Processo De Contração Muscular artigos e trabalhos de pesquisa

  • Contração muscular

    Princípios da Contração Muscular Anatomia e Fisiologia da contração Muscular “…mover as coisas é tudo que o ser humano pode fazer e para tanto o único executor é o músculo, não importa se sussurando uma sílaba ou derrubando uma floresta.” Charles Sherrington (1924) Tecido Muscular TIPOS DE MÚSCULOS Responsáveis pelos movimentos voluntários Pertence à vida de nutrição (digestão, excreção, etc); involuntários Vermelho e estriado, porém, involuntário Músculo...

    1649  Palavras | 7  Páginas

  • contraçao muscular

    SPÍNDOLA RODRIGUES CONTRAÇÃO MUSCULAR TERESINA-PI SETEMBRO/2013 JONATHAN SPÍNDOLA RODRIGUES CONTRAÇÃO MUSCULAR PROFESSOR: Msc.HONEYDE TERESINA-PI SETEMBRO/2013 1 CONTRAÇÃO MUSCULAR Para que ocorra a realização da contração muscular primeiramente acontece o impulso nervoso, que é propagado pelo neurônio q chega ate a célula muscular, passando pela sinapse muscular liberando substancias neuro...

    1517  Palavras | 7  Páginas

  • Contração Muscular

    se processa o mecanismo de contracção muscular, dando especial relevo às estrutura das duas principais proteínas envolvidas no processo (actina e miosina). (Explicação do Indice) Músculos: Os músculos são os tecidos responsáveis pelos nossos movimentos, tanto os movimentos voluntários, com os quais o animal interage com o meio ambiente, como os movimentos dos seus órgãos internos, o coração ou ointestino. Os músculos são constituídos por tecido muscular e caraterizam-se pela sua contratibilidade...

    1005  Palavras | 5  Páginas

  • Contração muscular

    Co------------------------------------------------- Contracao muscularPresentation Transcript * 1. Contração muscular Prof: Marco Aurélio * 2. Músculo cardíaco –autoexcitável e incansável Músculo liso – aparecem em camadas nas paredes viscerais Músculo esquelético – responsável pelos movimentos corporais voluntários que definem nossa psotura corporal * 3. Músculo liso• Contração lenta e involuntária;• Cavéolas que contém Ca2+;• Células fusiformes, mononucleares;• Sem sarcômero e troponina•...

    2673  Palavras | 11  Páginas

  • Fisiologia da Contração Muscular

    FISIOLOGIA DA CONTRAÇÃO MUSCULAR Introdução Os músculos são órgãos constituídos principalmente por tecido muscular, especializado em contrair e realizar movimentos, geralmente em resposta a um estímulo nervoso. Sem os movimentos dos músculos não conseguiríamos realizar tarefas básicas do nosso dia- a- dia, como se locomover, falar e até mesmo respirar. Fontes de energia para a contração muscular Nossa alimentação contribui para obtenção da maior parte dos nutrientes que são utilizados como...

    1316  Palavras | 6  Páginas

  • Contração muscular

    – Modulo 3_ contração muscular 1) Descreva os tipos de tecido muscular e as características estruturais que os definem. 2) Descreva a estrutura e função da menor unidade contrátil do músculo estriado, o sarcômero. 3) Descreva como ocorre e quais as bases moleculares do mecanismo de excitação-contração do músculo estriado esquelético. 4) Descreva os tipos de músculo liso, e diferencie sua estrutura e função. 5) Diga a importância do Ca2+ e do ATP para o ciclo de contração muscular. 6) Diga qual...

    2054  Palavras | 9  Páginas

  • contraçao muscular

    Desenvolvimento Componentes dos Músculos Esqueléticos e Lisos. O tecido muscular estriado ou esquelético é formado por fibras musculares cilíndricas, finas e que podem medir vários centímetros de comprimento. Os músculos esqueléticos possuem uma coloração mais avermelhada. São também chamados de músculos estriados, já que apresentam estriações em suas fibras (fibrocelulares estriadas). São os responsáveis pelos movimentos voluntários, estes músculos se inserem sobre os ossos e sobre...

    2075  Palavras | 9  Páginas

  • contração muscular

    Contração Muscular Os músculos são órgãos constituídos principalmente de tecido muscular, especializado em contrair e realizar movimentos em resposta ao estimulo nervoso. Os músculos esqueléticos são compostos de fibras musculares que são organizadas em feixes, chamados de fascículos. Os miofilamentos compreendem as miofibrilas que são compostas de unidades, e cada unidade é denominada um sarcômero.  Na contração muscular, que ocorre através de um encurtamento das fibras, que resulta assim...

