Resumo Iniciação Á Historia Da Filosofia Danilo Marcondes artigos e trabalhos de pesquisa

  • História do pensamento

    DESCARTES: O SURGIMENTO DA FILOSOFIA MODERNA Eduardo Ballousier Monteiro de Barros RESUMO: Este trabalho se destina a análise do discurso da filosofia de Descartes, que introduz o pensamento moderno. PALAVRA-CHAVE: pensamento, originalidade, filosofia moderna. 1 - INTRODUÇÃO: René Descartes (La Haye, março de 1596 — Estocolmo, fevereiro de 1650) foi um filósofo racionalista francês e é considerado o pai da filosofia moderna. Filho de uma família de burgueses e proprietários rurais...

    1260  Palavras | 6  Páginas

  • Resumo Convite Filozofia

    Filosofia Contemporânea1 RESUMO No livro Convite à Filosofia de Marilena Chauí, é apresentada sete questões referentes à Filosofia Contemporânea e comparada entre os séculos XIX e XX, que neste artigo estarão mais esclarecidas. Há também o conceito de Pós-modernidade na visão de Chauí e Danilo Marcondes.Gilles Lipovetski é um filósofo francês com o um pensamento pós-moderno, e que em seu livro Felicidade Paradoxal analisa como o ser humano consegue ser feliz, inicia-se no consumo, depois no espiritual...

    1968  Palavras | 8  Páginas

  • Iniciação à filosofia

    Fichamento: Obra; Iniciação à história da filosofia – Dos Pré-Socráticos a Wittgenstein Marcondes, Danilo, 1953- Iniciação à história da filosofia: dos pré-socráticos a Wittgenstein \ Danilo Marcondes. – 13. ed. – Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2010. N. de páginas: 303. Síntese da Introdução O livro começa com um breve resumo da décima primeira edição, onde o autor mostra a satisfação em ter publicado a décima primeira edição do livro em questão, revela que seu objetivo maior...

    1658  Palavras | 7  Páginas

  • Texto filosofia FGV

    Filosofia A disciplina de Filosofia foi elaborada para os professores de ensino médio que atuam com os conteúdos e procedimentos dessa disciplina nas escolas brasileiras.  A formação docente em nosso País ainda se dá, em grande parte, de modo precário, mas a dificuldade em orientar-se na preparação de aulas da disciplina no ensino médio ocorre mesmo entre os professores que tiveram uma boa formação filosófica.  Como despertar o interesse dos jovens? Que conceitos e temas é mais importante destacar...

    2951  Palavras | 12  Páginas

  • Resenha Iniciaçao a Historia da Filosofia

    CARVALHO DE OLIVEIRA RESENHA CRÍTICA “INICIAÇÃO A HISTORIA DA FILOSOFIA” Cruz das Almas – BA 2013 NEUZA HELENA CARVALHO DE OLIVEIRA RESENHA CRÍTICA “INICIAÇÃO A HISTORIA DA FILOSOFIA” . Cruz das Almas – BA 2013 MARCONDES, Danilo. Iniciação da história da Filosofia: dos pré-socráticos a Wittgenstein, 2 ed. Rio de Janeiro: Zahar, 2007, p. 40 – 82. Danilo Marcondes é graduado em filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Rio...

    1593  Palavras | 7  Páginas

  • 945509 Filosofia I Orienta O Grupos 2015 2 Sem Engenharia

    SEMINÁRIO I Grupo 2: até ? membros Seminário 2: Platão e o conhecimento Data de apresentação: Pontos: 20 pontos Entregar para a professora um texto escrito com o resumo sobre o tema – até 5 páginas - e outro para a turma -– 1 ou 2 páginas. O texto escrito deverá ser elaborado pelo próprio grupo. Qualquer referência de livros ou Internet deverá ser citada devidamente (colocando aspas, página e referência bibliográfica completa). Ver normas da ABNT, disponível no site da PUC, biblioteca...

    2768  Palavras | 12  Páginas

  • Filosofia medieval

    Disciplina: Filosofia Filosofia Medieval – Resumo para aula Helenismo (período anterior a Filosofia Medieval) Para entender a Filosofia Medieval, é necessário conhecer algumas características do período histórico anterior: o Helenismo. Em um sentido amplo, helenismo refere-se à influência que a cultura grega (helênica, de Hellas. ou Grécia) passou a ter no Oriente Próximo (Mediterrâneo oriental: Síria, Egito, Palestina, chegando até a Pérsia e Mesopotâmia) após a morte de Alexandre (323...

