O Ser Humano Diferentemente Do Animal É Capaz De Produzir Interdições artigos e trabalhos de pesquisa

  • trabalho de filosofia

    não indiferença é a essência do valer”? 2. Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. 3. Porque não é contraditório afirmar que a moral autêntica supõe a aceitação livre das normas, ao mesmo tempo. #2- Explique está afirmação: O ser humano,diferentemente do animalcapaz de produzir interdições. . O ser humano produz leis, proibições para se protegerem, coisas que o animal não precisa. #3-porque nao é contraditorio afirmar que a moral autentica...

    656  Palavras | 3  Páginas

  • Filosofia

    podendo ser atrativa ou repulsiva, boa ou má e assim por diante.  Porém, é importante fazer uma distinção: enquanto as coisas são, os valores valem,podemos dizer que os valores não são, mas valem. Quando dizemos de algo que vale, não dizemos nado do seu ser, mas dizemos que não é indiferente. A não-indiferença constitui esta variedade ontológica que contrapõe o valor ao ser. A não indiferença é a essência do valor". 2. Explique esta afirmação: O homem, diferentemente do animal é capaz de produzir...

    745  Palavras | 3  Páginas

  • Trabalho

    de alguém que ocupa espaço físico, temporal, que faz diferença! 2.Explique esta afirmação: O homem, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. Tendo a humanidade sistemas de socialidade muito mais complexos que os animais ditos irracionais (o que chamamos de "cultura"), produzimos ao longo da História formas de dominação dos modos de ser alheios. Inventamos, assim, interdições baseadas em supostas "verdades" jurídicas, morais, religiosas, governamentais, psicológicas, que proíbem...

    582  Palavras | 3  Páginas

  • Filosofando (aranha)

    "Os valores não são, mas valem. Uma coisa é valor e outra coisa é ser. Quando dizemos de algo que vale, não dizemos nada do seu ser, mas dizemos que não é indiferente. A não-indiferença constitui esta variedade ontológica que contrapõe o valor ao ser. A não-indiferença é a essência do valer". 2 Explique esta afirmação: O homem, diferentemente do animal é capaz de produzir interdições. Interessante é observar que as interdições se materializam em práticas e sentidos que não são um "continuum"...

    803  Palavras | 4  Páginas

  • O homem como ser social para Aristóteles

    com tudo que precisa para sua existência. Entretanto, para as ciências humanas, o homem se constitui humano nas relações desenvolvidas em sociedade. O tema em discussão nesse estudo é a concepção de homem político para Aristóteles em seu texto A Política, livro I. Como esse pensador entende que o homem se constitui humano é o que pretendemos responder. Para Aristóteles, o homem não nasce humano. Através da convivência na polis (cidade) e nas relações entre os semelhantes ele se plenifica, e se torna...

    2118  Palavras | 9  Páginas

  • xzmxsmxsxmsxmisxs

    o reconhecimento da imagem do outro, a importância de alguém que ocupa espaço físico, temporal, que faz diferença 2. Explique esta afirmação: O homem, diferentemente do animal é capaz de produzir interdições. R: Porque os animais irracionais, vivem livremente entre eles, uns para com os outros em igualdade. Já o ser humano, que poderiam se ajudar mais, pois Deus lhes concede sabedoria e raciocínio lógico, prejudica sua própria espécie. 3. Em que consiste o caráter histórico - social...

    582  Palavras | 3  Páginas

  • Filosofando Completo

    mesquinho, sublime e ridículo, e assim por diante. 2. Explique esta afirmação: O homem, diferentemente do animal é capaz de produzir interdições. R.: O ser humano produz leis, proibições para se protegerem, coisas que o animal não precisa. 3. Em que consiste o caráter histórico - social da moral? E o caráter pessoal? R.: Caráter histórico - social da moral A fim de garantir a sobrevivência, o ser humano age sobre a natureza transformando-a em cultura. Para que a ação coletiva seja possível, são...

    653  Palavras | 3  Páginas

  • Filosofia

    PERGUNTAS 1)_ O que significa dizer que “a não indiferença é a essência do valer”? 2)_ Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. 3)_ Por que não é contraditório afirmar que a moral autentica supõe a aceitação livre das normas, ao mesmo tempo que a moral tem um caráter histórico e social? 4)_ Como explicar que na moral convivem pólos opostos como o dever (a obrigação) e a liberdade? 5)_ Mesmo considerando a tolerância um valor...

