• TCC - A CONTRIBUIÇÃO DOS JOGOS NA ALFABETIZAÇÃO
    ação vem carregada de simbolismo que dá sentido à ação, reforça a motivação e possibilita a criação de outras ações. Nas palavras de Ferreiro, o brincar auxilia no desenvolvimento mental e intelectual da criança e, através do jogo, ela entende, aprende melhor, desenvolve sua inteligência e é muito importante...
    3929 Palavras 16 Páginas
  • 1572309
    em 15/01/2011.   FORTUNA, Tânia Ramos. Papel do brincar: aspectos a considerar no trabalho lúdico. Revista do Professor. Porto Alegre, p.9-14, jul/set.2002   KISHIMOTO, Tizuco Morchida. O jogo e a educação infantil. In.: KISHIMOTO, Tizuco Morchida (org.). Jogo, brinquedo, brincadeira e educação. 4ª...
    1023 Palavras 5 Páginas
  • Ludicidade
    artigo propõe um olhar reflexivo sobre a importância do lúdico na educação infantil, sendo que é nesse contexto que o brincar tem real importância. Abordamos a importância do brincar e suas contribuições no processo de ensino- aprendizagem, pois a brincadeira ajuda a criança no seu desenvolvimento físico...
    3587 Palavras 15 Páginas
  • Educação
    A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR E O APRENDER NA EDUCAÇÃO INFANTIL RESUMO O objetivo geral do estudo realizado é demonstrar o quanto a brincadeira é importante no processo educativo da criança, uma vez que através da brincadeira a criança aprende, reproduz, constrói e reconstrói...
    5045 Palavras 21 Páginas
  • Tcc projeto
    INFANTIL PROBLEMA • O jogo favorece a imaginação da criança? • Aprende-se brincando? • Brincar é uma necessidade básica assim como a nutrição? • O jogo e a brincadeira pode se considerar como cultura? OBJETIVO ...
    849 Palavras 4 Páginas
  • Educação infantil
    compreensão e carinho que me dedicou, incentivando-me sempre na construção desse trabalho. 6 Pelo brincar, a criança reorganiza suas experiências. Oferecer oportunidades para a criança brincar é criar espaço para a reconstrução do conhecimento. VYGOTSKI 7 RESUMO Este trabalho tem como...
    9116 Palavras 37 Páginas
  • Tcc - a contribuição do lúdico no processo de aquisição do conhecimento na educação infantil
    desenvolvimento, à aquisição do conhecimento e à aprendizagem infantil a partir da ação lúdica da criança, na tentativa de explicitar a prática como expressão da teoria. E ainda, na tentativa de atingir outros aspectos, como: • Comunicação • Sociabilização • Resgate de valores • Trabalhar e viver em comunidade...
    9602 Palavras 39 Páginas
  • Projeto multidisciplinar
    eproporcionando estudos e pesquisas de vários e renomados cientistas. Ocupa papel de fundamental importância e tende a intensificar-se cada vez mais. |Teorias |Psicologia-Aspectos |Contribuições para o âmbito | | |Conceituais...
    2279 Palavras 10 Páginas
  • Jogos e brincadeiras
    como a criança se desenvolve, e como apropria-se da brincadeira como veículo de formação, buscamos nas teorias psicanalíticas, principalmente as piagetianas para entender como se desenvolve o brincar no período sensório-motor e pré-operatório. Podemos caracterizar como uma pesquisa bibliográfica, elaborada...
    7086 Palavras 29 Páginas
  • A importância do lúdico na disciplina de matemática
    escolar e essa postura exige profundas mudanças nas atitudes pedagógicas. Para a pesquisa bibliográfica foram consultados vários autores entre eles Kishimoto e os Parâmetros Curriculares Nacionais, que afirma que a brincadeira transforma os conhecimentos.   Palavras chaves: Matemática ...
    9600 Palavras 39 Páginas
  • O jogo de perseguição como auxilio ao desenvolvimento da tomada de decisão em crianças de 7 a 9 anos
    essa capacidade devido a evolução da modernidade com tecnologias e facilidade do cotidiano. Estudando diferentes autores como Ruiz, werri, Lopes, Kishimoto Freire, Garcia, Ferreira, Goldim entre outros observamos que os jogos de perseguição podem auxiliar diretamente nesse aspecto. Palavra Chave:...
    3241 Palavras 13 Páginas
  • Jogos e brincadeiras
    termos jogo, brinquedo e brincadeira, chegando a alguns casos a certa descaracterização dos mesmos. Para discutir esta questão traz-se o pensamento de Kishimoto (2003) que aponta para uma imprecisão no uso dos termos. Isso advém do fato de que os jogos compreendem uma multiplicidade de fenômenos, contribuindo...
    6336 Palavras 26 Páginas
  • Papel do lúdico na infância
    constituição do sujeito; rompendo com a visão tradicional de que ela é atividade natural de satisfação de instintos infantis, o autor apresenta o brincar como uma atividade em que, tanto o significado social e historicamente produzidos são construídos, quanto novos podem ali emergir. A brincadeira...
    882 Palavras 4 Páginas
  • Brinquedoteca
    Complementação de Pedagogia da Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil FACETEN 2013. Prof Msc. Geisel Bento 1. INTRODUÇÃO O brincar além de ser um ato natural e espontâneo da criança, é um direito da mesma e este direito é assegurado e reconhecido em declarações e leis, porém,...
    5561 Palavras 23 Páginas
  • as brincadeiras
    atenção dos educadores para a utilização dos jogos e brincadeiras como recurso pedagógico visando o pleno desenvolvimento das crianças através do brincar. 1 INTRODUÇÃO Na sociedade sempre houve significativas mudanças, no dia a dia, nos costumes das pessoas e também das crianças, porém com o advento...
    6833 Palavras 28 Páginas
  • Relatório de estágio recreação na educação
    experiências, que possam trazer crescimento á elas. E a brincadeira é capaz de produzir experiências muito positivas na vida das crianças, pois para elas o brincar é fundamental. O educador é um mediador que proporciona à criança oportunidades de manifestar através das trocas de experiências e brincadeiras, sentimentos...
    1238 Palavras 5 Páginas
  • Brinquedoteca
    de Pedagogia da Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil FACETEN 2013. Prof Msc. Geisel Bento Julião 1. INTRODUÇÃO O brincar além de ser um ato natural e espontâneo da criança, é um direito da mesma e este direito é assegurado e reconhecido em declarações e leis, porém, os...
    5601 Palavras 23 Páginas
  • Ludicidade
    da cultura local e nacional, e os resultados no processo educativo. No que se refere à fundamentação teórica, nos embasamos em autores como Kishimoto (2000), VYGOTSKY (1988), LUCKESI(2000 No aspecto metodológico realizamos uma pesquisa qualitativa, tendo como estratégia o estudo de caso e como instrumento...
    12231 Palavras 49 Páginas
  • A importância do brincar
    JORGINO FRANCINE DE CASSIA PEREIRA A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR Agudos – SP 2011 A IMPORTÂNCIA DO BRINCAR Atualmente é possível verificar a ênfase dada ao brincar como ferramenta enriquecedora que contribui para o desenvolvimento das capacidades...
    1310 Palavras 6 Páginas
  • Educação Infantil
    atenção dos educadores para a utilização dos jogos e brincadeiras como recurso pedagógico visando o pleno desenvolvimento das crianças através do brincar. 1 INTRODUÇÃO Na sociedade sempre houve significativas mudanças, no dia a dia, nos costumes das pessoas e também das crianças, porém com o advento...
    6823 Palavras 28 Páginas