• Democracia: a concepção de schumpeter
    DEMOCRACIA: A CONCEPÇÃO DE SCHUMPETER Antônio Kurtz Amantino1 SINOPSE Ao criticar a teoria clássica da democracia, Joseph Schumpeter (1883-1950) acabou desenvolvendo uma concepção considerada mais realista da democracia, concepção que daria origem à chamada teoria econômica da democracia. O presente...
    5603 Palavras 23 Páginas
  • Schumpeter - questões
    (Joseph A. Schumpeter) PARTE IV – Socialismo e Democracia Cap. 22: Mais uma teoria de democracia 1. Qual a hipótese do autor? “Uma das hipóteses que sustenta a democracia é a de que todo cidadão pode decidir a respeito de tudo. Ocorre, entretanto, que, além das objeções feitas por Schumpeter, os problemas...
    974 Palavras 4 Páginas
  • Biografia de j. schumpeter
    1-Biografia de J.A.Schumpeter(1883-1950)  Joseph Alois Schumpeter nasceu no dia 8 de fevereiro de 1883 em Triesch, na Morávia, província austríaca hoje pertencente à Republica Tcheca. Schumpeter foi o único filho do fabricante de tecidos Alois Schumpeter. Pouca coisa se sabe a respeito de seus pais, exceto...
    11446 Palavras 46 Páginas
  • Schumpeter
    UNEB – UNIVERSIDADE DO ESTADO DA BAHIA TEORIA DAS FINANÇAS PÚBLICAS Luciano da Silva Rocha Resumo – Democracia: A concepção de Schumpeter Joseph Schumpeter em sua análise não descarta a necessidade e nem diminui a importância do regime democrático no governo de um país, apenas contradiz o conceito...
    493 Palavras 2 Páginas
  • teoria das elites
    Joseph Schumpeter com o intuito de analisar a importância destes dois autores na crítica que estabeleceram à chamada Teoria Elitista. Para tanto, será apresentado previamente uma síntese destas obras, com o objetivo de fomentar a discussão e análise. Dentre os principais pressupostos da Teoria das Elites...
    8898 Palavras 36 Páginas
  • Teoria das finanças públicas
    na sociedade atual. Você pode analisar em uma perspectiva internacional e/ou nacional. Esta atividade deve ter no mínimo 01 e máximo 02 laudas. Teorias do funcionamento do estado Hegemonia de Gramsci Monopólio do uso da força Um grupo usa elementos da sociedade civil para manter sua dominância...
    946 Palavras 4 Páginas
  • Inovaçao na gestão publica no brasil
    mas não tem ocorrido avanços no sentido teórico de compreensão da inovação. Este artigo caminha nesta direção, tendo como referencial o trabalho de Schumpeter que desenvolveu a inovação no contexto do sistema econômico. Faz-se um paralelo da inovação no sistema econômico com a inovação na gestão pública...
    7776 Palavras 32 Páginas
  • Estudo comparativo das concepções de democracia de schumpeter, dahl e bobbio.
    não pode ser representada. Para este tipo de democracia, o povo não é capaz de governar, pois não está apto para tanto. Sendo assim, só entram na concorrência os líderes. Na doutrina clássica da democracia o povo, que é irracional, não pode ter liberdade, é incapaz de tal ato. Essa doutrina da democracia...
    2385 Palavras 10 Páginas
  • Karl Marx e Max Weber: uma abordagem contemporânea
    aumentar a diversidade dos pontos de vistas acerca do capitalismo aqui presentes, também será usada a noção dos Ciclos e tendência defendidos por Schumpeter. Marx encontrou uma relação entre compra e venda da força de trabalho entre trabalhadores e capitalistas, de tal modo...
    4518 Palavras 19 Páginas
  • Capitalismo,socialismo e Democracia
    que o povo aceite por força de argumentação racional que não se deve ao fato de que as pessoas podem desejar outras coisas que não o bem comum. (Schumpeter,p.306) Pelo entendimento de diferentes indivíduos e grupos,o bem comum significará coisas muitos diversas. -Um bem comum definido pode ser aceitável...
