05

Páginas: 27 (6575 palavras) Publicado: 23 de setembro de 2015
O ENVELHECIMENTO DA POPULAÇÃO MUNDIAL. UM DESAFIO NOVO

Alexandre Kalache *
Renato P. Veras **
Luiz Roberto Ramos ***

KALACHE, A. et al. O envelhecimento da população mundial. Um desafio novo. Rev. Saúde públ.,
S. Paulo, 21:200-10, 1987.
RESUMO: O envelhecimento populacional é hoje um fenômeno universal, característico tanto dos países desenvolvidos como, de modo crescente, do Terceiro Mundo.São apresentados dados que ilustram a verdadeira revolução demográfica desde o início do século e estimativas até o ano 2025. Os fatores responsáveis
pelo envelhecimento são discutidos, com especial referência ao declínio tanto das taxas de fecundidade como
das de mortalidade. Em conjunto, tais declínios levam a um menor ingresso de jovens em populações que
passam a viver períodos mais longos. Esseprocesso gradativo é conhecido como "transição epidemiológica"
e seus vários estágios são abordados. As repercussões para a sociedade, de populações progressivamente mais
idosas são consideráveis, particularmente no que diz respeito à saúde. Os padrões de mortalidade e morbidade
são discutidos e o conceito de autonomia, como uma forma de quantificar qualidade de vida, é introduzido.
É propostaredefinição do próprio conceito de envelhecimento, refletindo a realidade médico-social do Terceiro Mundo. São formuladas questões sobre a interação envelhecimento-mudanças sociais em curso nos países
subdesenvolvidos, cujas respostas podem ser grandemente facilitadas pelo uso do método epidemiológico.
UNITERMOS: Envelhecimento da população, tendências. Taxas de mortalidade, tendências. Taxas defecundidade, tendências. Expectativa de vida. Qualidade de vida. Mudanças sociais.

INTRODUÇÃO

Desde a década de 50, a maioria dos idosos vive em
países do Terceiro Mundo, fato ainda não apreciado por
muitos que continuam associando velhice com os países mais desenvolvidos da Europa ou da América do
Norte. Na verdade, já em 1960, mais da metade das pessoas com mais de 65 anos vivia nos países doTerceiro
Mundo (United Nations17, 1985). Projeções demográficas indicam que de 1980 até o final do século cerca
de três quartos do aumento da população idosa ocorrerão em tais países (Hoover e Siegel10 — Tabela 1), fazendo com que este seja o grupo etário que mais crescerá na maioria dos países menos desenvolvidos. Na
América Latina, entre 1980 e o ano 2000 deverá ocorrer
um aumento de 120% dapopulação total (de 363,7 para 803,6 milhões), enquanto que o aumento da população acima de 60 anos será de 236% (de 23,3 para 78,2
milhões), ou seja, duas vezes maior que o percentual de
aumento da população como um todo. A longo prazo,
as perspectivas são ainda mais impressionantes. A Tabela 2 mostra os aumentos das populações idosas em

países que terão 16 milhões ou mais de pessoas acima
de 60 anos noano 2025, comparadas com as populações da mesma faixa etária em 1950 (WHO23,24). Entre os 11 países com as maiores populações de idosos
daqui a quarenta anos, 8 situam-se na categoria de países em desenvolvimento de acordo com os critérios
atuais. Haverá, portanto, uma substituição: as grandes
populações idosas dos países europeus cedendo lugar
a países caracteristicamente jovens como a Nigéria,Brasil ou Paquistão. Em termos práticos, o aumento é sem
precedentes. Por exemplo, no Brasil, o aumento da população idosa será da ordem de 15 vezes, entre 1950 e
2025, enquanto o da população como um todo será de
não mais que cinco vezes no mesmo período. Tal aumento colocará o Brasil, no ano 2025, com a sexta população de idosos do mundo em termos absolutos (Kalache e Gray13, 1985).

* Unit forthe Epidemiology of Ageing. London School of Hygiene and Tropical Medicine - Keppel Street, London,
WCIE 7HT — England.
** Instituto de Medicina Social da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IMS-UERJ) - Rua São Francisco
Xavier, 524 - 20550 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil.
*** Departamento de Medicina Preventiva da Escola Paulista de Medicina - Rua Botucatu, 740 - 04023 - São Paulo,
SP -...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • 05
  • 05
  • 05
  • 05
  • 05
  • 05
  • 05
  • 05

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!