    699  Palavras | 3  Páginas

  • A CONTRAÇÃO MUSCULAR

    INTRODUÇÃO O processo de contração muscular é um dos principais responsáveis pelo movimento do corpo, o músculo esquelético é principalmente o mais atuante na locomoção o movimentação voluntária do ser, esse é de fato o que mais iremos abordar neste trabalho. O movimento é a propriedade básica da vida e ele só é conseguido graças a motores moleculares que convertem energia química em energia mecânica, gerando força para o movimento (PIOVESAN, 2009) Passaremos sobre todas as fazes, explicando...

    5058  Palavras | 21  Páginas

  • Contração muscular

    Mecanismo de contração muscular O principal mecanismo dos movimentos celulares é o deslizamento de macromoléculas ,umas sobre as outras .Isto ocorre com fibrilas de ACTINA e MIOSINA , nos microtúbulos e no movimento ciliar e flagelar . O deslizamento se dá graças ás forças que ocorrem em pontes que estabelecem entre as estruturas das fibrilas e também dos microtúbulos .No decorrer desses deslizamentos , não há alteração na estrutura quaternária das proteínas formadoras dos microtúbulos nem...

    1828  Palavras | 8  Páginas

  • Contração Muscular

    Músculos; Relações Energéticas; Os Tipos de Contrações; Como Ocorre; Processos Envolvidos; Finalidade. O sistema muscular é formado por músculos, cujos são formados por fibras musculares que por sua vez, são constituídas de miofibrilas que é construída através da junção das proteínas actina e miosina que são proteínas que estimulam estruturas contráteis.  A) B) Existem dois tipos principais de fibras musculares, as lisas e as estriadas: Fibras lisas contraem-se mais lentamente...

    824  Palavras | 4  Páginas

  • As Proteínas na Contração Muscular

    As Proteínas na Contração Muscular A contração de um músculo resulta do encurtamento de suas fibras, o que por sua vez resulta do encurtamento dos filamentos de actina e miosina, que ativamente deslizam e se encaixa um entre o outro. A contração muscular esquelética acontece quando há uma interação das proteínas contráteis de actina e miosina, que ocorre na presença de íons de cálcio intracelulares e energia. A disponibilidade de energia para a contração vem por meio da hidrólise de ATP, e o cálcio...

    737  Palavras | 3  Páginas

  • contração muscular

    Contração muscular  É um processo fisiológico característico das fibras musculares que corresponde a capacidade de gerar tensão com a ajuda de um neurônio motor. Na contração muscular, a actina desliza sobre os filamentos da miosina, que conservam seus comprimentos originais. A contração se inicia na faixa ansiotrópica, ou A, onde a actina e a miosina se sobrepõem. Contrações Para músculos estriados, toda...

    740  Palavras | 3  Páginas

  • mecanismo da contração muscular

    Introdução O sistema muscular esquelético constitui a maior parte da musculatura do corpo , formando o que se chama popularmente de carne.Os músculos esqueléticos ou voluntários são órgãos ativos do movimento , transmitindo movimento aos ossos sobre os quias se inserem.Tem uma variedade grande de tamanho e formato , de acordo com sua disposição , local de origem e inserção.O ser Humano possui 639 musculos. Cada Musculo Possui o seu nervo motor , o qual divide-se em fibras para poder controlar todas...

    4256  Palavras | 18  Páginas

  • Contração muscular

    Contração muscular 1. Tipos de Músculos Todo músculo é formado por um feixe de fibras. Existem dois tipos principais de fibras musculares, as lisas e as estriadas. Essa nomenclatura vem do seu aspecto microscópio. a) Fibras Lisas Contraem-se mais lentamente, mas a contratura pode demorar muito tempo. São encontradas nas vísceras, especialmente nos tubos digestivos, bexiga e artérias. b) Fibras Estriadas Contraem-se mais rapidamente, e em casos normais, sua contração dura pouco. Formam...

    1392  Palavras | 6  Páginas

  • contração muscular

    DO CENSA INSTITUTO TECNOLÓGICO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS E DA SAÚDE CURSO DE FISIOTERAPIA CONTRAÇÃO MUSCULAR Por Gleyton Rodrigues Rosa Campos dos Goitacazes – RJ 04 / 2014 INSTITUTOS SUPERIORES DE ENSINO DO CENSA INSTITUTO TECNOLÓGICO DE CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS E DA SAÚDE CURSO DE FISIOTERAPIA CONTRAÇÃO MUSCULAR Por Gleyton Rodrigues Rosa Trabalho apresentado em cumprimento as exigências da disciplina...

