Resistência Bacteriana artigos e trabalhos de pesquisa

  • Resistência Bacteriana

    Resistência Bacteriana Conjugação bacteriana Nov/2011 1 Resistência Microbiana Resistência de microorganismos Levantamento histórico O primeiro relato de resistência de microorganismos foi descrito por Paul Erlich, entre 1902 e 1909, ele mostrou que algumas espécies de tripanossomas, não respondiam mais ao tratamento com azocorantes. Em 1938, em quase todas as variedades de Neisseria gonorrhoeae eram sensíveis às sulfonamidas, dez anos mais tarde, apenas 20% dessas variedade...

    3059  Palavras | 13  Páginas

  • Resistencia Bacteriana em ambiente Hospitalar

    Universidade Paulista ATIVIDADE PRÁTICA SUPERVISIONADA IMPORTÂNCIA DO ESTUDO DA RESISTÊNCIA BACTERIANA NO AMBIENTE HOSPITALAR São Paulo, Junho de 2014 2 APS – Importância do Estudo da Resistência Bacteriana no Ambiente Hospitalar Ambiente jjjj HOSPITALAR Trabalho realizado por: Beatriz Karla Farmácia – Campus Norte São Paulo, Junho de 2014 Universidade...

    2365  Palavras | 10  Páginas

  • Resistencia bacteriana

     CENTRO UNIVERSITÁRIO NILTON LINS RESISTÊNCIA BACTERIANA AOS ANTIBIÓTICOS MANAUS, 2013 KELY JEANINI FEREIRA RESISTÊNCIA BACTERIANA AOS ANTIBIÓTICOS Trabalho elaborado pela acadêmica Kely Jeanini Ferreira visando obtenção parcial de nota e aprimorar conheçimentos na disciplina de microbiologia ministrada pela Profª Valeria Andrade. MANAUS-AM 2013 SUMÁRIO Introdução...

    2287  Palavras | 10  Páginas

  • resistencia bacteriana

     fenômeno da resistência bacteriana tornou-se um problema ambiental e de saúde pública mundial, que limita o tratamento de infecções comunitárias e hospitalares, devido ao 10836 desenvolvimento de cepas bacterianas multiresistentes a diferentes antibióticos. Ela desenvolve-se, especialmente, pela deficiência de saneamento básico, uso incorreto de antibióticos e descarte inadequado no ambiente das sobras desses fármacos. Essas limitações sócio-ambientais contribuem para o aumento nos índices...

    756  Palavras | 4  Páginas

  • Resistência bacteriana

    UNIFESO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE - CCS CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICÍNA VETERINÁRIA RESISTÊNCIA BACTERIANA, MECANISMOS PARA DRIBLAR O SISTEMA IMUNE PAMELA RODRIGUES GOMES PINTO TERESÓPOLIS MAIO 2014 CENTRO UNIVERSITÁRIO SERRA DOS ORGÃOS – UNIFESO CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE - CCS CURSO DE GRADUAÇÃO EM MEDICÍNA VETERINÁRIA RESISTÊNCIA BACTERIANA, MECANISMOS PARA DRIBLAR O SISTEMA IMUNE PAMELA RODRIGUES GOMES PINTO Trabalho...

    3888  Palavras | 16  Páginas

  • Resistência bacteriana no contexto hospitalar

    A resistência bacteriana no contexto da infecção hospitalar   Bacterial resistence in the context of hospital infection   La resistencia bacteriana en el contexto de la infección hospitalaria     Neusa de Queiroz Santos Doutora em Enfermagem. Professora Adjunto III de Microbiologia Médica do Departamento de Microbiologia e Parasitologia do Centro de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Santa Catarina Endereço     RESUMO Este artigo aborda alguns aspectos do impacto da resistência...

    3688  Palavras | 15  Páginas

  • A DISSEMINAÇÃO DO USO DE ANTIBIÓTICOS COMO CAUSA DA RESISTÊNCIA BACTERIANA.

    a disseminação do uso de antibióticos como causa da resistÊncia bacteriana. KENES, Ana Paula Ribeiroanapaulakenes@gmail.com Centro de Pós-Graduação Oswaldo Cruz Resumo: O desenvolvimento de fármacos eficientes, como os antibióticos, vem revolucionando o tratamento médico de infecções bacterianas, com isso, percebe-se uma visível redução da mortalidade causada por bactérias oportunistas. Hoje a disseminação do uso de antibióticos, fez com que as bactérias também desenvolvessem defesas relativas...

    2708  Palavras | 11  Páginas

  • Mecanismos de resistência bacteriana

    Mecanismos de Resistência Bacteriana Alexander Fleming descobre a penicilina e suas propriedades antibióticas em 1928. As bactérias surgiram na terra há cerca de 3,5 bilhões de anos e a resistência bacteriana é um fato natural. Porém, a utilização correta dos antimicrobianos, pode causar um menor índice de resistência bacteriana Por ex: Os Enterococcus são naturalmente resistentes a qualquer cefalosporina. Tipos de Resistência Resistência Natural Resistência Adquirida Natural...