    3248  Palavras | 13  Páginas

  • Aula 2 Filosofia Antiga Parm Nides Her Clito Plat O E Arist Teles

    PARMÊNIDES DE ELÉIA E HERÁCLITO DE ÉFESO 1. CARACTERÍSTICAS PRINCIPAIS 1.1. O período cosmológico ou pré-socrático se estende do fim do século VII a.C. ao fim do século V a.C. As principais características da filosofia pré-socrática são as seguintes: 1.1.1. É uma explicação racional e sistemática sobre a origem, a ordem e a transformação da natu- reza. 1.1.2. Busca o princípio natural, eterno, imperecível e imortal, gerador de todos os seres. 1.1.3. Afirma que, embora a physis seja imperecível...

    4896  Palavras | 20  Páginas

  • Nos Caminhos Da Filosofia Pol Tica

    Nos caminhos da Filosofia Política...   Talvez você esteja se perguntando: “se religião, futebol e política não se discutem, por que enveredar nos caminhos da Filosofia Política?” Trata-se mesmo de um caminho... Ou academicamente falando, um estudo propedêutico. E nesse caminhar, vamos dialogar com alguns autores clássicos, como  Maquiavel, Hobbes, Locke e Rousseau. Chamaremos para nossas conversas Danilo Marcondes e Hilton Japiassú, Marilena Chauí e outros pensadores que agregarão valor ao nosso...

    684  Palavras | 3  Páginas

  • filosofia

    RESUMO: O artigo científico tem por finalidade mostrar a passagem do pensamento mítico para o racional mostrando os acontecimentos que influenciaram essa mudança. O mito como primeira forma de o homem se encontrar no mundo, sua influência no meio social e os fatos que fizeram com que essa forma de situar o ser humano fosse superada pela razão, como por exemplo, as divergentes explicações filosóficas pré-socráticas sobre o princípio das coisas, o surgimento do universo e as inúmeras transformações...

    4145  Palavras | 17  Páginas

  • Filosofia moderna

    estudo científico e a filosofia moderna, com destaque para o poder racional do homem, sinalizando um retorno às raízes do pensamento racional e à renúncia do controle do conhecimento pelo misticismo e pela Igreja Católica. Nesse contexto, a sabedoria não é mais vista como algo sagrado e místico, uma vez que, por meio do pensamento e do raciocínio, o homem tem poder para traçar seu próprio destino e caminhar rumo ao conhecimento. Para começar, é importante lembrar que a filosofia da Idade Moderna...

    652  Palavras | 3  Páginas

  • Historia do Pensamento Filosofico

     PLANO DE ENSINO CURSO: ICH - Curso Geral SÉRIE: 1o Semestre DISCIPLINA: História do Pensamento Filosófico CARGA HORÁRIA SEMANAL: 02 horas / aula CARGA HORÁRIA SEMESTRAL: 40 horas I - EMENTA Analise dos fatores que possibilitaram a transição da consciência mítica para o pensamento racional filosófico. Estudo dos principais problemas discutidos pelos filósofos ao longo da história da filosofia. Reflexão sobre os pressupostos e especificidades das diferentes abordagens do real: o pensamento...

    1548  Palavras | 7  Páginas

  • Filosofia

    a realidade em seu sentido mais profundo como algo de imutável [...] excluindo assim o movimento e a mudança como aquilo que não é, porque deixou de ser o que era, e não veio a ser ainda o que será, e portanto não é nada”. (Danilo Marcondes, Iniciação à história da filosofia, Material didático pp 35-36) 2) Por que, segundo Aristóteles, no texto do material didático “a possibilidade de ensinar é o princípio do saber”? Resposta: Diferente do significado que o verbo saber possui para o vulgo, comumente...

    1098  Palavras | 5  Páginas

  • Surgimento da filosofia

    X Salão de Iniciação Científica PUCRS O SURGIMENTO DA FILOSOFIA E A EVOLUÇÃO DOS MITOS: a importância da Escola Jônica para a construção da racionalidade. Ágatha Cristine Depiné1, Ariel Koch Gomes, Josemar Sidinei Soares, MSc.1 (orientador) 1 Curso de Direito da Universidade do Vale do Itajaí - UNIVALI , Grupo de Pesquisa em Filosofia do Direito - Grupo Paidéia Introdução O conhecimento filosófico surgiu aos poucos, em substituição aos mitos e às crenças religiosas, na tentativa de conhecer...

    1148  Palavras | 5  Páginas

  • FILOSOFIA

    FILOSOFIA DA EDUCAÇÃO ANA MARIA SELAIVE PUJOL CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA 1 2 ANA MARIA SELAIVE PUJOL 3 ANA MARIA SELAIVE PUJOL EMENTA ANA MARIA SELAIVE PUJOL A origem da Filosofia enquanto pensamento crítico e sua consagração no mundo antigo; A metafísica e a escolástica no caminho do pensar filosófico medieval; A filosofia na trajetória moderna: do Renascimento ao Iluminismo; A ideia de progresso e as novas abordagens da educação. 4 OBJETIVOS GERAIS 1...

