O Texto A Seguir É De Autoria Do Filósofo Social Le Bon E Foi Retirado De Sua Obra A Multidão Escrita Em 1895 Leia O E Responda A Seguinte Questão Pelo Mero Fato De Formar Parte De Uma Multidão O artigos e trabalhos de pesquisa

  • Atividades sociologia - cristina costa

    II – A SOCIOLOGIA PRÉ-CIENTÍFICA 1 – O Renascimento 1) Qual era a forma de identidade social do homem medieval? 2) O que você aprendeu neste capítulo sobre a mentalidade do homem renascentista? 3) Como a tutela da Igreja impedia o florescimento do pensamento e da crítica social? 4) Você acha que, hoje, a Igreja Católica impede ou incentiva o desenvolvimento do pensamento da crítica social? Faça uma pesquisa a respeito utilizando notícias sobre as campanhas empreendidas pela Igreja...

    1346  Palavras | 6  Páginas

  • Sociologia

    Trabalho De Fundamentos das Ciências Sociais Aluna: Alanna Ruth Granja Diógenes Curso: Direito Turno: Noite Bloco: F Sala: 202 Professor: Luís Alves Filho Perguntas Capítulo 4 1-Qual a influência das ideias e da teoria de Charles Darwin no pensamento sociológico positivista? 2-Como a ideia evolucionista da biologia transposta para as ciências sociais condicionou a visão dos europeus sobre as sociedades não-europeias...

    965  Palavras | 4  Páginas

  • Amor

    | | | |Trabalho acadêmico apresentado a professora Inês, da disciplina de Fundamentos Das Ciências Sociais como requisito parcial de avaliação| |do 1º período do curso de Administração da Faculdade Estácio de Sá do Espírito Santo. | | | | ...

    971  Palavras | 4  Páginas

  • Ciências socias

    Ciências Sociais Atividades - Compreensão de texto 1. Qual a influência das idéias e da teoria de Charles Darwin no pensamento sociológico positivista? R:Suas idéias e teorias apoiavam-se na sua hipótese de seleção natural, que diz que as espécies que existem hoje, são aquelas que melhor se adaptam ao meio ambiente em que vivem, e foram se diferenciando a partir da sobrevivência dos indivíduos. O pensamento positivista tem como idéia a de que o homem é produto do seu meio social. 2. Como...

    613  Palavras | 3  Páginas

  • positivismo

    Charles Darwin no pensamento sociológico positivista? A ideia de Darwin tem o principio de que as modificação e transformação das sociedades num mesmo sentido, e assim se transformando passaria de um estagio inferior para um estagio, e que o organismo social se mostra mais evoluído, mais adaptado e mais complexo. E que a evolução, adaptação e a complexidade os tornariam mais sobreviventes, fortes e evoluídas. • 2-Como eram vistas as sociedades não-europeias com as quais os europeus entraram em contato...

    816  Palavras | 4  Páginas

  • Exercicos de fixação

    26) 1 - Qual a principal ideia que o autor defende no texto? 2 – Qual a ideia que o autor tenta refutar? 3 – A frase “Isso faz tanto sentido quanto ligá-la às formas pré filosóficas do pensamento” foi elaborada pelo autor como uma afirmação ou como uma ironia? Justifique. Segunda atividade Texto: O conhecimento como característica da humanidade. Responder as questões 06, 07, 08, 09, 10, 11, 12 e 13 que se encontram no final do texto. QUESTIONARIO 2 (p. 23) 6 – Dissemos neste capítulo...

    1069  Palavras | 5  Páginas

  • 11. Faça uma pesquisa procurando identificar nos acontecimentos do século xix aqueles que teriam levado á organização do pensamento sociológico como conseqüência da necessidade de se conhecer melhor as bases da vida social.

    idéia que o autor defende no texto? R: Entretanto, nenhum desses pontos de contato oferece base á suposição de que essas formas pré-científicas de consciência ou de explicação da vida social tenham contribuído para a formação e o desenvolvimento da sociologia. Em particular, elas envolvem tipos de raciocínio fundamentalmente distintos e opostos ao raciocínio científico. 2. Qual a idéia que o autor tenta refutar? R: Tais modalidades de representação da vida social nada têm em comum com a sociologia...

    3800  Palavras | 16  Páginas

  • Positisvo

    PENSAMENTO POSITIVISTA PRESENTES NESTE TEXTO: ‘’TODOS OS DIVERSOS MEIOS GERAIS DE EXPLORAÇAO RACIONAL,APLICÁVEIS AS INVESTIGAÇÕES POLITICAS,CONCORRERAM ESPONTANEAMENTE PARA ESTABELECER,DE UMA MANEIRA IGUALMENTE DECISIVA,A INEVITAVEL TENDÊNCIA PRIMITIVA DA HUMANIDADE A UMA VIDA PRINCIPALMENTE MILITAR E SEU DESTINO NÃO MENOS IRRESISTÍVEL A UMA EXISTENCIA ESSENCIALMENTE INDUSTRIAL.’’ 5. COM BASE NAS CARACTERISTICAS DO PENSAMENTO POSITIVISTA,ANALISE ESTE TEXTO DE Comte: ‘’NOSSA EXPLORAÇÃO HISTORICA DEVERÁ...