    1645  Palavras | 7  Páginas

  • RAIVA ANIMAL

    RAIVA A raiva é uma doença transmitida ao homem pela inoculação do vírus presente na saliva e demais secreções de qualquer animal mamífero infectado, o que ocorre principalmente pela mordedura. Formas de transmissão da raiva A transmissão ocorre quando o vírus, contido na saliva e demais secreções do animal infectado penetra no tecido, através de mordedura, arranhadura ou lambedura de mucosas ou pele lesionada. Em seguida, multiplica-se no ponto de inoculação, atinge o sistema nervoso periférico...

    1720  Palavras | 7  Páginas

  • ainda duvida

    indignação ou até a coerção física, quando alguém é preso por um crime, ou seja, ao elogio ou reprimenda. 2) Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. R.=> Pois o ser humano é o único que pode por limitações nas coisas: Ex. não usar o elevador devido estar quebrado usar somente as escadas. Algo que um animal irracional que vive livremente entre eles não entenderia. 3) Por que não é contraditório afirmar que a moral autêntica supõe a aceitação...

    742  Palavras | 3  Páginas

  • Entre o bem e o mal

    ENTRE O BEM E O MAL 1) O que significa dizer que "a não indiferença é a essência do valer"? 2) Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. 3) Por que não é contraditório afirmar que a moral autêntica supõe a aceitação livre das normas, ao mesmo tempo que a moral tem um caráter histórico e social? 4) Como explicar que na moral convivem pólos opostos como o dever (a obrigação) e a liberdade? 5) Mesmo considerando a tolerância um valor máximo...

    536  Palavras | 3  Páginas

  • politica

    não nos deixa indiferentes, ou seja, quando nos provoca algum sentimento, que pode ser de atração ou de repulsa. 5. Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz, de produzir interdições. O homem quando deixa o seu estado natural passa a construir sua própria cultura. Com essa mudança vão surgindo novas necessidades, como a de relacionar-se com outros indivíduos, então ele passa a produzir suas próprias leis, nas quais o proíbe de fazer determinadas coisas, mais que são...

    670  Palavras | 3  Páginas

  • ética

    4) O que significa dizerque “a não indiferença é a essência do valor”? Algo tem valor quando não nos deixa indiferentes, ou seja, quando nos provoca algum sentimento, que pode ser de atração ou de repulsa. 5)Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz, de produzir interdições. O homem quando deixa o seu estado natural passa a construir sua própria cultura. Com essa mudança... Redação A compreensão é tudo, se não compreendermos o que nos chega através...

    594  Palavras | 3  Páginas

  • filosofia

    seguinte afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. Obs: Caso encontre dificuldade com o significado da palavra “interdição”, consulte o seu dicionário. Essa consulta lhe ajudará no entendimento e faz parte da metodologia da questão. O animal está submetido às leis da natureza, não escolhe, age conforme seu instinto, por defesa ou medo. O ser humano, por ter a linguagem simbólica, criou a cultura com regras, portanto com interdições. 3 ) Leia o segui ...

    1552  Palavras | 7  Páginas

  • O ser humano

    O Ser Humano A investigação sobre o mundo que acabamos de realizar pode ser considerada pano de fundo de outra investigação, talvez mais cara para todos nós: aquela que corresponde à humanidade. Assim, nosso foco agora se fechará sobre algumas das principais questões acerca do ser humano: sua essência ou especificidade, sua condição no mundo, suas fortalezas e debilidades. Vejamos o que podemos encontrar. Natureza ou Cultura? Um ser entre dois mundos O que é o ser humano? Ou, dito de...

    4057  Palavras | 17  Páginas

  • exercicio

    seguinte afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. Obs: Caso encontre dificuldade com o significado da palavra “interdição”, consulte o seu dicionário. Essa consulta lhe ajudará no entendimento e faz parte da metodologia da questão. O animal está submetido às leis da natureza, não escolhe, age conforme seu instinto, por defesa ou medo. O ser humano, por ter a linguagem simbólica, criou a cultura com regras, portanto com interdições. 3) Leia o seguinte...

    1528  Palavras | 7  Páginas

  • trabalho

    -----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------2- Explique essa afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. --------------------------------------------------------...