    568  Palavras | 3  Páginas

  • Importância do estudo a resistência bacteriana

    Resumo: Este trabalho aborda alguns aspectos do impacto da resistência bacteriana no ambiente hospitalar. Alerta sobre o importante papel dos profissionais da saúde no controle da infecção hospitalar e do grave problema do uso indiscriminado de antibióticos que tem causado uma pressão seletiva sobre as bactérias do ambiente hospitalar tornando-as multirresistentes. Introdução As bactérias...

    1334  Palavras | 6  Páginas

  • USO DE ANTIMICROBIANOS E RESISTÊNCIA BACTERIANA

    FEDERAL DE MINAS GERAIS INSTITUTO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DEPARTAMENTO DE MICROBIOLOGIA USO DE ANTIMICROBIANOS E RESISTÊNCIA BACTERIANA: ASPECTOS SOCIOECONÔMICOS E COMPORTAMENTAIS E SEU IMPACTO CLÍNICO E ECOLÓGICO Marlise Aparecida de Oliveira Martins Meireles Belo Horizonte 2008 2 Marlise Aparecida de Oliveira Martins Meireles USO DE ANTIMICROBIANOS E RESISTÊNCIA BACTERIANA: ASPECTOS SOCIOECONÔMICOS E COMPORTAMENTAIS E SEU IMPACTO CLÍNICO E ECOLÓGICO. Monografia apresentada ao Departamento...

    12273  Palavras | 50  Páginas

  • Resistência bacteriana em ambiente hospitalar: o uso indiscriminado de antibióticos como fator de indução.

    Tema Resistência Bacteriana em ambiente hospitalar: o uso indiscriminado de antibióticos como fator de indução. Justificativa No Brasil, entre os anos de 2005 e 2011, surtos de infecções hospitalares causados principalmente pela bactéria Klebsiella pneumoniae carbapenemase causou diversas mortes em vários estados brasileiros, alertando as autoridades públicas (FORMENTINI, 2010; VALADARES, 2010; O GLOBO, 2010; G1,2011). Baseado nesta situação justifica-se a realização desta monografia com...

    579  Palavras | 3  Páginas

  • Monografia Resistencia Bacteriana Aos Antibiotico B Lactamic

    ABEL DOS SANTOS RODRIGUES DANIEL DE DOMÊNICIS RODOLPHO R. PAULA PUGAS TATIANE COSTA LUZ MECANISMO DE RESISTÊNCIA BACTERIANA AOS ANTIMICROBIANOS BETA-LACTÂMICOS FUNDAÇÃO EDUCACIONAL DE FERNANDÓPOLIS FERNANDÓPOLIS – SP 2010 ABEL DOS SANTOS RODRIGUES DANIEL DE DOMÊNICIS RODOLPHO R. PAULA PUGAS TATIANE COSTA LUZ MECANISMO DE RESISTÊNCIA BACTERIANA AOS ANTIMICROBIANOS BETA-LACTÂMICOS Monografia apresentada ao Curso de Farmácia da Fundação Educacional...

    4354  Palavras | 18  Páginas

  • era bacteriana

    resistentes àquelas drogas. A resistência aos antibióticos se desenvolve como uma natural conseqüência da habilidade da população bacteriana de se adaptar. O uso indiscriminado de antibióticos aumenta a pressão seletiva e, também, a oportunidade da bactéria ser exposta aos mesmos. Aquela oportunidade facilita a aquisição de mecanismos de resistência. A resistência aos antibióticos é inevitável e irreversível! Uma conseqüência natural da adaptação da célula bacteriana a exposição aos antibióticos....

    3053  Palavras | 13  Páginas

  • Genética microbiana ( bacteriana)

    SUMÁRIO Pg 1.INTRODUÇÃO 04 2. GENÉTICA BACTERIANA 05 2.1 O GENOMA BACTERIANO 05 2.1.1 O CROMOSSOMO 05 2.1.2 PLASMÍDEOS 05 2.2 BACTERIÓFAGO 05 2.3 TRANSFERÊNCIA DE GENES 07 2.4 TRANSFORMAÇÃO BACTERIANA 08 2.5 VARIAÇÃO GENÉTICA 09 2.5.1 MUTAÇÕES 09 2.5.2 ELEMENTOS GENÉTICOS MÓVEIS 09 2.5.3 MECANISMOS DE RESISTÊNCIA ADQUIRIDA A ANTIBIÓTICOS 10 2.6 REGULAÇÃO GÊNICA 10 2.6.1 CONTROLE NEGATIVO (REPRESSÃO 11 2.6.2 CONTROLE...