    2757 Palavras 12 Páginas
  • Administração pública
    idéias sobre democracia em Joseph Schumpeter Schumpeter e a critica a teoria classica da democracia A teoria clássica da democracia é muito criticada por Schumpeter, através dela são lançando contrapontos e o desenrolar de uma nova teoria de democracia. Teoria clássica da democracia – "o método...
    2034 Palavras 9 Páginas
  • Finanças Publicas
    Teoria das Finanças Públicas Unidade 1 – Estado e Economia Gramsci e a Hegemonia Hegemonia,Crise Hegemônica Schumpeter, Downs e a Concorrência Política Cidadãos,Políticos, Partidos, Burocratas Poderes e Níveis de Governo Unidade 2 – Os Setores Público e Privado A Fronteira entre os Setores...
    7184 Palavras 29 Páginas
  • Dissertação sobre o Estado
     Trabalho de dissertação sobre o Estado Existem várias teorias políticas e estudos a cerca do surgimento e da função do Estado, causando discussões. Portanto, para melhor entender, definirei de acordo com Nilson Nunes da Silva Junior o Estado. O Estado é uma sociedade política que para o seu reconhecimento...
    632 Palavras 3 Páginas
  • TAREFA FINANÇAS PUBLICAS
    POLO: São João Del Rei DISCIPLINA: Teoria das Finanças Públicas TUTORA: Andreia Natali Pereira 1. Pesquise, em artigos científicos, sobre a Teoria da Concorrência entre Partidos de Schumpeter e Teoria Econômica da Democracia de Downs. Discorra sobre essas teorias. Obs.: Utilize a busca do google...
    447 Palavras 2 Páginas
  • Contabilidade Social
    da Escola Clássica, com a Riqueza das Nações; A economia política e a Revolução industrial. A revolução marginalista; As teorias do imperialismo; O pensamento económico desde a Teoria Geral de Keynes até aos nossos dias. Enquadramento nas Licenciaturas É uma disciplina da licenciatura, aconselhando-se...
    1576 Palavras 7 Páginas
  • administração
    às seguintes questões: 1) Segundo Gramsci, o que são e qual a função dos “intelectuais orgânicos”? 2) Comente a Teoria da Concorrência entre Partidos Políticos de Schumpeter e a Teoria Econômica da Democracia, de Downs. 3) Qual a função da Tripartição de Poderes na disciplina do poder político? ...
    565 Palavras 3 Páginas
  • svsd
    capacidade de representação e funcionamento do espaço político democrático está diminuindo. Ou seja, os atores envolvidos e as instituições, como os partidos políticos e governos não estão sendo mais capazes de responder às demandas da população;2. A verdade é que democracia ainda é algo estranho em várias...
    1300 Palavras 6 Páginas
  • A DEMOCRACIA NA VISÃO DE JOSEPH ALOIS SCHUMPETER
    socialismo e democracia. Trad. Sérgio Góes de Paula. Rio de Janeiro: Zahar, 1983, p. 313 – 353. (38p) A DEMOCRACIA NA VISÃO DE JOSEPH ALOIS SCHUMPETER A ideia de democracia remonta a Antiguidade, tendo sido expressada por meio do pensamento político grego, que a concebia como uma forma de governo...
    2333 Palavras 10 Páginas
  • Capitalismo
    smdgc@unijui.edu.br ISSN (Versión impresa): 1678-4855 BRASIL 2005 Douglas Storchi Carlo JOSEPH SCHUMPETER EM CAPITALISMO, SOCIALISMO E DEMOCRACIA: UM ENSAIO SOBRE SUAS CONTRIBUIÇÕES AO DESENVOLVIMENTO DA TEORIA DEMOCRÁTICA Desenvolvimento em Questão, janeiro-junho, año/vol. 3, número 005 Universidade...
    3798 Palavras 16 Páginas
  • Os neoclássicos
    Os Neoclássicos Índice Introdução a Economia Neoclássica Biografia de Schumpeter Contribuição de Schumpeter Obra de Schumpeter: Capitalismo, Socialismo e Democracia Neo Schumpeterianos Conclusão Bibliografia Introdução a Economia Neoclássica A economia neoclássica sistematizou a oferta...
    4798 Palavras 20 Páginas