Sociologia Sarau Imaginario artigos e trabalhos de pesquisa

  • Sarau Cultural

    Projeto I Sarau Cultural BBS GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA EXECUTIVA DE EDUCAÇÃO 1ª UNIDADE REGIONAL DE EDUCAÇÃO E.E.DE ENSINO FUNDAMENTAL E MÉDIO “PROF. BOLÍVAR BORDALLO DA SILVA” SARAU CULTURAL “Resgatando a nossa história” ANO: 2011 DIRETORA: Profª. Raimunda Hortência Alcântara Rangel COORDENADORA PEDAGÓGICA Profª Edilene Nazário dos Santos PROPONENTES: Profª: ADRIANA DO NASCIMENTO GAMA SILVA Profº: ANTÔNIO CARLOS DE SANTANA Profª: CELIA RAIMUNDA...

    1910  Palavras | 8  Páginas

  • 18 anos

    CAPÍTULO 11 – CAMINHOS ABERTOS PELA SOCIOLOGIA Em cena: A realidade do sonho Uma mapa imaginário ( página 123) A sociologia foi uma criação da sociedade urbana. Com a advento da industrialização as grandes cidades cresceram e tornaram-se cenário da diversificação de oportunidades, mas também de sofrimento e carência. Uma mapa imaginário ( página 123) Os problemas da vida em sociedade acontecem simultaneamente e desafiam nosso pensamento pela velocidade com que surgem e pela ...

    1320  Palavras | 6  Páginas

  • Sarau Infantil

    COLÉGIO REGINA COELI Projeto de Incentivo à Leitura e Escrita – Sarau Artístico e Literário 2014: Alice em Terras Gaúchas 9º Prêmio Responsabilidade Social – SINEPE – RS Categoria: Desenvolvimento Cultural Rua Júlio de Castilhos, 453 | Centro Veranópolis, RS CEP 95330-000 Recepção: 54 3441 1586 reginacoeli@reginacoeli-rs.com.br 1. APRESENTAÇÃO DO PROJETO 1.1 Colégio Regina Coeli Originárias da França, em 1917, um grupo de religiosas da Congregação de São José fundou, em Alfredo Chaves, uma...

    4538  Palavras | 19  Páginas

  • Sociologia do corpo Le Breton- resenha

    A vasta obra de David Le Breton sobre a sociologia e antropologia do corpo, originalmente publicada em língua francesa, está pouco disponível em português e foi parcialmente divulgada em espanhol. O autor tem formação em sociologia, antropologia e psicologia, é professor de sociologia da Universidade Marck Block de Estrasburgo, França, e membro do laboratório Cultures et Sociétés en Europe. Desde a década de 1980, dedica-se à sociologia e antropologia do corpo, passando, também, sua produção científica...

    1378  Palavras | 6  Páginas

  • A sociologia do corpo

    A sociologia do corpo constitui um capítulo da sociologia especialmente dedicado à compreensão da corporeidade humana como fenômeno social e cultural, motivo simbólico, objeto de representações e imaginários. Sugere que as ações que tecem a trama da vida quotidiana - das mais fúteis ou menos concretas até aquelas que ocorrem na cena pública - envolvem a mediação da corporeidade. De que forma essa sociologia do enraizamento físico do ator em seu meio propõe uma elucidação das lógicas sociais...

    5773  Palavras | 24  Páginas

  • Resumo de a sociologia do corpo - david le breton

    A SOCIOLOGIA DO CORPO, DE DAVID LE BRETON "Antes de qualquer coisa, a existência é corporal." Le Breton define a sociologia do corpo como um capítulo da sociologia destinado a compreensão da corporeidade humana enquanto fenômeno social e corporal, bem como motivo simbólico. A Sociologia do Corpo dedica-se às lógicas sociais e culturais que envolvem a extensão e os movimentos do homem. O corpo. As ações da vida humana envolvem a ação da corporeidade. O corpo é um vetor semântico onde ocorrem...

    4522  Palavras | 19  Páginas

  • Sociologia do turismo

    as posições teóricas dos principais autores da sociologia e saliente a importância da socióloga para o estudo dos fenómenos turísticos. O Turismo é um fenómeno multidimensional e é por isso que um alargado leque de disciplinas científicas o tem vindo a eleger como objecto de investigação. Como a sociologia foi das pioneiras em tais abordagens o seu objectivo é dissecar a sua relação com o turismo e analisa-lo como um fenómeno social. A sociologia do turismo estuda as motivações, relações sociais...