    2744  Palavras | 11  Páginas

  • Genética Bacteriana

    UNIVERSIDADE POTIGUAR ESCOLA DA SAÚDE CURSO DE MEDICINA MARILIA PAREJA CREDIDIO MARIZ PAIVA GENÉTICA BACTERIANA: aspectos gerais NATAL 2014 MARILIA PAREJA CREDIDIO MARIZ PAIVA GENÉTICA BACTERIANA: aspectos gerais Atividade avaliativa da disciplina ...

    2470  Palavras | 10  Páginas

  • Resistência aos antimicrobianos

    A Assistência Farmacêutica e o Aumento da Resistência Bacteriana aos Antimicrobianos Thaís C. GURGEL 1* & Wânia S. CARVALHO 2 Secretaria Municipal de Saúde de Nova Lima - Farmácia Municipal Rua do Ouro s/n Centro CEP 34 000-000 - Nova Lima, MG - Brasil 2 Departamento de Farmácia Social - Faculdade de Farmácia da Universidade Federal de Minas Gerais Campus da Pampulha CEP 31270-901 B. Horizonte, MG - Brasil 1 RESUMO. A resistência bacteriana aos antimicrobianos é um importante problema de...

    3451  Palavras | 14  Páginas

  • RESUMP DE ARTIGO RESISTÊNCIA ANTIMICROBIANA

    RESISTÊNCIA ANTIMICROBIANA RESUMO DE ARTIGO INTRODUÇÃO O uso indiscriminado e constante de antibióticos em medicina humana e veterinária tem determinado o aumento de resistência bacteriana, interferindo no tratamento efetivo das infecções por estes agentes. A resistência bacteriana pode ser transferida por mecanismos diversos, podendo estabelecer-se entre microrganismos de uma mesma população ou de diferentes populações, como da microbiota animal para humana e vice-versa (NIJSTEN et...

    540  Palavras | 3  Páginas

  • Antibiótico seleção e resistência

    Alexander Fleming, inaugurou uma nova era para a medicina - a era dos antibióticos - quando está passou a ser produzida em escala indústria com finalidade terapêutica, além de ser considerada o primeiro antibiótico utilizado com sucesso em infecções bacterianas. Desde que o antibiótico passou a ser utilizado para fins terapêuticos, doenças como tuberculose, pneumonia ou cólera, que antes eram letais reduziram o número de vítimas. O excelente resultado da ação do medicamento popularizou o seu consumo...

    5035  Palavras | 21  Páginas

  • Estrutura Bacteriana

    ESTRUTURA BACTERIANA ESTRUTURA BACTERIANA SÃO PAULO 2013 RA Curso de Nutrição ESTRUTURA BACTERIANA Trabalho Bimestral SÃO PAULO 2013 Introdução As bactérias podem ser encontradas em todos os ecossistemas da Terra e em grande quantidade. Esses Organismos Microscópios são geralmente menores do que 8 micrômetros (1µm = 0,001 mm) e possuem uma extraordinária variedade de formas e organizações.   A célula...

    4202  Palavras | 17  Páginas

  • Resistência aos antimicrobianos

    4 - RESISTÊNCIA AOS ANTIMICROBIANOS. A resistência aos antimicrobianos apresentada por micro-organismos bacterianos é considerada um acontecimento natural, visto que através do processo de evolução, houve a necessidade de bactérias se adaptarem a organismos e a mudanças no meio ambiente para garantia da sobrevivência. Bactérias podem manifestar resistência forma intrínseca / natural ou adquirida: Resistência Intrínseca: É aquela natural, própria da espécie. Todos os organismos apresentam características...

    1551  Palavras | 7  Páginas

  • Estrutura bacteriana

    Estrutura bacteriana - as bactérias possuem um tamanho que varia entre 0,3 até 10 micrometros. O tamanho reduzido das bactérias é importante para a absorção de nutrientes, uma vez que à medida que o tamanho da célula aumenta, a razão área superficial/ volume diminui. - forma esférica - diplococos cocos agrupados aos pares - tétrades agrupamento de 4 cocos - sarcina agrupamentos de 8 cocos em forma cúbica - cocos - arranjo - estreptococos cocos agrupados em cadeias - estafilococos cocos em...

    577  Palavras | 3  Páginas

  • Genetica Bacteriana

    Genética Bacteriana Introdução Em colônias ocorrem o fenômeno do monomorfismo (mesmas bactérias têm sempre as mesmas características, já que a reprodução é por divisão binária), mas também existem algumas bactérias que apresentam características diferentes.Isso pode acontecer através de 2 mecanismos: a variação fenotípica e a variação genotípica. Variação fenotípica Conceito de fenótipo: tudo aquilo que se manifesta no ser vivo. Em casos de variações genotípicas, não ocorre alteração genética...

