Uma Placa Quadrada De 1M De Lado E 20 N De Peso artigos e trabalhos de pesquisa

  • 4. Uma placa retangular de 4 m por 5 m escorrega sobre o plano inclinado da figura, com velocidade constante, e apóia-se sobre uma película de óleo de 1 mm de espessura e de μ = 0,01 n.s/m2. se o peso da placa é 100 n,

    : MSc. MILTON SOARES Lista de Exercícios (2). Nome do aluno: RA: Turma:eb2b30 1. A viscosidade cinemática de um óleo leve é 0,033 m2/s e a seu peso específico relativo é 0,86. Determinar a sua viscosidade dinâmica em unidades dos sistemas Métricos. 2. Duas placas planas paralelas estão situadas a 3 mm de distância. A placa superior move-se com velocidade de 4m/s, enquanto que a inferior está imóvel. Considerando que um óleo ( ν = 0,15 stokes e ρ = 905 kg/m3 ) ocupa o espaço entre...

    1566  Palavras | 7  Páginas

  • Exercicio de peso especifico

    DETERMINAR O PESO ESPECIFICO DO FLUIDO DESCONHECIDO QUE ESTÁ CONTIDO NO TUBO EM “U” MOSTRADO NA FIGURA ABAIXO. CONSIDERE YH2o=9810 N/m^3. -- -- -- -- -- -- ------------ 140mm=0,14m; 36mm=0,036mm; 84mm=0,084m; 124mm=0,124m; YH2O=9810 N/m^3; Resolução: PA=YH2O(0,14-0,036)=YH2O(0,124-0,084)+YX*(0,084-0,036) 9810(0,14-0,036)=9810(0,124-0,084)+YX(0,08-0,036) 1020,2=392,4+YX(0,084-0,036) YX=13079 N/m^3. 2) UM...

    1425  Palavras | 6  Páginas

  • Exercicio mec flu

    1 – A massa especifica de um fluido são 610 kg/m³. Determinar o peso especifico e a densidade. Considerando g=9,82 m/s² γ=ρ*g É o peso especifico γ= 610 Kg/m³. 9,81 m/s² γ= 5,984 N/m³ A massa especifica da água é aproximadamente 1000 kg/m³. Portanto seu peso especifico é de: γ (H20) = ρ*g γ(H20) = 1000 kg/m³ . 9,81 m/s² γ (H20) = 9810 N/m³ Densidade (d) D=γfγ(H2O) = 5984 N/m³9810 N/m³ = 0,610 (adimensional) 2 – A viscosidade cinemática de um óleo é 0,028 m/s² e sua densidade é 0...

    1220  Palavras | 5  Páginas

  • fluidos

    967 | Páginas: 4 1 – A massa especifica de um fluido são 610 kg/m³. Determinar o peso especifico e a densidade. Considerando g=9,82 m/s² γ=ρ*g É o peso especifico γ= 610 Kg/m³. 9,81 m/s² γ= 5,984 N/m³ A massa especifica da água é aproximadamente 1000 kg/m³. Portanto seu peso especifico é de: γ (H20) = ρ*g γ(H20) = 1000 kg/m³ . 9,81 m/s² γ (H20) = 9810 N/m³ Densidade (d) D=γf/(γ(H2O)) = (5984 N/m³)/(9810 N/m³) = 0,610 (adimensional) 2 – A viscosidade cinemática de um óleo é 0,028 m/s² e...

    1202  Palavras | 5  Páginas

  • manual prc3a1tico do mestre de obras 20 hellip

    --------------- 19 5.6 BROCAS -------------------------------------------------------------------------------------------------------- 20 Tipos de encaixe ------------------------------------------------------------------------------------------ 20 Tipos de broca --------------------------------------------------------------------------------------------- 20 6 SERVIÇOS PRELIMINARES E GERAIS ---------------------------------------------------------- 21 6.1 MEMORIAL DESCRITIVO---------------...

    43272  Palavras | 174  Páginas

  • Pesquisa operacional

    sua viscosidade dinâmica em unidades dos sistemas Métrico. A peso específico da água é aproximadamente 1000 kgf/m3. 02. Duas placas planas paralelas estão situadas a 3 mm de distância. A placa superior move-se com velocidade de 4m/s, enquanto que a inferior está imóvel. Considerando que um óleo (ν = 0,15 stokes e ρ = 905 kg/m3 ) ocupa o espaço entre elas, determinar a tensão de cisalhamento que agirá sobre o óleo. 03. Uma placa retangular de 4 m por 5 m escorrega sobre o plano inclinado...

    567  Palavras | 3  Páginas

  • lista de mecanica dos fluidos

    kg/m3. Determinar o peso especifico e a densidade deste combustível. (considerar g=9,8 m/s2). 2) Sabendo-se que 800 gramas de um líquido enchem um cubo de 0,08 m de aresta, obter a massa específica desse fluido. 3) Enche-se um frasco com 3,06 g de ácido sulfúrico. Repete-se a experiência, substituindo o ácido por 1,66 g de água. Obter a densidade relativa do ácido sulfúrico. 4) Uma caixa de 1,5 x 1,0 x 1,0 m armazena 1.497,5 kg de água. Determine o peso específico da água em N/m3 e kgf/m3. Considere...