    1695  Palavras | 7  Páginas

  • Sociologia da educacao

    Universidade do Sul de Santa Catarina Sociologia da Educação Disciplina na modalidade a distância Palhoça UnisulVirtual 2007 Créditos Unisul - Universidade do Sul de Santa Catarina UnisulVirtual - Educação Superior a Distância Campus UnisulVirtual Avenida dos Lagos, 41 Cidade Universitária Pedra Branca Palhoça – SC - 88137-100 Fone/fax: (48) 3279-1242 e 3279-1271 E-mail: cursovirtual@unisul.br Site: www.virtual.unisul.br Reitor Unisul Gerson Luiz Joner da Silveira Vice-Reitor e Pró-Reitor Acadêmico...

    36852  Palavras | 148  Páginas

  • FICHAMENTO A SOCIOLOGIA DO CORPO

    SOCIAIS LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA DIEGO CANDIDO DA SILVA SANTOS A SOCIOLOGIA DO CORPO Fichamento apresentado ao curso de Educação Física da Faculdade AGES como um dos pré-requisitos para a obtenção da nota parcial da disciplina Sociologia, no 3° período, sob a orientação do professor Dr. José Marcelo Domingos de Oliveira. PARIPIRANGA-BA ABRIL 2014 REFERÊNCIA BIBLIOGRAFICA LE BRETON, David. A Sociologia do Corpo. 4ª. Ed. Rio de Janeiro: Vozes, 2010. CREDÊNCIAIS DO AUTOR David...

    1300  Palavras | 6  Páginas

  • Breve resumo da sociologia compreensiva

    Camila Herrmann | Fabio Schmitz | Johannes Richter | Raiami Muller SOCIOLOGIA COMPREENSIVA O método compreensivo considera o universo do valores e das intenções dos indivíduos, diferentemente do método experimental, que só observa os fatos. Este método se apresenta contrário ao Funcionalismo, apresentando fragilidades e provocando discussão sobre a diversidade. CARACTERÍSTICAS DO MÉTODO: Max Weber, o principal autor desse método, propõe que a ordem social não tem que se opor e se distinguir dos...

    1207  Palavras | 5  Páginas

  • Sociologia do Corpo

    RESUMO A Sociologia do Corpo dedica-se a compreensão da corporeidade humana como fenômeno social e cultural, motivo simbólico, objeto de representações e imaginários. SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 13 2 DESENVOLVIMENTO 14 3 ANÁLISE DE DADOS 16 4 CONCLUSÃO 17 REFERÊNCIAS 18 1 INTRODUÇÃO As ações da vida humana envolvem a ação da corporeidade...

    605  Palavras | 3  Páginas

  • sociologia

    SOCIOLOGIA 2ª Série − Ensino Médio 3º Bimestre Apresentação Neste bimestre, o aluno será apresentado ao tema “Relações de trabalho”, dando prosseguimento ao estudo sociológico do trabalho,focando no estudo dessas relações no Brasil. Espera-se que o aluno consiga desenvolver uma visão critica das relações de trabalho no nosso país e suas desigualdades relacionadas aos marcadores sociais de diferença, interpretando a realidade partir das diferentes referências teóricas que a sociologia produziu...

    2544  Palavras | 11  Páginas

  • Resumo do texto "A Sociologia como passatempo individual"

    A Sociologia como passatempo individual A sociologia não ocupa no imaginário popular um papel de grande destaque. Isso explica a escassez de piadas sobre sociólogos em relação a quantidade de piadas sobre psicólogos, por exemplo. No entanto, ainda assim, há inúmeras visões equívocas acerca do verdadeiro trabalho do sociólogo nos dias atuais. Quando perguntados acerca do porque estudam sociologia, é comum os universitários responderem que escolheram esse ramo do conhecimento porque gostam de trabalhar...

    582  Palavras | 3  Páginas

  • Sociologia

    do mundo, etc. Vários são os episódios utilizados pelo autor para mostrar a vida da alta sociedade lisboeta. Destacando os mais importantes temos: o jantar do Hotel Central, a Corrida de Cavalos, o Jantar dos Gouvarinhos, a Imprensa, a Educação, o Sarau do Teatro da Trindade e o Episódio Final que é o passeio de Carlos e João da Ega. Nestes vários episódios Eça de Queiroz faz uma crítica satírica à sociedade portuguesa e, como principal alvo, tem os diversos aspectos económicos, políticos, religiosos...

    2452  Palavras | 10  Páginas

  • O Que E Sociologia Cap

    O que é sociologia Raphael Cardoso 09 de Setembro de 2015 INTRODUÇÃO O autor Carlos Benedito Martins em seu livro O Que é Sociologia procura demonstrar de forma geral e objetiva o contexto histórico no qual se fez possível o surgimento, a formação e o desenvolvimento da sociologia. Procura em linhas gerais demonstrar que a sociologia, como ciência tensa e contraditória, sempre deu margem para diversas interpretações. Para algumas pessoas ela é uma poderosa arma a serviço da classe dominante , para...