    2209  Palavras | 9  Páginas

  • RESISTENCIA DE BACTERIAS A ANTIBIOTICOS

    microorganismos. Ou derivados do metabolismo secundário de organismos vivos. Os antibióticos naturais são os mais importantes no tratamento de infecções bacterianas ou fúngicas, podemos citar como exemplo as penicilinas, antraciclinas e tetraciclinas. ( QUÍMICA VIVA, 2010). Os antibióticos têm diferentes modos de ação e, como resultado as bactérias desenvolvem resistência aos antibióticos de três formas: Mudança na permeabilidade da membrana celular que impede a entrada do antibiótico na célula ou faz com que...

    765  Palavras | 4  Páginas

  • Morfologia bacteriana

    MORFOLOGIA BACTERIANA As células bacterianas são caracterizadas morfologicamente pelo seu tamanho, forma e arranjo. Tamanho Variam de 0,3 por 0,8 micrometros até 10 por 25 micrometros. As espécies de maior interesse médico medem entre 0,5 a 1,0 micrometros por 2 a 5 micrometros. Forma e arranjo Formas de cocos (esféricas): grupo mais homogêneo em relação a tamanho sendo células menores. Os cocos tomam denominações diferentes de acordo com o seu arranjo: Diplococos: cocos agrupados...

    884  Palavras | 4  Páginas

  • Morfologia Bacteriana

    MICROBIOLOGIA Morfologia e Estrutura Bacteriana Árvore da vida Bacterias - Procariontes unicelulares - Surgiram há ~ 4 bilhões de anos - Forma simples ao microscópio óptico: tamanho, forma e arranjo - Tamanho: 0,2 a 2mm de diâmetro - 1012 células = 1g Morfologia Bacteriana • Tamanho –Varia de acordo com a espécie –Observadas com aumento 1.000 vezes 0,2 a 2 µm 10.000 bactérias= 1 cm • Principais Formas –Esféricas –Cilíndricas –Espirais E ainda: Vibriões...

    935  Palavras | 4  Páginas

  • Conjugação bacteriana

    Federal de Minas Gerais Instituto de Ciências Biológicas – ICB RELÁTORIO DE GENÉTICA I PRÁTICA: 4 CONJUGAÇÃO BACTERIANA Bruna Lopes Bueno ...

    1535  Palavras | 7  Páginas

  • Mecanismos de Resistência aos Antibióticos

    Maria Galvão de Figueiredo Mendes Baptista Mecanismos de Resistência aos Antibióticos Orientadora: Prof. Doutora Maria João Simões Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologia Faculdade de Ciências e Tecnologias da Saúde Lisboa 2013 Maria Galvão de Figueiredo Mendes Baptista Mecanismos de Resistência aos Antibióticos Tese apresentada para a obtenção do Grau de Mestre em Ciências Farmacêuticas ao Curso de Mestrado Integrado em Ciências Farmacêuticas, conferido pela Universidade ...

    13803  Palavras | 56  Páginas

  • Resistencia Microbiana

     Resistência Microbiana Curitiba Março / 2015 Indíce Klebsiella Pneumoniae Carbapenemase (KPC) 3 Betalactamases de Espectro Estendido (ESBL)……………………….. 4 Staphylococcus Aureus Resistentes à Meticilina (MRSA) 6 Enterococcus Resistente a vancomicina (VRE) ……………………….7 Referencias ……………….……………………………………………….… 9 Klebsiella Pneumoniae Carbapenemase (KPC) As superbactérias são micro-organismos que produzem uma substância (enzimas carbapenemases) que inativam os antibióticos, desenvolvendo...

    1972  Palavras | 8  Páginas

  • Conjugação Bacteriana

    CONJUGAÇÃO BACTERIANA INTRODUÇÃO  A conjugação é um processo onde há transferência de material genético de uma bactéria para outra através de uma conexão formada entre elas por uma ponte citoplasmática. A bactéria considerada doadora passa parte de seu plasmídio para a bactéria receptora. É importante ressaltar que a conjugação é um processo onde o DNA só é transferido da doadora para a receptora, sem troca recíproca de material genético. Após a separação das bactérias, ocorre um crossing...

    1548  Palavras | 7  Páginas

  • Genética Bacteriana - Microbiologia

    traduzida em uma seqüência específica de aminoácidos que formam uma proteína. Genótipo: informação genética do organismo; A célula bacteriana é a menor entidade viva auto-sustentável governada por informações genéticas. O Mycoplasma é a bactéria com menor genoma. Tamanho do genoma: vírus < bactéria < célula ELEMENTOS CELULARES ENVOLVIDOS NA GENÉTICA BACTERIANA Bactérias: possuem só um cromossomo não possuem: membrana nuclear, aparelho mitótico, histonas e íntrons. Nucleóide ou cromossomo...