    1766  Palavras | 8  Páginas

  • Trabalhos De Filosofia 1 Semestre

    Professora Selma Ap. Cesarin Filosofia Geral Direito – 1º. semestre Trabalhos 1. Mito Pesquisar um mito além dos que já vimos em sala de aula e analisar qual o fenômeno natural ou de relações entre os homens este mito ajudava a compreender. Entrega de trabalho escrito com capa, página de rosto, conteúdo (incluindo a reprodução do mito) e referências. Grupos: 3 componentes. Data de entrega (sujeita a mudança, dependendo do calendário da Faculdade): Anália Franco: 24/03/2011 Liberdade: 17/03/2011...

    571  Palavras | 3  Páginas

  • A filosofia segundo nietzsche

    A Filosofia Segundo Nietzsche “Para Nietzsche, os instintos parecem ser mais fundamentais e certeiros. Ao valorizálos o filósofo assume uma posição estratégica que lhe permite fazer oposição às definições do homem pela racionalidade, ou pela consciência. Não sendo mais fundamental do que os instintos, a consciência não pode ser erigida em mestra dos mesmos. A consciência é considerada apenas como uma órgão e, note-se bem, ‘o órgão mais frágil’, ‘mais falível’, e portanto não é o grau mais elevado...

    543  Palavras | 3  Páginas

  • danilo marcondes questões de aristoteles

    1- Qual o sentido da crítica de Aristóteles à teoria das ideias das ideias de Platão? O sentido de aprender junto ao mestre, é muita das vezes supera-lo, assim é em muitos casos, e não deixa de ser na filosofia. Temos em Platão o fato dele tentar e superar Sócrates, e é desse jeito vemos a superação de Aristóteles ao próprio Platão. Aristóteles ultrapassou em muitos quesitos as ideias de Platão, seja na explicação de como o conhecimento é adquirido, ou até no conceito de alma. O sentido de Aristóteles...

    1918  Palavras | 8  Páginas

  • Filosofia Idade Média

    1) Para Aristóteles as virtudes ética são fundamentais para que fim?E para Socrátes qual o fim máximo para o a qual a ética pode levar o homem? 2)Por que é difícil conceber uma história da ética para além do mundo ocidental? 3)"A filosofia vai encontrar-se, pois, ao nascer, numa posição ambígua: em seus métodos, em sua inspiração, aparentar-se-á ao mesmo tempo às iniciações dos mistérios e às controvérsias da Ágora; flutuará entre o espírito de segredo próprio das seitas e a publicidade do debate...

    525  Palavras | 3  Páginas

  • filosofia

    UNICID UNIVERCIDADE CIDADE DE SÃO PAULO AP_ II ASPECTOS DA FILOSOFIA ANTIGA E MEDIEVAL AUTOR QUESTÃO Sócrates   Ironia :desmontar o conhecimento anterior reconhecer a própria ignorância e a maiêutica:Parto construção de um novo conhecimento. Platão   Mundo Sensível: Acessível pelos sentidos.É o mundo do movimento,da multiplicidade.Mundo ilusório: os objetos são “sombras”dos objetos reais.Teoria da participação:o fenômeno só existe por fazer parte da...

    538  Palavras | 3  Páginas

  • Filosofia

    SÍNTESE DO LIVRO INICIAÇÃO À HISTÓRIA DA FILOSOFIA: DOS PRÉ- SOCRÁTICOS A WITTGENSTEIN AUTOR: DANILO MARCONDES BELO HORIZONTE 2011 O livro Iniciação à história da filosofia: dos pré-socráticos a Wittgenstein, 304 páginas, editora Jorge Zahar, Rio de Janeiro, 2004, do autor Danilo Marcondes é dividido em quatro partes, sendo elas: filosofia antiga, medieval, moderna e contemporânea, onde situa pensadores e correntes filosóficas...

    3482  Palavras | 14  Páginas

  • Trabalho Filosofia

    apresentará o pensamento filosófico através da história, utilizando-se para tanto, a divisão tradicional da história em quatro períodos: Idade Antiga ou Antiguidade, Idade Média, Idade Moderna e Idade Contemporânea. Serão abordados: a contextualização histórica do período, os principais autores e obras, teorias, influências e relação com o direito. Considerando a história como um resultado de processos de transformações dinâmicas, temos também que a Filosofia também acompanhou este processo. É importante...

