• Resenha alfabetização eletramento
    RESENHA ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTOMAGDA SOARESDisciplina : Didática para a Docência de Educação Infantil para a Docência de Séries Iniciais A alfabetização e o letramento são processos que caminham juntos. Visto que a sociedade hoje é uma sociedade grafocêntrica, ou seja, centrada na escrita, não basta...
    1994 Palavras 8 Páginas
  • Letramento
    ISBN 85-86583-16-2 Resenha elaborada por Michelle Brugnera Cruz 3 de Setembro, 2007 Letramento em verbete: o que é letramento? Letramento é uma palavra recém chegada ao vocabulário da Educação e das Ciências Lingüísticas. É uma nova perspectiva sobre a prática social da escrita. Novas palavras são...
    4450 Palavras 18 Páginas
  • Produção de textos
    discurso: refletir, discutir, analisar e sintetizar.  Linguagem verbal e linguagem não verbal: • Verbal: utiliza a língua portuguesa (oral ou escrita) • Não-verbal: utiliza qualquer código que não seja a palavra (pintura, mímica, dança, música etc.).  Tipos de textos: • Práticos: bilhete, cheque...
    1848 Palavras 8 Páginas
  • A formação do leitor e do escritor: concepções teóricas e práticas
    CONCEPÇÕES TEÓRICAS E PRÁTICAS Ane Rose Albuquerque Maia¹ RESUMO Este artigo compreende um estudo introdutório das concepções de leitura e escrita, refletidas pela relação da teoria e da prática. Destaca o trabalho coma leitura e produção de textos – orais e escritos – bem diversos, dos quais...
    5176 Palavras 21 Páginas
  • Fichamento de Resumo
    resumo Araruna 2013 MEDEIROS, João Bosco. Prática de Leitura. In: Redação científica: a prática de fichamentos, resumos, resenhas. São Paulo: Atlas, 2012, p. 55-65. ‘A prática de Leitura’ trouxe como objetivo a explicação e a demonstração da função da linguagem na atualidade...
    397 Palavras 2 Páginas
  • Letramento
    seja, que utiliza competentemente e com frequência a leitura e a escrita. Afirma Soares que a palavra letramento apareceu pela primeira vez no livro “No mundo da escrita, uma perspectiva psicolinguística”, de 1986, de autoria de Mary Kato. Porém, Soares opina que o livro ”Adultos não alfabetizados: o...
    602 Palavras 3 Páginas
  • FUNDAMENTOS PSICOLÓGICOS DO ATO DE LER
    do indivíduo em interação com a leitura. 2 LEITURA E PSICOLOGIA COGNITIVA O processo de aprendizagem da leitura e da escrita está inserido no conjunto das capacidades cognitivas, que por sua vez são capacidades estruturadas e organizadas em um sistema cognitivo que sustenta...
    2402 Palavras 10 Páginas
  • Trabalho
    potencial dos mesmos. 2.2 Fundamentação teórica do trabalho realizado – Estimulando o desenvolvimento da leitura e da escrita O processo de aquisição da leitura e da escrita é desenvolvido ainda na infância. Atualmente, os educadores demonstram uma maior preocupação em saber como a criança aprende...
    4749 Palavras 19 Páginas
  • Letramento e alfabetização na educação infantil
    isso é que uma adequada proposta para o ensino d e língua deve prever não só o desenvolvimento de capacidades necessárias ás práticas de leitura e escrita, mas também de fala e escuta compreensiva em situações públicas (a própria aula é uma situação de uso público da língua). Com o surgimento dos termos...
    2253 Palavras 10 Páginas
  • alfabetização e letramento 1°ano
    habilidades de leitura e escrita de leitura e escrita seria a alternativa do autor para lidar com a diversidade de possibilidades na cultura ocidental letrada, onde não mais lidamos com população onde predominam a oralidade. Como em estudos etnográficos anteriores onde a oralidade e a escrita eram vistas de forma...