    504  Palavras | 3  Páginas

  • MULTIRRESISTÊNCIA BACTERIANA EM AMBIENTE HOSPITALAR

    MULTIRRESISTÊNCIA BACTERIANA EM AMBIENTE HOSPITALAR Autor (a): Natiara Linda do Nascimento Instituição onde foi realizado: Centro Universitário do Sul de Minas – UNIS/MG Contatos do autor: Endereço: Rua Antônio Maciel de Oliveira, 294, Cidade Intercap, Taboão da Serra, São Paulo, CEP: 06757- 030. Telefones: (11) 4701- 8023 (11) 6101- 3565. E-mail: natiaralindanascimento@hotmail.com Monografia apresentada ao curso de Biomedicina do Centro Universitário do Sul...

    11103  Palavras | 45  Páginas

  • Mancha bacteriana tomateiro e batateira

    Agronomia Fitopatologia agrícola Prof. Dr. Leandro L. Marcuzzo Mancha bacteriana Maylon Rosa Mancha Bacteriana Xanthomonas spp. •Muito frequente e destrutiva, uma das mais importantes doenças. •Suscetível em qualquer idade e todos os órgãos da parte aérea são afetados; •Não mata a planta, mas dependendo da suscetibilidade da variedade, pode causar redução na produtividade e qualidade de frutos. Xanthomonas axonopodis pv. vesicatoria Xanthomonas vesicatoria Xanthomonas gardneri ...

    976  Palavras | 4  Páginas

  • Citologia Bacteriana

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO CENTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE INSTITUTO BIOMÉDICO DEPARTAMENTO DE MICROBIOLOGIA E PARASITOLOGIA CITOLOGIA BACTERIANA Profa. Carmen Saramago Microscópio eletrônico CÉLULA EUCARIOTA CÉLULA PROCARIOTA CITOLOGIA BACTERIANA CÉLULA PROCARIOTA CÉLULA EUCARIOTA CITOLOGIA BACTERIANA ESTRUTURA PROCARIOTAS EUCARIOTAS MEMBRANA NUCLEAR AUSENTE PRESENTE CROMOSSOMA ÚNICO,CIRCULAR > DE 1 MITOCÔNDRIAS, RE, LISOSSOMAS, AP. GOLGI AUSENTES PRESENTES...

    1066  Palavras | 5  Páginas

  • Interação parasito – hospedeiro – resistência bacteriana

    Interação parasito – hospedeiro – resistência bacteriana Introdução O estudo da imunologia, um amplo campo que abrange pesquisas básicas e aplicações clínicas, trata das reações de defesa do hospedeiro contra substâncias estranhas, conhecidas como antígenos, das moléculas de reconhecimento de antígenos e das fuções de defesa do hospedeiro mediadas por células, particularmente quando relacionadas com a imunidade a doenças, hipersensibilidade(incluindo alergia), auto-imunidade, imunodeficiência...

    9187  Palavras | 37  Páginas

  • Co-resistência de polimixina b em cepa de klebsiella pneumoniae produtora de carbapenemase

    necessidade de antibióticos com cobertura para esse patógeno é crítica, fazendo da polimixina uma opção de tratamento muito importante(LIM et al., 2010; SATLIN et al., 2011) Infelizmente, a resistência à polimixina tem sido documentada somente em relatos de caso. Embora o mecanismo exato causando resistência à polimixina não foi definido, a hipótese é de que o sistema pmrA-PmrB e o sistema PhoP-PhoQ de regulação genética pode desempenhar um papel importante na suceptibilidade da polimixina(FALAGAS...

    2331  Palavras | 10  Páginas

  • Resistência de bactérias a antibióticos

    Resistência de bactérias a antibióticos Como as bactérias ficam resistentes aos antibióticos? Antibióticos são compostos que:  1. Matam as bactérias diretamente (bactericidas). 2. Bloqueiam sua capacidade de crescer e de se reproduzir (bacteriostáticos). Quando você está em luta contra uma infecção bacteriana, o seu sistema imunológico pode ser vencido pelos invasores. Os antibióticos são inseridos na batalha para montar uma defesa contra os invasores até que o sistema imunológico possa...

    959  Palavras | 4  Páginas

  • Enterocolite bacteriana

    CLONAGEM MOLECULAR E TRANSFORMAÇÃO BACTERIANA I - INTRODUÇÃO Atualmente é muito comum ouvirmos falar de clonagem em meios de comunicação que atingem o grande público. É também bastante comum assistirmos a discussões sobre ética e importância da clonagem entre pessoas que pouco sabem sobre a parte técnica do que estão discutindo e, muitas vezes, também sabem pouco sobre os objetivos dos pesquisadores com os experimentos que são mostrados de forma sensacionalista na mídia. Esta situação acaba...

    1379  Palavras | 6  Páginas

  • Fisiologia bacteriana

    Departamento de Microbiologia Instituto de Ciências Biológicas Universidade Federal de Minas Gerais http://www.icb.ufmg.br/mic Citologia e fisiologia bacteriana Introdução As bactérias possuem várias formas e tamanhos. Elas podem variar de menos de 0,1 µm a até 1,0 mm, ficando o tamanho médio da maioria em torno de 1,0 µm, sendo apenas vistas ao microscópio óptico. O menor grupo de bactérias acreditava-se, até bem pouco tempo, ser as dos gêneros Chlamydia e Rickettsia, com 0,2 µm e 0, 3...