    512  Palavras | 3  Páginas

  • Estática dos fluidos

    kg/m3. Determinar o peso específico e o peso específico relativo deste combustível. ( considerar g = 9,8 m/s2 ) 2. Um reservatório graduado contém 500 ml de um líquido que pesa 6 N. Determine o peso específico, a massa específica e o peso específico relativo do líquido ( considerar g=9,8 m/s2 ) 3. A viscosidade cinemática de um óleo leve é 0,033 m2/s e a seu peso específico relativo é 0,86. Determinar a sua viscosidade dinâmica em unidades dos sistemas Métricos. 4. Duas placas planas paralelas estão...

    1867  Palavras | 8  Páginas

  • fenômenos de transporte

    aderem aos pontos dela, com os quais estão em contato. Ou seja as partículas fluidas junto ás superfícies sólidas adquirem as velocidades dos pontos das superfícies com as quais estão em contato Junto à placa superior as partículas do fluido têm velocidade diferente de zero. Junto à placa inferior as partículas têm velocidade nula. 4 Notas de aula: Profº Cleber alves Autor do material: prof. Douglas esteves Entre as partículas de cima e as de baixo existirá atrito, que por ser uma...

    2736  Palavras | 11  Páginas

  • Mec Flu I

    Sistema de Unidades Grandeza Símbolo Unidade CGS MKS MK*S Comprimento L cm m m Massa M g kg utm Força F dina N kgf Tempo T s s s Lista de Exercícios – Prof. Paulo (1) Uma caixa d’água é enchida em 30 minutos. Qual a vazão da torneira se a caixa tem 2m3 ? Resp.: 4 m3/h. (2) Um tubo admite água (ρ=100utm/m3), num reservatório com uma vazão de 20 l/s. No mesmo reservatório é trazido óleo (ρ=80utm/m3) por outro tubo com a vazão de 10 l/s. A mistura homogênea formada é descarregada...

    1042  Palavras | 5  Páginas

  • Aula 1 Introdu o Defini o e Propriedades dos Fluidos

    superfície livre , são incompressíveis , indilatáveis Gases: não admitem superfície livre , compressíveis , dilatáveis Podemos fazer uma comparação entre um corpo sólido e um fluido. Para isso vamos considerar a experiência das duas placas. Seja um sólido preso entre duas placas planas, uma inferior fixa e outra superior móvel solicitada por uma força tangencial como na figura abaixo. Observamos pela figura que mantida a força Ft constante o sólido se deforma angularmente até alcançar uma nova posição...

    3108  Palavras | 13  Páginas

  • Fluidos

    1 - Determine o peso de um reservatório de óleo que possui uma massa de 825 kg. P=mg=825.10=8250kg.ms2=8250N 2 - Se o reservatório do exemplo anterior tem um volume de 0,917 m3 determine a massa específica, peso específico e densidade do óleo. ρ=mV=825Kg0,917m3=899,7kg/m³ γ=ρg=899,7kgm3.10ms2=8997N/m³ 3 - Se 6,0m3 de óleo pesam 47,0 kN determine o peso específico, massa específica e a densidade do fluido. DADOS: V=6,0 m3 P=47KN=47000N γ=PV=mgV=ρg↔γ=47000N6,0m3=7,83N/m³ 4 -...

    1504  Palavras | 7  Páginas

  • fenotran

    com volume de 1.200 L, determine sua massa específica, seu peso específico e sua densidade relativa. Dados: g = 9,8 m/s², 1000 L = 1m³. R: ρ = 250 kg/m3, γ = 2.450 N/m3, d = 0,25 2) Um reservatório graduado contém 300 L de um líquido que pesa 600 N. Determine o peso específico (kgf/m3), a massa específica (utm/m3) e a densidade desse líquido. Dados: ρ = 102 utm/m3 (4°C), γ água = 103 kgf /m3 (4°C), g = 9,8 m/ s², 1kgf = 9,81 N. R: γ = 203,87 kgf /m3, ρ = 20,81 utm/m3, d = 0,204 3)...

    1158  Palavras | 5  Páginas

  • Mecanica

    Superfície e onde A é a área da superfície da placa 3. Propriedades • Viscosidade absoluta ou dinâmica (μ) Princípio da aderência: As partículas fluidas junto ás superfícies sólidas adquirem as velocidades dos pontos das superfícies com as quais estão em contato. [pic] Junto à placa superior as partículas do fluido têm velocidade diferente de zero. Junto à placa inferior as partículas têm velocidade nula. Entre as partículas de cima e as de baixo...