    712  Palavras | 3  Páginas

  • Ética

    constantemente atribuímos a eles valores bipolarizados: bom e mau, verdadeiro e falso, generoso e mesquinho, e assim por diante. 2- Explique esta afirmação: o ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições? Porque os animais irracionais, vivem livremente entre eles, uns para com os outros em igualdade. Já o ser humano, que poderiam se ajudar mais, pois Deus lhes concede sabedoria e raciocínio lógico, prejudica sua própria espécie. 3- Por que não é contraditório afirmar...

    851  Palavras | 4  Páginas

  • filosofia

    dessa relação, destaque a questão da justiça como um dos temas centrais da ética. Relacionamento, que tem sempre suscitado mais interesse nas especulações e nos debates que se travam sobre Ambas se relacionam com escolhas e deliberações que devem ser feitas, porém enquanto a ética se refere à ação individual, a política se refere à ação coletiva. "Um primeiro campo de o tema, é o dos conflitos entre os principias da ética e a realidade da política. Assim, ética e política sempre tiveram uma intensa...

    2083  Palavras | 9  Páginas

  • Natureza e cultura

    entre o homem e as outras espécies animais. ------------------------------------------------- As meninas-lobo ------------------------------------------------- Na Índia, onde os casos de meninos-lobo foram relativamente numerosos, descobriram-se em 1920 duas crianças, Amala e Kamala, vivendo no meio de uma família de lobos. A primeira tinha um ano e meio e veio a morrer um ano mais tarde. Kamala, de oito anos de idade, viveu até 1929. Não tinham nada de humano e seu comportamento era exatamente...

    4394  Palavras | 18  Páginas

  • Exercícios

    em intensidades variadas: a crítica de um amigo, ”aquele” olhar da mãe, a indignação ou até a coerção física, quando alguém é preso por um crime, ou seja, ao elogio ou à reprimenda. 2) Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. Resposta:  3) Por que não é contraditório afirmar que a moral autêntica supõe a aceitação livre das normas, ao mesmo tempo que a moral tem um caráter histórico e social ? Resposta:  4) Como explicar que na moral...

    566  Palavras | 3  Páginas

  • Trabalho de filosofia

    sanção em intensidades variadas: a crítica de um amigo, ”aquele” olhar da mãe, a indignação ou até a coerção física, quando alguém é preso por um crime, ou seja, ao elogio ou à reprimenda. 2) Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. Resposta: 3) Por que não é contraditório afirmar que a moral autêntica supõe a aceitação livre das normas, ao mesmo tempo que a moral tem um caráter histórico e social ? Resposta: 4) Como explicar que na moral convivem...

    584  Palavras | 3  Páginas

  • Os Seres Humanos E Suas Dimens Es

    A linguagem tem uma função comunicativa. A linguagem é um sistema de sinais e signos. A linguagem é um fenômeno inconsciente, irreal. A linguagem é um sistema, isto é, uma totalidade estruturada, com princípios e leis próprios, sistema esse que pode ser conhecido. A linguagem exprime pensamentos, sentimentos e valores. Parte inferior do formulário 9ª ACQF QUESTÃO 01  Sobre a linguagem, a filósofa Marilena Chauí (2005) ressalta: [...] o sujeito falante possui duas capacidades: a competência (isto...

    4737  Palavras | 19  Páginas

  • Filosofando

    nos deixa indiferentes, ou seja, quando nos provoca algum sentimento, que pode ser de atração ou de repulsa. 5) Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz, de produzir interdições. O homem quando deixa o seu estado natural passa a construir sua própria cultura. Com essa mudança vão surgindo novas necessidades, como a de relacionar-se com outros indivíduos, então ele passa a produzir suas próprias leis, nas quais o proíbe de fazer determinadas coisas, mais que...

    810  Palavras | 4  Páginas

  • Tudo

    a escolha;é a consciência que discerne o valor moral dos nossos atos.O ato moral é portanto constituido de dois aspectos: o normativo e o fatual. O normativo são as normas ou regras de ação e os imperativos que enunciam o "deve ser''. O fatual são os atos humanos enquqnto se realizam efetivamente. Questão de interpretação e problematização 2.O que significa dizer que " a não- diferença é a essência do valor"? Significa tornar complicado aquilo que é muito simples. A essência do...