    510  Palavras | 3  Páginas

  • trabalho

    1.Qual a influência das ideias e da teoria de Charles Darwin no pensamento sociológico positivista? RESPOSTA: O pensamento positivista tem como centro a idéia de que o homem é produto do seu meio social. Por outro lado, a teoria evolucionista de Darwin tem como um de seus alicerces a hipótese da Seleção Natural: as espécies que existem hoje são aquelas que melhor se adaptaram ao meio ambiente em que viviam. E as espécies foram se diferenciando a partir da sobrevivência dos indivíduos mais aptos...

    573  Palavras | 3  Páginas

  • A PRÁTICA DA PRODUÇÃO DE TEXTO NA SALA DE AULA

     “A Prática da Produção de Texto em Sala de Aula” Ensinar a escrever para formar autores Quando o tema em questão é produção de texto, a escolha do gênero é uma entre as muitas decisões que o autor precisar tomar Até meados do século 20, as aulas de redação eram momentos de treino de caligrafia e não havia a preocupação em explorar os aspectos discursivos do texto. Depois, e até bem pouco tempo atrás, ensinar a escrever estava relacionado somente ao trabalho com a gramática. Acreditava-se que...

    14191  Palavras | 57  Páginas

  • Exercicio charles darwin

    diz que as espécies que existem hoje, são aquelas que melhor se adaptam ao meio ambiente em que vivem, e foram se diferenciando a partir da sobrevivência dos indivíduos. O pensamento positivista tem como ideia a de que o homem é produto do seu meio social. 2. Como a ideia evolucionista da biologia transporta para as ciências sócias condicionou a visão dos europeus sobre as sociedades não europeias com as quais entrarem em contato a partir do expansionismo imperialista? Pensavam que existiam sociedades...

    832  Palavras | 4  Páginas

  • Interpretação e produção de textos

    UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP PROF. ANDERSON FRANÇA APOSTILA Interpretação e Produção de Textos IPT 1º / 2014 Rios sem discurso João Cabral de Melo Neto Quando um rio corta, corta-se de vez o discurso-rio de água que ele fazia; cortado, a água se quebra em pedaços, em poços de água, em água paralítica. Em situação de poço, a água equivale a uma palavra em situação dicionária: isolada, estanque no poço dela mesma, e porque assim estanque, estancada; mais: porque assim estancada...

    30613  Palavras | 123  Páginas

  • Resumo das ciências Sociais

    DISCIPLINA: FUNDAMENTOS DE CIÊNCIAS SOCIAIS EXERCÍCIOS AULAS DE 1 A 10 – COM GABARITO EXERCÍCIOS AULA 1 O homem faz a sociedade ou a sociedade faz o homem? 1 - Abaixo expomos a letra do samba intitulado “Chico Brito”, composto por Wilson Batista e Afonso Teixeira em 1949, popularizado na voz de Paulinho da Viola. (Wilson Batista E Afonso Teixeira) (Wilson Batista E Afonso Teixeira) Lá vem o Chico Brito, Descendo o morro nas mãos do Peçanha, É mais um processo! É mais uma façanha...

    7634  Palavras | 31  Páginas

  • Psicologia Social nos tempos de S. Freud

    Pesquisa Maio-Ago 2000, Vol. 16 n. 2, pp. 145-152 A Psicologia Social nos Tempos de S. Freud Gustavo Adolfo Ramos Mello Neto1 Universidade Estadual de Maringá RESUMO - Trata-se de uma revisão dos textos psicossociais citados por Freud em Psicologia de massas e análise do eu. O objetivo é propor ao leitor algum conhecimento desses textos que já se perdem no tempo. São referidos textos de Wilfred Trotter, William MacDougall, Gustave Le Bon e Gabriel Tarde. Alude-se também a Durkheim, autor não citado...

    7790  Palavras | 32  Páginas

  • História

    APRESENÇÃO – SOCIOLOGIA 1 – Segundo o autor do texto, quais eram, para Durkheim, os objetivos da sociologia? Sociologia deveria ter ainda por objetivo comparar as diversas sociedades. Constituiu assim o campo da morfologia social, ou seja, a classificação das espécies sociais. Durkheim considerava que todas as sociedades haviam evoluído da forma social mais simples, igualitária, reduzida a um único segmento onde os indivíduos se assemelhavam aos átomos. Desse ponto de partida, foi possível uma...