    5281  Palavras | 22  Páginas

  • Meningite bacteriana

    Meningite Bacteriana O que é? A meningite é uma doença dos fluidos do cordão espinhal e dos que envolvem o cérebro. Meningite é causada por infecção viral ou bacteriana. Causas Saber se a meningite foi causada por vírus ou bactéria é importante porque a gravidade da doença e tratamento diferem. Meningite viral é geralmente menos grave e cura-se sem tratamento específico, enquanto a meningite bacteriana pode ser muito séria e resultar em danos ao cérebro, perda de audição ou dificuldade...

    578  Palavras | 3  Páginas

  • Rinossinosite bacteriana

    FUNDAÇÃO UNIRG CENTRO UNIVERSITÁRIO UNIRG ANTIBIOTICOTERAPIA UTILIZADA NO TRATAMENTO DA RINOSSINUSITE BACTERIANA GURUPI-TO OUTUBRO, 2010 MARCUS VINÍCIUS PEREIRA DA SILVA ANTIBIOTICOTERAPIA UTILIZADA NO TRATAMENTO DA RINOSSINUSITE BACTERIANA Projeto apresentado à Banca Examinadora do Núcleo de Pesquisa em Farmácia do Centro Universitário UNIRG para obtenção de sugestão do...

    3745  Palavras | 15  Páginas

  • Morfologia e Citologia Bacteriana

    Morfologia e Citologia Bacteriana As bactérias são caracterizadas morfologicamente pelo seu tamanho, forma e arranjo. Tamanho: Variam de 0,3 por 0,8 μm até 10 por 25 μm. As espécies de maior interesse médico medem entre 0,5 a 1,0 μm por 2 a 5 μm. Formas: Esférica: Cocos – Grupo homogêneo em relação ao tamanho, sendo células menores (0,8 a 1,0 μm). Cilíndrica: Bacilos – Forma de bastão, podendo ser longos ou delgados, pequenos ou grossos, extremidade reta, ou arredondada. Espiralada: Espirilos...

    595  Palavras | 3  Páginas

  • genetica bacteriana

    conter genes responsáveis por resistência ou virulência, mas não genes envolvidos no crescimento bacteriano. 2 06/09/2013 3 06/09/2013 4 06/09/2013 5 06/09/2013 Divisão bacteriana Parede celular Mesossomo Duplicação do DNA Membrana plasmática Molécula de DNA Separação das células Transformação Transdução Conjugação 6 06/09/2013 Transformação Processo no qual o DNA livre no meio é tomado pela célula bacteriana, resultando em alterações genotípicas...

    816  Palavras | 4  Páginas

  • Mecanismo de patogenicidade bacteriana

    produzidas por algumas bactérias, podem destruir os neutrófilos e leucócito. Elas também são ativas contra os macrófagos; As hemolisinas são enzimas bacterianas que causam a lise dos eritrócitos, onde os produtores mais importantes da mesma são o Clostridium perfringens (casual mais comum da gangrena gasosa) e os estreptococos;As quinases bacterianas que são enzimas que degradam a fibrina,e assim, dissolvem os coágulos formados pelo corpo para isolar uma infecção. Quando um microrganismo invade...

    1048  Palavras | 5  Páginas

  • aula prática de genética bacteriana

    Roteiro de aula prática – Genética Bacteriana Disciplina: Microbiologia Thales Wagner de Lima Gonzaga – Ciências Biológicas, integral 1. Introdução: A conjugação bacteriana, descoberta por Ledeberg e Tatum (1946), é o processo sexual de transferência de genes de uma bactéria doadora para uma receptora. Para que uma linhagem bacteriana seja doadora ela deve conter um plasmídio conjugativo (elemento extracromossômico). O processo de conjugação foi descoberto...

    597  Palavras | 3  Páginas

  • genetica bacteriana

    REPRODUÇÃO BACTERIANA Profa Virginia Siqueira Clostridium botulinum Bacilo anaeróbico, Gram positivo Esporulados Encontrado no solo, nas fezes humanas e de animais e nos alimentos Toxina botulínica Dose letal: 1 a 2 mg/Kg Botulismo alimentar, de feridas ou infantil REPRODUÇÃO ASSEXUADA/ SEXUADA Transferência vertical x transferência horizontal Bipartição (não há variabilidade genética) Reprodução sexuada (transferência de material genético) REPRODUÇÃO SEXUADA Mecanismos...

    534  Palavras | 3  Páginas

  • agentes quimicos no controle da placa bacteriana

     Agentes Químicos no Controle da Placa Bacteriana A placa bacteriana tem sido considerada o principal fator etiológico da cárie dentária e das doenças periodontais. A prevenção ou tratamento destas patologias deve estar baseado no seu controle. Agentes Químicos no Controle da Placa Supra gengival Clorexidina A Clorexidina é considerada um antisséptico de amplo espectro sobre as bactérias gram. positivas, gram. negativas, fungos e leveduras. Ela atua na formação da película...

