Ação dos parasitos no hospedeiro

Páginas: 6 (1497 palavras) Publicado: 8 de novembro de 2011
a) Capacidade de resistência: Refere-se à produção de elementos que neutralizem as defesas naturais dos organismos infectados.
b) Tropismos: A inclinação dos grupos de parasitas a determinadas condições lhes asseguram maior sucesso reprodutivo, propagação ou sobrevivência. Como exemplos de tropismos citam-se o geotropismo, termotropismo, quimiotropismo, heliotropismo, etc.
AÇÃO DOSPARASITOS NO HOSPEDEIRO
a) Ação Espoliativa: Ocorre quando o parasito absorve nutrientes ou fluidos do hospedeiro. Exemplos práticos são organismos hematófagos.
b) Ação Tóxica: Ocorre quando as espécies produzem enzimas ou metabólitos danosos e que podem provocar lesões no hospedeiro.
c) Ação Mecânica: Por ação mecânica entende-se a interferência causada por parasitos ao bom funcionamentodas estruturas do hospedeiro. Algumas espécies podem, por exemplo, obstruir alças intestinais através do seu enovelamento no interior destas impedindo o fluxo de alimento.
d) Ação Traumática: Promovida pela migração cutânea e pulmonar de larvas de Ancylostomatidae, lesões hepáticas e ulcerações intestinais além do rompimento de hemácias decorrente da atividade de alguns parasitos.
e) AçãoIrritativa: Se deve à presença do parasito que, apesar de não produzir lesões traumáticas, irrita o local parasitado, como no caso da ação das ventosas dos Cestoda.
f) Ação Enzimática: Decorre da ação de E. histolytica ou dos Ancylostomatidae para lesar o epitélio intestinal pela produção de enzimas de modo a obter alimentos assimiláveis.
g) Anóxia: Qualquer parasito que consuma o oxigêniocarreado pela hemoglobina promovendo um estado de anóxia generalizada.

REAÇÃO DOS HOSPEDEIROS
a) Resistência natural:
b) Resistência adquirida:
TIPOS DE TRANSMISSÃO
Oral (ou “per os”): A transmissão oral pode ocorrer em várias situação como na amamentação, ingestão de fezes, ingestão de alimentos contaminados, etc. Nesses casos a penetração do parasito pode ocorrer pela mucosa oralíntegra ou lesada.
Percutânea: Ocorre quando da penetração de parasitos através da pele do indivíduo. Frequentemente, esses parasitos são transportados pelos seus vetores hematófagos que promovem lesões cutâneas no indivíduo.
Transplacentária ou vertical: A transmissão ocorre quando um indivíduo acometido por uma parasitose transmite a enfermidade à prole durante a gestação através do líquidoplacentário.
Sexual: Mecanismo de transmissão de doenças pela mucosa genital, pelo sangue ou fluidos produzidos durante a atividade sexual.
Transfusão de sangue: Muito importante na transmissão da Doença de chagas. Parasitos associados ao sangue são facilmente transferidos de um indivíduo contaminado a um saudável quando não são tomadas as medidas preventivas adequadas.
Transplante de órgãos:Mecanismo de transmissão em que o indivíduo recebe um órgão transplantado infectado
MECANISMOS DE TRANSMISSÃO
HETEROINFECÇÃO: Quando os ovos presentes na poeira ou nos alimentos atingem o novo hospedeiro.
a) Direta:
b) Indireta: Os ovos presentes na poeira ou alimentos atingem o mesmo hospedeiro que os eliminou.
AUTOINFECÇÃO:
a) Externa: A criança ou o adulto levam os ovos da regiãoperianal à boca elevando a cronicidade da verminose.
b) Interna: Processo no qual as larvas eclodiriam dentro do reto migrando em seguida para o ceco, onde se transformariam em vermes adultos.
HOSPEDEIROS
TIPOS DE HOSPEDEIROS:
a) Definitivo: É o que apresenta o parasito em fase de maturidade ou em fase de atividade sexual.
b) Intermediário: É aquele que apresenta o parasito emfase larvária ou assexuada.
c) Paratênico: É o hospedeiro intermediário no qual o parasito não sofre desenvolvimento, mas permanece encistado até que o hospedeiro definitivo o ingira.
VETORES
Vetor:
a) Mecânico: É quanto o parasito não se multiplica nem se desenvolve no vetor, este simplesmente serve de transporte.
a) Biológico: É quando o parasito se multiplica ou se desenvolve...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A O Dos Parasitos Sobre Os Hospedeiros
  • Interação parasito – hospedeiro – resistência bacteriana
  • Hospedeiro
  • hospedeiros
  • Parasito
  • Parasito
  • parasito
  • parasito

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!