    4318  Palavras | 18  Páginas

  • psicologia social

     Um pouco de história da Psicologia Social Da Psicologia Social moderna à contemporânea Arnaldo Chagas1 Já foi dito que a psicologia social tem um longo passado embora sua história seja recente. A referida disciplina, enquanto conhecimento sistematizado, como área científica da psicologia e como proposta de uma ciência independente, pressupondo objeto e um método definido é, de fato, conhecida há pouco tempo. A história da psicologia social moderna, da qual trataremos resumidamente nessa...

    6179  Palavras | 25  Páginas

  • Administração

    FACULDADE ESTÁCIO DE SÁ – BELO HORIZONTE – CAMPUS FLORESTA FUNDAMENTOS DAS CIENCIAS SOCIAIS 1º PERÍODO – GESTÃO DE RECURSOS HUMANOS – TURMA B – NOITE 4- Identifique e discuta as características do pensamento positivista presentes neste texto: “Todos os diversos meios de exploração racional, aplicáveis às investigações políticas, concorreram espontaneamente para estabelecer, de uma maneira igualmente decisiva, a inevitável tendência primitiva da humanidade a uma vida...

    1213  Palavras | 5  Páginas

  • Obsessão por textos longos

    comentários e faça sua aposta: quantas pessoas realmente leram todo o texto antes de comentar? Quando comecei no jornalismo, ingênuo, acreditava que todos liam tudo. Os anos me tornaram cético. Hoje, tenho certeza de que o número é próximo de zero. Na internet, quase todos nós lemos muito mal.Num universo de leitura fragmentada, os comentaristas conseguem se destacar negativamente. Ao contrário dos outros maus leitores, que prestam conta apenas às suas consciências, quem comenta deixa registrada...

    23491  Palavras | 94  Páginas

  • Perguntas

    1- Qual a principal ideia que o autor defende no texto? Um modo de explicação científica do comportamento social e das condições sociais de existência dos seres vivos. Alguns especialistas procuram traçar as suas origens a partir da filosofia clássica da Grécia antiga, da China e da Índia. Ligando formas pré-filosóficas do pensamento cultural e técnico da explicação do mundo. 2- Qual a ideia que o autor tenta refutar? Tenta refutar a ideia, da necessidade de explicação da posição do homem...

    2050  Palavras | 9  Páginas

  • Psicologia social

    MÓDULO 1   (1) O Campo da Psicologia Social   Leitura obrigatória: LANE, S.T.M. O que é psicologia social. São Paulo: Brasiliense, 1994.   Leitura para aprofundamento: VALA, J. Os primórdios de uma disciplina - Curso e Percurso. In: VALA, J.; MONTEIRO, M. B. (Orgs.) Psicologia social. 8ª Edição. Lisboa: Fundação Calouste Gulbenkian, 2010, p. 13-30.     Neste semestre do curso você vai ter o primeiro contato com um campo do conhecimento na Psicologia que se caracteriza pela aproximação...

    1552  Palavras | 7  Páginas

  • O texto narrativo - encarte

    Ensino Médio • Uno Modular • Redação • Módulo 3 463 MÓDULO DE LÍNGUA PORTUGUESA Autoras: Maria REDAÇÃO MÓDULO Luiza M. Abaurre e Marcela Nogueira Pontara 3 O texto narrativo Para mim, as palavras numa página dão coerência ao mundo. Quando foram atacados por uma doença parecida com amnésia, em um dia de seus cem anos de solidão, os habitantes de Macondo perceberam que seu conhecimento do mundo estava desaparecendo rapidamente e que poderiam esquecer o que era uma vaca, uma árvore...

    13914  Palavras | 56  Páginas

  • Interpretação e produção de texto

    promover a leitura, interpretação e conhecimento de textos diversos, discussão sobre temas da atualidade e as diferentes linguagens, os estilos e gêneros discursivos, para ampliar o universo cultural do aluno e elevar a qualidade de sua produção textual. OBJETIVOS GERAIS    ampliar o universo cultural e expressivo do aluno; trabalhar e analisar textos orais e escritos sobre assuntos da atualidade; produzir na linguagem oral e escrita textos diversos. OBJETIVOS ESPECÍFICOS Ao término...

    41412  Palavras | 166  Páginas

  • Interpretacao de textos

    Interpretação e Produção de Textos Autora: Profa. Ana Lucia Machado Colaboradores: Profa. Joana Ormundo Profa. Cielo Griselda Festino Prof. Adilson Silva Oliveira Professora conteudista: Ana Lúcia Machado da Silva Fui convidada pela UNIP para criar o livro-texto de Interpretação e Produção de Textos por este tratar de um conteúdo relacionado à língua – leitura e produção de diversos tipos de texto e a adequação da língua a essas produções. Afinal, minha formação é em língua portuguesa, com título...