    1319  Palavras | 6  Páginas

  • Contracao muscular

    Na contração muscular, a actina desliza sobre os filamentos da miosina, que conservam seus comprimentos originais. A contração se inicia na faixa ansiotrópica, ou A, onde a actina e a miosina se sobrepõem. Durante a contração, a faixa isotrópica (I) diminui de tamanho, enquanto os filamentos de actina penetram na faixa A. Concomitantemente, a faixa H, formada somente pelos filamento grossos (miosina) também se reduz, à medida que esses filamentos são sobrepostos pelos filamentos finos (actina). Isso...

    7404  Palavras | 30  Páginas

  • contração muscular

    Contração muscular Definição: Processo que leva ao encurtamento e/ou desenvolvimento de tensão no tecido muscular. A contração muscular ocorre por um mecanismo de deslizamento de miofilamentos em que os filamentos da actina [se aproximam do centro do sarcômero] deslizando entre os filamentos de miosina. Resumo: O estímulo para a contração muscular é geralmente um impulso nervoso, que se propaga pela membrana das fibras musculares, chegando até ela por meio de um nervo. Passando pela membrana das...

    907  Palavras | 4  Páginas

  • contração muscular lisa

    Introdução. Nesse trabalho estarei descrevendo a contração muscular lisa , bem como suas formas de contração, e como se comportam os impulsos nervosos e hormonais nesta atividade. Contração muscular do tecido liso. O musculo liso tambem chamado de não estriado, é encontrado no intestino, útero e estomago, sua contração é involuntária. O músculo liso contem filamentos de actina e de miosina, e seu processo de contração é ativado pelo cálcio e íons o ATP se degrada formando adp, para formar energia...

    606  Palavras | 3  Páginas

  • Fisiologia contração muscular

    Fisiologia da Contração Muscular A fisiologia da contração muscular explica os fatores físicos e químicos responsáveis pela origem, desenvolvimento e continuação de qualquer tipo de vida. Os músculos esqueléticos são compostos de fibras musculares que são organizadas em feixes, chamados de fascículos. Os miofilamentos compreendem as miofibrilas, que por sua vez são agrupadas juntas para formar as fibras musculares. Cada fibra possui uma cobertura ou membrana, o sarcolema, e é composta de uma...

    1166  Palavras | 5  Páginas

  • Contração muscular

    constituído por três tipos de tecido muscular com funções distintas: músculo cardíaco, músculo esquelético e músculo liso. Os músculos esqueléticos encontram-se fixados nos ossos, sendo responsáveis pela sustentação e movimentação do esqueleto que nos permite desenvolver várias tarefas motoras. Eles são os motores do nosso movimento corporal, transformando energia química guardada em moléculas de ATP e convertendo-as em energia mecânica. (MARTINS, s.d). A contração do músculo esquelético está sob controle...

    1687  Palavras | 7  Páginas

  • Biofísica - Contração Muscular

    plasmática de Cel. Musculares. Sarcoplasma: É o nome dado ao Citoplasma das Cél. Musculares. Retículo Sarcoplasmático: É o mesmo que retículo Endoplasmático Liso nas demais Células do corpo (algum idiota mudou o nome dessas estruturas na cél. Muscular, só para ferrar com os alunos). É o Retículo Sarcoplasmático, que prende o Cálcio dentro da célula. O Cálcio só é liberado pelo retículo sarcoplasmático, após o momento da despolarização celular, para que possa ocorrer a Contração muscular. Fenda Sináptica:...

    1638  Palavras | 7  Páginas

  • contração muscular

    era repetido os alunos apresentavam dificuldade principalmente em manter a força do braço para auxiliar o movimento, o que parecia fadiga muscular. Provavelmente fadiga pela falta de trabalho de resistencia muscular. Os alunos não apresentavam maiores problemas em relação a agilidade, a dificuldade aparecia mesmo quando era exigido do participante força muscular, situação que foi observada na passagem pelo planche em que a partir da segunda passada aqueles que conseguiram completar o exercício na...

    810  Palavras | 4  Páginas

  • contração muscular

     Contração Muscular Os músculos são órgãos constituídos principalmente por tecido muscular, especializado em contrair e realizar movimentos, geralmente em resposta a um estímulo nervoso. Sem os movimentos dos músculos não conseguiríamos realizar tarefas básicas do nosso dia- a- dia, como se locomover, falar e até mesmo respirar. Na contração muscular, a actina desliza sobre os filamentos da miosina, que conservam seus comprimentos originais. A contração se inicia na faixa ansiotrópica, ou A...