    3370  Palavras | 14  Páginas

  • Fenômenos de transporte

    14,59 kg - FORÇA: 1 kgf = 9,81 N 1 N = 105 dina 10-9 = nano (n) • 1 ft = 12 in 1 lb = 0,454 kgf Exercício 6 2/29/2012 Aula 1 – Conceitos Básicos • PROPRIEDADES DOS FLUIDOS • MASSA ESPECÍFICA (ρ) Exemplo - água: ρ = 1000 kg/m3 (5°C) ρ = 958,4 kg/m3 (100°C) 7 2/29/2012 Aula 1 – Conceitos Básicos • PROPRIEDADES DOS FLUIDOS • PESO ESPECÍFICO (γ) Dimensões: ML-2T-2 FL-3 Unidades: N/m3 - kgf/m3 - lb/ft3 Exemplo - água: γ = 9806 N/m3 = 62,4 lb/ft3 (5° C) 8 ...

    1372  Palavras | 6  Páginas

  • Intro

    esquema de escoamento de água entre duas placas planas horizontais de grandes dimensões e separadas por uma distância d muito pequena. A placa inferior permanece em repouso, enquanto a placa superior está em movimento com velocidade constante, de forma que resulta uma distribuição linear de velocidade de escoamento de água. Sendo a viscosidade da água 1cP, determine: a) o gradiente de velocidade de escoamento; b) a tensão de cisalhamento na placa superior; c) se no lugar da água existisse...

    815  Palavras | 4  Páginas

  • Exercicios

    variação de volume de 60 litros correspondente a um acréscimo de pressão de 5 x 104 KN/m2. Calcule o volume inicial do fluido. (Kfluido= 1,5 GPa). (Resposta 1,8 m³) 2. Um cilindro de aço de 25 mm de diâmetro e 30 cm de altura cai sob a ação do peso próprio, com velocidade constante de 0,15 m/s, por dentro de um tubo ligeiramente maior. Existe uma película de óleo de rícino, com espessura constante, entre o cilindro e o tubo. Determinar a espessura dessa camada de óleo considerando uma temperatura...

    1780  Palavras | 8  Páginas

  • Fenomenos dos transportes

    81m/s2, determinar: a) o volume do bloco de ferro; b) massa de água que o bloco desloca. Determine o peso de um reservatório de óleo que possui uma massa de 825kg. A aceleração da gravidade é 9,81m/s². (PUCRS). Se o reservatório do exemplo anterior tem um volume de 0,917 m³, determine a massa específica, peso específico e densidade do óleo. (PUCRS). Se 6,0m³ de óleo pesam 47,0 kN, determine o peso específico, massa específica e a densidade do fluido. (PUCRS. Um sólido possui massa igual a 7.000kg...

    1308  Palavras | 6  Páginas

  • mecanica dos solos - diagrama de tensões

    parte dos problemas de engenharia de solos, é necessário o conhecimento do estado de tensões em pontos do subsolo, antes e depois da construção de uma estrutura qualquer. As tensões na massa de solo são causadas por cargas externas ou pelo próprio peso do solo. As considerações acerca dos esforços introduzidos por um carregamento externo são bastante complexas e seu tratamento, normalmente se dá, a partir das hipóteses formuladas pela teoria da elasticidade. 7.2 Tensões geostáticas (tensões...

    8262  Palavras | 34  Páginas

  • ATPS T1 1 Bim MEC FLU Eng Mec

    Determinar o peso específico e a densidade. Respostas: 5978N/m3 e 0,610. 2) A viscosidade cinemática de um óleo é 0,028m2/s e sua densidade é 0,9. Determinar a viscosidade dinâmica. 3) Um tanque de ar comprimido contém 6kg de ar a 80°C, com peso específico de 38,68N/m3. Determine o volume do tanque. Resposta: 1,52m3. 4) O peso de 3dm3 de uma substância é 2,7Kgf. A viscosidade cinemática é 10-5m2/s. Se g é 10m/s2, determine a viscosidade dinâmica. 5) Uma placa quadrada de 1m de lado e 20N de...

    981  Palavras | 4  Páginas

  • Fundações apostila

    dos furos 3 – Sondagens Rotativas e mistas 3.1 – Equipamentos 3.2 – Execução da sondagem – Procedimentos 3.3 – Apresentação dos resultados 3.4 – Sondagens mistas 4 – Estimativa dos parâmetros dos solos a partir do SPT 4.1 – Introdução 4.2 – Peso específico 4.3 – Parâmetros de resistência 4.4 – Parâmetros de compressibilidade 5 – Bibliografia Pg 06 06 06 09 15 17 18 18 19 19 23 24 26 26 26 26 28 28 29 CAPÍTULO II – FUNDAÇÕES : CLASSIFICAÇÃO,TIPOS,CONCEITOS BÁSICOS...

    21992  Palavras | 88  Páginas

  • fundações

    dos furos 3 – Sondagens Rotativas e mistas 3.1 – Equipamentos 3.2 – Execução da sondagem – Procedimentos 3.3 – Apresentação dos resultados 3.4 – Sondagens mistas 4 – Estimativa dos parâmetros dos solos a partir do SPT 4.1 – Introdução 4.2 – Peso específico 4.3 – Parâmetros de resistência 4.4 – Parâmetros de compressibilidade 5 – Bibliografia Pg 06 06 06 09 15 17 18 18 19 19 23 24 26 26 26 26 28 28 29 CAPÍTULO II – FUNDAÇÕES : CLASSIFICAÇÃO,TIPOS,CONCEITOS BÁSICOS...

