Os Usos Da Diversidade Clifford Geertz artigos e trabalhos de pesquisa

  • Clifford, geertz e roy wagner: consonâncias

    James Clifford escreve em seu “A experiência etnográfica: antropologia e literatura no século XX” um capítulo entitulado “Sobre a autoridade etnográfica”, em que analisa o processo de formação e desintegração da autoridade etnográfica criado no contexto da fundação da disciplina antropológica, como um meio de representar o Outro, cuja escrita – a etnografia – fundou uma autoridade do tipo “você está lá, porque eu estive lá”. Essa autoridade se fundou na ideia da observação participante, como um...

    2629  Palavras | 11  Páginas

  • Resenha - geertz - a interpretação das culturas

    antropólogo francês Lévi-Strauss afirma que a explicação científica busca substituir complexidades pouco compreensíveis por complexidades mais compreensíveis, e não reduzindo exclusivamente a complexidade como se imagina. Partindo deste princípio, Clifford Geertz ensina que as ciências sociais, muito mais complexas por sua essência, também devem buscar a ordenação de sua complexidade. A idéia iluminista defendia que o homem, mesmo inserido em diversos contextos, costumes, crenças e lugares, poderia...

    1391  Palavras | 6  Páginas

  • A VISÃO ANTROPOLÓGICA DE GEERTZ

    apresentada por: WALMIR VIGO GONÇALVES A VISÃO ANTROPOLÓGICA DE GEERTZ Resenha apresentada como requisito parcial para obtenção de nota na disciplina Antropologia da Religião do programa de Bacharelado em Teologia – Integralização de Créditos da Faculdade Teológica Batista do Paraná Professor: Dr. Marlon Ronald Fluck CURITIBA Agosto de 2007 A VISÃO ANTROPOLÓGICA DE GEERTZ GEERTZ, Cliford. Nova Luz Sobre a Antropologia. Tradução de Vera Ribeiro; Revisão...

    4175  Palavras | 17  Páginas

  • Unidade e Diversidade na Psicologia

    Unidade e Diversidade na Psicologia Introdução Será que realmente existe unidade e diversidade na psicologia? Este foi o tema que nos propusemos a responder e é uma questão que vem sendo discutida desde o século passado e sempre causou opiniões divergentes. Como tal este trabalho foi baseado na obra de Daniel Lagache “ Unidade da Psicologia” onde extraímos algumas ideias e concepções de outros autores, mas sempre adicionando o produto da nossa própria reflexão. Ao longo deste trabalho vamos expor...

    1755  Palavras | 8  Páginas

  • Geertz

    Francisca Ester Sá. Interpretação de produtos culturais: contributos de uma abordagem etnometodológica aos estudos de comunicação. SITE: http://www. faced.ufba.br; WIKIPEDIA, Enciclopédia Livre. Clifford Geertz (texto em português). Dados obtidos na Internet. Texto atualizado em 18.03.2006. Clifford Geertz nasceu em São Francisco, Califórnia, no ano de 1926. Seus pais se divorciaram quando ele tinha três anos, então ele foi criado por um parente distante na zona rural da Califórnia. Quando tinha...

    729  Palavras | 3  Páginas

  • A INTERPRETAÇÃO DAS CULTURAS- GEERTZ

    Resenha - A Interpretação das Culturas A obra “A interpretação das culturas” do antropólogo norte-americano Clifford Geertz é apontada como um das grandes referências da antropologia, mais precisamente da escola interpretativa. Lançado em 1973, o livro está dividido em nove capítulos. Capítulos esses que fazem uma reflexão sobre a cultura e suas principais manifestações e suportes como religião, ideologia e símbolos sagrados. Além de propor possíveis novos rumos metodológicos e epistemológicos...

    1345  Palavras | 6  Páginas

  • Um jogo absorvente: notas sobre a briga de galos balinesa” e “anti-relativismo”, de clifford geertz.

    Antropologia IV Dissertação acerca dos textos: “Um Jogo Absorvente: notas sobre a briga de galos balinesa” e “Anti-relativismo”, de Clifford Geertz. Prof.ª: Geovana Tabachi Aluno: Aristides Pereira da Silva Campos dos Goytacazes 2013 Questões Com base nos textos “Um Jogo Absorvente: notas sobre a briga de galos balinesa” e “Antianti-relativismo”, de Clifford Geertz, disserte: a) Porque o autor defende o conceito de cultura como uma “teia”, como sistemas de símbolos públicos que os indivíduos...