    925  Palavras | 4  Páginas

  • Contracao muscular

    e analisar os fatores que influenciam na junção neuromuscular esquelética. A região onde ocorre encontro de transmissão especializado entre as extremidades de neurônios e obrigatoriamente células musculares denomina-se junção neuromuscular (JNM); terminações nervosas que se invaginam na fibra muscular. Essa transmissão deve ser segura e inalterável, para permitir que o sistema nervoso central assuma que ocorra resposta previsível a qualquer programa de atividade, em nervo motor, resultando em potencial...

    1588  Palavras | 7  Páginas

  • Contraçao muscular

    CONTRAÇÃO MUSCULAR Cerca de 40% da massa corporal são representados por músculo esquelético e quase outros 10% por músculo liso e cardíaco. Todo músculo esquelético é formado por numerosas fibras, as fibras musculares (células individuais do músculo). Na maioria da musculatura esquelética, as fibras se estendem por todo o comprimento do músculo, sendo, cada uma delas, inervadas por terminação nervosa única, situada no meio da fibra. As fibras musculares são divididas em dois...

    1567  Palavras | 7  Páginas

  • Fisiologia Contração Muscular mecanismo

    CONTRAÇÃO MUSCULAR Andreae Vesalii CONTRAÇÃO DO MÚSCULO ESQUELÉTICO As forças musculares esqueléticas atuam sobre o sistema corporal de alavancas ósseas e acarretam a movimentação de um aou mais ossos ao redor de seu eixo articular a fim de impulsionar um objeto, movimentar o próprio corpo ou realizar essas duas ações simultaneamente. 1 MÚSCULO ESQUELÉTICO ANATOMIA FUNCIONAL DO MÚSCULO ESQUELÉTICO MÚSCULO ESQUELÉTICO ANATOMIA FUNCIONAL DO MÚSCULO ESQUELÉTICO ...

    1196  Palavras | 5  Páginas

  • Contração muscular

    FEDERAL CONTRAÇÃO MUSCULAR MARTA DE CARVALHO DA SILVA BRASÍLIA 2012 Sumário 1. INTRODUÇÃO 3 2. MUSCULO ESQUELÉTICO 3 2.1. Estrutura 3 2.3. Processo de Contração 8 3. MÚSCULO CARDÍACO 11 3.1. Estrutura 11 3.2. Processo de Contração 12 4. MÚSCULO LISO 16 4.1. Estrutura 16 4.2. Processo de Contração 18 5. CONCLUSÃO 19 Referências 20 1. INTRODUÇÃO O presente trabalho objetiva apresentar os princípios básicos do mecanismo da contração muscular. Este é um...

    4572  Palavras | 19  Páginas

  • contração muscular

    Biofísica Contração Muscular Prof. Dr. Walter Filgueira de Azevedo Jr. wfdaj.sites.uol.com.br BIOFÍSICA Resumo • Tecidos musculares • Junção neuromuscular • Músculo esquelético • Actina e miosina • Estrutura do sarcômero • Teoria do filamento deslizante • Mecanismo de contração muscular • Referências wfdaj.sites.uol.com.br BIOFÍSICA Tecidos Musculares As fibras do músculo esquelético (a e b) apresentam-se listradas, devido a presença de um padrão alternado de complexos...

    1358  Palavras | 6  Páginas

  • Contração muscular

    CURSO DE MEDICINA DISCIPLINA: FISIOLOGIA ******************************** CONTRAÇÃO MUSCULAR NA ESPÉCIE Homo Sapiens 2011 **************************************** CONTRAÇÃO MUSCULAR NA ESPÉCIE Homo Sapiens SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO ..3 2 METODOLOGIA ..4 3 RESULTADOS ..6 4 DISCUSSÃO 8 5 CONCLUSÃO 9 REFERÊNCIA BIBLIOGRÁFICA 10 1 INTRODUÇÃO O músculo esquelético é um órgão especializado na transformação de energia química em movimento (energia mecânica)...