    1765 Palavras 8 Páginas
  • letramento
    Estado: Espírito Santo Turma: Pedagogia Pólo: Dom Fernando Tutor (a): Cleidima Monteverde Mauricio Semestre/Ano: 2010 LETRAMENTO, LEITURA E ESCRITA Letramento versus Alfabetização Nome das alunas Luiza Maria Coutinho da Silva Ieda Aquino de Melo da Silva RESUMO Não é novidade que o...
    3722 Palavras 15 Páginas
  • letramento
    Considera-se letramento o processo de aprendizado do uso da tecnologia da língua escrita. Um dos significados usuais para esse processo de aprendizagem tem como significado os atributos em que a criança pode usar os recursos da língua escrita em momentos de fala, mesmo antes de ser alfabetizada. Esse aprendizado...
    1297 Palavras 6 Páginas
  • Letramento
    da língua escrita, porém estudos recentes incluem estes fatores o nível de letramento. Sabe-se que crianças que estão inseridas em ambientes ricos em experiências de leitura e escrita, não só se motivam para ler e escrever, mas, começam, desde cedo, a refletir sobre os materiais de escrita que circulam...
    1557 Palavras 7 Páginas
  • Alfabetização e letramento
    Alfabetização e Letramento é mudarmos o foco de nosso ensinamento, o que o mundo globalizado quer de cada individuo é a habilidade de aprender a pensar, a observar. Só que isso, infelizmente não é ensinado. Hoje observar o mundo, trancafiados que ficam numa sala de aula, estrategicamente colocados bem...
    1538 Palavras 7 Páginas
  • serviço social
    INTERDEPENDÊNCIA ENTRE A LEITURA E A PRODUÇÃO ESCRITA Cléa Silvia Biasi Krás* RESUMO O presente artigo propõe uma reflexão sobre a leitura e a escrita, particularmente sobre a influência da leitura e de exercícios sistemáticos do código escrito na produção da língua escrita, levando em considerando o conhecimento...
    4836 Palavras 20 Páginas
  • O papel social da litura e da escrita
    O PAPEL SOCIAL DA LEITURA E DA ESCRITA: SER ALFABETIZADO É SER LETRADO? Ilana da Silva Rebello Viegas (UFF) RESUMO Nos dias de hoje, ser alfabetizado, isto é, saber ler e escrever, tem se revelado condição insuficiente para responder adequadamente às demandas contemporâneas. Há alguns anos,...
    3262 Palavras 14 Páginas
  • Pedagogia
    REFLEXÕES SOBRE LETRAMENTO E ESCRITA Elza Maria Fonseca da Rocha1 Resumo O objetivo principal desta pesquisa de cunho bibliográfico foi tratar de um tema polêmico e necessário aos educadores que militam na educação e formação de leitores nas séries iniciais do ciclo básico de alfabetização,...
    5231 Palavras 21 Páginas
  • Intordução a metodologia
    DA LINGUAGEM ORAL E ESCRITA Desde a perspectiva psicolingüística, Kato (1986) nos alerta que embora a escrita alfabética (representação de segunda ordem) tenha sido concebida para representar a fala (representação de primeira ordem), ela não chega a ser uma escrita fonética. As modalidades...
    1029 Palavras 5 Páginas
  • Projeto de Pesquisa - Produção textual
    Formulação do Problema: A escrita é algo com o qual estamos tão envolvidos que nem nos damos conta de como vive alguém que não lê e não escreve. Quase todas as atividades de português, na escola, giram em torno da escrita, até a fala que se pretende ensinar assume as formas de escrita, na escola. E é comum...
    482 Palavras 2 Páginas
  • Letramento e alfabetização
    quando e aonde essa palavra foi usada pela primeira vez. Parece que a palavra Letramento apareceu pela primeira vez no livro de Mary Kato, “No mundo da escrita: uma perspectiva psicolingüística”, de 1986. O termo letramento surgiu porque apareceu um fato novo para o qual precisávamos...
    523 Palavras 3 Páginas