    35059  Palavras | 141  Páginas

  • Int de texto dicas

    .................................................................................. 20 1.3 Leitura como aspecto social ............................................................................................................ 31 1.4 Leitura na formação profissional ................................................................................................... 32 1.5 Leitura de texto literário........................................................................................................

    34607  Palavras | 139  Páginas

  • lingua oral e escrita

    03: Influência dos aspectos fonológicos no aprendizado da escrita  40 Tema 04: Variação Linguística  56 Tema 05: Preconceito Linguístico  72 Tema 06: Compreensão e produção Oral  86 Tema 07: Compreensão e produção Escrita: a habilidade de ler  102 Tema 08: Compreensão e produção Escrita: a habilidade de escrever  118 Tema 09: O tratamento da oralidade e da escrita  136 Tema 10: Leitura, escrita e reflexão sobre a língua  152 Tema 01 seções ...

    30316  Palavras | 122  Páginas

  • Texto de ciro flamarion cardoso - os domínios da história

    História é obra coletiva, voltada para o amplo público de professores e alunos de pós-graduação em história, podendo interessar ainda aos que atuam nas demais áreas das chamadas ciências sociais, bem como aos docentes vinculados ao ensino médio. Com o objetivo de traçar um panorama atualizado dos vários campos de investigação da história, o livro expõe os principais conceitos e as polêmicas que se fizeram presentes na história das disciplinas e da pesquisa, com ênfase na discussão sobre a questão dos paradigmas...

    185024  Palavras | 741  Páginas

  • Filosofos da sociologia

    Auguste Marie François Xavier Conte ( Montpellier, França, 19 de janeiro de 1798 – Paris,05 de setembro de 1857) foi um filosofo francês, fundador da Sociologia e do Positivismo. Filho de um fiscal de impostos. Suas relações com a família foram sempre tempestuosas e contêm elementos explicativos do desenvolvimento de sua vida e talvez até mesmo de certas orientações dadas às suas obras, sobretudo em seus últimos anos. Freqüentemente, Comte acusava os familiares (à exceção de um irmão) de avareza, culpando-os...

    11904  Palavras | 48  Páginas

  • M Dulo Linguagens E Produ O De Texto

                LINGUAGENS E PRODUÇÃO DE TEXTO                                             LINGUAGENS E PRODUÇÃO DE TEXTO   IMES Instituto Mantenedor de Ensino Superior Metropolitano S/C Ltda. William Oliveira Presidente MATERIAL DIDÁTICO Produção Acadêmica Paulo César da Silva Gonçalves | Autor Produção Técnica Paula Rios | Revisão de Texto Paulo César da Silva Gonçalves | Revisão e Ampliação Equipe Ana Carolina Paschoal, Andréa Argôlo , Andrei Bittencourt, Augusto Sansão, Aurélio Corujeira...

    46722  Palavras | 187  Páginas

  • Livro sobre a memoria no conceito do historiados le goff

    JACQUES LE GOFF História e memória FICHA CATALOGRÁFICA ELABORADA PELA BIBLIOTECA CENTRAL-UNICAMP L525h Le Goff, Jacques, 1924 História e memória / Jacques Le Goff; tradução Bernardo Leitão ... [et al.] -- Campinas, SP Editora da UNICAMP, 1990. (Coleção Repertórios) Tradução de: Storia e memoria. 1. Historiografia. I. Título. ISBN 85-268-0180-5 20. CDD – 907.2 Índice para catálogo sistemático: 1. Historiografia 907.2 Coleção Repertórios Copyright©1990 Storia e Memória...

    181624  Palavras | 727  Páginas

  • . A leitura como construção do significado do texto

    Apostila Concurso inspetora ENSINO FUNDAMENTAL – (Auxiliar de Creche, Cozinheira, Inspetor de Alunos, Massoterapeuta, Merendeira, Motorista e Porteiro) LÍNGUA PORTUGUESA: Compreensão de texto. Reescrita de passagens do texto. Ortografia: emprego de letras, divisão silábica, acentuação. Classes das palavras e suas flexões. Verbos: conjugação, emprego dos tempos, modos e vozes verbais. Concordâncias: nominal e verbal. Regências: nominal e verbal. Colocação dos pronomes. Emprego dos sinais...

    50111  Palavras | 201  Páginas

  • partilhar o saber formar o leitor

    PARTILHAR O SABER: FORMAR O LEITOR conversas entre a escrita, a história, narrativas e leituras, na perspectiva da cultura Universidade Federal da Grande Dourados COED: Editora UFGD Coordenador Editorial : Edvaldo Cesar Moretti Técnico de apoio: Givaldo Ramos da Silva Filho Redatora: Raquel Correia de Oliveira Programadora Visual: Marise Massen Frainer e-mail: editora@ufgd.edu.br Conselho Editorial - 2009/2010 Edvaldo Cesar Moretti | Presidente Wedson Desidério Fernandes | Vice-Reitor ...

