• introdução ao estudo do Direito
    Menu EduardoCasassanta's Weblog Just another WordPress.com weblog Resumo da Obra “Teoria do Ordenamento Jurídico” de Bobbio RESUMO DA OBRA “TEORIA DO ORDENAMENTO JURÍDICO”, DE NORBERTO BOBBIO Capítulo 1 – Da norma jurídica ao ordenamento jurídico Neste capítulo, o autor, depois de tecer...
    1961 Palavras 8 Páginas
  • Bobbio
    Resumo. A unidade do ordenamento jurídico, um dos capítulos do livro, “A teoria do ordenamento jurídico” escrito pelo Italiano Norberto Bobbio, tenta nos apresentar a estrutura do ordenamento jurídico como um conjunto organizado de normas jurídicas, que para ser eficaz o ordenamento deve ser...
    971 Palavras 4 Páginas
  • Estudante de Direito
    qual o direito era estudado. Kelsen foi um dos primeiro a dar especial atenção ao problema do Ordenamento Jurídico, ao escrever o livro Teoria Geral do Direito e do Estado, aonde abordou com igual importância o estudo da norma em sí, e o do ordenamento jurídico. 2 Ordenamento Jurídico e Definições...
    689 Palavras 3 Páginas
  • Inserção da norma jurídica no sistema jurídico
    : Teoria da Norma Jurídica e Teoria do Ordenamento Jurídico. Vemos que na obra Teoria da Norma Jurídica é feita uma análise da norma por si só e já na Teoria do Ordenamento Jurídico, é visto o sistema normativo como um conjunto de normas estruturadas. Ao se fazer uma leitura da obra de Bobbio sobre...
    1950 Palavras 8 Páginas
  • Não tem
    que todas as demais leis somente poderão ter eficácia após passarem pelo filtro da lei FUNDAMENTAL. A teoria de NOBERTO BOBBIO não vai choca com a Teoria de Kelsen e sim a complementa. A conhecida Teoria do Ordenamento jurídico concorda com a teoria pura do direito, mas, Bobbio traz duas grandes...
    399 Palavras 2 Páginas
  • Resumo do capítulo 8 do livro "direito e poder", de norberto bobbio
    Resumo do Capítulo 8 do Livro "Direito e poder", de Norberto Bobbio - Kelsen não se detém em Weber. Vai além. Seu argumento principal é que nenhum sociólogo do direito vai desenvolver pesquisa sobre comportamentos jurídicos de uma dada sociedade se não possuir um critério que lhe permita...
    1231 Palavras 5 Páginas
  • testo
      RELACIONANDO A LITERATURA E A HISTÓRIA DO DIREITO: a análise do livro “O Processo” de Franz Kafka à luz do Positivismo Jurídico [1]   Fábio Ferro Fontes[2] Arnaldo Vieira[3]     Sumário: Introdução; 1 Da obra; 1.1 O Autor; 1.2 O Resumo da Obra; 2 Da relação da obra com o momento...
    1666 Palavras 7 Páginas
  • Papper, o Discurso e o poder.
    individuais. Segundo as teorias de Bobbioii², o poder instalado pelas manifestações, podem trazer graves consequências para a sociedade e para o próprio estado, comprometendo a segurança jurídica, ordenamento jurídico e eficácia das normas estatais. O Estado acaba automaticamente defrontando-se contra...
    1340 Palavras 6 Páginas
  • Breno
    Teoria da Norma Jurídica Resumo do Livro por:lionessantos Autor : Norberto Bobbio * Summary rating: 2 stars(148 Avaliações) * Visitas : 23822 * Palavras:300 * Comentários : 1 /sort-popular/law-and-politics/ ª TEORIA DA NORMA JURÍDICA – NORBERTO BOBBIO No livro, Teoria da...
    1201 Palavras 5 Páginas
  • Hermeneutica
    sistema do "common law", ou seja, por Direito pode-se entender ao mesmo tempo a ciência (ciência do direito) e o objeto (ordenamento jurídico) estudado pela mesma. Voltando-se o olhar para o Direito como norma, tem-se a Teoria Tridimensional do Direito, defendida por Miguel Reale e conhecida...