    22115  Palavras | 89  Páginas

  • Apostila de Fundacoes

    dos furos 3 – Sondagens Rotativas e mistas 3.1 – Equipamentos 3.2 – Execução da sondagem – Procedimentos 3.3 – Apresentação dos resultados 3.4 – Sondagens mistas 4 – Estimativa dos parâmetros dos solos a partir do SPT 4.1 – Introdução 4.2 – Peso específico 4.3 – Parâmetros de resistência 4.4 – Parâmetros de compressibilidade 5 – Bibliografia Pg 06 06 06 09 15 17 18 18 19 19 23 24 26 26 26 26 28 28 29 CAPÍTULO II – FUNDAÇÕES : CLASSIFICAÇÃO,TIPOS,CONCEITOS BÁSICOS...

    21611  Palavras | 87  Páginas

  • atps de hidrostatica

    Utm – unidade de massa na qual a força de intensidade 1Kgf imprime aceleração de 1m/s2. 1 utm = 9,80665 Kg 1Kg = 1/9,80665 utm ou 1/9,81 utm b) Força: 1N para 1Kgf e 1N para 1 dina 1N = 1/9,81 Kgf 1Kgf = 9,81 N 1N = 105 dina 1 dina = 10-5 N c) Viscosidade dinâmica: 1 poise em dina.s/cm2 e 1 poise para N*s/m2 µ = dina *s /cm2 = poise 1 poise = 1 dina *s /cm2 1 poise = 0,1 N*s/m2 ou 10-1 N*s/m2 1 N*s/m2 = 10 poise d) Viscosidade cinemática :1 stoke em cm2 e 1 stoke em m2/s 1 stoke...

    2617  Palavras | 11  Páginas

  • Gran p e gran n

    etílico obtido da cana-de-açúcar. Estes átomos foram grupados de modo a formar um cristal de diamante. Em sua fabricação são despendidas 24 horas para que se obtenha uma placa de 1cm2. Suponha que esses cientistas, nas mesmas condições e mantendo o ritmo de produção constante, quisessem produzir uma placa quadrada, com 1m2 de lado e mesma espessura da anterior. A ordem de grandeza do tempo necessário, em horas, para que o trabalho seja concluído é: a) 104 ...

    2014  Palavras | 9  Páginas

  • Online

    DE COMPLEMENTO DE RESISTÊNCIA DOS MATERIAIS CONSISTE NA RESOLUÇÃO DE EXERCICIOS, COM SUAS DEVIDAS JUSTIFICATIVAS. Exercício 1: O valor da tensão máxima de compressão na viga prismática de concreto armado da figura após a cura do concreto, só com o peso próprio, vale: São dados: gc=2,5tf/m³; galv =2,0tf/m³; e=0,8m A - σ máx = 20tf/m² B - σ máx = 27tf/m² C - σ máx = 270tf/m² D - σ máx = 520tf/m² E - σ máx = 700tf/m² O aluno respondeu e acertou. Alternativa(C) Comentários: B - Calcular carga distribuida...

    5863  Palavras | 24  Páginas

  • Fisica

    a intensidade da força magnética. 06. A espira ACDE está imersa num campo magnético uniforme de indução . A espira é percorrida por uma corrente de intensidade i, no sentido indicado na figura. Represente as forças magnéticas que agem nos lados AC e DE. 07. (MACKENZIE) Um estudante carregava um imã na forma de barra, conforme a ilustração abaixo, quando ele o soltou de sua mão e, devido ao impacto com o solo, quebrou-se praticamente em duas partes iguais, ao logo da linha pontilhada....

    3301  Palavras | 14  Páginas

  • Curso De Funda Es Volume 1

    Locação dos furos 3 – Sondagens Rotativas e mistas 3.1 – Equipamentos 3.2 – Execução da sondagem – Procedimentos 3.3 – Apresentação dos resultados 3.4 – Sondagens mistas 4 – Estimativa dos parâmetros dos solos a partir do SPT 4.1 – Introdução 4.2 – Peso específico 4.3 – Parâmetros de resistência 4.4 – Parâmetros de compressibilidade 5 – Bibliografia Pg 06 06 06 09 15 17 18 18 19 19 23 24 26 26 26 26 28 28 29 CAPÍTULO II – FUNDAÇÕES : CLASSIFICAÇÃO,TIPOS,CONCEITOS BÁSICOS, DIMENSIONAMENTOS 1 – Classificação...

    22776  Palavras | 92  Páginas

  • INSTRUMENTAÇÃO E

    TT ÁGUA QUENTE ELEMENTO PRIMÁRIO VAPOR E.F.C. (VÁLVULA DE DIAFRAGMA) PROCESSO CONDENSADO 1.2 DEFINIÇÃO DAS UNIDADES O Sistema Internacional de Unidades, abreviação SI, é o sistema desenvolvido na conferência geral de pesos e medidas e é adotado em quase todas as nações industrializadas do mundo. METRO: é o comprimento igual a 1.650.763,73 comprimentos de onda no vácuo de radiação, correspondente à transição entre os níveis 2p10 e 5d5 do átomo de Criptônio - 86. SEGUNDO:...