    64047  Palavras | 257  Páginas

  • Fundamentos Ciencias Sociais

    FUNDAMENTOS DAS CIÊNCIAS SOCIAIS QUESTÕES 20/05/2014 1) O gráfico acima mostra a evolução da participação de pretos e pardos no ensino superior brasileiro entre 1992 e 2011. Observando o gráfico podemos afirmar que: a) nos anos 2005 e 2006 ocorreu uma estabilização da população preta e parda na população brasileira e, consequentemente, na proporção de pretos e pardos no ensino superior. b) o gráfico confirma o "Mito das 3 Raças", pois sempre houve correspondência entre a proporção...

    13639  Palavras | 55  Páginas

  • História social da criança e da família – philippe ariès

    História Social da Criança e da Família Philippe Aries Tradução: Dora Flasksman Segunda edição A meus pais A meus sogros Pagina 02 A edição brasileira de História social da Criança e da Família foi traduzida da edição de L'Enfant et la vie familiale sous l'Ancien Régime das Editions du Seuil, Collection Points, Serie Histoire, 1973. Esta edição francesa e uma versão abreviada do texto original de Philippe Aries, publicado em 1960 pelas Editions Plons, e reeditado integralmente pelas...

    105461  Palavras | 422  Páginas

  • Fichamento do texto: psicologia de grupo e análise do ego

    1 REFERÊNCIA: O Conceito de Grupo em Freud. (texto: Psicologia de Grupo e Análise do Ego in_ FREUD. S. Psicologia de Grupo e Análise do Ego. Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud. Vol. XVIII (1925-1926). Rio de Janeiro: Imago, 1996). PSICOLOGIA DE GRUPO E A ANÁLISE DO EGO I INTRODUÇÃO - “A psicologia individual relaciona-se com o homem tomado individualmente e explora os caminhos pelos quais ele busca encontrar satisfação para seus impulsos pulsionais”. No sentido ...

    6402  Palavras | 26  Páginas

  • Apostila Leitura e Produção de Textos

     LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS HUMANAS NÚCLEO FUNDAMENTAL COMUM PROFESSORA: MÁRCIA FONSECA DE AMORIM 2012/1º semestre A presente apostila será utilizada como material de apoio nas aulas de Leitura e Produção de Texto. Os textos aqui presentes nos auxiliarão nas reflexões sobre a estrutura e o funcionamento da língua portuguesa, tendo em vista a diversidade de gêneros que circulam em...

    17828  Palavras | 72  Páginas

  • Regina H F Campos Psicologia Social Comunitaria 1 1

    (organizadora) Título: Psicologia social comunitária Subtítulo: Da solidariedade à autonomia Coleção: Psicologia Social Editora: Vozes Assunto: Psicologia Digitalização: Maria Eunice Correção: Ana Luiza Paginação: rodapé Estado da obra: corrigido Orelhas do livro Esta coleção apresenta reflexões do grupo de Trabalho em psicologia social comunitária da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-graduação em psicologia (ANPPEPP). Esta nova área de estudo, a psicologia social comunitária, pretende contribuir...

    46814  Palavras | 188  Páginas

  • Interpretação e Produção de Texto

    Interpretação e Produção de Textos Unidade II 5 Estilos e gêneros discursivos O termo gênero é empregado em mais de uma área de estudo. Por exemplo: • Na gramática, significa a variação das palavras na língua portuguesa para masculino, feminino, neutro. • Na linguística, significa diversidade de texto usado na sociedade (poema, bula, MSN, conversação etc.). • Em história, significa, entre outros, os estudos sobre a mulher na sociedade (desigualdade, luta etc.). Tipos Revisão:...

    23619  Palavras | 95  Páginas

  • Int e prod de textos - exercicios

    (ENEM – 2002) O autor da tira utilizou os princípios de composição de um conhecido movimento artístico para representar a necessidade de um mesmo observador aprender a considerar, simultaneamente, diferentes pontos de vista. Das obras reproduzidas, todas de autoria do pintor espanhol Pablo Picasso, aquela em cuja composição foi adotado um procedimento semelhante é: E | | INDICADORES DE FRACASSO ESCOLAR NO BRASIL  Observando os dados fornecidos no quadro, percebe-se: E | uma melhoria na...

