• O desenho
    história, também divinizou a máquina no seu projeto de a grande cidade, aceitando-o como um poder exterior ao homem, porém, se diferenciado dos outros grandes arquitetos por se colocar na posição de agente desse novo mito, representante autoritário da máquina. Em resumo, o conflito entre a...
    1132 Palavras 5 Páginas
  • ciam
    do centro como agregador dos edifícios representativos das funções públicas – culturais, educacionais e políticas – pode ter sido resultado das críticas recebidas em 1940 quando Sert pediu a Lewis Mumford que escrevesse a introdução do livro Can Our Cities Survive? com o objetivo de persuadir...
    7728 Palavras 31 Páginas
  • Sociedade
    , Aristóteles dirá que os humanos que não vivem em sociedade são deuses ou bestas, não seres humanos: A cidade é a comunidade perfeita procedente de várias aldeias, já que possui, em resumo, a conclusão da auto-suficiência total, e que tem sua origem na urgência do viver, porém subsiste para o viver bem...
    15512 Palavras 63 Páginas
  • Resenha - A cidade na história, Mumford
    “A História da Utopia” (1922), incluía a literatura, a arte e a ação comunitária como meio para aprimorar a qualidade de vida. Mumford publicou diversas outras obras, dentre elas a obra a ser resenhada “A Cidade na História (1961). Lewis Mumford faleceu em 27 de janeiro de 1990. No livro “A Cidade...
    1199 Palavras 5 Páginas
  • Acao do tempo
    sobre a ação do tempo – uma metáfora do relógio na transformação do nosso cotidiano, tendo como base o curso Ciência, tecnologia e sociedade: um enfoque filosófico, ministrado pelo Prof. Dr. Javier Bustamente Donas e a obra Técnica y Civilización, de Lewis Mumford (mais especificamente o primeiro...
    4483 Palavras 18 Páginas
  • Historia da arte
    FINAC – Faculdades Integradas Nacional THAU 1 – Teoria e História da Arquitetura e Urbanismo Professor Luiz Marcello Gomes Ribeiro A CRISTALIZAÇÃO DA CIDADE SEGUNDO LEWIS MUNFORD Lewis Munford escreve a Cidade na História, obra que serve de base para a atual resenha. A Cidade História...
    1124 Palavras 5 Páginas
  • lewis mmford
    X a XII),a cidade da Renascença (séculos XII a XV),a cidade de barroca (século XVII),a cidade da ilustração(século XVIII), a cidade industrial (século XIX), a cidade contemporanêa (metrópoles e megalópoles). Mumford encaminhou-se pela trilha histórica, mas não para fazer a história das cidades...
    432 Palavras 2 Páginas
  • Sociedade
    , Aristóteles dirá que os humanos que não vivem em sociedade são deuses ou bestas, não seres humanos: A cidade é a comunidade perfeita procedente de várias aldeias, já que possui, em resumo, a conclusão da auto-suficiência total, e que tem sua origem na urgência do viver, porém subsiste para o viver bem...
    15512 Palavras 63 Páginas
  • biografia de Lewis Munford
    LEWIS MUNFORD Lewis Mumford (1895-1990) foi um escritor norte-americano que escreveu a respeito do impacto da urbanização sobre os homens ao longo da história. A variedade da sua escrita colocou em contato com uma ampla diferença de segmentos, incluindo escritores, artistas,urbanistas...
    1439 Palavras 6 Páginas
  • Centro histórico de salvador, uma visão sistêmica
    Wirth, contribuíram para a visualização da cidade de uma forma mais ecológica. “A cidade é uma constelação de áreas naturais, cada uma delas com seu ambiente característico e a sua função específica no conjunto da economia urbana” (Park, apud, Barros, 2007, p. 34). Lewis Mumford, em seu livro A Cidade...
    7191 Palavras 29 Páginas
  • A cidade na história
     MUMFORD, Lewis. A cidade na história – suas origens, transformações e perspectivas. São Paulo: Martins Fontes, 1998. p.9-36. Resenhado por Frank Ferdinand de Bem Urban (Faculdades Barddal - Acadêmico do Curso de Arquitetura e Urbanismo) Lewis Mumford (1895-1990) foi um historiador norte...
