• A IMPORTÂNCIA DE SE ADEQUAR AS UBS PARA O ATENDIMENTO DE URGÊNCIAS E EMERGÊNCIAS DE MENOR COMPLEXIDADE
    , conforme o GRAF. 3, mesmo que para estruturar uma UBS o recomendado seria que todos os enfermeiros responsáveis pelas unidade tivessem o conhecimento dessa portaria, assim como as leis que regem sobre a implantação do APH, uma vez que uma Unidade de Saúde representa um pré-hospitalar fixo...
    8548 Palavras 35 Páginas
  • TCC enfermagem
    Administrativo das unidades do SAMU, Sr. Anderson Maciel, atendendo ao disposto na Resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde / Ministério da Saúde, Art.25, relativa ao Atendimento Pré-Hospitalar, à experiência profissional, conhecimentos e habilidades do enfermeiro de acordo com a portaria GM/MS 2.048...
    12971 Palavras 52 Páginas
  • enfermagem
    Regulamentação e normatização do SAMU*¹ O Atendimento Pré-Hospitalar no Brasil surgiu sem muito sucesso, mas, hoje é considerado um serviço primordial e tem demonstrado importantes resultados para a sociedade.  A Portaria2048/MS, em 5 de novembro de 2002, normatiza a implantação do SAMU e...
    1297 Palavras 6 Páginas
  • LEIS
    componentes: Componente Pré-Hospitalar Fixo: unidades básicas de saúde e unidades de saúde da família, equipes de agentes comunitários de saúde, ambulatórios especializados, serviços de diagnóstico e terapias, e unidades não-hospitalares de atendimento às urgências, conforme Portaria GM/ MS n.º 2.048...
    3586 Palavras 15 Páginas
  • hepatite
    . Brasília, DF: Ed. Ministério da Saúde, 2004. ______. Ministério da Saúde. Portaria GM/MS2048, de 2 de novembro de 2002. Regulamenta o atendimento das urgências e emergências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 05 nov. 2002. Disponível em: . Acesso em: 15 out. 2011. ______. Ministério...
    5642 Palavras 23 Páginas
  • Coordenadora
    como para a re-certificação periódica. Competências/Atribuições: supervisionar e avaliar as ações de enfermagem da equipe no Atendimento Pré-Hospitalar Móvel; executar prescrições médicas por tele medicina (com base na Portaria 2048/2002 do Ministério da Saúde) ; prestar cuidados de enfermagem...
    3099 Palavras 13 Páginas
  • Patrimonio
    hospitalar (APH) área de segurança, móvel de sua cidade bombeiros. HABILIDADES móvel de sua cidade Apresentação da Portaria GM/MS2048 de 5 de novembro de 2002 – Regulamento Técnico dos Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência Conceitos de ética médica ligada ao APH Manejo de equipamentos da...
    31363 Palavras 126 Páginas
  • Legislação Fiscal
    Hospitalar Móvel Histórico do serviço pré-hospitalar móvel. Perfil profissional; Apresentação do serviço de atendimento pré-hospitalar (APH) móvel de sua cidade Apresentação da Portaria GM/MS2048 de 5 de novembro de 2002 – Regulamento Técnico dos Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência...
    163691 Palavras 655 Páginas
  • Urgencia e emergencia
    ; Apresentação do serviço de atendimento pré-hospitalar (APH) móvel de sua cidade Apresentação da Portaria GM/MS2048 de 5 de novembro de 2002 – Regulamento Técnico dos Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência Conceitos de ética médica ligada ao APH Manejo de equipamentos da central de...
    31278 Palavras 126 Páginas
  • Serviço de atendimento movél
    sanitário e pela portaria Ministerial MS 2048/GM de 5 de novembro de 2002, como ambulância, obedecendo aos padrões de capacitação e atuação previstos nesta Portaria. Requisitos Gerais: Maior de vinte e um anos; disposição pessoal para a atividade; equilíbrio emocional e autocontrole; disposição...
