6353 12143 1 PB

Páginas: 47 (11687 palavras) Publicado: 6 de junho de 2015
Meio ambiente e redes sociais: dimensões
intersetoriais e complexidade na articulação
de práticas coletivas
Pedro Jacobi*

S U M Á R I O : 1. Introdução; 2. Redes sociais, além das práticas tradicionais;
3. A emergência da mobilização ambiental; 4. Década de 1980: a multiplicação das práticas socioambientais; 5. O movimento ambientalista ampliado;
6. Coalizões e redes; 7. Conclusões.
P A L A V RA S - C H A V E : ambientalismo; política ambiental; participação; redes;
desenvolvimento sustentável; problemas socioambientais; movimentos políticos.
O ambientalismo brasileiro tem influenciado cada vez mais a formulação e
implementação de políticas públicas e a promoção de estratégias para um
desenvolvimento sustentável. Ele se expande para outras áreas, estimulando
o engajamento de grupossocioambientais e científicos e movimentos sociais
e empresariais, nos quais o discurso do desenvolvimento sustentado é preponderante. Ao constituir fóruns e redes, assumiu um caráter multissetorial,
estimulando parcerias que potencializam ações de articulação do poder
público local com associações de moradores para pensar o desenvolvimento
socioeconômico. Nessas articulações as ONGs ocupam o centrodo processo
de pressão e gestão, incrementando as parcerias entre entidades nacionais e
internacionais. Neste contexto, este artigo desenvolve uma reflexão sobre os
alcances e limites das redes ambientalistas, como resultado da emergência e
fortalecimento de novos atores da sociedade civil.

* Professor associado da Faculdade de Educação e do Programa de Pós-graduação em Ciência
Ambiental (Procam)da USP.

RA P

R i o d e Ja ne ir o 3 4( 6 ) : 1 31 - 5 8 , N o v. / D e z . 20 0 0

Environment and social networks: intersectorial dimensions and complexity in articulating collective practices
Brazilian environmentalism has assumed a growing influence in the formulation and implementation of public policies and the promotion of strategies
to attain sustainable development. It expands intoother areas, stimulating
the engagement of socioenvironmental groups, the scientific community,
social movements and the entrepreneurial sector, where the sustainable
development discourse stands out. With the costitution of forums and networks, it becomes multi-sectorial, stimulating partnerships that potentiate
articulations to establish networking between local power and neighborhood associationsto formulate propositions for sustainable development. In
these articulations NOGs assume a leading role in a process of pressure and
management, increasing partnerships between domestic and international
institutions. In this context, this paper proposes a reflection about the scope
and limits of environmental nrtworks, as a result of the emergence and
strengthening of new social actors.

1.Introdução
O ambientalismo brasileiro tem assumido uma crescente influência na formulação e implementação de políticas públicas e na promoção de estratégias
para um novo estilo, sustentável, de desenvolvimento.
A partir da segunda metade da década de 1980, no entanto, a temática
ambiental assumiu um papel bem mais relevante no discurso dos diversos
atores que compõem a sociedade brasileira.
Oambientalismo se expande e penetra em outras áreas e dinâmicas organizacionais, estimulando o engajamento de grupos socioambientais e científicos
e movimentos sociais e empresariais, nos quais o discurso do desenvolvimento
sustentado assume papel preponderante.
A maior consistência das idéias das organizações ambientais e a maior visibilidade de suas ações contribuem diretamente para que outros atores seincorporem mais efetivamente no debate ambiental: grupos científicos e parte
do empresariado. A presença da comunidade científica se multiplica e diversos
centros de pesquisa interdisciplinares e instituições acadêmicas interdisciplinares de pós-graduação em meio ambiente desempenham papel relevante em
programas e parcerias com agências governamentais, ONGs e empresas privadas, visando à...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • 11 54 1 PB 1
  • 1580 5487 1 PB 1
  • 344 2996 1 PB 1
  • 650 2173 1 PB 1
  • 1203 2010 1 PB 1
  • 329 1228 1 PB 1
  • 2747 8169 1 PB 1
  • 54 183 1 PB 1

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!