    1295  Palavras | 6  Páginas

  • TAREFA DO ESIOMAAAAAR

    vista em conta. Estrutura do ato moral: parametros para a constituição do ato como moral Responsabilidade: leva em conta a influencia do individuo sobre a ação e as respectivas questoes eticas e morais do mesmo. Liberdade: ato de ser livre. Legalmente vide direitos humanos, Filosoficamente: poder de escolha, decisão etc.. espero ter ajudado... lembrando que não sou formada só gosto de Filosofia!!!  OU OU OU OU OU OU OU OU OU 1. Os tópicos relacionados a seguir visam verificar a compreeensão dos temas...

    1642  Palavras | 7  Páginas

  • ENTRE O BEM E O MAL

    indiferença e a essencia do valer O que é ser indiferente? É ser comum, qualquer, igual a todos. Quando é citado o "não", todos esses conceitos são invertidos. Reescrevendo, com o mesmo sentido, temos: "A diferença é a essência do valer". Significa que "O valer a pena" é marcado pela diferença. Ex: Para valer a pena, mostre o seu diferencial. 2. explique esta afirmaçao o ser humano diferentemente do animal é capaz de produzir interdições Porque os animais irracionais, vivem livremente entre eles...

    1255  Palavras | 6  Páginas

  • A Diferença do Psiquismo dos Animais e do Homem.

    PSIQUISMO DOS ANIMAIS E DO HOMEM. Com a intenção de identificar as principais diferenças ou semelhanças entre animais e o ser humano, Vygotsky buscou estudar o comportamento e psiquismo dos animais, nesse caso os chimpanzés. Foram identificadas basicamente três características no psiquismo do animal que o diferencia do psiquismo do ser humano, que são elas: 1. Diferentemente do comportamento humano, todo comportamento do animal conserva sua ligação com os motivos biológicos. Toda ação animal é ligada...

    515  Palavras | 3  Páginas

  • FILOSOFIA

    podendo ser atrativa ou repulsiva, boa ou má e assim por diante.  Porém, é importante fazer uma distinção: enquanto as coisas são, os valoresvalem,podemos dizer que os valores não são, mas valem. Quando dizemos de algo que vale, não dizemos nado do seu ser, mas dizemos que não é indiferente. A não-indiferença constitui esta variedade ontológica quecontrapõe o valor ao ser. A não indiferença é a essência do valor". 2. Explique esta afirmação: O homem, diferentemente do animal é capaz de produzir interdições...

    674  Palavras | 3  Páginas

  • Filosofando

    você pode ser criativo em sua vida moral? (pag.220) 2 . O sentimento de indignação ou de vergonha indica que participamos de uma comunidade moral. Dê um exemplo e explique por quê. 3. Qual é a relação entre política e ética? A partir dessa relação, destaque a questão da justiça como um dos temas centrais da ética. (pag. 221) 1. O que significa dizer que "a não indiferença é a essência do valer"? 2. Explique esta afirmação: O ser humano, diferentemente do animal, é capaz de produzir...

    1969  Palavras | 8  Páginas

  • SKINNER –COMPORTAMENTO HUMANO

    UNIVERSIDADE FEDERAL DO MATO GROSSO DO SUL CURSO PSICOLOGIA SKINNER –COMPORTAMENTO HUMANO Corumbá 2010 UNIVERSIDADE FEDERAL DO MATO GROSSO DO SUL CURSO PSICOLOGIA Elaine Laino SKINNER –COMPORTAMENTO HUMANO Corumbá 2010 RESUMO Do capítulo do livro PALAVRAS CHAVE: SKINNER– COMPORTAMETO ...

    5591  Palavras | 23  Páginas

  • O governo, diferentemente dos consu

    contrapartida, recursos e técnicas de produção bastante limitados. Assim, o economista deve ser capaz de responder: I. À questão sobre o que produzir, quer dizer, quais os produtos e serviços que serão colocados à disposição dos consumidores; II. À questão sobre como produzir, quer dizer, quais os recursos e técnicas de produção que serão empenhados na fabricação de bens e serviços; III. À questão sobre para quem produzir, quer dizer, para quem se destinará a produção de bens e serviços; No modelo da Economia...

    574  Palavras | 3  Páginas

  • Seres humanos

    Formação do indivíduo, consciência e alienação... FORMAÇÃO DO INDIVÍDUO, CONSCIÊNCIA E ALIENAÇÃO: O SER HUMANO NA PSICOLOGIA DE A. N. LEONTIEV NEWTON DUARTE* RESUMO: Neste artigo são analisados três aspectos da psicologia de A. N. Leontiev e suas implicações para a reflexão sobre a educação na atualidade: a diferença entre a formação do indivíduo humano e a ontogênese animal; a relação entre a estrutura da consciência e a estrutura da atividade; e, por fim, a questão da alienação como um fenômeno...