    1588  Palavras | 7  Páginas

  • Geertz

    Mirela Berger – A Interpretação das culturas – Clifford Geertz A Interpretação das culturas -Clifford Geertz - 1926-2006 • Professora Doutora Mirela Berger • UFES – Universidade Federal do Espírito Santo 1) A redução do conceito de cultura á uma dimensão justa • O livro A Interpretação das culturas é um tratado de teoria cultural desenvolvido através de análises concretas. • Ele vai criticar o uso desenfreado do conceito de cultura. Reduzi-lo a uma dimensão justa, ou seja, a um conceito...

    1024  Palavras | 5  Páginas

  • A influência do conceito de cultura Boasiano nos conceitos contemporâneos de Geertz e Shallins

    A influência do conceito de cultura Boasiano nos conceitos contemporâneos de Geertz e Shallins. Jaelyca Carolina Ferreira de Souza. O termo “cultura” surgiu em 1871 como síntese dos termos Kultur e Civilization. Este termo francês que se referia às realizações materiais de um povo; aquele termo alemão que simbolizava os aspectos espirituais de uma comunidade. Naquele ano, Edward Tylor sintetizou-os no termo inglês Culture. Com isso, Tylor abrange num só vocábulo todas as realizações humanas...

    1183  Palavras | 5  Páginas

  • Resenha de Interpretação das culturas de Geertz

     FICHAMENTO Referência: GEERTZ, Clifford. Interpretação das Culturas. Rio de Janeiro, Zahar, 1978. (Cap. 1: Uma descrição densa: por uma teoria interpretativa da cultura). Clifford Geertz (1926-2006) foi o fundador da chamada antropologia hermenêutica ou interpretativa, que acabou se abrangendo em uma grande área da ciência. Em sua obra “A interpretação das Culturas”, ele traz o conceito de cultura. Busca também o que pode ser...

    869  Palavras | 4  Páginas

  • Geertz

    GEERTZ, CLIFFORD. (Resenha) GEERTZ, Clifford. Uma descrição densa: por uma teoria interpretativa da cultura. In: _____ A interpretativa das culturas. Rio de Janeiro: Zahar, 1978. capitulo 1. Evandro Ramos dos Santos Bacharel em Biblioteconomia e Documentação Aluno de especialização em Metodologia do Ensino Superior, Pesquisa e Extensão em Educação, UNEB. O antropólogo norte-americano Clifford Geertz, San Francisco, Califórnia, 1926. Antes de se deixar influenciar pela antropologia, graduou-se...

    2125  Palavras | 9  Páginas

  • PESSIMISMO SENTIMENTAL/Marshall Sahlins e Clifford Geertz

    O “PESSIMISMO SENTIMENTAL” E A EXPERIÊNCIA ETNOGRÁFICA, Dentro do contexto discutido em sala de aula e aproveitando as contribuições teóricas dos antropólogos Marshall Sahlins e Clifford Geertz pretende-se através deste ensaio expor questões relacionadas a texto O “PESSIMISMO SENTIMENTAL” E A EXPERIÊNCIA ETNOGRÁFICA, os impasses e as possibilidades que esta coloca aos atores sociais, esta perspectiva conceitual com a de Marshall Sahlins, vamos procurar estabelecer uma relação que leve em conta...

    1352  Palavras | 6  Páginas

  • Clifford geertz

    ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS Itaciaria França José Heleno dos Santos júnior Josemar Feitosa Pimentel Marta Barretto Mayara Andrade Simone PatríciaGeertz e a Teoria Interpretativa da Cultura” MACEIÓ 2011 Itaciaria França José Heleno dos Santos júnior Josemar Feitosa Pimentel Marta Barretto Mayara Andrade Simone Patrícia “Geertz e a Teoria Interpretativa da Cultura” Trabalho escrito acompanhado de seminário apresentado como um dos requisitos para a nota da 1ª unidade na disciplina:...

    2050  Palavras | 9  Páginas

  • Lévi-strauss, geertz e dumont

    mesma em toda a parte, só os europeus ocidentais haviam alcançado o topo da linha. Pode-se dizer que em pensadores tão seminais quanto Morgan, Tylor ou Frazer (CASTRO, 2005), foi lançada a pergunta fundamental da antropologia. Como explicar a diversidade cultural, se havia um substrato comum entre os homens? Se a Razão era a mesma e igualmente possuída por todos, por que alguns povos haviam se mantido em estado de barbárie? Autores posteriores procuraram esclarecer essa lacuna deixada pelas evolucionistas...

    1152  Palavras | 5  Páginas

  • UMA ANÁLISE APROFUNDADA ACERCA DO CONCEITO DE CULTURA, SEGUNDO CLEFFORD GEERTZ.