    1106  Palavras | 5  Páginas

  • Sociologia clínica, psicossociologia e psicologia social clínica

    SOCIOLOGIA CLÍNICA Originou-se da iniciativa de pesquisadores francófonos (França, Bélgica e Quebec). Robert Sévigny, Jacques Rhéaume e Gilles Houlle (Montréal), Marcel Bol de Balle (Bélgica), Eugène Enriquez, Vincent de Gaulejac, Max Pagès, Jacqueline Barus-Michel e Florence Giust-Desprairies (França). Pesquisadores de outras nacionalidades vêm se juntando ao grupo, como Jan Marie Fritz (USA), Klimis Navridis (Grécia), Elvia Tarracena (México), Ana Maria Araújo (Uruguai), Igor Massalkov (Rússia)...

    1777  Palavras | 8  Páginas

  • Campos do Imaginário

    Campos do Imaginário Gilbert Durand Lisboa, Instituto Piaget, 1998, 284 pp. (Col. Teoria das Artes e Literatura, 6) Campos do Imaginário de Gilbert Durand Acaba de ser publicada uma oportuna recolha de textos do antropólogo e pensador francês Gilbert Durand. O leitor português pode assim completar a leitura de outros trabalhos do autor, publicados anteriormente em Portugal, tais como: A Imaginação Simbólica (1979); Mito e Sociedade: a Mitanálise e a Sociologia das Profundezas (1983);...

    1843  Palavras | 8  Páginas

  • Sociologia

    Abordaremos três aspectos: a) como a mídia se posiciona frente à questão indígena em Roraima – Raposa/Serra-do-Sol –, b) os discursos acionados – soberania e defesa nacional e desenvolvimento do estado – c) como a mídia corrobora para construção de um imaginário acerca do “ser roraimense” – para as pessoas que vivem fora do estado. Palavras-chave: mídia. índio. discursos. identidade. INTRODUÇÃO A percepção que se tem da Amazônia, de certa forma, ainda hoje, é uma herança da nossa colonização. O fascínio...

    1911  Palavras | 8  Páginas

  • prova de sociologia da comunicação

    SOCIOLOGIA DA COMUNICAÇÃO prova I de SOCIOLOGIA DA COMUNICAÇÃO 2013-1 (valendo 6,00) FAVOR RESPONDER APENAS DUAS QUESTÕES ELABORANDO UM ARTIGO DE OPINIÃO DE NO MÍNIMO 25 LINHAS, SEM CÓPIAS, SEM COLAS, SEM CONVERSA COM OS COLEGAS. 1) Leia o texto e responda o que solicita a questão abaixo: A Sociologia da Comunicação foca no estudo de como a Comunicação se alterou ao longo do processo histórico...

    3298  Palavras | 14  Páginas

  • antropologia das emoçoes- antropologia e sociologia

    mais estrutural que relegavam para o segundo plano a ação social individual e, por conseguinte, os atores sociais e sua vida emocional. No esforço de uma revisita crítica, tais estudos tiveram a preocupação de apontar os autores clássicos da sociologia que colocaram a questão da intersubjetividade como elemento fundamental da análise sociológica. A Antropologia das Emoções parte, deste modo, do princípio de que as experiências emocionais singulares, sentidas e vividas por um ator social específico...

    5586  Palavras | 23  Páginas

  • O imaginário Medieval

    LE GOFF, Jacques “O Imaginário Medieval”. Lisboa: Estampa, 1994. Jacques Le Goff, medievalista, foi co-diretor da escola dos Annales e empregou-se em antropologia histórica do ocidente medieval. Na obra “O Imaginário Medieval” retrata sobre diversos aspectos que formam desde o espaço e o tempo á culturas da idade média que se passam através do imaginário medieval, a obra é divida em 6 capítulos na qual nos guiam a cada assunto com diversos sub temas. O capítulo a ser abordado é “O Maravilhoso”...

    2371  Palavras | 10  Páginas

  • Sociologia

    DOS REIS Camila de Lima, 04 e Carolina dos Reis, 05 - E21D REPRESENTAÇÕES SIMBÓLICAS Representações Simbólicas da disciplina de Sociologia ministrada pela Gestora Juliana. SÃO PAULO / SÃO PAULO 2015 SUMÁRIO 1. IMAGEM SENSORIAL E IMAGEM PERCEPTIVA.......................4 2. IMAGEM MENTAL, SÍMBOLO E SINAL.......................................5 3. IMAGINÁRIO.................................................................................6 4. O CORPO COMO REPRESENTAÇÃO SIMBÓLICA HOJE.......

