54811684385

Páginas: 2 (413 palavras) Publicado: 28 de abril de 2013
EXMO. SR. DR. JUIZ DE DIREITO DA 1ª VARA CÍVEL DA COMARCA DE VITÓRIA DA CONQUISTA, BA.

Carlos Desvela, brasileiro, casado, Engenheiro Elétrico, portador do RG n.º263845318 e do CPF n.º15478965482, residente e domiciliado na Rua Itajubá, n.º 215, Bairro São Carlos, Vitória da Conquista, BA, vem respeitosamente a Vossa Excelência propor.
AÇÃO DE COBRANÇA

Em face de Roberto Ferreira,brasileiro, casado, Engenheiro Civil, portador (a) do RG n.º 457845796 e do CPF n.º 58693417841,  residente e domiciliado (a) na Rua Olimpo, n.º 898, Bairro Santa Ana, Vitória da Conquista, BA, pelos motivosa seguir.
DOS FATOS
Em 19 de Dezembro de 2010 as partes celebraram um contrato, onde, o Autor deveria elaborar um projeto de engenharia elétrica, e o Réu ficaria obrigado a pagar um valor naquantia de R$ 95.000,00, sendo que R$ 5.000,00 no ato, e o restante, (R$ 90.000,00), quando projeto fosse concluído. Pois bem, o projeto foi concluído e entregue ao Réu no dia 21 de Maio de 2011, quealegando má situação financeira negou-se a pagar. Incansáveis foram as tentativas de receber o pagamento por meios pacíficos.
DO DIREITO
Dessa forma. Existência de um contrato de prestação de serviços,com o serviço devidamente cumprido e entregue para o réu. Inadimplemento concretizado. Mora configurada. Dever de pagar os valores ajustados, acrescidos da multa de mora. O presente pedido encontrafulcro nos Arts. 394 CC. Considera-se em mora o devedor que não efetuar o pagamento e o credor que não quiser recebê-lo no tempo, lugar e forma que a lei ou a convenção estabelecer, Art. 397 CC Oinadimplemento da obrigação, positiva e líquida, no seu termo, constitui de pleno direito em mora o devedor. Art. 407. Ainda que se não alegue prejuízo, é obrigado o devedor aos juros da mora que se contarãoassim às dívidas em dinheiro, como às prestações de outra natureza, uma vez que lhes esteja fixado o valor pecuniário por sentença judicial, arbitramento, ou acordo entre as partes.

DOS PEDIDOS...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!