    DO CONCEITO DE CULTURA, SEGUNDO CLEFFORD GEERTZ. Clefford Geertz nasceu no dia 23 de agosto de 1926, nos Estados Unidos, mais especificamente na cidade São Francisco, e é considerado um dos maiores antropólogos da atualidade. Estudou antropologia na universidade de Harvard, e durante muitos anos lecionou no departamento de antropologia da universidade de Chicago. É considerado o fundador da chamada antropologia interpretativa. Em meados do século XX, Geertz fundou a corrente da antropologia chamada...

    1044  Palavras | 5  Páginas

  • Diversidade

    A PRAÇA COMO LUGAR DA DIVERSIDADE CULTURAL Resumo Este texto tem como objetivo principal mostrar a evolução morfológica da praça destacando-a como um elemento significativo nas trocas e relações culturais, configurando tal espaço como um ambiente que por excelência traduz exatamente o lugar físico da diversidade cultural, para isso far-se-á primeiramente uma introdução relativa ao tema „diversidade cultural., e logo após, um “mergulho” na história resgatando os elementos simbólicos...

    3736  Palavras | 15  Páginas

  • CULTURA, CURRÍCULO E DIVERSIDADE ÉTNICORRACIAL

    ARTIGO CULTURA, CURRÍCULO E DIVERSIDADE ÉTNICORRACIAL: ALGUMAS PROPOSIÇÕES José Valdir Jesus de Santana1 Marise de Santana2 Marcos Alves Moreira3 Resumo: Este trabalho reflete acerca da relação entre cultura, currículo e diversidade étnicorracial, no sentido de pensar em que medida a escola tem conseguido dialogar com as diferenças culturais, sobretudo com aquelas que dizem respeito aos valores civilizatórios afro-brasileiros, a partir da Lei 10.639/03, que determina a obrigatoriedade...

    8327  Palavras | 34  Páginas

  • Revisitando os altares domésticos: os usos dos espaços domésticos como parte da experiência religiosa

    PRIMEIROS ESTUDOS | ARTIGOS Revisitando os altares domésticos: os usos dos espaços domésticos como parte da experiência religiosa Carlos Eduardo Machado* Resumo: O presente artigo busca compreender a dinâmica que envolve a noção de espaço e a ideia de sagrado com base no posicionamento das imagens religiosas em residências de famílias católicas. Baseando-se na observação das residências, de fotografias e entrevistas, o trabalho propõe a compreensão dos altares religiosos dentro de um contexto...

    7680  Palavras | 31  Páginas

  • cap. 2 interpretaçoes das culturas. Geertz, Clifford.

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS – CCH CURSO DE HISTÓRIA ANTROPOLOGIA CULTURAL PROFº JARBAS COUTO ALUNO: ANDREI ALVES DE OLIVEIRA Fichamento do capítulo 2 do livro de Geertz, Clifford. “A interpretação das culturas” “Sobre as ideias usadas pelos povos tribais, O Pensamento Selvagem, o antropólogo francês Lévi-Strauss observa que a explicação cientifica não consiste, como fomos levados a imaginar, na redução do complexo simples. Ao contrário, ela consiste, diz...

    1915  Palavras | 8  Páginas

  • A Interpretação das Culturas Clifford Geertz

    Sobre o autor e suas obras Clifford Geertz foi um dos antropólogos mais importantes no cenário acadêmico mundial, nasceu na Califórnia (1926-2006). Seu início de carreira na antropologia compreendeu o desenvolvimento de pesquisas em Java 52-53, Bali 57-58 e Marrocos. Fundador de uma nova teoria, A Teoria Interpretativa, em contraposição ao modelo estruturalista de Levi Strauss. Com isso ele busca explicações de acontecimentos na ação social por meio de seus simbolismos e como estes se articulam...

    2007  Palavras | 9  Páginas

  • Analise sobre a historia de geertz

    F. Engels - C. Geertz - Z. Bauman A. Leontiev - E. Marcarian O PAPEL DA CULTURA NAS CIÊNCIAS SOCIAIS EDITORIAL VILLA MARTHA Capa Estúdio da Villa 2? semestre de 1980__________________,__ Direitos desta edição reservados à: EDITORIAL VILLA MARTHA LTDA. Rua Visconde do Herval, 777 90.000 - PORTO ALEGRE - RS - BRASIL SUMÁRIO Pág. TRANSFORMAÇÃO DO MACACO EM HOMEM, por Friedrich Engels......................................................... 7 TRANSIÇÃO PARA A HUMANIDADE...