    843  Palavras | 4  Páginas

  • Betalactamases e klebsiella pneumoniae como formas de resistência em bactérias gram negativas

    CARBAPENEMASE COMO MECANISMOS DE RESISTÊNCIA EM MICRORGANISMOS GRAM NEGATIVOS Monografia apresentada ao curso de graduação em Biomedicina na Universidade Católica de Brasília como requisito parcial para obtenção do título de Bacharel em Biomedicina. Orientador: Emmanuel de Oliveira Carneiro, Msc. B RASÍLIA 2012 Monografia, de autoria de Thauany Dantas Lima, intitulado “Betalactamases de Espectro Estendido e Klebsiella pneumoniae Carbapenemase como Mecanismos de Resistência em Microrganismos Gram Negativos”...

    7318  Palavras | 30  Páginas

  • Doenças Virais e Bacterianas

    são, até agora, as vacinas para prevenir as infecções, e drogas que tratam os sintomas das infecções virais. Os pacientes frequentemente pedem antibióticos, que são inúteis contra os vírus, e seu abuso contra infecções virais é uma das causas de resistência antibiótica em bactérias. Os antibióticos não servem para combater os vírus. Alguns tipos de remédios servem apenas para tratar os sintomas das infecções virais. As vacinas são utilizadas como método de prevenção, pois estimulam o sistema imunológico...

    826  Palavras | 4  Páginas

  • Meningite bacteriana

    Meningite Bacteriana: O que é Meningite bacteriana? A meningite bacteriana é uma infecção que resulta em inchaço e irritação (inflamação) das membranas que revestem o cérebro e a medula espinhal. Causas: A meningite é causada pela bactéria Neisseria. A maioria dos casos de meningite ocorre em crianças e adolescentes. A infecção ocorre com mais frequência no inverno ou na primavera. Ela pode causar epidemias locais em internatos, dormitórios estudantis ou bases militares. A meningite bacteriana pode...

    704  Palavras | 3  Páginas

  • Morfologia e Fisiologia Bacteriana

    Morfologia e Fisiologia Bacteriana Introdução O estudo da morfologia e fisiologia bacteriana é importante por auxiliar a identificação e o tratamento a ser dado a esses microorganismos, seja para serem eliminados (bactérias patogênicas) ou, seja para serem preservados (bactérias indígenas). 1. Morfologia bacteriana 1.1. Tamanho, forma e arranjo. As bactérias têm, em geral, um tamanho médio em torno de um mícron, algumas delas podem ser um pouco maiores e outras um pouco menores. Podem assumir...

    1153  Palavras | 5  Páginas

  • pneumonia bacteriana

     O QUE É PNEUMONIA: º A pneumonia bacteriana é uma doença respiratória grave, cujo agente causador mais comum é bactéria Streptococcos pneumoniae. º Outros agentes menos comuns são Klebsiella pneumoniae, Staphyloccus aureus, Haemophilus influenzae, Legionella peumophila º Ela não é contagiosa e pode ser tratada em casa com o uso de antibióticos receitados pelo médico. Ela pode afetar todo o pulmão ou somente uma parte. ºMorfologicamente, a pneumonia bacteriana se apresenta em dois padrões  macroscópicos...

    839  Palavras | 4  Páginas

  • Anatomia e morfologia da célula bacteriana

    FITOPATOLOGIA DEPARTAMENTO DE FITOPATOLOGIA LABORATÓRIO DE BACTERIOLOGIA DE PLANTAS LABORATÓRIO DE BACTERIOLOGIA DE PLANTAS Reginaldo da Silva Romeiro Professor Titular da UFV ! Bactérias são microrganismos muito pequenos (1 a 2µ) ESPÉCIE BACTERIANA LARGURA (µ) COMPRIMENTO (µ) µ µ Francisella tularensis 0,20 0,3 - 0,7 Escherichia coli 0,4 - 0,7 1,0 - 3,0 Pseudomonas syringae 0,7 - 1,2 1,5 Xanthomonas campestris 0,4 - 0,7 0,7 - 1,8 ! Atualidade do conhecimento a) Passado ⇒ Razões técnicas...

    1051  Palavras | 5  Páginas

  • Doencas bacterianas, viróticas e nematose na cultura do tomateiro, cebola, banaeira, eucaliptos e mandioca

    SUMÁRIO 1. CEBOLA 1 1.1. INTRODUÇÃO 1 1.2. TAXONOMIA DA CEBOLA 1 1.3. PODRIDÃO BACTERIANA - Erwinia carotovora subsp. carotovora 1 1.3.1. INTRODUÇÃO 1 1.3.2. TAXONOMIA 1 1.3.3. ETIOLOGIA 1 1.3.4. MODALIDADES E AGENTES DE DISSEMINAÇÃO 2 1.3.5. SINTOMATOLOGIA 2 1.3.6. MANEJO FITOSSANITÁRIO 3 1.4. NANISMO AMARELO - Onion yellow dwarf virus (OYDV) 3 1.4.1. INTRODUÇÃO 3 1.4.2. TAXONOMIA 3 1.4.3. ETIOLOGIA 3 1.4.4. MODALIDADES E AGENTES DE DISSEMINAÇÃO 4 1.4.5. SINTOMATOLOGIA 4 1.4.6...

