Acesso ou dificuldade internet banda larga na família brasileira

Páginas: 7 (1575 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
UNIVERSIDADE NORTE DO PARANÁ





Ana Lúcia Garcia Gonçalves






Acesso ou dificuldade de acesso da população aos serviços públicos.














URUGUAIANA – RIO GRANDE DO SUL
2013

Ana Lúcia Garcia Gonçalves


Acesso ou dificuldade de acesso da população aos serviços públicos.



Atividade de produção textual individual apresentada à Universidade Nortedo Paraná, como parte das exigências do Curso de Graduação em Serviço Social.

















URUGUAIANA – RIO GRANDE DO SUL
2013
SUMÁRIO





























INTRODUÇÃO

Iniciando a análise do acesso ou dificuldade da população aos serviços públicos, tema que está ligado a questão social e as desigualdades sociais, econômicas eculturais. É preciso rever então a Constituição vigente, como fundamentos do Estado democrático de direito descriminado em seu Art. 1º:
“Art. 1º A República Federativa do Brasil, formada pela união indissolúvel dos Estados e Municípios e do Distrito Federal, constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamentos:
I - a soberania;
II - a cidadania;
III - a dignidade da pessoa humana;
IV- os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa;
V - pluralismo político.”
Em seu Art. 3º temos os objetivos fundamentais da Nação:
“Art. 3º Constituem objetivos fundamentais da República Federativa do Brasil:
I - construir uma sociedade livre, justa e solidária;
II - garantir o desenvolvimento nacional;
III - erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociaise regionais;
IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.”
No Art. 6º constituem os direitos sociais.
Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na formadesta Constituição. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 64, de 2010)”
Sabemos que na Constituição de 1988 foram colocadas as bases para o atual Sistema de Proteção Social brasileiro onde se define Segurança Social e são reconhecidos os direitos sociais das classes subalternas em nossa sociedade.
No contexto do empobrecimento das classes trabalhadoras a questão social insere-se naconsolidação do capitalismo e na sua expansão. Desde o início do sec. XIX o quadro das lutas e do reconhecimento dos direitos sociais e também das políticas públicas correspondentes vem se afiançando,além do que encontra espaço organizações e movimentos a procura de uma cidadania social.
Até o sec. XIX, e necessário constatar uma realidade histórica: os trabalhadores ligados a terra não podiam serexpulsos, o que gerava certa segurança. Pois bem o Capitalismo, segundo Marx “tudo que é sólido desmancha no ar” acabou destruindo essa segurança o que provocou que grandes massas de excluídos surgissem e se espalhassem nas cidades. Devido às lutas dos trabalhadores, a suas reivindicações sociais os cidadãos conseguiram certa estabilidade com o reconhecimento dos seus direitos econômicos e sociais.Segundo Montaño “a atual estratégia neoliberal de “enfrentamento” da pobreza é diferente da concepção liberal clássica (até o século XVIII onde se pensava que a causa da miséria era um problema de carência, respondendo a ela com a organização da filantropia), e distinta da perspectiva pós1835 (século XIX, que a partir da constituição do proletariado como sujeito e de suas lutas desenvolvidasparticularmente entre 1830 e 1848, pensa o pauperismo como mendicância e como crime, tratando assim dela com repressão e reclusão), também segundo Montaño, já diferente da orientação keynesiana (século XX até a crise de 1973), que considera a “questão social” como um “mal necessário”, produzido pelo desenvolvimento social e econômico.










DESENVOLVIMENTO

Considerando estes dados,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Acesso e consumo de internet banda larga das familias brasileiras
  • Acesso e consumo de internet banda larga das famílias brasileiras
  • Acesso e consumo de internet banda larga das famílias brasileiras
  • Acesso e consumo de internet banda larga nas familias brasileiras
  • Acesso e consumo da internet banda larga nas familias brasileiras
  • Acesso e consumo de internet banda larga das famílias brasileiras
  • acesso e consumo de internet banda larga das familias brasileiras
  • Acesso e consumo da internet banda larga das familias brasileiras

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!