    7396  Palavras | 30  Páginas

  • Placa mãe

    uma ótima escolha ao adquirir este manual. Ele irá lhe proporcionar conhecimentos até hoje pouco explorados e procedimentos de manutenção até hoje desconhecidos pela maioria. Todo esse trabalho é fruto de meses de pesquisa e estudos. O conserto de placa-mãe é uma atividade lucrativa, mas que exige muito empenho, estudo e disciplina além de investimentos em ferramentas apropriadas para o trabalho com microeletrônica. Logo a necessidade de conhecimentos de eletrônica será indispensável e facilitará...

    20636  Palavras | 83  Páginas

  • Calculo 1

    para 1 utm e 1 kg para 1 utm b) Força: 1 N para 1 kgf e 1 N para 1 dina c) Viscosidade dinâmica: 1 poise em dina.s/cm² e 1 poise para N.s/m² d) Viscosidade cinemática: 1 stoke em cm²/s e 1 stoke em m²/s 01. FUNDAMENTOS DA HIDROSTÁTICA E CALORIMETRIA 1º semestre EXERCÍCIOS – LISTA I - (Pág. 02/08) 2) Sabendo-se que 1500kg de massa de uma determinada substância ocupa um volume de 2m³, determine a massa específica, o peso específico e o peso específico relativo dessa substância. Dados:...

    3130  Palavras | 13  Páginas

  • Mecânica dos fluidos

    email para joseneigodoi@yahoo.com.br). Resumo de fórmulas: MK*S CGS SI Fórmula ߬- Tensão de Cisalhamento Kgf/m^2 Dina/cm^2 N/m^2 ߬= ܨ ܣ μ– viscosidade Dinâmica Kgf*s/m^2 Dina*s/cm^2 N*s/m^2 ߬= ߤ ݒ ߝ γ – Peso Específico Kgf/m^2 Dina/cm^2 N/m^3 ߛ= ܩ ܸ ρ – massa específica Utm/m^3 g/cm^3 Kg/m^3 ߛ= ߩ ∗ 9,8 γr – Peso espec. relativo Kgf/m^3 Dina/m^3 N/m^3 ߛ= ߛݎ ߛܪ2ܱ ߭– Viscosidade Dinâmica M^2/s Cm^2/s ou stoke M^2/s ߭= ߤ ߩ ܲ1 ܸ1 ܶ1 = ܲ2 ܸ2 ܶ2 ݊ = ݉ /ܯ Nº de Mols =...

    3611  Palavras | 15  Páginas

  • Estática dos fluidos

    diferentes pesquisadores utilizavam unidades de medida diferentes, existia um grande problema nas comunicações internacionais. Como poderia haver um acordo quando não se falava a mesma língua? Para resolver este problema, a Conferência Geral de Pesos e Medidas (CGPM) criou o Sistema Internacional de Unidades (SI). O Sistema Internacional de Unidades (SI) é um conjunto de definições, ou sistema de unidades, que tem como objetivo uniformizar as medições. Na 14ª CGPM foi acordado que no Sistema...

    1861  Palavras | 8  Páginas

  • PLACAS BOMBEIROS

    PAULO INSTRUÇÃO TÉCNICA Nº 20/2004 Sinalização de Emergência capitulo20 447 SUMÁRIO ANEXOS 1 Objetivo 2 Aplicação A Formas geométricas e dimensões para a sinalização de emergência 3 Referências normativas e bibliográficas 4 Definições 5 Procedimentos gerais 6 Procedimentos específicos Sinalização de Emergência Corpo de Bombeiros B Simbologia para sinalização de emergência C Exemplos de instalação de sinalização 2/28/05 5:18:57 PM Instrução Técnica nº 20/2004 - Sinalização de Emergência...

    7143  Palavras | 29  Páginas

  • Placa solar automatica

    não poupou esforços para ajudar a concretizar este trabalho. Aos Servidores do IFF que prestaram todo o apoio nesta empreitada. Estendo o agradecimento também ao professor Julio Normey Rico da Universidade Federal de Santa Catarina por ter doado a Placa DAQ Tatiana ao IFF Macaé o que tornou possível este feito. À minha esposa que soube abdicar da minha atenção e amor quando me dedicava ao trabalho. Aos meus pais que sonharam junto comigo e torcem sempre pelo meu sucesso. Aos meus grandes amigos da...

    20007  Palavras | 81  Páginas

  • estudante

    LISTA – 2 EXERCÍCIOS VISCOSIDADE 1. Um bloco de 50 kg desloca-se numa placa plana horizontal com uma velocidade constante de 2,0 m/s. A área da base do bloco é de 3×104 mm2. Determinar a força a que o bloco está sujeito se: a) Não existir lubrificante (atrito seco) e o coeficiente de atrito for f = 0,2; (Resp. 100 N) b) Existir uma película de óleo com 0,2 mm de espessura e viscosidade μ = 0,9 Poise. (Resp. 27 N) 2. Um óleo de viscosidade dinâmica μ = 4.524×10-6 kgf⋅s/m² escoa, em regime...