    752  Palavras | 4  Páginas

  • PPC M DIO 2013 SOCIOLOGIA

     DISCIPLINA: SOCIOLOGIA PRESSUPOSTOS TEÓRICOS Passado longo período de ruptura da docência de Sociologia nas salas escolares do Ensino Médio, cabe aos professores, esclarecer as razões para que tal disciplina tenha reconhecimento na participação da educação geral do educando. Assim, esclarecer detidamente que em todos os países desenvolvidos a disciplina de Sociologia é obrigatória desde os primeiros anos escolares. Dessa maneira, se a referida disciplina já está inserida no Ensino Médio...

    1539  Palavras | 7  Páginas

  • Sociologia

    Página 20 Sublinhe um parágrafo do capitulo capaz de sintetizar o argumento de que o conhecimento é uma característica essencialmente humana. O capítulo deixa claro que sem o desenvolvimento da ciência não teria sido possível chegar à sociologia. Enuncie as características que o texto atribui á ciência. Como o capítulo analisa as diferentes fases do desenvolvimento do conhecimento humano na história da humanidade? Faça uma síntese localizando as principais etapas e organize-as em...

    846  Palavras | 4  Páginas

  • Resumo do livro Sociologia da Infância no Brasil

     Apresentação Ana Lúcia Goulart de Faria & Daniela Finco O livro, Sociologia da Infância no Brasil, composto por cinco textos, traz uma discussão sobre a infância no Brasil em específico a infância das crianças pequenas, as quais não possuem tanta visibilidade em nossa sociedade. Os autores apresentam a ideia de que as crianças pensam e imaginam e a partir disto, eles acreditam que há uma outra visão de infância e não somente a do desenvolvimento psicológico individual. Apontam para uma construção...

    1657  Palavras | 7  Páginas

  • Resumo Sociologia Da Inf Ncia No Brasil

     Apresentação Ana Lúcia Goulart de Faria & Daniela Finco O livro, Sociologia da Infância no Brasil, composto por cinco textos, traz uma discussão sobre a infância no Brasil em específico a infância das crianças pequenas, as quais não possuem tanta visibilidade em nossa sociedade. Os autores apresentam a ideia de que as crianças pensam e imaginam e a partir disto, eles acreditam que há uma outra visão de infância e não somente a do desenvolvimento psicológico individual. Apontam para uma construção...

    1477  Palavras | 6  Páginas

  • A Sociedade de Corte: Investigação Sobre a Sociologia da Realeza e da Aristocracia de Corte.

    A Sociedade de Corte: Investigação Sobre a Sociologia da Realeza e da Aristocracia de Corte. ELIAS, Norbert. A Sociedade de corte: investigação sobre a sociologia da realeza e da aristocracia de corte. Rio de Janeiro: Zahar, 2001. As relações sociais existentes na sociedade do Antigo Regime, nos século XVII e XVIII, desenvolveram certo tipo de cultura cortesã que tinha como papel de destaque um rei. Essa sociedade foi desenvolvida em torno de Luís XIV, o rei francês conhecido como o rei...

    968  Palavras | 4  Páginas

  • O que é sociologia

    TURMA: C Prof. Sandra Maria Faleiros Lima SEMESTRE: 02/2013 O que é sociologia ? Carlos Benedito Martins – 38ª ed. 1994 Carlos Benedito Martins fala no primeiro capítulo do livro que o surgimento da sociologia ocorre num contexto histórico, que coincide com os derradeiros momentos da desagregação da sociedade feudal e da consolidação da civilização capitalista.  Essas revoluções mexeram profundamente no imaginário do povo europeu do século XVIII e reforçou a crise com o surgimento da revolução...

    2059  Palavras | 9  Páginas

  • A Sociologia Compreensiva de Max Weber

    A Sociologia Compreensiva de Max Weber Compreender que a Sociologia é uma ciência que se propõe a entender e interpretar para em seguida explicar a ação social; Identificar as definições fundamentais de Max Weber; Conhecer o procedimento interpretativo de Max Weber, a construção do tipo ideal identificando os tipos ideais de ação social. Nesta aula, veremos as bases da Sociologia que rejeitam a ideia de que o homem seja um animal social por natureza e a ideia de que o social é exterior...

    1695  Palavras | 7  Páginas

  • Atps sociologia

     INTRODUÇÃO A sociologia da educação, apesar da sua origem recente, conhece um notável desenvolvimento quantitativo e qualitativo. Precisa lidar no seu interior com um processo de desenvolvimento e diversificação de tratamento de seu objeto empírico, os sistemas de ensino em geral, e com uma gama infindável de opções teóricas e metodológicas para a sua investigação. Essa disciplina, em consonância com o que apresenta a ciência da qual se originou...

