Ética politica e sociedade

Páginas: 23 (5504 palavras) Publicado: 8 de abril de 2014
i

i

i

i

ÉTICA, POLÍTICA E
SOCIEDADE

Alexandre Franco de Sá

2009

www.lusosofia.net

i

i
i

i

i

i

i

i

i

i
i

i

i

i

i

i

Covilhã, 2009

F ICHA T ÉCNICA
Título: Ética, Política e Sociedade
Autor: Alexandre Franco de Sá
Colecção: Artigos L USO S OFIA
Design da Capa: António Rodrigues Tomé
Composição & Paginação: Filomena S. MatosUniversidade da Beira Interior
Covilhã, 2009

i

i
i

i

i

i

i

i

i

i
i

i

i

i

i

i

Ética, Política e Sociedade∗
Alexandre Franco de Sá

A reflexão que aqui pretendemos propor como conjugação da
tríade “ética, política e sociedade” parte de uma verificação simples: vivemos em sociedades que têm na sua base a representação, explícita ou implícita, deuma superioridade moral incontestável das suas instituições políticas sobre todas as outras, passadas e contemporâneas; mas vivemos também em sociedades cujos
membros cada vez mais se afastam destas mesmas instituições, se
demitem de nelas participarem, encontrando nelas uma corrupção
moral com que não estão dispostos a pactuar nem transigir.
Recentemente, os problemas éticos levantados pelainvasão e
ocupação do Iraque por potências ocidentais – por potências democráticas e liberais – podem ilustrar de um modo privilegiado o problema de que nos propomos partir. Independentemente de todas
as variantes de justificações aventadas pelas potências invasoras
para a justificação da invasão, é interessante verificar que, no Ocidente, o único argumento tido por evidente e incontestávelconsistiu no da superioridade das suas instituições políticas sobre as


O presente texto foi elaborado a partir das reflexões apresentadas no XIX
Encontro da Associação de Professores de Filosofia, que decorreu em Coimbra,
entre 10 e 11 de Fevereiro de 2005, e foi submetido ao tema: A ética e os desafios
do mundo contemporâneo. Da mesa em que foram apresentadas – intitulada
“Ética, Política eSociedade” – fizeram também parte José Pacheco Pereira e
Hermínio Rico.

3

i

i
i

i

i

i

i

i

4

Alexandre Franco de Sá

instituições tirânicas e despóticas do Iraque. Diante de uma tal evidência incontestável, a única controvérsia entre os decisores políticos ocidentais foi, no fundo, a de saber se a superioridade moral
das suas instituições poderia por si surgir comojustificação suficiente para bombardear, em qualquer altura tacticamente conveniente, um qualquer povo que se considere, em confrontação com
elas, e para usar os termos de John Rawls em The Law of Peoples,
“indecente” e “fora da lei”. Em tal controvérsia, o chamado neoconservadorismo americano tem, sem dúvida, o mérito da clareza
meridiana. Segundo este, a incontestável superioridade moral dasdemocracias liberais é já sempre uma justificação imediata e suficiente para que um acto de força, uma intervenção militar ou policial
unilateral, se liberte de “complicações morais”. Como se pode ler
claramente em The War over Iraq, de Lawrence Kaplan e William
Kristol: «A esperança de deixar ao mercado a tarefa da democratização envolveu a equipa de Clinton em complicações morais às
quais não pôdedar resposta adequada. [...] Longe de espalhar a
democracia, a conduta internacional dos Estados Unidos estava a
tornar-se indiscernível da dos europeus. A doutrina de Bush rejeita
a assunção complacente de que o “compromisso” será suficiente
para promover a democratização. Ela reconhece que a democracia é uma escolha política, um acto de vontade. É alguém, e não
algo, que tem de criá-la»1 .Contudo, mesmo para as posições políticas e partidárias mais reservadas quanto a um direito imediato
das democracias liberais a invadir e ocupar militarmente Estados
caracterizados por outros tipos de instituições políticas, a mesma
superioridade moral das democracias liberais surge como inquestionável. Dir-se-ia que, para as diferentes instâncias e sensibilidades
que no Ocidente europeu...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Etica,Politica e Sociedade
  • Ética, política e sociedade
  • av etica politica e sociedade
  • Ética Politica e Sociedade
  • ética , política e sociedade.
  • Etica Politica e Sociedade
  • ética, política e sociedade
  • ética politica sociedade

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!