Ética negativa

Páginas: 7 (1694 palavras) Publicado: 3 de outubro de 2012
1. A crítica ao afirmativo, a ausência de valor da vida e a impossibilidade ética.

1.1. A crítica ao afirmativo.

A reflexão ética de Julio Cabrera começa com sua crítica ao afirmativo, ao pensamento filosófico acrítico que estabelece um valor estrutural da vida humana sem uma reflexão filosófica mais abrangente. Todas as éticas afirmativas giram em torno da pergunta "como devo viver?", mastal pergunta parece ser o estágio final da reflexão ética, pois supõem uma resposta afirmativa a questão "devo viver?".

"As questões de se devo viver e se devo ser pai, ou seja, se essas duas intencionalidades são morais ou não – no mesmo sentido no qual isso é perguntado de qualquer outra intencionalidade posterior, já dentro da vida – são as primeiras questões éticas que devem ser debatidas epara as quais é preciso achar respostas (CABRERA, 1989, p. 9)."

Um projeto de ética deve partir da problematização da questão "devo viver?" e deve estar isento de qualquer posição ideológica, religiosa ou política a respeito da vida. Pensar a possibilidade do ser é uma questão estrutural e não deve ser afetada por valores projetados no intramundo. O filósofo deve abrir mão de todas as amarras(até mesmo das mais naturais como o possível instinto de sobrevivência). Cabrera irá concluir depois de sua reflexão que manter um sistema moral dentro de nossas condições de existência é totalmente impossível, a reflexão ética tradicional (afirmativa) só tem espaço dentro de um sistema acrítico. Cabrera escreve em seu "Projeto de Ética Negativa" que:

"A tese crítica fundamental do livro é aseguinte: que se os valores morais vigentes, como veiculados pelos sistemas morais da tradição, são deslocados do plano das perguntas "Como devo viver?" e "Que tipo de pai devo ser?" para o plano das perguntas, mais primitivas, "Devo viver?" ou "Devo ser pai?", ou seja, deslocados para um plano reflexivo mais radical, o sistema desses valores se torna inevitavelmente inconsistente. Para que essesistema de valores morais possa ser mantido, é preciso não radicalizá-lo, ou seja, não submetê-lo à reflexão filosófica crítica fundamental (CABRERA, 1989, p. 9)."

Para tornar todos os sistemas de valores afirmativos inconsistentes é necessário dar um motivo, Cabrera retira tal motivo de sua reflexão sobre o valor da vida humana.

1.2. A ausência de valor da vida.

A análise dos vínculos entreética e condição humana acaba por denunciar a falta de valor da vida em seu plano estrutural. Através de uma apropriação de Heidegger, Cabrera irá dividir a vida em dois planos: o ontológico e o ôntico. A vida só pode ter algum valor no plano ôntico, pois lá podemos construir coisas, assumir papéis e ter a ilusão de "ser".

"Em termos aproximadamente heideggerianos, costumo dizer que não há umvalor da vida humana no plano do ser (no plano de ser um ser humano, de ter surgido como humano), mas apenas no plano "intramundo" dos entes (ou plano ôntico), em que os valores podem ser construídos, como habitualmente é feito, e em que os homens são valiosos por serem isto ou aquilo, mas não por, simplesmente, serem (CABRERA, 2008, p. 14-15)."

No plano ontológico (aquilo que podemos falar dealguém antes do seu nascimento) a vida é decair, desocupar espaços, sentir inevitavelmente a dor estrutural.

"Vista estruturalmente, uma vida humana, qualquer que seja ela e independentemente de seus conteúdos intramundanos específicos, é sempre e inevitavelmente um processo de desgaste (ou, como gosto de dizer, uma queda), vivido fatalmente como dor: a dor de decair, de desocupar, deabandonar, de perder, de ser despojado, de desaparecer e corromper-se. Desse modo, apesar de o intramundo ser um vaivém de prazeres e de dores, o mundo mesmo é, estruturalmente, dor, e não prazer (CABRERA, 2008, p. 16-17)."

Portanto, a vida possui uma estrutura dolorosa, e o desafio agora e mostrar que ela é também moralmente inabilitada. Cabrera fará o uso da AEF (articulação ética fundamental) para...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Etica Positiva E Negativa Trabalho
  • Entradas negativas Saídas Negativas
  • QUALICORP NEGATIVA
  • Negativas e positivas
  • opolencia negativa
  • Racionalização Negativa
  • influencias negativas
  • Negativa Geral

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!