    2091  Palavras | 9  Páginas

  • O imaginário da derrota no esporte contemporâneo

    O imaginário da derrota no esporte contemporâneo RESUMO Diante das necessidades impostas aos atletas de alto rendimento na atualidade, a superação se tornou um princípio e um termo recorrente entre aqueles que conseguiram chegar entre os mais destacados, os vencedores. Na estrutura do esporte contemporâneo observa-se a reprodução do modelo liberal que privilegia a vitória, embora sejam premiados os três primeiros colocados em disputas olímpicas. Isso leva muitas vezes o ganhador da medalha de...

    5372  Palavras | 22  Páginas

  • Inter sociologia

    ESAMC Ideologia da Felicidade Sociologia CAMPINAS – SÃO PAULO 2012 1 - Sociologia A Sociologia é uma das Ciências Humanas que tem como objetos de estudo a sociedade, a sua organização social e os processos que interligam os indivíduos em grupos, instituições e associações. Enquanto a Psicologia estuda o indivíduo, a Sociologia estuda os fenômenos sociais, compreendendo as diferentes formas de constituição das sociedades e suas culturas. A Sociologia tem a função de, ao mesmo tempo, observar...

    1434  Palavras | 6  Páginas

  • Sociologia

    Sociologia Sociologia estuda o funcionamento da sociedade humana e as leis que a regem, as relações sociais e as formas como elas se associam. Pretende investigar a ordem que orienta essas relações humanas, conduzindo, assim, a uma melhor visão da sociedade e melhor compreensão dos fatores que ocorrem em nossa vida. Utiliza-se de processos quantitativos e de observações. Durante muito tempo o mito e a religião eram formas de explicação para o surgimento do mundo e tudo que ele compunha. Mas, durante...

    1569  Palavras | 7  Páginas

  • oque é sociologia

    Desenvolvimento: O surgimento da sociologia ocorreu num momento de grande expansão do capitalismo, desencadeado pela dupla revolução, industrial e a francesa. O triunfo da indústria capitalista na revolução industrial desencadeou uma crescente industrialização e urbanização, o que provocou radicais modificações nas condições de existência e nas formas habituais de vida de milhões de seres humanos. Essas revoluções mexeram profundamente no imaginário do povo europeu do século XVIII e reforço a...

    1362  Palavras | 6  Páginas

  • Resenha - o que é sociologia de martins. carlos benedito

    Benedito. O que é Sociologia. 38°Ed. São Paulo, Brasiliense 1994. O autor é sociólogo graduado e mestre em Ciências Sociais pela PUC de São Paulo, e doutor em sociologia pela Universidade de Paris. Exerceu durante vários anos a atividade docente na PUC e na UNB. Entre seus principais livros são: Ensino Pago: Um retrato sem retoque. E organizou  o livro: Ensino Superior Brasileiro: transformações e perspectivas atuais. A presente obra visa fazer uma reflexão sobre o que seria a sociologia debatendo duas...

    1967  Palavras | 8  Páginas

  • Sociologia

    Introdução A sociologia diferente de outras ciências que estudam o comportamento humano da cada indivíduo preocupa-se com as pessoas dentro do seu mundo social e cultural. O homem está divido em grupos e classes sociais que influenciam no seu desenvolvimento familiar, social ou profissional. Sociologia A sociologia e uma ciência que estuda o comportamento social dos seres humanos, através de seus métodos procuram entender a sociedade...

    3675  Palavras | 15  Páginas

  • a sociologia em forma de conciencia

    Resenha do sexto capítulo do livro “Perspectivas Sociológicas: uma visão humanística”, de Peter Berger: “A Perspectiva Sociológica – A Sociedade como Drama” I – Resenha Como trabalho final da disciplina “Sociologia IV” do curso de Ciências Sociais da UFG, este texto busca traçar comentários críticos e possibilitar a compreensão do sexto capítulo do livro “Perspectivas Sociológicas: uma visão humanística”, de Peter Berger: “A Perspectiva Sociológica – A Sociedade como Drama”. Antes de tratarmos...

    2372  Palavras | 10  Páginas

  • SOCIOLOGIA O Islamismo Visto Pelo Ocidente E Os Atentados Extremistas

    Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais Sociologia – Abril 2015 Redes de Computadores Gabriela Borges Igor Marques Mônica Emediato O Islamismo visto pelo Ocidente e os atentados extremistas A discussão sobre os direitos humanos de um povo determina o avanço de uma sociedade mais justa e de outras demandas sociais importantes. Grupos de militantes extremistas procuram a expansão territorial e o estabelecimento do califado em uma região diversificada e composta por muitas culturas...