    1316  Palavras | 6  Páginas

  • TECIDO OSSEO E CONTRAÇAO MUSCULAR

     BIOLOGIA HUMANA TECIDO OSSEO E CONTAÇAO MUSCULAR INTRODUÇÃO Este trabalho tem a função de auxiliar na compreensão da matéria, sendo os temas abordados o TECIDO ÓSSEO e a CONTRAÇÃO MUSCULAR. Apresentando algumas funções básicas como suporte, proteção, locomoção e movimentos. A seguir será possível entender as células que compõem esse tecido, a composição e função de cada sistema, como no tecido ósseo as funções e características...

    1427  Palavras | 6  Páginas

  • Contração muscular

    CONTRAÇÃO MUSCULAR COAGULAÇÃO SANGUÍNEA IMPULSO NERVOSO Prof: (a) Susi Maciel Velho ESPIGÃO ALTO DO IGUAÇU/PR, SETEMBRO DE 2009. GABRIELI MURER ALINE SANTIN CONTRAÇÃO MUSCULAR IMPULSO NERVOSO COAGULÇÃO SANGUÍNEA ESPIGÃO ALTO DO IGUAÇU/PR, SETEMBRO DE 2009. INTRODUÇÃO O objetivo deste trabalho é sintetizar o conceito sobre o sistema muscular, caracterizado pela propriedade de contração e distensão...

    2883  Palavras | 12  Páginas

  • Contração musculas

    | | CONTRAÇÃO MUSCULAR MÚSCULO ESTRIADO ESQUELÉTICO O Músculo Estriado Esquelético é formado por feixe de células cilíndricas muito alongadas contendo muitos miofilamentos, são multinucleadas com os núcleos na periferia das fibras, apresenta estriações transversais, tais células têm contração rápida e vigorosa e está sujeito a controle voluntário. O Sarcolema é a membrana celular que envolve a fibra muscular, composta por fibrilas finas de colágeno que na extremidade da fibra muscular se funde...

    7688  Palavras | 31  Páginas

  • Contração Muscular

    Contração do Músculo Esquelético Os componentes envolvidos na contração ou relaxamento são: Actina, Miosina, Troponina, Tropomiosina, ATP, e Íon Cálcio. Eles tem um papel efetivo no momento em que o músculo vai contrair ou relaxar. Filamentos de Actina: é semelhante a essa estrutura abaixo. Essas esferas em vermelho são as unidades fundamentais da molécula de actina ou proteína de actina, podemos observar tambem dois filamentos de actina transados entre si, juntamente com esse transado de...

    505  Palavras | 3  Páginas

  • CONTRAÇÃO MUSCULAR

    Contração Muscular: no Repouso e Exercício ATP e Lactado Pelotas, 02 de outubro de 2013. SISTEMA MUSCULAR É formado por músculos, que podem ser de três tipos: estriado esquelético, estriado cardíaco e liso. O metabolismo de cada um deles é semelhante, porem, suas funções são distintas. Músculo Principais características Estriado Esquelético Possui fibras estriadas e multinucleadas. Sua contração é voluntaria. Liga-se a...

    1251  Palavras | 6  Páginas

  • Bioquímica da contração muscular

    JANEIRO Escola de Educação Física e Desportos - EEFD Laboratório de Instrumentação Biomédica Alunos: Amanda Fonseca / Thiago Carvalho Bioquímica da Contração Muscular Cerca de 50% do corpo é formado por músculos esqueléticos predominantemente (aproximadamente 40%) e lisos e cardíacos. Os processos bioquímicos relacionados à contração muscular ocorrem em diferentes formas para cada tipo de musculatura: O músculo liso reveste os órgãos internos e produz contrações que geram o peristaltismo e a...

    1074  Palavras | 5  Páginas

  • Contração muscular

    Curso de Fisiologia 2007 Ciclo de Neurofisiologia Departamento de Fisiologia, IB Unesp-Botucatu Profa. Silvia M. Nishida 120 FISIOLOGIA MUSCULAR MUSCULATURA DO CORPO Tendemos a pensar que movimento está sempre associado ao deslocamento do organismo, isto é, a mudança dele de um lugar para o outro. Pensar assim é uma ilusão, pois vários movimentos estão sendo realizados enquanto estamos parados: os dedos coçando um ponto do corpo; o estômago misturando e propelindo o seu conteúdo; o...

    4355  Palavras | 18  Páginas

  • Mecanismo de contração muscular

    MECANISMO DA CONTRAÇÃO MUSCULAR  Aqui será demonstrado a teoria dos filamentos deslizantes, uma série de hipóteses é admitida para explicar como os filamentos deslizantes desenvolvem tensão e encurtam-se, uma delas é a seguinte:  1) Com o sítio de ligação de ATP livre, a miosina se liga fortemente a actina;  2) Quando uma molécula de ATP se liga a miosina, a conformação da miosina e o sítio de ligação se tornam instáveis liberando a actina;  3) Quando a miosina libera a actina, o ATP...