    4571  Palavras | 19  Páginas

  • O USO DA ETNOGRAFIA NO FAZER DA MICROHISTÓRIA: CONCEITOS E PARTICULARIDADES

    O USO DA ETNOGRAFIA NO FAZER DA MICROHISTÓRIA: CONCEITOS E PARTICULARIDADES João Antônio Fonseca L. Lima1 Universidade Federal do Pará Resumo: A Micro-história constitui uma importante corrente historiográfica, sendo um reflexo e uma conseqüência da Nova História. Surgiu na década de 1980, na Itália, a partir da publicação dos artigos organizados por Carlo Ginzburg e Giovanni Levi, sob o nome de Microstorie. Tal corrente possui características muito peculiares, como por exemplo, sua aproximação...

    2813  Palavras | 12  Páginas

  • Resumo - geertz (a interpretação das culturas)

    A Interpretação das Culturas – GEERTZ, Clifford. Cap. 2 – O Impacto Sobre o Conceito de Cultura sobre o Conceito de Homem Perspectiva iluminista: há uma natureza humana tao regularmente organizada, tao perfeitamente invariante e tao maravilhosamente simples como o universo de newton. Ela dizia que a ampla diferença entre homens, em crenças, valores, costumes e instituições são essencialmente sem significância ao definir a sua natureza. Consistem apenas em acréscimos, até mesmo distorções do que...

    868  Palavras | 4  Páginas

  • Resenha - a era do capital

    A descrição densa e a antropologia interpretativa de Clifford Geertz. por: Carla Maria Lobato Alves* Nesta resenha levantaremos algumas considerações epistemológicas feitas pelo antropólogo norte-americano Clifford Geertz em “A Interpretação das Culturas” (1989), primeira publicação em 1973, e“O Saber Local” (1997), primeira publicação em 1983, tendo como ponto de debate, respectivamente, os textos “Uma descrição densa: por uma teoria interpretativa da cultura” (1989) e “Do ponto de vista dos nativos:...

    2564  Palavras | 11  Páginas

  • Etnocentrismo

    definiu a cultura do índio segundo seus princípios e valores, considerando-os selvagems, esdrúxulos, pré-históricos e acreditavam que os índios deveriam ser destruídos ou civilizados. Esse termo etnocentrismo foi discutido entre Geertz e Lévi-Strauss no texto Os usos da diversidades. Segundo o pensamento de Levis-Strauss, o etnocentrismo é uma coisa boa, desde que não fuja do controle. Para ele a lealdade a um determinado grupo, sem interferência de outros, faz com que as pessoas fiquem insensíveis...

    1093  Palavras | 5  Páginas

  • Antropologia Interpretativista

    O presente trabalho tem como o objetivo a apresentação e estudo da ciência Interpretativista, que surgiu nos anos 50, com o representante Clifford Geertz. Será exposto também a principal idéia do autor e sua biografia . Antropologia Hermenêutica ou Interpretativista Surgiu nos anos 50 Geertz criticava o modo como a metodologia antropológica usava para classificar ou definir as sociedades. O modo excessivamente abstrato e distanciado...

    640  Palavras | 3  Páginas

  • conceito de cultura

    mulatos.   "O Brasil não só é um país da diáspora africana, mas também um país africano, a segunda maior nação negra do mundo" Se entendermos que cada grupo étnico possui sua forma de se expressar no mundo, ampliamos nossa compreensão de que há uma diversidade cultural que deve ser respeitada, senão compreendida.  E o respeito compreende a liberdade de expressão. A história ocidental nos deixou de herança o olhar etnocêntrico. Este olhar foi um dos fatores desencadeadores do fenômeno social da atitude...

    3319  Palavras | 14  Páginas

  • Diversidade historica

    DIVERSIDADE: Do ponto de vista cultural, a diversidade pode ser entendida como a construção histórica, cultural e social das diferenças. A construção das diferenças ultrapassa as características biológicas, observáveis a olho nu. As diferenças são também construídas pelos sujeitos sociais ao longo do processo histórico e cultural, nos processos de adaptação do homem e da mulher ao meio social e no contexto das relações de poder. Sendo assim, mesmo os aspectos tipicamente observáveis, que...

    1102  Palavras | 5  Páginas

  • Antropologia cultural

    Primeiramente serão apresentados os grandes núcleos temáticos que conformam o campo da antropologia para se atingir uma visão abrangente da complexidade e da diversidade dos objetivos da disciplina. Posteriormente, será analisada a constituição de três eixos centrais da reflexão antropológica: a discussão sobre o etnocentrismo e a diversidade cultural, o conceito de cultura e método do trabalho de campo. Esses três eixos constituem a base da visão atual da disciplina. Modulo 1: O campo da antropologia...