    1138 Palavras 5 Páginas
  • Questionário referente ao Capítulo VIII do livro: “A Cidade na História” de Lewis Mumford.
    Questionário referente ao Capítulo VIII do livro: “A Cidade na História” de Lewis Mumford. Teoria e Historia da Arquitetura e Urbanismo III Questionário referente ao Capítulo VIII do livro: “A Cidade na História” de Lewis Mumford. 1- Quais as culturas exerceram influência na formação da...
    1044 Palavras 5 Páginas
  • Arte Românica e suas Vertentes
    BIBLIOGRÁFICAS: GONZÁLES, J.M.P. Arte Românica em Portugal. AGUILAR DE CAMPOO, 2010 CARVALHO, Benjamin . A História da Arquitetura. Edições de Ouro. s/d. HISTÓRIA GERAL DA ARTE - ARQUITETURA I,II,III,IV,V,VI . ediciones del Prado. tradução: LETRAS, S, 1995. MUMFORD, Lewis. A Cidade na História. Ed. Martin...
    1778 Palavras 8 Páginas
  • O URBANISMO - UTOPIAS E REALIDADES
    Engels, os pensadores que ligam os defeitos da cidade industrial ao conjunto das condições econômicas não persistem na lógica de sua análise. Recusam-se a considerar estas taras como uma nova ordem em substituição da anterior, mas as considera uma anarquia. Nas palavras de Lewis Mumford, uma não...
    6818 Palavras 28 Páginas
  • estudante
    Urbanismo. Tradução Ivone Salgado. 3. ed. Campinas: Papirus, 2001. HOWARD, Ebenezer. Cidades-Jardins de Amanhã. São Paulo: Hucitec, 2002. LE CORBUSIER. O urbanismo. Tradução Maria E. Galvão. 3.ed. São Paulo: WMF Martins Fontes, 2009. MUMFORD, Lewis. A cidade na história: suas origens...
    1997 Palavras 8 Páginas
  • Lewis mumford
    Resumo do texto: O URBANISMO – Lewis Mumford Lewis Mumford é americano estudou na universidade de Colúmbia, estudou a historia da civilização e se especializou na era maquinista, tornou-se discípulo e continuador de Patrik Geddes. Para ele a cidade e o centro mais importante do nosso...
    694 Palavras 3 Páginas
  • Resenha do livro "a construção das cidades segundo seus princípios artísticos"
    referências como as ágoras gregas e os fóruns romanos, que, segundo Mumford – em seu livro A cidade na história - suas origens, transformações e perspectivas – se caracterizavam por ser o centro da vida pública. Sendo assim, mesmo antes de se aprofundar no texto, percebemos que esse fenômeno não ocorre...
    655 Palavras 3 Páginas
  • Historia urbana
    apocalíptica, que favorece o desenvolvimento de uma cultura de violência e belicosidade. Cabe lembrar que Mumford escreveu sua obra, A cidade na história, em 1961, no meio da crise dos mísseis em Cuba, e no auge da Guerra Fria, quando um holocausto nuclear parecia eminente e inevitável. Ainda...
    1341 Palavras 6 Páginas
  • Resenha do livro design em espaços de lucrécia ferrara
    Cidade, multiplicidade e fluxos culturais RAQUEL RENNÓ CIDADE, MULTIPLICIDADE E FLUXOS CULTURAIS • 259-265 Design em espaços de Lucrécia D’Alessio Ferrara. São Paulo: Edições Rosari, 2002, 189 p. (Coleção Textos Design). Resumo Resenha do livro que reúne ensaios produzidos entre 1999 e 2001...
    2595 Palavras 11 Páginas
  • Leitura CTS OEI 2003
    , denominada de caráter engenheiril3 , está representada pelos trabalhos de Ernst Kapp, Peter K. Engelmeier e Friedrich Dessauer, entre os mais destacados. A ela se segue outra grande tradição humanística, associada aos nomes de Lewis Mumford, José Ortega y Gasset, Martín Heidegger e Jacques Ellul...
    61622 Palavras 247 Páginas