    689  Palavras | 3  Páginas

  • As fibras musculares

    As fibras musculares Você já conheceu o músculo, sua função e suas possíveis classificações. Vamos agora entender como é a divisão muscular e como funcionam as suas células. As divisões do músculo estriado esquelético. Um músculo esquelético é um conjunto de milhares de células musculares, e é dividido em partes afim de que a transmissão do impulso nervoso e a coordenação muscular sejam facilitadas. Como vimos anteriormente, o músculo está envolto por uma capa de tecido conjuntivo chamada fáscia...

    1005  Palavras | 5  Páginas

  • Potencial de ação – contração muscular

    FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS – FTC-Ead CURSO DE LICENCIATURA EM BIOLOGIA POTENCIAL DE AÇÃO – CONTRAÇÃO MUSCULAR. Maceió 2012 POTENCIAL DE AÇÃO – CONTRAÇÃO MUSCULAR. Trabalho apresentado à disciplina Fundamentos de Física e Biofísica, junto ao Curso de Biologia da Faculdade de Tecnologia e Ciências, orientada pela Tutora . Maceió 2012 INTRODUÇÃO A Bioeletricidade ou refere-se à voltagem estática de células biológicas e às correntes elétricas que fluem em tecidos vivos...

    1756  Palavras | 8  Páginas

  • Fisiologia da Contração Muscular

    Fisiologia- Contração Muscular TECIDO MUSCULAR Células Estriadas Esqueléticas : São cilíndricas, alongadas, multi nuclear ( com vários núcleos),com estrias transversais* A contração é rápida e Voluntária: Ex.: Biceps e Triceps Células Estriada Cardíaca : São ramificadas ,alongadas, irregulares Mono ou Binuclear ( 1 ou 2 núcleos) centrais Entre elas á o Disco Intercalar q proporciona mais adesão e facilita a passagem do impulso cardíaco de uma célula para outra. Com estrias...

    866  Palavras | 4  Páginas

  • BIOQUÍMICA CONTRAÇÃO MUSCULAR

    BIOQUÍMICA DA CONTRAÇÃO MUSCULAR 1 TECIDO MUSCULAR O que é? São tecidos contráteis, ou seja, podem ativamente variar de tamanho por compressão molecular. O que faz? Os tecidos responsáveis pelos movimentos dos animais. Tanto os movimentos voluntários, com os quais os animais interagem com o meio ambiente, quanto os movimentos para o funcionamento dos órgãos internos, como o coração, vasos sanguíneos, intestinos, etc. Quais os tipos de tecido muscular? Existem três tipos básicos de tecido...

    1393  Palavras | 6  Páginas

  • RESUMO CONTRAÇÃO MUSCULAR

    RESUMO CONTRAÇÃO MUSCULAR A fisiologia da contração muscular explica os fatores físicos e químicos responsáveis pela origem, desenvolvimento e continuação de qualquer tipo de vida. Na fisiologia humana, é explicado as características e mecanismos específicos do corpo humano, que o fazem ser um ser vivo. O próprio fato de que permanecemos vivos está quase além do nosso controle, pois a fome nos faz procurar alimento e o medo nos faz buscar refúgio. As sensações de frio nos fazem procurar calor e...

    508  Palavras | 3  Páginas

  • Fisiologia da contração muscular

    Fisiologia da contração muscular Movimentos em nosso esqueleto, manutenção do corpo em posição ereta, movimentos do globo ocular, dilatação ou constrição da pupila nos olhos, focalização da imagem na retina, grau de dilatação ou constrição dos vasos sanguíneos, movimentos do tubo digestório, etc. Em todos estes casos ocorre uma importante participação dos músculos. Uma importante característica do tecido muscular é a capacidade de alterar o seu comprimento durante o trabalho. Podemos dividir, sob...

    1894  Palavras | 8  Páginas

  • Tecido Muscular

    TECIDO MUSCULAR ORIGEM O tecido muscular é de origem mesodérmica, sendo caracterizado pela propriedade de contração e distensão de suas células, o que determina a movimentação dos membros e das vísceras. Há basicamente três tipos de tecido muscular: liso, estriado esquelético e estriado cardíaco. FONTE:www.sobiologia.com.br FUNÇÕES -Participação na realização de movimentos pelo corpo; -Manutenção da postura corporal; -Produção de calor; -Participação nos movimentos peristálticos...

