7

Páginas: 8 (1926 palavras) Publicado: 30 de março de 2015
VII – Concordância

“Em português, a concordância consiste em se adaptar a palavra determinante ao gênero,
número e pessoa da palavra determinada.”
-Concordância Nominal: “se verifica em gênero e número entre adjetivo e o pronome
(adjetivo), o artigo, o numeral ou o particípio (palavras determinantes) e o substantivo ou
pronome (palavras determinadas) a que se referem”.
Ex.: Esta casa é bonita.[o pronome demonstrativo esta e o adjetivo bonita estão
concordando com o substantivo casa]

-Concordância Verbal: “a que se verifica em número e pessoa entre o sujeito (e às vezes o
predicativo) e o verbo da oração”.
Ex.: Chegando à rua, arrependi-me de ter saído. [o verbo arrepender está concordando
com o sujeito eu expresso pelo pronome pessoal oblíquo me]

“A concordância pode ser estabelecidade palavra para palavra ou de palavra para
sentido. A concordância de palavra para palavra será total ou parcial (também chamada
atrativa), conforme se leve em conta a totalidade ou o mais próximo das palavras
determinadas numa série de coordenação.”
Ex.:
*palavra para palavra – concordância total:
“Ana e Maria passearam pelo bosque ontem à tarde.” [o verbo passearam concorda com
a totalidade dosujeito composto Ana e Maria]
*palavra para palavra – concordância parcial:
“Porque entre ele e Suintila está o céu e o inferno.” [o verbo está concorda,
atrativamente, com o sujeito mais próximo (o céu) da série coordenada o céu e o inferno]
“Via-se em todas as faces pintado o espanto e o terror.” [o verbo via e o adjetivo pintado
concordam, por atração, com o sujeito mais próximo da séria oespanto e o terror]
*palavra para sentido:
“A plebe vociferava as mais afrontosas injúrias contra D. Leonor: e se chegassem a entrar
no paço, ela sem dúvida seria feita pedaços pelo tropel furioso.” [ o verbo vociferava concorda
com o sujeito plebe que, sendo um coletivo, pôde, pelo seu conteúdo semântico de
pluralidade, levar ao plural o verbo chegassem, mais afastado dele]

“É preciso estar atento aque a liberdade de concordância que a língua portuguesa muitas
vezes oferece deve ser cuidadosamente aproveitada para não prejudicar a clareza da
mensagem e a harmonia do estilo.”

7.1. Concordância Nominal

- CONCORDÂNCIA DE PALAVRA PARA PALAVRA
a) Há uma só palavra determinada: a palavra determinante irá para o gênero e número da
palavra determinada.
Ex.: Eu amo a noite solitária e muda.
Euestou quite. Nós estamos quites.

b) Há mais de uma palavra determinada: aqui temos 2 casos:
1) Se as palavras determinadas forem do mesmo gênero, a palavra determinante irá para
o plural e para o gênero comum, ou poderá concordar em gênero e número com a mais
próxima, principalmente se vier anteposta:
Ex.: A língua e (a) literatura portuguesas // A língua e (a) literatura portuguesa.
Obs.: se aspalavras determinadas se referirem a uma só pessoa ou coisa, impõe-se o
singular do determinante.
Ex.: Seu fiel amigo e servidor.

2) Se as palavras determinadas forem de gêneros diferentes, a palavra determinante irá
para o plural masculino ou concordará em gênero e número com a mais próxima:
Ex.: Calada a natureza, a terra e os homens. // Calados a natureza, a terra e os homens.
Toda sua luta esacrifícios. // Todos seus sacrifícios e luta.
Obs.: quando há ideia de reciprocidade, torna-se obrigatório o emprego do plural:
Ex.: Encontrou padrinho e afilhada empenhados em uma discussão sobre autoridade.

c) Há uma só palavra determinada e mais de uma determinante: a palavra determinada
irá para o plural ou ficará no singular, sendo facultativa a repetição do artigo neste último
caso:

Ex.: Asliteraturas brasileira e portuguesa // A literatura brasileira e portuguesa // A
literatura brasileira e a portuguesa.

-CONCORDÂNCIA DE PALAVRA PARA SENTIDO
A palavra determinante pode deixar de concordar em gênero e número com a forma da
palavra determinada para levar em consideração, apenas, o sentido em que esta se aplica:
Ex.: O [rio] Amazonas é o maior do mundo.
V. Ex.ª é atencioso...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • 7
  • 7
  • 7
  • 7 Sem
  • 7
  • 7
  • 7
  • 7

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!