Resumo Capitulo Vi Pan Americanismo Monroísta Desenvolvimentismo E Serviço Social De Manrique Trabalhos Escolares e Acadêmicos Prontos

  • Serviço Social na America Latina

    Manuel Manrique Castro / K AAÇ> História do Serviço Social na América Latina TRADUÇÃO DE: JOSÉ PAULO NETTO BALKYS VILLALOBOS 4a. edição tf^elats Sumário Advertência dos tradutores 09 Prólogo à edição brasileira . . 11 Apresentação da edição peruana 15 Introdução ...

      379 Palavras | 2 Páginas  

  • Hist Ria Do Servi O Social Na Am Rica Latina

    Manuel Manrique. História do Serviço Social na América Latina. Tradução de José Paulo Netto e Balkys Villalobos. 9. Ed. São Paulo: Cortez, 2008. 2 CREDENCIAIS DO AUTOR Mestre em Ciências Sociais, Manuel Manrique trabalhou por seis anos no CELATS (Centro Latino-americano de Trabalho Social), coordenou...

      2187 Palavras | 9 Páginas  

  • Pan- americanismo "monroista" desenvolvimento e serviço social

    CENTRO UNIVERSITÁRIO DE VARZEA GRANDE DISCIPLINA FHTM-POSITIVISMO CIÊNCIAS SOCIAIS HISTÓRIA DO SERVIÇO SOCIAL NA AMÉRICA LATINA - Editora Cortez - MANUEL MANRIQUE CASTRO ------------------------------------------------- Síntese do IV cap. do livro acima apresentado como avaliação parcial...

      3132 Palavras | 13 Páginas  

  • Filosofia

    Com base no texto de Manuel Manrique Castro “pan-americanismomonroísta’. Desenvolvimentismo e serviço social”. Primeira resposta: O termo “pan-americanismo”surgiu nos Estados Unidos no final do Século XlX,intimamente associado,de um lado ,á doutrina Monroe ao Incorporar o velho argumento da...

      686 Palavras | 3 Páginas  

  • História do serviço social na américa latina-fichamento-capítulo iv

    Pan-Americanismo "Monroísta",Desenvolvimentismo e Serviço Social (pp.131 - 169).Quarto Capítulo. CASTRO,Manuel Manrique.História do Serviço Social na América Latina.11.ed.-São Paulo:Cortez,2010 "Os países do continente que surgiram para a vida independente em finais do século XVIII (os Estados Unidos)...

      1647 Palavras | 7 Páginas  

  • História do serviço social na América latina.

    Curso: Serviço Social Docente: Márcia clemente Discente: Adaíldes Nascimento; Clevânia Egito; Juliane Costa; Jucélia Amorim; Nayara Santana; Rosângela Morais; Rosileia Prado Thaís Santana História do Serviço Social na América Latina Manuel Menrique Castro Capítulo IV Pan-Americanismo “monroísta”...

      1632 Palavras | 7 Páginas  

  • Serviço Social - resumo

    mudanças que acontecem na sociedade. Já que essas mudanças produzem desarranjos sociais colocando em risco a ordem, é necessário estudá-las para coloca-las em ordem novamente, e para isso é necessário criar as tecnologias sociais. Os desarranjos são reconhecidos através da observação empírica, ou seja, os...

      2231 Palavras | 9 Páginas  

  • Guerra fria

    momento? Desenvolvimentismo. Exemplo de Instituição: SUDENE 3) Caracterize o pan americanismomonroista”. Como se expressa no contexto da situação econômica e política do pós Segunda Guerra Mundial? Que instituições militares e políticas são criadas inspiradas na doutrina pan americanista? O pan americanismo...

      1558 Palavras | 7 Páginas  

  • questão social

    Obra: HISTÓRIA DO SERVIÇO SOCIAL NA AMÉRICA LATINA Autor: Manuel Manrique Castro 6.ed. São Paulo: Cortez, 2003 Dados gerais da obra/ Notas Introdutórias: Análise da gênese, formação e particularidades do Serviço Social latino-americano com ênfase para o Chile, Brasil e Peru. Apreender a função...

      476 Palavras | 2 Páginas  

  • Introdução ao serviço social

    PAN-AMRECICANISMO “MONROÍSTA”, DESENVOLVIMENTISMO E SERVIÇO SOCIAL A Doutrina Monroe, mais além de suas posteriores modificações, e o Congresso Anfictiônico do Panamá marcaram a necessidade de as jovens republicas integrarem seus esforços para a mútua defesa, já que permaneciam as ameaças...