    7634  Palavras | 31  Páginas

  • Filosofia antiga

    FILOSOFIA ANTIGA A filosofia é um saber específico e tem uma história que já dura mais de 2.500 anos. A filosofia nasceu na Grécia antiga - costumamos dizer - com os primeiros filósofos, chamados pré-socráticos. Mas a filosofia não é compreendida hoje apenas como um saber específico, mas também como uma atitude em relação ao conhecimento, o que faz com que seus temas, seus conceitos e suas descobertas sejam constantemente retomados. A história da filosofia coloca em perspectiva o conhecimento...

    1066  Palavras | 5  Páginas

  • Evolu o do Conhecimento na Historia da Filosofia 2

    Cleverton Cardeles, Harley Pereira, Liliane castro TEORIA DO CONHECIMENTO     Ramo da filosofia que estuda a natureza do conhecimento. Como podemos conhecer os objetos? A realidade? A natureza? Deus? Qual é a origem do conhecimento? O conhecimento dos objetos é determinado pelas experiências sensíveis ou é mais determinado por nossas estruturas mentais? O PENSAMENTO RACIONAL COM FONTE DA CERTEZA E DA VERDADE  Buscamos as ideias claras e distintas onde devemos abandonar todo conteúdo ou...

    924  Palavras | 4  Páginas

  • O surgimento da filosofia

    SURGIMENTO DA FILOSOFIA NA GRÉCIA ANTIGA Danilo Marcondes, em “Iniciação à História da Filosofia” A. A passagem do pensamento mítico para o filosófico-cientifico Um dos modos talvez mais simples e menos polêmicos de se caracterizar a filosofia é através de sua história: forma de pensamento que nasce na Grécia antiga, por voíta do séc.vi a.C. De fato, podemos considerar tal caracterização praticamente como uma unanimidade, o que costuma ser raro entre os historiadores da filosofia e os especialis¬tas...

    1132  Palavras | 5  Páginas

  • Filosofia moderna

    FILOSOFIA MODERNA Achamos a característica específica do pensamento clássico na solução dualista do problema metafísico. Existem o mundo e Deus, mas são separados entre si: Deus não conhece, não cria, não governa o mundo. Tal dualismo não será negado, mas desenvolvido no pensamento cristão mediante o conceito de criação, em virtude da qual é ainda afirmada a realidade e a distinção entre o mundo e Deus, mas Deus é feito criador e regedor do mundo: o mundo não pode ter explicação a não ser em um...

    992  Palavras | 4  Páginas

  • Curso de Filosofia

     Filosofia Apresentação Apresentando a Disciplina Objetivo e Conteudo Bibliografia 1 — Amor ao Saber Unidade 1 — Filosofia no Ensino Médio 1.1 - professor ou filósofo? 1.1.1 - filosofia - a palavra 1.1.2 - visão socrática 1.1.3 - natureza dialógica 1.2 - aspectos legais 1.2.1 - governo de Fernando Henrique Cardoso 1.2.2 - governo de Luiz Inácio Lula da Silva 1.2.2.1 - Parecer CEB/CNE no. 22/08 1.2.2.2 - obrigatoriedade dos documento 1.3 - espaços tradicionais ...

    3336  Palavras | 14  Páginas

  • O surgimento da filosofia na grécia

    Pedagogia Resumo Anápolis/2012 MARCONDES, Danilo. O surgimento da filosofia na Grécia. Rio de janeiro: Jorge Zahar, 2010, p. 19 -29. O autor do texto explica que a filosofia se caracteriza por sua história. Esta ideia é de consenso entre os historiadores da filosofia, tendo como primeiro filósofo Tales de Mileto. O autor explica ainda, que o pensamento filosófico-científico nasce na cultura grega por volta do séc. VI a.C. e que é importante entender o que é ciência. Mas isso não significa...

    2970  Palavras | 12  Páginas

  • filosofia geraral

    FILOSOFIA GERAL E JURÍDICA Esse material foi produzido a partir de Convênio de Colaboração firmado entre as Instituições: Filosofia geral e juridica.indd 1 2/1/2008 11:06:32 Expediente Curso de Direito — Coletânea de Exercícios Coordenação Geral do Curso de Direito da Universidade Estácio de Sá Prof. André Cleófas Uchôa Cavalcanti Coordenação do Projeto Núcleo de Qualificação e Apoio Didático-Pedagógico Coordenação Pedagógica Profa. Tereza Moura Organização da Coletânea Prof...

    12266  Palavras | 50  Páginas

  • O surgimento da filosofia na Grécia antiga

    XXXXXXXXXXXXXXXXX O SURGIMENTO DA FILOSOFIA NA GRÉCIA ANTIGA XXXXXXXXXXXXXXXXX 2014 XXXXXXXXXXXXXXXXX O SURGIMENTO DA FILOSOFIA NA GRÉCIA ANTIGA Resenha desenvolvida durante a disciplina de raízes do pensamento psicológico, como parte de avaliação do primeiro período (Turma XXXXXXXXXXXXXXXXX). Professora: XXXXXXXXXXXXXXXXX. CURITIBA 2014 Resenha: O surgimento da filosofia na Grécia antiga. Sempre foi inato o pensamento...

