questionário aos Assistentes Sociais nas seguintes instituições de acolhimento: Lar Marista João Berne, Associação Casa Novella e Casa dos Meninos. Utilizou-se para a obtenção dos dados, a pesquisa quantitativa e qualitativa em conjunto, pois segundo Marconi e Lakatos (1996), a pesquisa quantitativa considera que tudo pode ser quantificável, o que significa traduzir em números, opiniões einformações para classificá-los e analisá-los. Requer o uso de recursos e de técnicas estatísticas. Alguns dados foram colhidos através de pesquisa documental disponibilizada pelas instituições, portanto faz-se necessário o uso da pesquisa quantitativa neste projeto. A pesquisa qualitativa considera que há um sujeito que não pode ser traduzido em números, de acordo com Marconi e Lakatos (1996). Ainterpretação dos fenômenos e vínculo indissociável entre o mundo objetivo e a subjetividade da atribuição de significados são básicas no processo de pesquisa qualitativa. O ambiente natural é a fonte direta para coleta de dados e o pesquisador é o instrumento chave. Sobre a pesquisa quantitativa e qualitativa, podemos alegar que:
A diferença entre abordagem quantitativa e qualitativa da realidade...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Responsabilidade social e prioridade absoluta. uma análise do serviço de acolhimento institucional de crianças e...
  • Contribuição da Teoria das Representações Sociais para os direitos das crianças e adolescentes em situação de...
  • serviço social- criança adolescente
  • Criança e adolescente
  • Serviço Social
  • Serviço social crianças e adolescentes
  • A ATUAÇÃO DO SERVIÇO SOCIAL: JUNTO A CRIANÇA E ADOLESCENTE EM LIBERDADE ASSISTIDA EM CONFLITO COM A LEI
  • Intervenções do serviço social com crianças e adolescentes

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!