    1335 Palavras 6 Páginas
  • Teoria do Ordenamento Jurídico ­ Noberto Bobbio
    PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Graduação em Direito Rafael MC Gomes RESENHA CRÍTICA DO LIVRO Teoria do Ordenamento Jurídico ­ Noberto Bobbio Belo Horizonte 2013 Antes  de  tudo  foi  feito  um  estudo  em  torno  do  título  do  livro,  onde  se   tem  o...
    3362 Palavras 14 Páginas
  • Teoria da norma juridica
    ), mas sim o conjunto coordenado das normas (nomodinâmica), formulando a Teoria do Ordenamento Jurídico, expressa no livro homólogo. Nessa teoria, Bobbio rompe com a idéia tradicional de que a norma jurídica era a única perspectiva pela qual o Direito deveria ser estudado, e que o ordenamento...
    1554 Palavras 7 Páginas
  • DIREITO
    Teoria do Ordenamento Jurídico de Norberto Bobbio Capítulo 1 - Da norma Jurídica ao Ordenamento Jurídico O autor relata a relação entre a novidade do problema do ordenamento, o ordenamento jurídico e a definição do Direito, a nossa definição do Direito, a pluralidade de normas e os...
    2360 Palavras 10 Páginas
  • Consumo da carne bovina em rio brano acre
     direito a luta equivale ao trabalho há duas acepções atribuídas: a objetiva e a subjetiva. O direito subjetivo é o caráter axiológico, as normas abstratas, morais. Já o direito objetivo é o ordenamento jurídico enquanto normas objetivadas, positivadas. Em ambas acepções encontramos resistências que...
    1019 Palavras 5 Páginas
  • os principios na visão constitucionalista
    As teorias positivistas concebiam o ordenamento jurídico como um sistema fechado de regras, cuja compreensão seria independente da política e da moral. Para o positivismo, a noção de segurança jurídica era mais importante do que a ideia de justiça, enquanto pretensão de correção normativa. Nesse...
    2471 Palavras 10 Páginas
  • Direito
    , todas as leis necessitam de interpretação visando à descoberta desses. A leitura do ordenamento jurídico à luz dos Princípios Constitucionais. A Constituição é o fundamento universal de validade de todo o Ordenamento Jurídico. Quanto aos princípios, são mandamentos nucleares de um ordenamento...
    5315 Palavras 22 Páginas
  • resumo da decisão tomada pela presidente dilma
    Teoria do Ordenamento Jurídico Vitória 2013 Fichamento do Livro: Teoria do Ordenamento Jurídico Fichamento apresentado do curso de graduação da Faculdade Rede ensino Doctum de Vitória, para a matéria Introdução do Estudo...
    1647 Palavras 7 Páginas
  • O fenômeno jurídico
    , institucionalizado pelo Estado, compreende o ordenamento jurídico • Direito natural – norma não-escrita que se impõe, por ser intrínseca à natureza humana. • Direito Público – conjunto de regras do ordenamento jurídico que regulamentam relações nas quais há interesse público. • Direito...
    1693 Palavras 7 Páginas
  • resumo sobre direito civil.
    Jurídicos Parte Especial Livro I - Do Direito das Obrigações Livro II - Do Direito de Empresa Livro III - Do Direito das Coisas Livro IV - Do Direito de Família Livro V - Do Direito das Sucessões Parte Final ou Das Disposições Finais e Transitórias. 3. Os princípios fundamentais do código civil...
    1591 Palavras 7 Páginas
  • As razões do Direito
    com precisão como o jurista fundamenta as suas decisões. Em resumo, ele afirma que a teoria da argumentação jurídica deve apresentar: caráter teórico, natureza prática e qualificação política e moral. O livro As Razões do Direito é de caráter prático e de extrema pertinência ao âmbito acadêmico...
    1011 Palavras 5 Páginas