    1082  Palavras | 5  Páginas

  • Contração da fibra muscular

    Explique o processo de contração da fibra muscular esquelética, desde o estímulo nervoso na junção neuromuscular até o relaxamento da fibra. Considere em sua resposta: Estrutura, constituição e organização do sarcômero; Modelo do deslizamento dos filamentos de actina e miosina e sua relação com íons de cálcio; Mecanismo molecular da contração muscular. Cada músculo é formado por um conjunto de fibras circundado por tecido conjuntivo e adiposo. As células do músculo esquelético são também chamadas...

    957  Palavras | 4  Páginas

  • Contração do músculo esquelético

    UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS INSTITUTO DE BIOLOGIA DEPARTAMENTO DE BIOLOGIA ESTRUTURAL E FUNCIONAL CONTRAÇÃO DO MÚSCULO ESQUELÉTICO PROF. DR. WAGNER JOSÉ FÁVARO Laboratório de Carcinogênese Urogenital e Imunoterapia (LCURGIM) UNICAMP CONSTITUIÇÃO MÚSCULO ESQUELÉTICO CONSTITUIÇÃO MÚSCULO ESQUELÉTICO CONSTITUIÇÃO MÚSCULO ESQUELÉTICO CONSTITUIÇÃO MÚSCULO ESQUELÉTICO CONSTITUIÇÃO MÚSCULO ESQUELÉTICO CONSTITUIÇÃO MÚSCULO ESQUELÉTICO CONSTITUIÇÃO MÚSCULO ESQUELÉTICO ...

    754  Palavras | 4  Páginas

  • Tecido Muscular

    Tecido Muscular Contração Muscular Introdução 40% - músculo esquelético e 10% - músculo e cardíaco Tecido muscular - ½ do peso total do corpo; Tipos de Tecido Muscular Tecido muscular esquelético Mover os ossos do esqueleto; Estriado (faixas claras e escuras); Voluntário (neurônios - SNS). Tecido muscular cardíaco Parede das câmeras cardíacas; Estriado; Involuntário (marcapasso – contração - SNA).  Tecido muscular liso Estruturas ocas internas (vasos sanguíneos, vias aéreas); Não...

    1621  Palavras | 7  Páginas

  • Contraçao muscular e repouso no exercício

    EM REPOUSO E DURANTE EXERCICIO Existem três tipos de células musculares: lisa, esquelética e cardíaca. Em todos os tipos de músculo, a contração ocorre pelo sistema de filamentos de actina/miosina deslizantes, que é regulado pelas oscilações nos níveis intracelulares de cálcio. As células musculares utilizam glicogênio armazenado e glicose, ácidos graxos e aminoácidos circulantes como fontes de energia. A glicólise muscular é regulada diferentemente da glicólise hepática, sendo que a principal...

    1745  Palavras | 7  Páginas

  • Tecido muscular

    Tecido muscular Características e função do tecido muscular. • O tecido muscular, originado do mesoderma (folheto embrionário), constitui os músculos, está relacionado ao mecanismo de locomoção e ao processo de movimentação de substâncias internas do corpo, decorrente à capacidade contrátil das fibras musculares em resposta a estímulos nervosos, utilizando energia fornecida pela degradação da molécula de ATP. As células desse tecido são caracterizadas pelo seu formato alongado, uma especialização...

    1031  Palavras | 5  Páginas

  • sistema muscular

    Curso: Fisioterapia Disciplina: Anatomia Relatório: Sistema Muscular  São Luis/MA Índice Introdução TIPOS DE MÚSCULOS Propriedades dos músculos Contrações isotônicas e isométricas Contração Isotônica Contração isométrica Contração isocinética Tônus muscular Elasticidade Resistência Muscular FUNÇÕES DO MÚSCULO ESTRIADO OU ESQUELÉTICO MICROESTRUTURA DOS MÚSCULOS...

    1034  Palavras | 5  Páginas

  • Contração muscular

    Gonçalves Defendi. CONTRAÇÃO MUSCULAR A a fisiologia da contração muscular ocorre por várias etapas e, do estímulo da contração muscular até a sua execução, as etapas são as seguintes: 1)Um potencial de ação trafega ao longo de um nervo motor até suas terminações nas fibras musculares; 2) Em cada terminação, o nervo secreta uma pequena quantidade de substância neurotransmissora, a acetilcolina; 3) Essa acetilcolina atua sobre uma área localizada na membrana da fibra muscular, abrindo numerosos...