    709  Palavras | 3  Páginas

  • Caminhos da sociologia no brasil

    CAMINHOS DA SOCIOLOGIA NO BRASIL: Modos de Vida e Experiência Elisabeth Souza Lobo* RESUMO: O artigo se propõe identificar as diversas trilhas temáticas que os estudos e pesquisas sobre as classes trabalhadoras nos anos 80 percorreram até desaguar na emergência de um novo tema unificador - os modos de vida - que desloca a ênfase das condições de vida e das práticas político-institucionais da classe operária para as práticas cotidianas e representações, as tradições e trajetórias distintas dos...

    3501  Palavras | 15  Páginas

  • SEMINARIO DE SOCIOLOGIA II

    SEMINÁRIO DE SOCIOLOGIA II PARA SAIR DO SÉCULO XX A MISSÃO DO INTELECTUAL AUTOR: Edgar Morin ROTEIRO: 1- INTRODUÇÃO 1.1- Apresentação do texto, seus principais conceitos e ideias. 2. DESENVOLVIMENTO 1.2-Levantar os problema sugeridos pelo os problema sugeridos pelo texto e apresentar os mesmos para discussão. Contextualizar o tema com a problemática do cotidiano. 3. CONCLUSÃO 3.1- Possíveis soluções para a problemática discutida. TEXTO: A MISSÃO DO INTELECTUAL, EDGAR MORIN. - formulação de...

    1619  Palavras | 7  Páginas

  • A Sociologia no Brasil

    oriundo da chamada política do café-com-leite, os nordestinos viviam à mercê da própria sorte, convivendo com a seca cada vez mais brutal, bem como com a crise oriunda do declínio do ciclo açucareiro. 5) Como surgiu a sociologia cientifica no Brasil? R: O desenvolvimento da sociologia ocorre juntamente com a industrialização e a centralização do poder pelo Estado Novo. Na década de 1930, ocorreram mudanças no Brasil: a crise política defendida pelas oligarquias agrárias e o crescimento da burguesia...

    1489  Palavras | 6  Páginas

  • Resumo de sociologia geral karl marx, émile durkheim, max weber

    Resumo de Sociologia Geral: Karl Marx, Émile Durkheim, Max Weber Karl Marx Dialética hegeliana (dialética da ideia): Feuerbach e a teoria da alienação: Materialismo dialético: Marx e Engels rebatem as teorias de Hegel e Feuerbach afirmando que as mesmas apenas visam interpretar o mundo e não transformá-lo. Marx aplica a teoria da dialética as relações econômicas, logo, a contradição entre as forças produtivas e as relações de produção dão origem a um novo modo de produção. Modo de produção...

    1113  Palavras | 5  Páginas

  • sociologia

    ANALISANDO VALTER BRACHT – SOCIOLOGIA CRITICA DO FUTEBOL /ESPORTE NA MINA CIDADE - VASQUINHO Bom para este pequeno texto começarei citando o capitulo 8 (ESPORTE E ESTADO), também o capitulo 9 (ESPORTE, ESTADO E CULTURA). Os interesses que podem mover o Estado a intervir ou a interagir com a organização esportiva? Os motivos são: "integração nacional", "educação cívica", "preservação da saúde da população", "melhoria da qualidade de vida", a política social brasileira - como qualquer outra política...

    1011  Palavras | 5  Páginas

  • Acadêmico de Sociologia

    UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE – UFF INSTITUTO DE CIÊNCIAS HUMANA E FILOSOFIA CURSO DE SOCIOLOGIA HENRIQUE VIANNA PINHO A SUBJETIVIDADE ARTÍSTICA E A INFÂNCIA Niterói-RJ PREFÁCIO Apesar de iniciar esse trabalho sabendo de seu caráter acadêmico para a aula de sociologia da arte da Universidade Federal Fluminense, compreendo como tornar viável a oportunidade que agora tenho de juntar as duas áreas de conhecimento...

    3625  Palavras | 15  Páginas

  • Sociologia no Brasil

     Sociologia no Brasil Acadêmico: Edson Neves Professor-Tutor Externo: Estelamaris de Barros Dihl Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Serviço Social (SES0167) – Prática do Módulo II RESUMO O presente artigo tem a finalidade de fazer um estudo da sociologia na sociedade brasileira, partindo de sua origem e procurando chegar até os dias atuais, visando traçar uma linha histórica e cronológica, citando seus principais intelectuais...