    1201 Palavras 5 Páginas
  • Cap 1
    . Essa triagem à distância seleciona os casos onde existem indícios ou indicativos desta situação de urgência. Conforme resolução do CFM 1529/98 e Portaria MS2048/2002, o ato de Regular, fica reconhecido enquanto um “ato médico”, que consiste em ajustar, sujeitando as regras, de forma...
    25077 Palavras 101 Páginas
  • Política nacional de atenção às urgências
    por acidentes de trânsito, violências e doenças cardiovasculares no Brasil e a necessidade de intervir de forma mais organizada e efetiva sobre estas doenças e agravos; Considerando a Portaria n° 737/GM/MS, de 16 de maio de 2001, que institui a Política Nacional de Redução da Morbimortalidade por...
    3283 Palavras 14 Páginas
  • Qualificação profissional de condutores de veículos de urgência que atuam em prefeituras municipais do Paraná
    móvel, como as concessionárias de rodovias, empresas privadas de assistência à saúde e serviços criados por municípios e estados. No tocante à qualificação dos profissionais que atuam como condutores de veículos de urgência, a Portaria 2048/2002(6) cria uma grade mínima de qualificação para...
    5865 Palavras 24 Páginas
  • enfermagem
    , Reinhard and Winston; 1968. BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria GM/MS2048 de 5 de novembro de 2002. Disponível em: http://dtr2001.saude.gov.br/sas/ PORTARIAS/Port2002/Gm/GM-2048.htm BRASIL. Lei n. 8142 de 28 de dezembro de 1990. Aprova o Sistema Único de Saúde – SUS. Disponível em: http...
    3720 Palavras 15 Páginas
  • Documentos marianato
    Portaria GM/MS n. 2048, de 05 de novembro de 2002. 5.6.6 Na assistência ao trabalho de parto, o serviço deve: 5.6.6.1 garantir a privacidade da parturiente e seu acompanhante; 5.6.6.2 proporcionar condições que permitam a deambulação e movimentação ativa da mulher, desde que não existam impedimentos...
    38258 Palavras 154 Páginas
  • Psiquiatria
    legal conforme a Portaria GM/MS2048, de 05 de novembro de 2002, constantemente solicita, via Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS), o apoio para realizarem as abordagens aos portadores de transtornos mentais em crises. Quando em crise, uma pessoa portadora de Transtornos...
    5188 Palavras 21 Páginas
  • Atendimento pre-hospitalar
    partir de um curso nacionalmente padronizado e denominados Agentes de Socorros Urgentes, foram os pioneiros na área de atendimento pré-hospitalar e hoje são comumente conhecidos como “socorristas”. Somente em 2002, através Portaria2048 do Ministério da Saúde, de 05 de novembro de 2002, que...
    936 Palavras 4 Páginas
  • Trabalho
    por instituição médico-hospitalar, de treinamento ou| |de ensino, com carga horária mínima de 16 horas. | |Curso de capacitação SAMU (habilitação de acordo com a Portaria No 2048/02- MS/GM) completo: Certificado emitido...
    2236 Palavras 9 Páginas
  • Samu
    trabalhar em equipe; ♦ Disponibilidade para a capacitação conforme Portaria 2048/GM; 2. Competências ♦ Operar o sistema de radiocomunicação e telefonia nas Centrais de Regulação; ♦ Exercer o controle operacional da frota de veículos do sistema de atendimento pré-hospitalar móvel...
    4470 Palavras 18 Páginas
  • PALESTRA
    Atendimento às Urgências, conforme Portaria GM/MS2048, de 05 de novembro de 2002. 2.b – componente Pré-Hospitalar Móvel: - SAMU - Serviço de Atendimento Móvel de Urgências e os serviços associados de salvamento e resgate, sob regulação médica de urgências e com número único nacional para...
    9035 Palavras 37 Páginas