2007 33 4 3 Portugues

Páginas: 6 (1408 palavras) Publicado: 6 de junho de 2015
xxv

Editorial
Lesão pulmonar aguda e síndrome do desconforto respiratório agudo:
dificuldades diagnósticas
Acute lung injury and acute respiratory distress syndrome: diagnostic hurdles

Carmen Sílvia Valente Barbas
A lesão pulmonar aguda (LPA) e a síndrome do desconforto respiratório agudo (SDRA) são espectros de uma
mesma doença que refletem a expressão clínica de um
edema pulmonar com altoteor de proteínas, conseqüente
a um aumento da permeabilidade da membrana alvéolocapilar, ocasionando um quadro de insuficiência respiratória
aguda. Esta síndrome ocorre em indivíduos geneticamente
predispostos, após sua exposição a um ou vários fatores de
risco. O mecanismo fisiopatológico responsável pela lesão
e conseqüente disfunção da permeabilidade da membrana
alvéolo-capilar pode serdesencadeado por fatores diretos
ou primários, como infecção pulmonar (bacterianas, virais,
parasitárias e/ou fúngicas), contusão pulmonar, aspiração
de conteúdo gástrico e quase afogamento, assim como por
desencadeantes indiretos, como síndrome séptica e/ou choque
séptico, múltiplas transfusões sanguíneas, politraumatismo,
pancreatite e embolia de líquido amniótico. A diferenciação do
insulto inicialse faz importante para o tratamento concomitante das causas associadas ao desenvolvimento da alteração
da permeabilidade da barreira alvéolo-capilar, bem como
para o entendimento das lesões dos diversos compartimentos
da membrana alvéolo-capilar: o epitélio alveolar, o espaço
intersticial e o endotélio capilar pulmonar. Histologicamente,
a LPA/SDRA se caracteriza por um dano alveolar difuso (DAD)com edema intra-alveolar, intersticial, e membrana hialina
e, na sua fase crônica, por proliferação de fibroblastos. No
entanto, somente a avaliação histológica pode ser insuficiente para a caracterização detalhada do acometimento dos
compartimentos epitelial, intersticial e endotelial, assim como
da resposta pulmonar à agressão, sendo necessário o uso de
microscopia eletrônica e/ou confocal alaser, com o auxílio
de imuno-marcadores endoteliais e epiteliais, para a avaliação
do grau e extensão da lesão da membrana alvéolo-capilar,(1)
inclusive propiciando um melhor entendimento de sua patogênese. Colorações e/ou marcadores específicos para infecção
podem ser necessários para a identificação do agente infeccioso causador e/ou perpetuador da SDRA.
Neste número do Jornal Brasileiro dePneumologia,
Pinheiro e colaboradores estudaram, retrospectivamente,
22 pacientes falecidos na unidade de terapia intensiva do
Hospital Universitário da Universidade Federal de Juiz de

Fora (Minas Gerais) que foram submetidos à necropsia.(2)
Dos 22 pacientes, 10 preenchiam os critérios da American
European Consensus Conference (AECC) para diagnóstico de
SDRA, a saber: pressão parcial arterial deoxigênio/fração
inspirada de oxigênio < 200, e para LPA < 300; infiltrado
pulmonar bilateral e pressão de oclusão da artéria pulmonar
< 18 mmHg, ou ausência de evidência clínica de hipertensão
de átrio esquerdo; e sete apresentavam DAD na análise histológica pulmonar. Os valores preditivos positivos e negativos
para diagnóstico de SDRA foram, respectivamente, 50 e 83%,
e as razões de verossimilhançapositiva e negativa foram de
2,33 e 0,47. Como diagnósticos histológicos nos pacientes
que preenchiam critérios da AECC para SDRA, mas não apresentavam DAD na análise histológica pulmonar, os autores
encontraram pneumonia bilateral, embolia pulmonar, tuberculose e criptococose, provavelmente as duas últimas na sua
forma disseminada. Assim, os estudiosos da SDRA estão
recomendando, maisrecentemente, uma sofisticação dos
critérios para diagnóstico da SDRA, pois um diagnóstico mais
complexo pode ter implicações terapêuticas e prognósticas,
assim como influenciar na escolha e resposta terapêutica
a estratégias ventilatórias protetoras. Os diagnósticos não
encontrados pelos autores, mas que podem se apresentar
como diferenciais da SDRA, são, ainda, a hemorragia alveolar difusa, doenças...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • PORTUGUES 4
  • portugues 4
  • Lei 4/2007
  • portugues 3
  • portugues 3
  • GUIA NR 33 WEB 3
  • Fisica 3 etapa 3 e 4
  • Oficina Português 4

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!