    814  Palavras | 4  Páginas

  • 2P Filosofia II Rosana 2

     PLANO DE ENSINO CURSO: DIREITO Ano de Ingresso: 2014 Componente Curricular: Ano Letivo: 2014 Disciplina: Filosofia II Período: 2° Turmas: A, B, C, D, E, F Aulas semanais: 02 Aulas Teóricas: 28 Aulas Práticas: Atividades Extraclasse: 07 Carga horária total: 35 1. COMPETÊNCIAS E HABILIDADES DA DISCIPLINA IX - compreensão adequada e interdisciplinar dos fenômenos políticos, sociais, econômicos, subjetivos e psicológicos, dentre outros, considerando-os na criação, interpretação e...

    901  Palavras | 4  Páginas

  • textoO surgimento da filosofia no mundo

    O surgimento da filosofia no mundo. O conhecimento filosófico surgiu aos poucos, em substituição aos mitos e às crenças religiosas, na tentativa de conhecer e compreender o mundo e os seres que nele habitam. A formação do pensamento filosófico se deu na passagem do mito (mýthos) para a razão (lógos). Os deuses têm sua importância relativizada pela razão a partir dos elementos existentes na natureza estudados pelos pré-socráticos. Considerando os pré-socráticos como os filósofos de um...

    2414  Palavras | 10  Páginas

  • filosofia da educação

    CAPÍTULO II HELENISMO: foi a concretização de um ideal de Alexandre de levar a difundir a cultura grega aos territórios que conquistava, foi nesse período que as ciências particulares tiveram seu primeiro desenvolvimento. A filosofia helenística é marcada pela preocupação com a ética, um estabelecimento de regras do bem viver, dando novas referencias quanto as regras de conduta, apontando um caminho para a busca da felicidade pessoal num contexto multicultural e pluralista. Teve...

    1789  Palavras | 8  Páginas

  • Fiolosofia Historia Part 1

    u2 Filosofia e Conhecimento Filosofia | UNISUAM FILOSOFIA E CONHECIMENTO Objetivo do estudo - Entender a origem do conhecimento humano, chamada na modernidade de epistemologia; entender o conhecimento como ascensão do domínio ilusório, retomando uma vez mais o pensamento de Platão, em especial, e as formas de conhecer o mundo. Prezado aluno, Na Unidade I do curso de Filosofia Básica, buscou-se marcar alguns elementos fundamentais acerca da Filosofia. Estes foram, a saber, a Filosofia e a figura...

    10395  Palavras | 42  Páginas

  • CONHECIMENTOS BÁSICOS DE FILOSOFIA

    Disciplina: Filosofia Prof.: Luciano Gomes dos Santos Questões de fixação e reflexão para a avaliação Parcial de Sociologia – data- 22.03.2013: 1. Explique o que é Filosofia e a importância de seu estudo para o ser humano. A filosofia é pensar da condição humana no mundo, utilizando da razão na compreensão da realidade que envolve o ser humano. A filosofia possibilita ao ser humano o desenvolvimento do raciocínio crítico e lógico. 2. Onde e como surgiu a Filosofia? A filosofia surgiu na...

    1461  Palavras | 6  Páginas

  • A Filosofia Rabe

    Melo Jéssica Gomes Júlio César Belo Gervásio Pricila Corrêa da Conceição Thamires de Souza Pedrosa Vanessa dos Santos da Silva A FILOSOFIA ÁRABE: UM ENCONTRO ENTRE OCIDENTE E O ORIENTE A ORIGEM:  Durante a Dinastias dos Abássidas, que teve duração de meio milênio (750-1258), a filosofia árabe foi formada por Abul-Abbas foi o fundador desta Dinastia. A filosofia árabe é dividida pela ordem cronológica dos seus representantes.  Reintrodução do pensamento de Aristóteles nessa tradição.  Difusão...

    1469  Palavras | 6  Páginas

  • Filosofia

    Janssen Disciplina: Filosofia Prof.: Luciano Gomes dos Santos Questões de fixação e reflexão para a 2ª Avaliação Parcial de Filosofia – data- 30.09.2013: 1. Comente sobre a relação de Sócrates com a Filosofia. Sócrates fez da Filosofia a razão de sua vida. Ele não ensinava as pessoas filosofia, mas ensinava as pessoas a filosofar, ou seja, por meio da filosofia Sócrates levava os indivíduos a pensarem em suas crenças e em suas concepções de verdade. Por meio da filosofia Sócrates ajudava as...