    10637  Palavras | 43  Páginas

  • Genetica bacteriana

    Genética Bacteriana Genoma Bacteriano     DNA principal constituinte dos cromossomas Caracteres apresentados pelas bactérias (fenótipo) determinados pela respectiva constituição genética (genótipo) e pelas condições do meio Genes: segmentos específicos de uma molécula de DNA. São estes elementos celulares que determinam os caracteres hereditários Em termos bioquímicos um gene é um segmento de DNA que determina a síntese de uma molécula de RNA ou de uma proteína Cromossoma...

    561  Palavras | 3  Páginas

  • Doenças Bacterianas

    ao metabolismo, à reprodução e à digestão. 1.2.1.1 Quanto à forma: Bactérias esféricas ou cocóides – os cocos Bactérias em forma de bastão- os bacilos; Bactérias curvadas ou em forma de espiral. Figura 3 – Classificação quanto à forma bacteriana Os bacilos (bastonetes) podem ser pequenos ou longos, grossos ou delgados, pontudos ou com as extremidades curvadas.Podem ocorrer isolados, aos pares(diplobacilos), em cadeias(estreptobacilos), em longos filamentos ou ramificados. ...

    11532  Palavras | 47  Páginas

  • Meningite bacteriana

    Suanny Cristine Fernandes de Oliveira. Susiete Correa Lisboa. MENINGITE BACTERIANA Belém 2013 Bruna Lorena Mendes de Souza Melo--------02340005657 Luciana Ferreira do Carmo------------------------02340004984 Márcia Darlene Brito Nascimento---------------02340005715 Suanny Cristine Fernandes de Oliveira------02340005335 Susiete Correa Lisboa-----------------------------02340005709 MENINGITE BACTERIANA Trabalho entregue ao curso de enfermagem, disciplina Epidemiologia, 1º semestre...

    2382  Palavras | 10  Páginas

  • Estrutura bacteriana

    Estrutura Bacteriana 1. Membrana citoplasmática • 4 funções: a . transporte ativo de moléculas para o interior da célula é uma importante barreira osmótica, não permitindo transporte passivo; b . geração de energia por fosforilação oxidativa (substitui mitocôndrias das células eucarióticas); c . síntese de precursores para parede celular; d . secreção de enzimas e toxinas. • Peptideoglicana é produzido no citoplasma e é transportado pela membrana. • Permeases:...

    695  Palavras | 3  Páginas

  • Citologia bacteriana

    NOÇÕES DE SISTEMÁTICA E TAXONOMIA BACTERIANA MORFOLOGIA E CITOLOGIA BACTERIANA 1. SISTEMÁTICA BACTERIANA - TAXONOMIA Os microrganismos, situados por HAECKEL (1886), em um terceiro reino – PROTISTA, podem ser enquadrados segundo BIER (1984), entre os seres vivos na seguinte classificação: 1.1. Organismos multicelulares com diferenciação tissular 1.1.1. Reino Vegetal – Clorofilados 1.1.2. Reino Animal – Aclorofilados 2.2. Organismos unicelulares ou multiceculares...

    2232  Palavras | 9  Páginas

  • Estudo comparativo de técnicas de coloração especial em tecido utilizadas no auxílio do diagnóstico de infecções bacterianas

    Estudo Comparativo de Técnicas de Coloração Especial em Tecido Utilizadas no Auxílio do Diagnóstico de Infecções Bacterianas David Souza de Melo - 4307418 Duque de Caxias 2009.1 Estudo Comparativo de Técnicas de Coloração Especial em Tecido Utilizadas no Auxílio do Diagnóstico de Infecções Bacterianas David Souza de Melo Monografia apresentada à disciplina Estágio Supervisionado...

    4770  Palavras | 20  Páginas

  • Meningite Viral e Bacteriana

    MENINGITE BACTERIANA A meningite meningocócica é uma infecção que resulta em inchaço e irritação (inflamação) das membranas que revestem o cérebro e a medula espinhal. CAUSAS A meningite meningocócica é causada pela bactéria Neisseria meningitidis (também conhecida como meningococo). A maioria dos casos de meningite meningocócica ocorre em crianças e adolescentes. O meningococo é a causa mais comum de meningite bacteriana em crianças e a segunda causa mais comum de meningite bacteriana em adultos...

    990  Palavras | 4  Páginas

tracking img