    2632  Palavras | 11  Páginas

  • Prova De Filosofia Sociologia

    justiça, o que é o belo e assim por diante Sociologia 1) Explique a seguinte frase: “a Sociologia é uma forma de produzir sentidos” As transformações econômicas, políticas e culturais ocorridas no Ocidente a partir do século XVIII, como as Revoluções Industrial e Francesa, evidenciaram mudanças significativas na vida em sociedade com relação a suas formas passadas, baseadas principalmente nas tradições. Assim surge a Sociologia em pleno século XVIII, com as primeiras pesquisas sociais...

    1968  Palavras | 8  Páginas

  • Imaginário e mentalidades

    Mentalidades, a História do Imaginário e a Psico-História, esclarecendo aspectos relacionados a estas modalidades da História e discutindo a historiografia pertinente a cada um destes campos. O artigo remete a obra recentemente publicada pelo autor deste texto, cujo principal objetivo é o de elaborar uma visão panorâmica das diversas modalidades da História nos dias de hoje. Palavras-chave:  História do Imaginário, História das Mentalidades; Imaginário Político. ABSTRACT Imaginário e Mentalidades – uma...

    10315  Palavras | 42  Páginas

  • Resenha livro o que é sociologia

    RESENHA CRÍTICA MARTINS. Carlos Benedito. O que é Sociologia. 38°Ed. São Paulo, Brasiliense 1994. CREDENCIAL DO AUTOR O autor é sociólogo graduado e mestre em Ciências Sociais pela PUC de São Paulo, e doutor em sociologia pela Universidade de Paris. Exerceu durante vários anos a atividade docente na PUC e na UNB. Entre seus principais livros são: Ensino Pago: Um retrato sem retoque. E organizou o livro: Ensino Superior Brasileiro: transformações e perspectivas atuais. A presente...

    2405  Palavras | 10  Páginas

  • Sociologia

    das questões contemporâneas sobre os meios de comunicação de massa e a cultura. Pierre Bourdieu é considerado um dos maiores pensadores da contemporaneidade, seus conceitos e teorias ultrapassaram a filosofia e estenderam-se principalmente para a sociologia, antropologia, educação, psicologia etc. É reconhecido internacionalmente, possui uma vasta e complexa obra, seus conceitos são elaborados e de grande profundidade teórica. Muito do vocabulário teórico de Bourdieu faz parte da prática daqueles que...

    1455  Palavras | 6  Páginas

  • sociologia

     Disciplina: Sociologia Valor do Trabalho : 9,0 Coordenador(a): Rosane (x) AV1 ( ) AV2 ( ) AVS ( ) 2ch.AVS Tutora (a): Nathália Vieira Data: 30/09/2013 Matrícula: 2108017 Nome Completo: Kely Ponce B. do Nascimento A partir da leitura do artigo abaixo e das unidades de aprendizagem, responda as seguintes questões: 1º QUESTÃO: De acordo com Emile Durkheim, por que a família é vista como um fenômeno social? 2º QUESTÃO: Como Durkheim discute a questão da socialização...

    1747  Palavras | 7  Páginas

  • sociologia da educação

     APRESENTAÇÃO  A Sociologia da Educação é a vertente da Sociologia que estuda a realidade sócio educacional, e têm como fundadores Émille Durkheim, Karl Marx e Max Weber.  Ela oportuniza aos seus pesquisadores compreender que a educação se dá no contexto de uma sociedade que, por sua vez, é também resultante da educação; também dá a oportunidade de se compreender e caracterizar a inter-relação ser humano/sociedade/educação, à luz de diferentes teorias sociológicas.  A educação entendida...

    2954  Palavras | 12  Páginas

  • sociologia organizacional - pensata

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE OURO PRETO – UFOP UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL – UAB CENTRO DE EDUCAÇÃO ABERTA E A DISTÂNCIA – CEAD Curso de Graduação em Administração Pública Disciplina: EAD357 –Sociologia Organizacional ALUNO: MARCOS AURÉLIO PEREIRA GUIMARÃES MATRÍCULA: 13.1.9936 – POLO CARLOS CHAGAS Atividade 3 – Pensata – Socialização, Personalidade e Cultura. A socialização faz parte da personalidade da espécie humana. Com o desenvolvimento da própria espécie, ao longo dos milênios, o homem...

    556  Palavras | 3  Páginas

  • introdução a sociologia

    Introdução à Sociologia O que é a sociologia? É a ciência que estuda os factos sociais através da observação empírica. O grande fundador da sociologia é Comte. Sociologia- Psicologia A sociologia é uma ciência humana que estuda os elementos que formam a sociedade, ou seja, que estuda o comportamento humano em função do meio e os processos que interligam os indivíduos em associações, grupos, etc. 1-Noção e objecto de sociologia Denominador comum a qualquer abordagem sociológica: A Vida...