    9017  Palavras | 37  Páginas

  • Celso Castro Textos B sicos de Sociologia De BookZZ

    Celso Castro Textos Básicos de Sociologia Sumário Apresentação 1. Marx, Engels e a crítica do capitalismo A ideologia alemã O caráter fetichista da mercadoria e seu segredo Questões e temas para discussão Leituras sugeridas 2. Durkheim e o nascimento da sociologia como disciplina científica O estudo dos fatos sociais e o método da sociologia Questões e temas para discussão Leituras sugeridas 3. Simmel e a interação social O âmbito da sociologia Questões e temas para discussão Leituras sugeridas...

    67377  Palavras | 270  Páginas

  • Portugues Interpretaçao de Textos

    Teoria e Questões Comentadas Profª Rafaela Freitas Aula 00 AULA 0 – COMPREENSÃO E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS SUMÁRIO APRESENTAÇÃO......................................................................................1 CRONOGRAMA E OBJETIVO DO CURSO......................................................2 1. INTERPRETAÇÃO TEXTUAL....................................................................5 2. TEXTO LITERÁRIO E NÃO LITERÁRIO.....................................................8 QUESTÕES COMENTADAS...

    26177  Palavras | 105  Páginas

  • FUNDAMENTOS DAS CI NCIAS SOCIAIS

     FUNDAMENTOS DAS CIÊNCIAS SOCIAIS. CASOS CONCRETOS E ATIVIDADES ESTRUTURADAS DE 1 AO 12 – EXERCÍCIOS PARA RESOLVER Plano de Aula: A sociedade como objeto de estudo e os usos e abusos da cultura FUNDAMENTOS DAS CIÊNCIAS SOCIAIS - CCJ0001 Título: A sociedade como objeto de estudo e os usos e abusos da cultura Número de Aulas por Semana Número de Semana de Aula 1 Tema: A questão do conhecimento: senso comum e pensamento científico. Objetivos •           Reconhecer  o conhecimento como característica...

    21499  Palavras | 86  Páginas

  • O Dialogo Entre Texto E Imagens Uma Analise De A Invencao De Hugo Cabret

    ESPECIALIZAÇÃO EM LITERATURA INFANTOJUVENIL O diálogo entre texto e imagens Uma análise de A invenção de Hugo Cabret Aluno: Gabriel Machado Rodrigues da Silva Disciplina: Literatura Infantojuvenil em Língua Portuguesa – Módulo III (2013) Professora: Beatriz Feres Os livros que possuem ilustrações sempre foram estigmatizados como infantis e, consequentemente, segundo a visão pejorativa, simplistas e inferiores. Porém, é por meio dessa espécie de obra que a literatura mais tem passado por inovações em formato...

    4230  Palavras | 17  Páginas

  • Organização textual: textos verbais e não verbais

    Módulo 1 Introdução O que é um texto? O texto é uma ocorrência linguística, que tem um sentido completo, dotada de certas formalidades que lhe permite estabelecer uma comunicação entre o seu produtor e o destinatário. A sua função é essa, ou seja, estabelecer uma comunicação entre estes dois sujeitos. Exemplos: a) b) BILHETE Se tu me amas, ama-me baixinho Não o grites de cima dos telhados Deixa em paz os passarinhos Deixa em paz a mim! Se me queres, enfim, tem de ser bem devagarinho...

    27308  Palavras | 110  Páginas

  • A escrita da história

    MICHEL DE CERTEAU A ESCRITA DA HISTORIA Tradução de: Maria de Lourdes Menezes Revisão Técnica: Arno Vogel FORENSE-UNIVERSITÁRIA RIO DE JANEIRO Primeira edição brasileira: 1982 Traduzido de: LÉCRITURE DE L'HISTOIRE Copyright © Éditions Gallimard, 1975 Capa de: Rimsky CIP-Brasil. Catalogação-na-fonte Sindicato Nacional dos Editores de Livros, RJ C411e Certeau, Michel de. A Escrita da história/Michel de Certeau; tradução de Maria de Lourdes Menezes ;*revisão técnica [de] Arno...

    145585  Palavras | 583  Páginas

  • leitura de texto

    Leitura de texto 1ª AA QUESTÃO: 1 - TEMPO UTILIZADO: 00:01:51 Geralmente, na Universidade, são propostas leituras de textos próprios do ambiente acadêmico. Leia as alternativas a seguir e marque (V), nas verdadeiras, e (F), nas falsas. Sobre os textos acadêmicos, podemos afirmar que são: ( ) as anotações feitas, durante a aula expositiva de um professor. ( ) elaborados durante as reuniões pedagógicas para leitura dos alunos. ( ) característicos da difusão e produção do conhecimento...

    6741  Palavras | 27  Páginas

  • Interpretação de texto

    (ENEM – 2002) O autor da tira utilizou os princípios de composição de um conhecido movimento artístico para representar a necessidade de um mesmo observador aprender a considerar, simultaneamente, diferentes pontos de vista. Das obras reproduzidas, todas de autoria do pintor espanhol Pablo Picasso, aquela em cuja composição foi adotado um procedimento semelhante é: Alternativas: A: B: C: D: E: Resposta do aluno: E Justificativa(s) do aluno: • 1: A imagem...