      2244 Palavras | 9 Páginas  

  • Estudo dirigido - ditadura e serviço social

    qual o significado do Pan-Americanismo para o Serviço Social? O pan-americanismo que denominava o conjunto de políticas de incentivo a integração dos países americanos, sob a hegemonia dos Estados Unidos, com domínio econômico e político. Teve um significado de reorganização social, ao mesmo tempo em que...

      1124 Palavras | 5 Páginas  

  • Academico

    1590/S0101-33002010000300005  DOSSIÊ JOAQUIM NABUCO   Nabuco e o Brasil entre Europa, Estados Unidos e América Latina     Leslie Bethell     RESUMO Até o começo do século XX, quando Joaquim Nabuco (1849-1910) refletia sobre as relações do Brasil com o restante do mundo, ele pensava principalmente...

      8374 Palavras | 34 Páginas  

  • movimento de reconcentuaçao

    processo de desenvolvimento da população é necessário contar com sistemas e métodos que promovem atitudes e motivações para o crescimento econômico social. Tiveram soluções partidas das nações unidas Estados membros, desenvolvimento de comunidade trata-se de atividades na comunidade com o governo em busca...

      1311 Palavras | 6 Páginas  

  • Igreja, relações de produção capitalista e o período da profissão.

    questão social, na interpretação da Igreja Católica (Encíclica Rerum Novarum), era, sobretudo, uma questão moral. Os primeiros assistentes sociais, ao incorporarem esta interpretação, entendiam que a questão social teria operado uma inversão na hierarquia de valores e instaurado as desordens sociais, contrárias...

      3141 Palavras | 13 Páginas  

  • Diversidade em voga

    CAPÍTULO IVPAN-AMERICANISMOMONROÍSTA”,DESENVOLVIMENTISMO E SERVIÇO SOCIAL Os países do continente que surgiram para a vida independente em finais do séculoXVIII (os Estados Unidos) e princípios do século XIX (a América de tradiçãoibérica) procuraram, desde muito cedo, reforçar as bases da sua unidade...

      656 Palavras | 3 Páginas  

  • Desenvolvimento de comunidade

    Curso de Serviço Social Fundamentos Teóricos e Metodológicos do Serviço Social II  Desenvolvimentismo e Desenvolvimento de Comunidade na América Latina: - Países do continente americano que obtiveram sua independência em finais do séc. XVIII (Estados Unidos) e os princípios do séc. XIX (países...

      2661 Palavras | 11 Páginas  

  • pan americanismo monroista desenvolvimentista e serviço e social

    monroísmo ao ideal anglo- saxônico de incorporar as vinte nações hispânicas ao império do norte, mediante a política do pan-americanismo. Contudo, este primeiro momento do pan-americanismo não representou de imediato o predomínio norte americano sobre o continente. Por exemplo: na Primeira Conferencia inter-americana...

      1167 Palavras | 5 Páginas  

  • A trajetória do Serviço Social

    SERVIÇO SOCIAL II – PRIMEIRA AVALIAÇÃO PROFESSOR : CHARLES TONIOLO ALUNA : ROSIMERE DOS SANTOS CONCEIÇÃO TEMAS ABORDADOS: 1. GUERRA FRIA, 2. NEOPOSITIVISMO E ESTRUTURAL-FUNCIONALISMO 3. PANAMERICANISMO E ORGANISMOS INTERNACIONAIS 4. TEORIA DA MODERNIZAÇAO 5. DESENVOLVIMENTO...

      3656 Palavras | 15 Páginas  

  • Pan americanismo

    mediante a política do pan-americanismo, mesmo operante no século XIX, é nos seus finais que passa a definir-se programaticamente de modo sistemático. Quando o lema de Monroe: “A América para os Americanos”, converte-se de fato em “ A América para os norte-americanos”, o pan-americanismo oficial, não é mais...

      501 Palavras | 3 Páginas  

  • Jogos pan-americanos de 1951

    Instituto de História Os Jogos Pan-Americanos de 1951: Uma análise das representações da imprensa brasileira Joana Belem Varella Moitas Rio de Janeiro 2011 Os Jogos Pan-Americanos de 1951: Uma análise das...

      10565 Palavras | 43 Páginas  

tracking img