    556  Palavras | 3  Páginas

  • O impacto do conceito de cultura sobre o conceito de homem

    Clifford Geertz – O Impacto do Conceito de Cultura Sobre o Conceito de Homem Enviado por Danilo Christiano Antunes Meira, em 17 de maio de 2008 O antropólogo francês Lévi-Strauss afirma que a explicação científica busca substituir complexidades pouco compreensíveis por complexidades mais compreensíveis, e não reduzindo exclusivamente a complexidade como se imagina. Partindo deste princípio, Clifford Geertz ensina que as ciências sociais, muito mais complexas por sua essência, também devem...

    1402  Palavras | 6  Páginas

  • serviço Social

    Exercícios Questão 01: Em seu texto A TRANSIÇÃO PARA A HUMANIDADE, Clifford Geertz afirma que estudar a história das transformações pelas quais passou a espécie humana ao longo de sua existência é importante para entender o que nos torna efetivamente humanos. Explique qual o argumento do autor com relação a esta questão: quais as características que tornam os seres humanos especiais em meio a todas as espécies da natureza. Resposta : A diferença entre o homem e os outros animais é que fabrica...

    860  Palavras | 4  Páginas

  • Serviço Social

    Exercícios Questão 01: Em seu texto A TRANSIÇÃO PARA A HUMANIDADE, Clifford Geertz afirma que estudar a história das transformações pelas quais passou a espécie humana ao longo de sua existência é importante para entender o que nos torna efetivamente humanos. Explique qual o argumento do autor com relação a esta questão: quais as características que tornam os seres humanos especiais em meio a todas as espécies da natureza. Resposta : A diferença entre o homem e os outros animais é que fabrica...

    860  Palavras | 4  Páginas

  • diversidade cultural

    A DIVERSIDADE E SEUS SENTIDOS NOS PARÂMETROS CURRICULARES NACIONAIS (5ª A 8ª SÉRIES DO ENSINO FUNDAMENTAL): QUESTÕES PRÉVIAS Helena Ponce Maranhão Professora contratada da Faculdade de Formação de Professores – São Gonçalo/UERJ Doutoranda em Educação/UFRJ. RESUMO Na perspectiva de uma aproximação de questões que tocam a tensão entre homogeneidade e diversidade, pretende-se realizar um reconhecimento prévio e necessário de significações propostas para qualificar a problemática da diversidade...

    7016  Palavras | 29  Páginas

  • cultura

    BAUMANN – graduanda, UNICAMP ... cada pessoa tem em mente uma cidade feita exclusivamente de diferenças... (Italo Calvino). A Antropologia Contemporânea (ou pós-moderna, ou pós-estruturalista), abarca o debate acerca do que é cultura, o que é diversidade, enfim, sobre o que é a Antropologia em si. A mesma se preocupa, numa linha influenciada por Pierre Bourdieu, em objetivar nossos processos de objetivação; nomeia como cultura aquilo que “inventamos” de modo relacional, que construímos numa ...

    3141  Palavras | 13  Páginas

  • Antropologia 10

    Questão 01: Em seu texto A TRANSIÇÃO PARA A HUMANIDADE, Clifford Geertz afirma que estudar a história das transformações pelas quais passou a espécie humana ao longo de sua existência é importante para entender o que nos torna efetivamente humanos. Explique qual o argumento do autor com relação a esta questão: quais as características que tornam os seres humanos especiais em meio a todas as espécies da natureza. A diferença entre o homem e os outros animais é que fabrica instrumentos, fala e cria...

    1856  Palavras | 8  Páginas

  • Gênero, sexualidade e diversidade no currículo escolar: a experiência do papo sério em Santa Catarina

    DOSSIÊ TEMÁTICO Currículo e Diversidade Gênero, sexualidade e diversidade no currículo escolar: a experiência do papo sério em Santa Catarina Gender, sexuality and diversity in the school curriculum: the experience of papo sério in Santa Catarina Género, sexualidad y diversidad en el currículo la escuela: la experiencia del papo sério en Santa Catarina Amurabi Pereira de Oliveira Universidade Federal de Santa Catarina Resumo O debate acerca da diversidade tem ganhado um crescente espaço nas políticas...

    7030  Palavras | 29  Páginas

  • CIENCIAS SOCIAIS

    descrição, havia dois grupos de guerreiros. Um folguedo dos guerreiros descrito por Artur Ramos apresenta outros personagens, como o rei dos caboclos, dois contra guias, governador, dançador de entremeio e os já descritos antes. Segundo o autor Clifford Geertz,sua noção de teoria se encaixa dentro da cultura popular os guerreiros de alagoas tendo como todas ou virtualmente todas as correntes teóricas que tentaram localizar o homem no conjunto de seus costumes adotaram uma tática de relacionar os fatores...