    1755  Palavras | 8  Páginas

  • Filosofia

     SISTEMAS DE INFORMAÇÃO 8º Semestre INTRODUÇÃO À FILOSOFIA Profª Juliane Vargas AULA 9 FILOSOFIA MODERNA: A filosofia política do liberalismo e a tradição iluminista (Hobbes, Locke, Rousseau) – Parte 2 2º Semestre 2010 Fonte: Iniciação à história da Filosofia / Danilo Marcondes, 12ª edição, Rio de Janeiro, Jorge Zahar Ed., 2008. A filosofia política do liberalismo e a tradição iluminista O Liberalismo político A valorização da livre iniciativa e da liberdade individual...

    1599  Palavras | 7  Páginas

  • Estudo sobre filosofia

    livro "Iniciação à História da Filosofia" de Danilo Marcondes (em anexo!) que serão a base para as atividades 5 e 6 que ficarão abertas por duas semanas (de 22 de agosto a 04 de setembro). Para a atividade 5, você deve responder às questões de números ímpares (somente as ímpares) da pág. 68 do texto em anexo. Para a atividade 6 (sobre Aristóteles), você deverá responder às questões de 1 a 5 da pág. 83 do texto em anexo! Atividade 5 e 6- Ad 01 Filosofia Página 68- Questão 1 A filosofia de Platão...

    1123  Palavras | 5  Páginas

  • A FILOSOFIA NA LITERATURA BRASILEIRA

    LINHA DE PESQUISA: Filosofia na Literatura Brasileira A PRESENÇA DA FILOSOFIA NA LITERATURA BRASILEIRA Contagem 2014 Luisa Pascoal Menezes da Costa Verônica Antunes Cunha Campos A PRESENÇA DA FILOSOFIA NA LITERATURA BRASILEIRA Trabalho final de iniciação científica apresentado ao Programa 2º Milha do Colégio Santo Agostinho de Contagem. O objetivo desta produção é reconhecer a filosofia brasileira dentro da literatura nacional. Orientador:...

    5551  Palavras | 23  Páginas

  • A Mulher e a filosofia

    O DISCURSO FILOSÓFICO: definindo o corpo Losandro Antônio Tedeschi1 Resumo: Muito pouco de natureza existe em nosso corpo. Que cultura ou que discurso construiu a mulher? Como a “natureza feminina”, o corpo da mulher foi pensado? Platão nomeia a “natureza feminina” e responsabiliza a matriz (útero) pelas doenças femininas. Hipócrates, seguindo Platão, teoriza a “sufocação uterina” relacionando o fraco com o feminino e o forte com o masculino, hierarquizando os sexos desde a geração. Platão...

    6254  Palavras | 26  Páginas

  • Filosofia

    DO MITO À FILOSOFIA O presente trabalho visa ampliar nossos conhecimentos acerca da passagem do mito para a filosofia. Tanto o mito quanto a filosofia são duas formas diferentes de se explicar a realidade, a origem das coisas. No mito a verdade é dada pronta e explicada de forma sobrenatural, não se admitindo outra interpretação para os fatos. Na filosofia a verdade é buscada através da investigação racional; são admitidas outras explicações para as mesmas questões, e estas, passam pela crítica...

    1964  Palavras | 8  Páginas

  • Schopenhauer Trabalho De Filosofia

     Schopenhauer e a Psicologia Seminário de Filosofia Integrantes: Introdução O filósofo Arthur Schopenhauer, nascido em Dantzig (em 1788) e falecido em Frankfurt (em 1860), marcou a História da Filosofia no Ocidente, principalmente por ter valorizado um elemento novo nas discussões filosóficas: a noção de corpo. Temos como principal objetivo traçar um paralelo entre o pensamento do filósofo alemão Arthur Schopenhauer e a psicologia, nossa área de estudos principal. Escolhemos...

    2039  Palavras | 9  Páginas

  • História da Filosofia: algumas ponderações

    defender o que se esvaiu sem saber dar-lhe forças para retornar à vida, eles são a chaga da filosofia.1 1 PERÍODO HELENISTA E GRECO-ROMANO 2 Esses dois períodos, o Helenista e o Greco-Romano, somados, constituem o mais longo período da história da filosofia antiga, indo de meados do século IV a.C. até o início do século VIII d.C. Muitas vezes se considera esses mais de onze (11) séculos de história como um único grande período, mas há divisões importantes contidas nele. Ele abrange todo...

    11847  Palavras | 48  Páginas

  • Filosofia Moderna

    redescoberta da arte e literatura  grega, o humanismo com sua ênfase no temporal e o consequente colocação do homem no centro da realidade, o  repensar da política e estilo de governo marcado pelas obras do Maquiavel[2], o estudo científico e a Filosofia  Moderna com sua ênfase do poder racional do homem, sinalizaram um retorno às raízes do pensamento racional e a  morte do poder de controle do astrólogo, do mago e da igreja sobre o conhecimento. A sabedoria (o conhecimento)  não é mais visto co...