    7995  Palavras | 32  Páginas

  • Trama e texto (lucídio bianchetti) resumo

    1.BIANCHETTI, Lucídio, organizador. Trama e Texto: leitura crítica, escrita criativa. 2a. Edição. São Paulo: Summus, 2002. 2. Lucídio Bianchetti É formado em Pdagogia, com habilitação em Orientação Profissional e especialização em Ensino de Ciências. É mestre em educação pela PUC/RJ e doutor em História e Filosofia da Educação pela PUC/SP. Atuou no ensino fundamental e médio no Rio Grande do Sul e como professor universitário na UPF/RS e na UEM/PR. É professor adjunto de Ciências da Educação...

    9105  Palavras | 37  Páginas

  • Balanço social

    Resenhas FERREIRO, Emilia. Cultura escrita e educação: conversas de Emilia Ferreiro com José Antonio Castorina, Daniel Goldin e Rosa María Torres. (Trad. Ernani Rosa). Porto Alegre : Artmed, 2001. Resenhado por Cristina Pureza Duarte BOÉSSIO (Universidade Federal de Pelotas) Esta obra é o resultado de conversas de Emilia Ferreiro com os lingüistas José Antonio Castorina, Rosa María Torres e Daniel Goldin e tem c omo objetivo refletir sobre a cultura escrita. Em um total de sete encontros, foram...

    11183  Palavras | 45  Páginas

  • O contrato social em jean jacques rousseau

    da seriedade da plateia que sorria." Charles Chaplin sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010 O CONTRATO SOCIAL EM JEAN-JACQUES ROUSSEAU, monografia INTRODUÇÃO Quero indagar se pode existir, na ordem civil, alguma regra de administração legitima e segura, tomando os homens como são e as leis como podem ser (ROUSSEAU, 1987, p. 21). Jean-Jacques Rousseau inicia a obra Do Contrato Social questionando se pode existir alguma forma de administração que seja segura para os homens como são e, partindo...

    33823  Palavras | 136  Páginas

  • Interpretação de texto

    ED - Interpretação de Texto · Conteudo 2 1- Para entender o significado de uma frase, é preciso considerar também o que fica implícito, e não apenas ler a superfície da informação. Desse modo, observe o que fica implícito nesta frase: “Jim disse que as abelhas não picariam idiotas; mas eu não acreditei nisso, porque eu mesmo já tentei muitas vezes, e elas não me picaram.” (Mark Twain. The adventures of Huckleberry Finn) A () O personagem se considera inteligente, pois não foi picado. B (x) O...

    9959  Palavras | 40  Páginas

  • apostila de intepletação de texto

    Leitura e Interpretação de Textos LEITURA E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS Sandra de Pádua Castro 1 Leitura e Interpretação de Textos Diretora Geral: Débora Guerra Diretor Acadêmico: Gustavo Hoffmann Vice Diretora Acadêmica: Samira Maria Araújo Coordenadora EaD: Neuza Belo 2 Leitura e Interpretação de Textos Todos os direitos em relação ao design deste material didático são reservados à FACEB. Todos os direitos quanto ao conteúdo deste material didático são reservados ao autor...

    32704  Palavras | 131  Páginas

  • Escrita Academica

    DESENVOLVENDO A COMPETÊNCIA COMUNICATIVA EM GÊNEROS DA ESCRITA ACADÊMICA 1 orelha esquerda: A UFF, pensando no processo de transição por que passam os alunos egressos do Ensino Médio e recém-chegados à universidade, criou um programa de apoio acadêmico aos calouros, em cinco áreas disciplinares: língua portuguesa, matemática, biologia, química e física. Neste programa, convidou professores de seus quadros e de outras IEs para escrever manuais interativos, com vistas a oportunizar aos...

    50475  Palavras | 202  Páginas

  • Psicologia Social

    DA EXCLUSÃO '^uito mais... d esta a Democracia que almejamos? Afc Ecologia Social pode e deve entrar nesse debate para orientar . ''ticas sociais para além dos critérios econômicos e jurídicos da . ^dania mínima, comprometendo-as com a felicidade pública e ™ívidual. R«fi 'exões insíigantes nesta direção é o que o leitor encontra neste livro". Análise psicossoáal e ética da desigualdade social Sílvia Tatiana Maurer Lane T EDIÇÃO ^EDITORA Umo VOZES l» •Q Q 'da pelo...