    2113  Palavras | 9  Páginas

  • A cultura como teia

    Mirela Berger – A cultura como teia – Clifford Geertz 1 • A Cultura como teia -Clifford GeertzClifford Geertz - 1926-2006. Fundador da escola interpretativa de antropologia I) A redução do conceito de cultura á uma dimensão justa e a análise interpretativa da cultura • O livro A Interpretação das culturas é um tratado de teoria cultural desenvolvido através de análises concretas. • Ele vai criticar o uso desenfreado do conceito de cultura. Reduzi-lo a uma dimensão justa, ou seja, a...

    4847  Palavras | 20  Páginas

  • Sutentabilidade

    Conceito de Cultura sobre o Conceito de Homem - Material Didático “A Interpretação das Culturas” Geertz, Clifford. (da página 25 a 39). O antropólogo francês Lévi-Strauss afirma que a explicação científica busca substituir complexidades pouco compreensíveis por complexidades mais compreensíveis, e não reduzindo exclusivamente a complexidade como se imagina. Partindo deste princípio, Clifford Geertz ensina que as ciências sociais, muito mais complexas por sua essência, também devem buscar a ordenação...

    1736  Palavras | 7  Páginas

  • Questionário Geertz

    bem coletivo da sociedade. Ou seja, saber todas as leis, todos os conhecimentos possíveis ( como as ruas) para encontrar a melhor solução do caso, fazendo com que o direito encontre seu caminho de forma rápida e eficiente. 03) Sabe-se que Clifford Geertz é um antropólogo norte-americano. Pesquise e aponte diferenças entre o sistema jurídico norte-americano 04) Descreva com as suas palavras a história de Regreg. Explique o motivo pelo qual encontrava-se em situação de mendicância...

    1451  Palavras | 6  Páginas

  • "A interpretação das culturas" e "O nervo cala, o nervo fala" ( Correlação entre os textos )

    Laura Seipel Da Silva Baleeiro; Luciana De Oliveira Silva Campos dos Goytacazes – RJ Maio/2014 Correlação entre os livros: “A interpretação das culturas”; capítulo 2 “O impacto do conceito de cultura sobre o conceito de homem” de Clifford Geertz e “O nervo cala, o nervo fala” de Maria Lucia da Silveira. Trabalho final, apresentado a Universidade Federal Fluminense, como parte das exigências para a disciplina antropologia I ministrada pelo Professor Dr. Rogério Lopes Azize. ...

    2917  Palavras | 12  Páginas

  • Resenha

    UNIVERSIDADE UNIGRANRIO DIVERSIDADE CULTURAL E PRÁTICAS SOCIAIS RESENHA SOBRE O LIVRO : A INTERPRETAÇÃO DAS CULTURAS DE GEERTZ MARIA HELENA DA SILVA FREITAS Rio de Janeiro 2012 [pic] MESTRADO ACADÊMICO UNIGRANRIO / UNIVERSIDADE DO GRANDE RIO – PROF. JOSÉ DE SOUZA HERDY – RJ LETRAS E CIÊNCIAS HUMANAS GEERTZ, Clifford. A interpretação das culturas . 1º edição. Rio de Janeiro; LTC, 2008/328p. ...

    2007  Palavras | 9  Páginas

  • aproximação entre direito e antropologia uma reflexão a partir da lei n° 1 .057/2007

    “nocivas”. Diante desta questão, que envolve a diversidade cultural, a Antropologia assume relevante papel para a Ciência Jurídica, uma vez que evidencia, através de instrumentos interpretativos, diferentes sistemas de símbolos significantes. Neste contexto, o presente trabalho tem por objetivo introduzir, primeiramente, o conceito antropológico de “cultura”, a partir da perspectiva de Clifford Geertz, para uma melhor compreensão sobre a diversidade cultural, bem como os elementos relacionados...

    25434  Palavras | 102  Páginas

  • HOMEM E SOCIEDADE

    MODELO MENTAL, uma certa forma de interpretar o mundo. Clifford Geertz (1966) - “Se compreende melhor a cultura não como complexos de esquemas concretos de conduta – costumes, usos, tradições, conjuntos de hábitos – mas sim como planos, receitas, fórmulas, regras, instruções (o que os engenheiros de computação chamam de ‘programas’) e que governam a conduta”. Desenvolvendo ainda mais a mesma idéia do autor acima (Goodenough), Geertz indica que a cultura é um conjunto de planos e receitas que...