    840  Palavras | 4  Páginas

  • IN 20 MAPA

    de uma solução sob a forma de porcentagem pode estar em uma das quatro formas: a) Por cento p/p (peso em peso), compreendida como x gramas da substância contidas em 100 g da solução; b) Por cento p/v (peso em volume), expressando x gramas da substância em 100mL da solução; c) Por cento v/v (volume em volume), significando xmL da substância em 100mL da solução; d) Por cento v/p (volume em peso), expressando xmL da substância em 100 g da solução. Instrumentos mais precisos podem ser substituídos...

    29636  Palavras | 119  Páginas

  • Aprenda já

    [pic] NOME: _____________________ N° ___ TURMA: ___ DATA: ___/___/ 2008. 1) Ache a densidade absoluta, em g/cm3, de um corpo de forma cúbica com aresta 10cm e massa 2kg. 2) O corpo com a forma de paralelepípedo indicado na figura tem massa de 6 kg. Determine sua densidade absoluta em g/cm3. [pic] 3) A densidade de um corpo é de 1,8 g/cm3 e seu volume é de 10 cm3. Determine a massa desse corpo. 4) Um corpo...

    2534  Palavras | 11  Páginas

  • fisica II

    sentido do campo elétrico. Caraga do eletron é: 1,6 x 10^-19 C F=m.a/e F= (9,1x10^-31x1,8x10^9)/(1,6x10^-18) F=0,01N = 1,02x10^-2N F=q.e E=1,02x10^-2=1,6x10^-19 E=-6,375x10^15 N/C horizontal, para esquerda 4) Qual seria a força eletrostática entre duas cargas de 1 coulomb separadas por uma distância de (A) 1m e (B) 1km se tal configuração pudesse ser estabelecida? a) F= (k0.q^2)/(d^2) F= (9x10^9x1,0^2)/(1,0)^2 F= 9x10^9N b) F=(9x10^9x1,0^2)/(1000)^2 F= 9x10^3N 5) Tres particulas...

    1628  Palavras | 7  Páginas

  • TÍTULO: ESTUDO DE LIXIVIANTES ALTERNATIVOS PARA EXTRAÇÃO DE METAIS DE PLACAS DE CIRCUITO IMPRESSO

    TÍTULO: ESTUDO DE LIXIVIANTES ALTERNATIVOS PARA EXTRAÇÃO DE METAIS DE PLACAS DE CIRCUITO IMPRESSO Patricia Melo Halmenschlager Petter – patymhp@yahoo.com.br Universidade Federal do Rio Grande do Sul Escola de Engenharia - Departamento de Materiais LACOR - Laboratório de Corrosão, Proteção e Reciclagem de Materiais Av. Bento Gonçalves, 9500; Setor IV Prédio 74; Campus do Vale - Bairro Agronomia CEP: 91509-900 Porto Alegre - RS - Brasil. Andréa Moura Bernardes – amb@ufrgs.br Universidade Federal...

    3579  Palavras | 15  Páginas

  • 128 IME Fisica 89 A 99

    invariantes no tempo, são definidos pelas curvas características dadas abaixo (figura 3 e 4). Esboce a forma de onda da corrente i(t), total, do circuito, em função do tempo. I(t) E(V ) 03) (IME-89) Uma massa M = 20 kg é suspensa por um fio de comprimento l = 10 m, inextensível e sem peso, conforme mostra a figura. A barra ABC gira em torno do seu eixo vertical com velocidade angular constante de forma que o fio atinge a posição indicada. Determine: C D a) a velocidade angular da barra; b) a tração...

    8650  Palavras | 35  Páginas

  • Trab Fisica

    massa 400 g possui uma carga elétrica embutida positiva de 10,0 C e encontra-se em repouso em uma superfície definida pelo plano zy no ponto A, como é  representado na figura a seguir. Um campo elétrico uniforme e constante E, de intensidade 1,00 x 102 N/C, é mantido ligado acelerando linearmente o bloco, até este atingir o ponto B. No  trecho entre os pontos B e C, um campo magnético uniforme e constante B é aplicado perpendicularmente ao plano xy representado por esta folha de papel e com sentido...

    2486  Palavras | 10  Páginas

  • Estática nas estruturas

    Solicitantes. .............................................................................. 19 4.3. Exemplos............................................................................................................................................ 20 4.4. Exercícios. .......................................................................................................................................... 24 5. Linhas de Estado. ....................................................................

    13436  Palavras | 54  Páginas

  • transportadora helicoidalls

    Bahia Escola Politécnica Departamento de Engenharia Mecânica ENG320 – Transporte Mecânico Projeto e Construção de um Transportador Helicoidal Autores: Cristiano L. do Sacramento Fernando J. Quito da S. Filho Guilherme O. Souza Jorge A. N. Rêgo Professor: Roberto C. Sacramento Salvador Outubro 2003 2 ÍNDICE ANALÍTICO 1 Objetivo .................................................................................................................................. 4 2 Descrição...