    4423  Palavras | 18  Páginas

  • Filosofia

    Disciplina:  FILOSOFIA, COMUNICAÇÃO E ÉTICA (979V)    Professor responsável: Vladimir Fernandes   Caro aluno,   Este é o modulo de apresentação da disciplina Filosofia, Comunicação e Ética. Aqui você inicia seu programa de estudos online. Os conteúdos estão divididos em oito módulos. Cada modulo contém: um texto introdutório, a bibliografia indicada para estudo, um exercício respondido e comentado e outros exercícios para você refletir e resolver.   MODULOS DA DISCIPLINA   1. Comunicação, linguagem...

    6338  Palavras | 26  Páginas

  • Filosofia Juridica

    REVISÃO DE CONTEÚDO DE FILOSOFIA – Prof. Odair José Torres de Araújo 1 ESTUDAR PARA A PROVA 1. Diferença entre Mito e Filosofia O pensamento mítico consiste em uma forma pela qual um povo explica aspectos essenciais da realidade em que vive: origem do mundo, o funcionamento da natureza e dos processos naturais e as origens deste povo, bem como seus valores básicos. Contudo, essa explicação se dá através do apelo ao sobrenatural, ao mistério, ao sagrado ou à magia. Já o pensamento filosófico...

    1905  Palavras | 8  Páginas

  • Trabalho de Filosofia

    Prof. Norberto Mazai Φ A Diferença no Pensar Φ www.derphilosopher.supralus.com FILOSOFIA Revisão geral / Vestibular 2009 - Unb Obs: Esse texto é apenas um breve resumo que não substitui o estudo detalhado dos livros indicados. 1- Etimologia: Φ FILOSOFIA→ palavra de origem grega cunhada por Pitágoras ( philos = amigo; sophia = sabedoria ) O pensamento filosófico tem sua origem no THAUMA (espanto, admiração, perplexidade) 2- Características da reflexão Filosófica: a) é radical:...

    6082  Palavras | 25  Páginas

  • resumo do filme o nome da rosa

    Resumo do filme O Nome da Rosa Do ponto de vista do filme que hoje está sendo abordado, notamos que a história passa em um mosteiro na Itália Medieval. A idade média assistiu em sua agonia um grande debate Filosófico Religioso. Perdido o equilíbrio do tomismo, o homem medieval caiu em dois extremos opostos. De um lado os humanistas racionalistas ao Frei Guilherme de Ockham, um édito moderno. Tais humanistas cultivaram o antropocentrismo julgaram que graças às ciências e a técnica, o homem seria...

    1639  Palavras | 7  Páginas

  • Exercício de filosofia de serviço social

    FILOSOFIA DO SERVIÇO SOCIAL Para que filosofia? - as evidências do cotidiano e a atitude filosófica. Em nossa vida cotidiana, afirmamos, negamos, desejamos, aceitamos ou recusamos coisas, pessoas, situações. Fazemos afirmações como "onde há fumaça, há fogo", ou "não saia na chuva para não se resfriar". Avaliamos coisas e pessoas, dizendo, por exemplo, "esta casa é mais bonita do que a outra" e "Maria está mais jovem do que Glorinha". Em uma disputa, quando os ânimos estão exaltados, um dos contendores...

    6890  Palavras | 28  Páginas

  • Iniciação a história da filosofia

    INICIAÇÃO À HISTÓRIA DA FILOSOFIA: DOS PRÉ-SOCRÁTICOS A WITTGENSTEIN Fichamento: MARCONDES, Danilo. Iniciação à história da filosofia: dos pré-socráticos a Wittgenstein - Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 1998. FILOSOFIA ANTIGA O surgimento da filosofia na Grécia antiga Existia entre os diversos povos da humanidade um pensamento que antecedia o modo de pensar filosófico, o pensamento mítico. Este consistia na forma pela qual um povo procurava explicar os aspectos principais da realidade em...

    3835  Palavras | 16  Páginas

  • Filosofia

    |SISTEMAS DE INFORMAÇÃO |INTRODUÇÃO À FILOSOFIA |AULA 8 | |8º Semestre |Profª Juliane Vargas | | |FILOSOFIA MEDIEVAL: A formação do mundo ocidental; o surgimento da filosofia cristã; Santo |1º Semestre 2011 | |Agostinho; o surgimento da Escolástica; São Tomás de Aquino; Guilherme de Ockham e a...