    2012  Palavras | 9  Páginas

  • A política do significado

    ......................................................................................... 5 1. A POLÍTICA DO SIGNIFICADO .................................................................................. 6 2. CONTEXTUALIZAÇÃO DAS IDEIAS DE CLIFFORD GEERTZ ........................... 8 2.1 A política como determinante da cultura brasileira .................................................... 11 CONCLUSÃO ............................................................................................

    2828  Palavras | 12  Páginas

  • Antropologia

    antropológica: (A) Difusionismo; (B) Evolucionismo; (C) Estruturalismo; (D) Funcionalismo; (E) Empirismo. QUESTÃO 32 O ________________ representa a primeira teoria propriamente antropológica elaborada com o objetivo de explicar o problema da diversidade cultural: (A) Funcionalismo; (B) Difusionismo; (C) Evolucionismo; (D) Interpretativismo; (E) Estruturalismo. QUESTÃO 33 - ASOEC Assinale a alternativa cujos termos completam corretamente as afirmativas abaixo: No esforço de ordenar...

    6260  Palavras | 26  Páginas

  • Antropologia

    .….............................................. 8 Claudie Levi-Strauss – biografia ...............................................10 “Raça e História” …...................................................................12 Clifford Geertz – biografia ....................................................... 20 “O impacto do conceito da cultura sobre o homem” ....................................................... 21 Apresentação unidade...

    7052  Palavras | 29  Páginas

  • Historiador

    Estruturalismo de Claude Lévi-Strauss Vs Método Interpretativo de Clifford Geertz Claude Levi-Strauss Quando em “O Pensamento Selvagem, Claude Lévi-Strauss, buscando compreender as semelhanças entre o pensamento de um cientista ocidental moderno e o uso medicinal de produtos naturais por povos siberianos diz: Ora, essa exigência de ordem [da categorização de cada matéria prima extraída da natureza para um determinado fim medicinal pelo siberiano] constitui a base do pensamento...

    1322  Palavras | 6  Páginas

  • Resenha antropologia

    Com Habilitação Em Políticas Publicas Disciplina: Antropologia I Professora: Janine Collaço Aluna: Euzélia Marta Ribeiro Azevedo Resenha referente a Unidade II: Cultura, Relativismo e Diversidade Cultural No contexto da Antropologia, é um desafio definir cultura e ficar imparcial quanto as diversidade que essa nos remete. Quanto ao comportamento cultural do homem, é impossível explicar as variações e as diferenças em seus comportamentos, definido apenas a variação do tempo e do espaço...

    1578  Palavras | 7  Páginas

  • Clifford Geertz

    Clifford Geertz (1926-2006) foi um dos mais influentes antropólogos estadunidenses. Concordava com a ideia de Claude Lévi-Strauss sobre o etnocentrismo presente nas pesquisas antropológicas até então e assim como ele lançou ideias que causaram grande impacto no meio antropológico. Foi o fundador da Antropologia Hermenêutica, que ia de encontro às ideias ultrapassadas, abstratas e que não condiziam com o que o pesquisador realmente encontrava na pesquisa de campo. Para o autor de A Interpretação...

    595  Palavras | 3  Páginas

  • Prova N2 Antropologia e cultura Brasileira

    as opções a seguir: Quando o negro fugido era recuperado pelo proprietário, não escapava de intensos castigos físicos. Quando o negro fugido era recuperado pelo proprietário, os castigos compreendiam desde a prisão no tronco, o açoitamento até o uso de gargalheira, uma espécie de coleira de ferro com hastes e ganchos acima da cabeça. Diante das péssimas condições de vida em cativeiro e das punições e castigos dos proprietários de escravos, muitos viam no suicídio o caminho para abortar a situação...

    1236  Palavras | 5  Páginas

  • ANTROPOLOGIA E O ESTUDO DA CULTURA.

    ANTROPOLOGIA E O ESTUDO DA CULTURA. 3.1 - A diversidade cultural. Etnocentrismo e relativismo cultural. Bibliografia Textos básicos “Teorias modernas sobre a cultura”, in LARAIA, R.B. CULTURA - Um Conceito Antropológico, Rio de Janeiro: JORGE ZAHAR, 17ª ed., 2005. Pgs. 59-64. “Cultura e Diversidade”, in SANTOS, José Luiz dos. O QUE É CULTURA, SP: Brasiliense, 2006. pp 07-20. Textos complementares NUNES, Rossano Carvalho. Antropologia. Texto disponível eletronicamente no endereço: ...