    5769  Palavras | 24  Páginas

  • fluido

    uma força perpendicular nas superfícies submersas quando está em repouso, devido a ausência de tensões de cisalhamento, e a pressão varia linearmente com a profundidade se o fluido for incompressível. p =  .h Superfície livre p = patm h Peso Específico = γ FR p = patm Eliane Justino - Curso de Engenharia Civil - UFG/Catalão O módulo da força resultante sobre a superfície inferior do tanque do líquido é: ∑ FV = FR FR = p. A Onde: p = pressão da superfície inferior A...

    8552  Palavras | 35  Páginas

  • Peso Especifico

    ENSAIO DE DETERMINAÇÃO DO PESO ESPECÍFICO NATURAL DISCUSSÃO GERAL O peso específico in situ de um solo é uma das propriedades mais importantes e necessárias na investigação de solos. É definido como o peso total do solo (solo mais água) por unidade de volume. Seu valor depende do peso específico dos sólidos, da porosidade e do grau de saturação. O peso específico é largamente utilizado no controle da compactação de aterros e das camadas de base para pavimento, é também utilizado no cálculo...

    1628  Palavras | 7  Páginas

  • FENOMENOS DE TRANSPORTE

    Profa: Suely Midori Aoki Exercícios – Hidrostática Conceitos 1. A massa específica de um fluido é 610 kg/m3. Determinar o peso específico e a densidade. Respostas : 5978 N/m3 e 0,610 2. A viscosidade cinemática de um óleo é 0,028 m2/s e sua densidade é 0,9. Determinar a viscosidade dinâmica no sistema métrico.Resposta : 2,58 Kgf.s/m 3. Um pistão de peso 4N move-se dentro de um cilindro com uma velocidade constante de 2 m/s. O diâmetro do cilindro é 10,1 cm e o do pistão é 10,0 cm...

    550  Palavras | 3  Páginas

  • Hidraulica

    1 UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS CESET- CENTRO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO UNIVERSITÁRIA : “MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL” D I S C I P L I N A CET-301-FUNDAMENTOS DE MODELAGEM MATEMÁTICA E TÉCNICAS DE SIMULAÇÃO APLICADOS A SISTEMAS AMBIENTAIS PROF. RENATO TAKAMI MARÇO/2005 2 ÍNDICE Capítulos 1 – Propriedades dos Fluidos e Definições............................................................................6 1.1-Definições de Fluidos...

    24879  Palavras | 100  Páginas

  • TERMOLOGIA: TERMOMETRIA, CALORIMETRIA, DILATAÇÃO, TERMODINÂMICA E ENTROPIA.

    unidade de temperatura, como: . Lâmina bi metálica Uma das aplicações da dilatação linear mais utilizadas no cotidiano é para a construção de lâminas bi metálicas, que consistem em duas placas de materiais diferentes, e, portanto, coeficientes de dilatação linear diferentes, soldadas. Ao serem aquecidas, as placas aumentam seu comprimento de forma desigual, fazendo com que esta lâmina soldada entorte. As lâminas bi metálicas são encontradas principalmente em dispositivos elétricos e eletrônicos,...

    3839  Palavras | 16  Páginas

  • Hidrulica aplicada

    UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS CESET- CENTRO SUPERIOR DE EDUCAÇÃO TECNOLÓGICA CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO UNIVERSITÁRIA : “MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL” D I S C I P L I N A CET-301-FUNDAMENTOS DE MODELAGEM MATEMÁTICA E TÉCNICAS DE SIMULAÇÃO APLICADOS A SISTEMAS AMBIENTAIS PROF. RENATO TAKAMI MARÇO/2005 2 ÍNDICE Capítulos 1 – Propriedades dos Fluidos e Definições............................................................................6 1.1-Definições de Fluidos...

    24878  Palavras | 100  Páginas

  • trabalho

    Nome: 1. A viscosidade cinemática de um óleo é 0,0028m2/s e o seu peso específico é 85% do da água. sidade Calcule sua viscosidade dinâmica. 2. Três litros de uma substância pesam 23,5N. A viscosidade cinemática é 0,1cm2/s. Calcule a viscosidade dinâmica. 3. Duas placas paralelas mantém uma distância de 2mm, com o espaço entre elas preenchido com óleo de viscosidade cinemática 10-3m2/s e peso específico de 830kg/m3. A placa superior move move-se com velocidade de 4m/s, enquanto a inferior...

    1472  Palavras | 6  Páginas

  • Fundações

    Sondagem 3 0m SPT 0m SPT 0m SPT 1m 2 1m 8 1m 9 2m 6 2m 12 2m 12 3m 9 3m 15 3m 3 4m 15 4m 20 4m 5 5m 25 5m 25 5m 10 6m 30 6m 28 6m 12 7m 32 7m 30 7m 15 8m 35 8m 39 8m 18 • S1 apresenta SPT maior que 8 abaixo de 2 m. • S2 apresenta SPT (N) igual a 8 logo no primeiro metro. • S3 – 0 a 1m camada resistente e de 2 a 3 m 4 uma camada frágil...

