1234

Páginas: 2 (379 palavras) Publicado: 4 de agosto de 2014
Comentário do professor
Confira a seguir o comentário do prof. Marcílio B. Gomes Jr, da Oficina do Estudante de Campinas (SP):

A narrativa de "A hora da estrela" é uma interminável perguntasobre a condição humana, ao longo de um enredo no qual se fundem histórias ou eixos distintos e complementares: ma vida de Macabéa, imigrante nordestina que vive desajustada no Rio de Janeiro; a históriado autor do livro, identificado como Rodrigo S. M., sem propriamente um rosto definido, mas que interfere sistematicamente no enredo; e ainda a história do próprio ato de escrever. Nessa arquiteturainstigante, Clarice Lispector articula três linhas de reflexão a respeito da existência e da arte: 1) filosófica, com a qual focaliza os limites do conhecimento do mundo, por meio da palavra; 2)social, com a qual investiga os impasses e os confrontos gerados pela incomunicabilidade entre os seres humanos; e 3) estética, com a qual investiga o ato da criação e sua importância na vida das pessoas. Onarrador, Rodrigo S. M., é uma figura particularmente interessante, pois, assim como a personagem Macabéa, também está em busca de si mesmo, em busca de uma identidade; ao mesmo tempo em que seidentifica com a realidade circundante, sente também estranhamento ao interagir com ela, oscila entre identificação e afastamento. A obra é digressiva, porque não segue uma narrativa linear; émetalinguística pela contínua reflexão sobre sua própria estrutura; apresenta 13 títulos que se referem aos estados de espírito do narrador e desmistificam o poder centralizador de um só. 

O importante para osexames vestibulares é lançar um olhar atento ao estilo da autora, isto é, observar sua linguagem moderna, marcada de metáforas, de frases anômalas, de comparações e de associações inusitadas esurpreendentes que conduzem o leitor às profundezas do ser, isto é, o próprio fluxo de consciência, recurso muito explorado em seus livros. Outro componente decisivo da produção literária de Clarice...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • 1234
  • 1234
  • 1234
  • 1234
  • 1234
  • 1234
  • 1234
  • 1234

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!