Acidente vascular encefálico: síndrome de pusher e heminegligência

Páginas: 9 (2185 palavras) Publicado: 10 de novembro de 2012
1-Estratégias de tratamento da síndrome de Pusher.
Na literatura existem poucos estudos que relaram sobre a conduta fisioterapêutica ideal e comprovada na Síndrome de Pusher, pois para elaborar uma sequência de atividades  é necessário  compreender a fisiopatologia que desencadeiam os sintomas clínicos, talvez esse seja o motivo de não haver consenso na literatura que relatem a atuação dofisioterapeuta no tratamento de pacientes com essa síndrome. Para sanar essa deficiência, foram feitos alguns estudos baseados em tratamentos, porém nada foi especificado, mas sabe-se que foram baseados em técnicas como a de Bobath, fisioterapia padrão destinada à área respiratória,  motora, com exercícios de tronco e utilização de feedback visual e auditivo. Sugerem também estratégias que devem serincorporadas ao atendimento do paciente, como  feedback visual para influencia sobre a postura vertical e compensações;  Treinamento da habilidade de transferência de peso; Treino de equilíbrio, que deve conter estimulação sensorial, para atuar junto com o sistema vestibular e visual. Para complementar o tratamento é essencial realizar descarga de peso do lado parético, estimulação para que opaciente atente à correção postural, são utilizado poucos estímulos verbais, pois os táteis e cinestésicos são mais eficazes, o terapeuta deve sempre se posicionar ao lado plégico com a intenção atentar o paciente para a existência daquele lado. No tratamento é fundamental ganhar a linha média da cabeça e corpo, com trabalhos principalmente na postura ortostática, pela facilidade em ganhar retificação detronco, propriocepção e transferência de peso. Podem ser utilizadas terapias de Biofeedback e realidade virtual.
Foram sugeridas entre outras medidas:
1.Barras nas paredes e corrimão nas escadas;
2. Espelhos e linhas verticais desenhadas nas paredes, para que a paciente pudesse sempre comparar visualmente seu alinhamento de tronco ao da linha na parede, corrigindo a própria postura quandonecessário.
3. Foram orientados exercícios de estimulação sensitiva cutânea e proprioceptiva diários. (CECATTO, 2007)
Dentre as estratégias para o tratamento da heminegligência, está a reabilitação cognitiva que pode ser descrita com um programa de técnicas e recursos elaborado que estimulam funções essenciais como atenção, memória e funções executivas desenhados especificamente para o treinamentodas funções cognitivas essenciais para a realização das atividades de vida diária. Isso pode ser feito através de estimulação da atenção do paciente, com dicas visuais e auditivas que levem à utilização do campo visual e do hemicorpo afetado. O terapeuta deve sempre se posicionar do lado esquerdo do paciente para estimular, orientar a família quanto ao posicionamento da cama do paciente, a portatem que ficar a esquerda, as poltronas ou sofás do quarto do paciente devem estar à esquerda, quando posicionar o paciente em casa na postura sentada o membro superior plégico tem que ser posicionado na linha média ou pelo menos dentro do campo visual.

2 - Explicar as seguintes alterações primárias pós-AVE:
a. Alteração de força;
Qualquer lesão em um neurônio motor resulta em uma alteração nageração de forças, isso pode ser denominado paresia, onde a perda é parcial, ou paralisia, quando ocorre perda total. Essas alterações podem ser classificadas por divisão, quando a fraqueza atinge apenas um lado do corpo, classifica-se hemiplegia, já a paraplegia não afeta os membros superiores e a tetraplegia afeta os quatro membros.
Se um nervo periférico é totalmente lesado, tosos os seusaxônios tem suas atividades interrompidas produzindo uma paralisia, pois o caminho entre o Sistema Nervoso Central e o musculoesquelético foi interrompido.
Quando um nervo periférico é completamente lesado, ocorre a interrupção de todos os axônios dele, e produz uma paralisia, pois interrompe o caminho entre Sistema Nervoso Central até o Sistema Musculo Esquelético. Segundo Moraes et al(2008), o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Acidente vascular encefalico
  • Acidente Vascular Encefalico
  • AVE-Acidente Vascular Encefalico
  • ACIDENTE VASCULAR ENCEFALICO
  • Acidente vascular encefalico
  • ACIDENTE VASCULAR ENCEFÁLICO HEMORRAGICO
  • ACIDENTE VASCULAR ENCEFÁLICO
  • Acidente vascular encefalico

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!