    628  Palavras | 3  Páginas

  • sistema muscular

     Sistema Muscular Professor Ricardo 1º Ano Farmácia Bauru - SP 1. Tecido Muscular O movimento do corpo não depende só das articulações e ossos, mas sim dos movimentos da contração e do relaxamento dos músculos 2. Funções do Tecido Muscular Por meio da contração sustentada ou alternada a contração e o relaxamento têm quatro funções. Movimento do Corpo: O movimento depende do funcionamento...

    1917  Palavras | 8  Páginas

  • tecido muscular

     Tecido Muscular Função: Movimentação e Contração O tecido muscular, originado do mesoderma (folheto embrionário), constitui os músculos, está relacionado ao mecanismo de locomoção e ao processo de movimentação de substâncias internas do corpo, decorrente à capacidade contrátil das fibras musculares em resposta a estímulos nervosos, utilizando energia fornecida pela degradação da molécula de ATP. As células desse tecido são caracterizadas pelo seu formato alongado, uma especialização...

    823  Palavras | 4  Páginas

  • Tecidos Musculares

    Tecidos musculares   Os tecidos musculares são de origem mesodérmica e relacionam-se com a locomoção e outros movimentos do corpo, como a contração dos órgãos do tubo digestório, do coração e das artérias. As células dos tecidos musculares são alongadas e recebem o nome de fibras musculares ou miócitos. Em seu citoplasma, são ricas em dois tipos de filamento protéico: os de actina e os de miosina, responsáveis pela grande capacidade de contração e distensão dessas células.   Quando um músculo é...

    966  Palavras | 4  Páginas

  • Histologia Animal Muscular

    Vieira Tecido Muscular • Pouca substância intercelular •Excitabilidade: capacidade de receber e responder a estímulos; • Células: • Dispostas em feixes; • Alongadas (Fibras musculares); • Com um citoesqueleto especializado; • Capacidade de contrair, distender e relaxar. Origem: Mesodérmica Saiba +: • A diferenciação ocorre principalmente devido a um processo de alongamento gradativo, com simultânea síntese de proteínas filamentosas. T. Muscular- junção neuromuscular Tecido Muscular • Nomenclatura:...

    685  Palavras | 3  Páginas

  • Tecido muscular

    TECIDO MUSCULAR Introdução Os músculos são derivados de tecido mesodérmico, responsáveis pelos movimentos locomotores e viscerais dos animais.Executam movimentos de contração(músculos flexores) e distensão ou relaxamento(músculos extensores). Utilizam energia química de moléculas orgânicas de açúcares, aminoácidos e lipídios nos processos de respiração celular ou de fermentação para produzir ATP e gerar trabalho. Existem três tipos de tecidos musculares, os músculos lisos, os estriados esqueléticos...

    1480  Palavras | 6  Páginas

  • Tecido Muscular

    Tecido muscular Musculatura posterior retratada por Bernardino Genga. O tecido muscular é um tecido dos animais caracterizado pela sua contratilidade, ou seja, pela capacidade de se contrair segundo alguns estímulos claros e utilizando o ATP (molécula orgânica responsável pelo armazenamento de energia nas suas ligações químicas); e pela sua excitabilidade, ou seja, capacidade de responder a um estímulo nervoso. As células musculares contêm filamentos protéicos que deslizam entre si, produzindo...

    2038  Palavras | 9  Páginas

  • Tecido Muscular

     TECIDO MUSCULAR O tecido muscular é responsável pela locomoção e pelos movimentos de várias partes do corpo. Esta função é realizada por células especializadas chamadas fibras musculares, as quais se contraem sob estimulação apropriada. Este sistema tem a capacidade de transformar energia química em mecânica através da quebra enzimática do ATP. No corpo dos vertebrados há três tipos de músculo, cuja classificação é baseada no aspecto e localização de seus constituintes celulares: liso, esquelético...

    675  Palavras | 3  Páginas

  • sistema muscular

    SISTEMA MUSCULAR Os músculos são órgãos constituídos principalmente por tecido muscular, especializado em contrair e realizar movimentos, geralmente em resposta a um estímulo nervoso. Os músculos podem ser formados por três tipos básicos de tecido muscular: Tecido Muscular Estriado Esquelético Apresenta, sob observação microscópica, faixas alternadas transversais, claras e escuras. Essa estriação resulta do arranjo regular de microfilamentos formados pelas proteínas actina e miosina, responsáveis...

    14999  Palavras | 60  Páginas

tracking img