    3029  Palavras | 13  Páginas

  • lista f

    combustível leve é 805 kg/m3. Determinar o peso específico e a densidade deste combustível. (considerar g = 9,81 m/s2). Cálculo do peso específico Ɣ = ƿ x g Ɣ = 805kg/m3 x 9,81m/s2 Ɣ = 7897N/m3 Considerando Ɣh2o = 1000kg/m3 Ɣh2o = ƿ x g Ɣh2o = 1000kg/m3 x 9,81 m/s2 Ɣh2o = 9810N/m3 Calculo da densidade. Ɣr = Ɣr = Ɣr = 0,805 2 ) A Massa específica de um fluído é 1200kg/m³. Determinar o seu peso específico e o peso específico relativo (g=9,8m/s²). Cálculo do peso específico. Ɣ = ƿ x g Ɣ = 1200kg/m3...

    937  Palavras | 4  Páginas

  • matemática

    Cadernos de apoio e aprendizagem EN D E O R I E N T A Ç Õ E S FUN DA M E N T EF • P R O G R A M A NO • O 4O A N SI 9 ano 8A N OS o II L A C U R R I C U L A R E S 2010 MAT9ºAno.indd 1 9/15/10 4:37 PM MAT9ºAno.indd 2 9/15/10 4:37 PM Prefeitura da Cidade de São Paulo Fundação Padre Anchieta Prefeito Gilberto Kassab Presidente João Sayad Vice-Presidentes Ronaldo Bianchi Fernando Vieira de Mello Secretaria Municipal...

    36716  Palavras | 147  Páginas

  • Sistema de elevação

    .... - 20 6.7.2 Especificação dos motores......................................................................... - 20 6.8 Quanto ao cabo de aço.................................................................................... - 21 6.9 Quanto ao gancho......................................................................................... - 21 7 Funcionamento................................................................................................. - 21 7 .1 Ligação da placa de Ponte...

    7743  Palavras | 31  Páginas

  • Matématica

    mm Hg, deve encontrar uma leitura do manômetro igual a? (considere que a pressão absoluta da experiência é a mesma nos dois casos). 9) Achar a diferença de pressão entre os tanques A e B da figura: dl = 30 cm    d2 = 15 cm    d3 = 45 cm    d4 = 20 cm pHg = 13,6 g/cm3 10) Quando se deseja grande precisão numa medida de pressão utiliza-se o micromanômetro, desenhado abaixo. Calcular a diferença de pressão Pa - Pb em função de s, d, 1 e 2. os recipientes A e B contêm ar. 11) Explicar porque...

    2771  Palavras | 12  Páginas

  • IT 20 Sinalizacao_de_emergencia GOV

    457 Instrução Técnica nº 20/2011 - Sinalização de emergência SECRETARIA DE ESTADO DOS NEGÓCIOS DA SEGURANÇA PÚBLICA POLÍCIA MILITAR DO ESTADO DE SÃO PAULO Corpo de Bombeiros INSTRUÇÃO TÉCNICA Nº 20/2015 Sinalização de emergência ANEXOS SUMÁRIO 1 Objetivo 2 Aplicação 3 Referências normativas e bibliográficas 4 Definições 5 Procedimentos gerais 6 Procedimentos específicos A Formas geométricas e dimensões para a sinalização de emergência B Simbologia para sinalização de emergência...

    9254  Palavras | 38  Páginas

  • Exercício de Aletas

    espessura de 0,7 mm. O cilindro base, cuja espessura é 1 mm, está perfeitamente ajustado ao transistor e tem resistência térmica desprezível. Sabendo que ar fluindo a 20 oC sobre as superfícies das aletas resulta em um coeficiente de película de 25 W/m2.K, calcule o fluxo de calor dissipado quando a temperatura do transistor for 80 oC. n = 12 aletas k Al 200 W m. K l 10mm 0, 01m rt 2 mm 0,002 m ec 1 mm 0, 001m rc rt  ec 2  1 3mm 0 ,003m b 6mm 0,006m e 0, 7mm 0 ,0007m TS h 20o C ...

    3470  Palavras | 14  Páginas

  • Acustica

    que ficou legal o resultado e acreditando ser de utilidade e interesse de todos, resolvi compartilhar meu trabalho de reunir as informações. Ressaltando que não são de minha autoria, no máximo fiz algumas adaptações e textos introdutórios. 7 4 M A N U A L _ A C U S T I C A _ E S T U D I O S . D O C Capítulo Princípios para elaboração de um estúdio de gravação 1 A cada ano, no Brasil, o número de estúdios cresce em progressão geométrica, e isso se deve, principalmente, aos sucessivos...

    11318  Palavras | 46  Páginas

  • 24 Taxas Relacionadas

    n. 24 – TAXAS RELACIONADAS ou TAXAS DE VARIAÇÃO RELACIONADAS APLICAÇÕES DAS DERIVADAS Se duas grandezas variáveis estão relacionadas entre si através de uma terceira grandeza, então suas taxas de variação em relação a esta grandeza da qual dependem também estarão. Se y depende de x e dy dy dx x depende de t, temos: dt  dx  dt Exemplos: 1. Supondo uma placa de metal submetida a uma elevada temperatura. Essa placa de metal é quadrada e conforme o tempo vai passando essa placa vai dilatando segundo...

    1834  Palavras | 8  Páginas

tracking img