    34638  Palavras | 139  Páginas

  • COM SOCIAL VOL UNICO ENADES 2006 2009

     ÁREA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL JORNALISMO PUBLICIDADE E PROPAGANDA PROGANDA E MARKETING MATERIAL INSTRUCIONAL ESPECÍFICO COORDENADORA E ORGANIZADORA Christiane Mázur Doi Doutora em Engenharia Metalúrgica e de Materiais, Mestre em Tecnologia Nuclear, Engenheira Química e Licenciada em Matemática, com Aperfeiçoamento em Estatística. É professora titular da Universidade Paulista. Autores Daniela Palma Doutora e Mestre em Ciências da Comunicação e Bacharel em Jornalismo. Foi professora...

    30898  Palavras | 124  Páginas

  • Questão de formaçã geral enade

    ENADE/20071 FORMAÇÃO GERAL QUESTÕES DE MÚLTIPLA ESCOLHA 1ª QUESTÃO Ao se escolher uma ilustração para esses poemas, qual das obras, abaixo, estaria de acordo com o tema neles dominante? RESPOSTA CORRETA – E 2ª QUESTÃO O alerta que a gravura acima pretende transmitir refere-se a uma situação que (A) atinge circunstancialmente os habitantes da área rural do País. (B) atinge, por sua gravidade, principalmente as crianças da área rural. (C) preocupa no presente...

    9668  Palavras | 39  Páginas

  • Apostila de interpretação e produção de texto

    IMES/FAFICA APOSTILA DE INTERPRETAÇÃO E PRODUÇÃO DE TEXTO PROFª MARIA FLÁVIA FABBRI DE ARAUJO ESPADA UNIDADE 1: A IMPORTÂNCIA DA LEITURA. TEXTO PARA ANÁLISE: 1. Que informações você consegue tirar dos seguintes textos? Texto 1: [pic]Индивидуальные программы - наиболее интенсивный и гибкий вид занятий языком. Школа "Привет!" установила весьма низкие цены на индивидуальные курсы, позиционируя себя как специалиста по индивидуальным курсам. Это связано с сильной стороной школы...

    14106  Palavras | 57  Páginas

  • Modelos de colaborao nos meios sociais da internet-uma anlise a partir dos portais de jornalismo participativo

    da Comunicação – Natal, RN – 2 a 6 de setembro de 2008 Modelos de colaboração nos meios sociais da internet: Uma análise a partir dos portais de jornalismo participativo 1 Fábio MALINI2 Universidade Federal do Espírito Santo, Vitória, ES Resumo Esse artigo busca analisar sobre a paisagem midiática nas configurações atuais da internet, problematizando os modos de colaboração nas chamadas mídias sociais, a partir de uma reflexão teórica sobre o conceito de participação e colaboração na literatura...

    6186  Palavras | 25  Páginas

  • A Soberania E A Questao Da Guerra Justa Rousseau Critico De Grotius PDF

    UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE PRÓ-REITORIA DE PÓS-GRADUAÇÃO E PESQUISA MESTRADO EM FILOSOFIA NÍVEL MESTRADO ANDERSON FRANCISCO DOS SANTOS A SOBERANIA E A QUESTÃO DA GUERRA JUSTA: ROUSSEAU CRÍTICO DE GROTIUS São Cristóvão 2015 2 ANDERSON FRANCISCO DOS SANTOS A SOBERANIA E A QUESTÃO DA GUERRA JUSTA: ROUSSEAU CRÍTICO DE GROTIUS Dissertação de mestrado apresentada ao Programa de Pós-graduação em Filosofia da Universidade Federal de Sergipe como requisito parcial para obtenção do grau de Mestre...

    45519  Palavras | 183  Páginas

  • Manual de Comunicação da escrita Oficial do Estado do Paraná

    DEPARTAMENTO ESTADUAL DE ARQUIVO PÚBLICO Manual de COMUNICAÇÃO ESCRITA OFICIAL do Estado do Paraná CURITIBA 2005 Manual de COMUNICAÇÃO ESCRITA OFICIAL do Estado do Paraná iii SUMÁRIO 1 A REDAÇÃO TÉCNICA .......................................................................................................................... 1 1.1 AS QUALIDADES DA REDAÇÃO TÉCNICA ............................................................................................. 1 1...

    47155  Palavras | 189  Páginas

  • EXEGESE DO TEXTO MARCOS 2.15-17

    Cabral Sílvio Eli dos Santos Baptista Wilme Ferreira Barbosa EXEGESE DO TEXTO MARCOS 2.15-17 Trabalho apresentado em cumprimento às exigências da disciplina de Exegese do Novo Testamento, ministrada pelo professor Odimar Gomes Junior, do curso de graduação em Teologia, do Seminário Teológico Batista de Niterói. Niterói 2013 SUMÁRIO 1. Aproximação ao texto 2. Tradução: a. Tradução por correspondência formal. b. Tradução por equivalência...

    6091  Palavras | 25  Páginas

tracking img