    3005  Palavras | 13  Páginas

  • Antropologia

    Através do site, vocês podem entrar e criar fóruns de discussão, baixar aulas e textos, tirar dúvidas, deixar recados, sugestões, enfim, é um modo de fazer do conhecimento uma via aberta e permanentemente em construção. É um espaço de vocês, façam bom uso dele! Para localizar a professora: Dirigir á sala de professores número 5, no corredor lateral do IC 2, perto da sala de reuniões. Pela internet, através do site acima referido ou pelo email mirelaberger@bol.com.br. A pasta fica disponível no xérox...

    4376  Palavras | 18  Páginas

  • Resenha do capítulo “A situação atual” presente do livro Nova Luz Sobre a Antropologia, de Clifford Geertz.

    Resenha do capítulo “A situação atual” presente do livro Nova Luz Sobre a Antropologia, de Clifford Geertz. Clifford Geertz lança uma nova luz sobre a antropologia. Dotado de uma visão particular, o autor traz uma discussão relevante a respeito de algumas das atuais controvérsias que a disciplina enfrenta. Original na posição a partir da qual procura enxergar o estudo da cultura e da sociedade, Geertz não descarta outras abordagens, pelo contrário, traz à tona questões divergentes, muitas vezes...

    1516  Palavras | 7  Páginas

  • Antropologia Contemporanea

    .......................................................................................... 2 Michel Foucault ............................................................................................................................. 3 Clifford James Geertz .................................................................................................................... 4 A complexa questão da identidade .........................................................................................

    2066  Palavras | 9  Páginas

  • Entre receitas e simpatias, doces e venenos: o uso de video na pesquina etnográfica.

    Título: Entre receitas e simpatias, doces e venenos: o uso do vídeo na pesquisa etnográfica1 Autor: Mariana Leal Rodrigues Programa de Pós-Graduação da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (PPCIS-UERJ) Resumo: Uma vez por semana, um grupo de mulheres se encontra na cozinha comunitária de uma igreja para produzir e distribuir medicamentos naturais a preço de custo. Duas vezes por ano, dezenas de grupos similares se encontram e trocam receitas e experiências. Essa é a dinâmica da Rede Fitovida...

    6947  Palavras | 28  Páginas

  • Simbolos, tipos e Mitos - Campanha Eleitoral 2014

    Introdução O presente trabalho, tem por objetivo, abordar a diversidade da cultura brasileira, mais especificamente seus símbolos, tipos e mitos, através de uma analise da campanha politica de 2014, da candidata Marina Silva, baseadas nas ideias de Clifford James Geertz. Reflexão sobre Propaganda Eleitoral Com base nos conhecimentos obtidos em sala de aula acerca dos símbolos, apresentaremos a seguir, a comparação da campanha eleitoral da candidata a presidência do Brasil Marina Silva com...

    1345  Palavras | 6  Páginas

  • definição de geertz

    antropólogo francês Lévi-Strauss afirma que a explicação científica busca substituir complexidades pouco compreensíveis por complexidades mais compreensíveis, e não reduzindo exclusivamente a complexidade como se imagina. Partindo deste princípio, Clifford Geertz ensina que as ciências sociais, muito mais complexas por suaessência, também devem buscar a ordenação de sua complexidade. A idéia iluminista defendia que o homem, mesmo inserido em diversos contextos, costumes, crenças e lugares, poderia ser...

    1656  Palavras | 7  Páginas

  • Antropologia juridica

    questões metodológicas das pesquisas relativas ao lazer, e um melhor entendimento do seu significado para o ser humano contemporâneo. 2. Objetivos Sendo o escopo da antropologia o estudo do homem inteiro nas suas múltiplas dimensões em sociedade e diversidades culturais, este projeto pretende, mediante a investigação das escolas antropológicas evolucionista, culturalista e funcionalista, contribuir para os estudos e novas perspectivas do lazer. Cabe, portanto, pensar o lazer a partir das diversas manifestações...

    2174  Palavras | 9  Páginas

  • historia da antropologia

    antropológico da cultura foi-se construíndo e de que forma a perspectiva teórica condiciona os métodos de trabalho de campo do antropólogo. Ao longo do capítulo abordaremos o olhar que a antropologia foi construíndo sobre os “outros” e o reconhecimento da diversidade cultural, uma das grandes virtudes da antropologia. Não entraremos no debate sobre a origem histórica da antropologia como ciência, mas sim que, sucintamente, faremos referência aos primórdios e a uma proto-antropologia científica, sublinhando que...

    13090  Palavras | 53  Páginas

tracking img