    3250  Palavras | 13  Páginas

  • Modulo 11 Sociologia Brasileira

    Formação Social e Pensamento Sociológico Brasileiro SOCIOLOGIA BRASILEIRA INTRODUÇÃO 22 de abril de 1500: chegada dos portugueses ao Brasil; Marcaram caracteres do corpo social do Brasil; Sociedade do Brasil colônia: rural, católica, patriarcal, latifundiária e conservadora. Profº. TRINDADE 2 FRANCISCO JOSÉ DE OLIVEIRA VIANA Natural de Saquarema-RJ (1883-1951); Professor, jurista, historiador, sociólogo e imortal da Academia Brasileira de Letras; Acreditava na superioridade...

    1073  Palavras | 5  Páginas

  • Sociologia compreensiva- Max weber

    humana que são vivos, mutáveis, que precisam ser interpretados para que se extraia deles o seu sentido.  Ao aplicar o método da compreensão aos fatos humanos sociais, M. Weber elabora os fundamentos de uma sociologia compreensiva ou interpretativa. Weber vê como objetivo primordial da sociologia a captação da relação de sentido da ação humana, ou seja, chegamos a conhecer um fenômeno social quando o compreendemos como fato carregado de sentido que aponta para outros fatos significativos. O sentido...

    2677  Palavras | 11  Páginas

  • Sociologia

     Universidade do Sul de Santa Catarina – Unisul Campus Virtual Avaliação a Distância Disciplina: Sociologia Curso: Administração Professor: Elvis Dieni Bardini Nome do aluno: Renato Luiz Poloni Junior Data: 19/02/2014 Orientações: Procure o professor sempre que tiver dúvidas. Entregue a atividade no prazo estipulado. Esta atividade é obrigatória e fará parte da sua média final. Encaminhe a atividade via Espaço UnisulVirtual de Aprendizagem (EVA). ...

    2272  Palavras | 10  Páginas

  • Resumo da ' sociologia da globalizaçao' sassen

    soSASSEN, SASKIA. SOCIOLOGIA DA GLOBALIZAÇÃO. PORTO ALEGRE. EDITORA ARTMED. 2010. POR UMA SOCIOLOGIA DA GLOBALIZAÇÃO Gisele Maria Ribeiro de Almeida* Lidiane M. Maciel** Saskia Sassen é uma socióloga holandesa, atualmente professora da Universidade de Chicago, cujos trabalhos buscam analisar a dinâmica que reproduz a economia global e suas repercussões. Escreveu cerca de dez livros sobre essa temática, mas suas obras quase não foram traduzidas e editadas no Brasil. Exceção é o livro “As cidades...

    2527  Palavras | 11  Páginas

  • Literatura marginal

    circulação da literatura em bairros periféricos paulistanos. Sérgio Vaz, 42 anos, cuja primeira obra data de 1992, tem quatro livros publicados em edições do autor e é um dos criadores da Cooperifa (Cooperativa Cultural da Periferia), que promove saraus semanais em um boteco localizado na Zona Sul paulistana e gerou como produtos um livro e um CD de poesias. Ferréz tem 30 anos, lançou seu primeiro livro em 1997, é autor de outras três obras, foi o organizador de todas as edições especiais Caros Amigos/...

    81551  Palavras | 327  Páginas

  • Fichamento de sociologia - a sociologia dos tribunais e a democrátização da justiça

    Ed., Porta: 1999. Abordaremos a sociologia do direito como uma ciência social e debateremos sobre alguns pontos que explicam as questões levantadas no período pós-guerra. A constituição da sociologia do direito em ciência social só ocorreu depois da segunda guerra mundial, através do uso de técnicas e métodos de investigação empírica e mediante a própria teorização feita nos resultados das investigações, que a sociologia do direito construiu. A SOCIOLOGIA DOS TRIBUNAIS E A DEMOCRÁTIZAÇÃO DA...

    2427  Palavras | 10  Páginas

  • Sociologia

    Brasil: contribuições da Sociologia do conhecimento para a educação em Ciências Alexandre Brasil Fonseca Laboratório de Estudos da Ciência e Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e Saúde – NUTES/UFRJ. E-mail: abrasil@ufrj.br Resumo: De que forma as ciências sociais podem auxiliar na discussão sobre o conhecimento científico e a aplicação tecnológica? Com o objetivo de discutir esta questão apresenta-se uma introdução sobre os principais autores da Sociologia do Conhecimento (SC)...

    5838  Palavras | 24  Páginas

tracking img