    2444  Palavras | 10  Páginas

  • Arnaldo nogaro - por que estudar filosofia

    O PENSAR FILOSÓFICO Arnaldo Nogaro[1] SUMÁRIO 1 COMO ESTUDAR FILOSOFIA? ......................................................... 02 2 POR QUÊ ESTUDAR FILOSOFIA? .................................................... 04 3 HABILIDADES DE PENSAMENTO ....................................................09 3.1 HABILIDADES DE INVESTIGAÇÃO ...................................14 3.2 HABILIDADES DE RACIOCÍNIO ..........................................15 3.3 HABILIDADES DE FORMAÇÃO...

    9833  Palavras | 40  Páginas

  • filosofia na grecia antiga

    Marcondes, Danilo, 1918 Iniciação à filosofia: dos pré-socráticos a Wittgenstein/Danilo 12.ed. Marcondes. – 12.ed. – Rio de Janeiro: Jorge Zahar Ed., 2008. A. A PASSAGEM DO PENSAMENTO MITICO PARA O FILOSÓFICO-CIENTÍFICO “[...] Aristóteles, no livro I da Metafísica, talvez tenha sido o ponto de partida dessa concepção, chegando mesmo a definir Tales de Mileto como primeiro filosofo. [...] Não teria havido pensamento antes de Tales de Mileto e desse período de surgimento da filosofia...

    928  Palavras | 4  Páginas

  • Trabalho final de filosofia - filósofos

    Sumário Sumário 3 1.Introdução 4 2.A Filosofia na Antiguidade 5 i.Filosofia de Sócrates 5 ii.Filosofia de Platão 8 iii.Filosofia de Aristóteles 10 3.Considerações Finais 12 4.Referências Bibliográficas 13 Introdução A filosofia surge no ambiente político, das viagens marítimas e na fase do crescimento urbano, junto com a criação da escrita e das moedas. Ela foi importante para a criação da...

    2449  Palavras | 10  Páginas

  • Filosofia Medieval

    aprovado Um marco histórico: A filosofia medieval Priscilla Harumi Yoshy Pacheco* RESUMO: Este artigo pretende fomentar por meio de pesquisas, o estudo da Filosofia Medieval, que caracterizou um marco na história da humanidade e continua sendo objeto de estudos na atualidade. Estudar a Filosofia Medieval é permitir esse contato com a história da combinação entre o antropocentrismo e o teocentrismo, ou seja, o norteamento para a compreensão entre fé e a razão. A Filosofia Medieval amplia suas raízes...

    7418  Palavras | 30  Páginas

  • Filosofia - introdução

    APOSTILA DE FILOSOFIA Professora: Cláudia Mara de Almeida Rabelo Viegas[1] UNIDADE I – INTRODUÇÃO AO ESTUDO DA FILOSOFIA CONSIDERAÇÕES INICIAIS: A Filosofia se traduz num modo de pensar que acompanha o homem em sua tarefa de compreender o mundo e agir sobre ele. Conhecer os conceitos e a história da Filosofia amplia a nossa visão como um todo e nos permite ser donos de nosso próprio pensar, falar e agir. A filosofia preocupa-se em responder perguntas...

    2402  Palavras | 10  Páginas

  • TRABALHO FILOSOFIA

    AZEVEDO A RUPTURA COM A TRADIÇÃO RACIONALISTA Trabalho acadêmico apresentado ao curso de Direito da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina, como requisito parcial valendo 4,0 para a soma com outras avaliações na disciplina de Filosofia e Ética, sob orientação do Mestre Moisés Almeida. PETROLINA, 2015 SUMÁRIO INTRODUÇÃO........................................................................................ Pag. 1 O ROMANTISMO....................................................

    2655  Palavras | 11  Páginas

  • filosofia

    111 A RELAÇÃO ENTRE ATO E POTÊNCIA NA METAFÍSICA DE ARISTÓTELES Maria Eduarda Bandeira Cardoso dos Santos1 Resumo: O presente artigo pretende expor o tema da relação entre ato e potência, com base na metafísica aristotélica. Por meio de uma análise geral, serão abordadas as principais questões relacionadas aos conceitos de ato e de potência, expostas no livro IX da Metafísica. A proposta do artigo é ajudar o leitor a compreender melhor a relação existente entre ato e potência, conceitos...

    4726  Palavras | 19  Páginas

  • Classe c

    PROFESSORA MARCIA BASTOS DE ALMEIDA Licenciada em Filosofia Mestre em Educação Objetivo da aula FILOSOFIA Aula 1 Introdução ao Pensamento Filosófico Resumo Na aula de hoje serão apresentados os principais aspectos históricos e filosóficos do pensamento ocidental tendo como ponto inicial a Grécia antiga chegando à contemporaneidade e seus problemas centrais. Refletir e discutir sobre a importância da Filosofia para a formação do Assistente Social, compreender os fundamentos ...

    793  Palavras | 4  Páginas

tracking img