    7861  Palavras | 32  Páginas

  • o ser humano e suas dimensoes

    UTILIZADO: Assinale a alternativa que CORRESPONDE ao que você estudou sobre o homem e os outros seres vivos. Resposta Correta O homem não nasce pronto pela natureza, ele possui um suporte biológico específico que o diferencia dos outros animais,interagindo com o meio onde vive, transforma sua existência e sua história. O homem repete o mesmo padrão de comportamento vivido pelos seus ancestrais para garantir a sua sobrevivência. Nem todos os seres vivos se adaptam ao meio ambiente de...

    610  Palavras | 3  Páginas

  • Antimicrobianos e prebióticos nas dietas de animais não ruminantes

    Antimicrobianos e prebióticos nas dietas de animais não ruminantes RESUMO A concepção de aditivos para ração animal ou promotor de crescimento é associada com a incorreta noção de elementos prejudiciais à segurança alimentar. Muitos aditivos podem exercer um efeito benéfico sobre a saúde do animal sem interferir em sua nutrição, sendo chamados de nutracêuticos. Muitos desses aditivos possuem importante papel na produção de proteína animal, especialmente na indústria avícola e suinícola. Neste...

    5791  Palavras | 24  Páginas

  • epistemologia

    Capítulo Introdução à Moral Exercícios 1. O que significa dizer que a não-indiferença é a essência do “valor”? 2. Explique a afirmação: o homem, diferentemente do animal, é capaz de produzir interdições. 3. Em que consiste o caráter histórico-social da moral? E o caráter pessoal? 4. Ao explicar a superação dos dois polos contraditórios da moral (o social e o pessoal) Analise a citação de Pascal: A Verdadeira moral zomba da moral”. 5. Por que, mesmo considerando a tolerância um valor máximo...

    590  Palavras | 3  Páginas

  • Contra Pesquisa com Animais

    PESQUISAS COM ANIMAIS Trabalho apresentado junto ao Curso de Filosofia da FDSBC, na área de bioética focado em pesquisas com animais, como requisito parcial à conclusão da matéria. São Bernardo do Campo – SP 2014 RESUMO: A pesquisa com animais é assunto de discussão durante toda nossa história. Grandes filósofos do passado entraram nessa disputa por opinião, afirmando que os animais não merecem nossa preocupação, enquanto os filósofos mais recentes perceberam que esse...

    8324  Palavras | 34  Páginas

  • Ética e Pesquisa em Animais

    BIOLÓGICAS DISCIPLINA: TEMAS ATUAIS EM BIOLOGIA Giliane Miranda Jacson Martins Manases da Silva Ética em pesquisa com animais Rio Branco 2013 UNIÃO EDUCACIONAL DO NORTE FACULDADE BARÃO DE RIO BRANCO – FAB Giliane Miranda Jacson Martins Manases da Silva Ética em pesquisa com animais Seminário de pesquisa apresentado à disciplina de Temais Atuais em Biologia como exigência parcial para nota da avaliação N1, do...

    4066  Palavras | 17  Páginas

  • corpo humano

    Corpo humano Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. NoFonti.svg Este artigo ou se(c)ção cita fontes fiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2013). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido. —Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico) Anatomia externa do corpo humano. O corpo humano é uma estrutura total e material do organismo humano. Índice [esconder]...

    1075  Palavras | 5  Páginas

  • A exist ncia da tica

    com o advento do cristianismo? R: Com o surgimento do cristianismo começou a ser considerado que as pessoas são incapazes de fazer o bem sem auxilio divino e botando a ideia moral do dever. Fazendo a filosofia ter três tipos de conduta. 5 – Por que o cristianismo introduziu a ideia de dever? R: Porque de acordo com ele ninguém é capaz de fazer o bem sem um auxilio divino tornando as leis de Deus manifesta aos humanos, tendo que cumpri essas leis por dever. Daí que vem essa ideia de dever 6 – O que...

    1184  Palavras | 5  Páginas

  • animais peçonhentos

    5244465-5283200SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO 32 ANIMAIS PEÇONHENTOS 42.1 ACIDENTE POR ANIMAIS PECONHENTOS 42.1.1 Acidentes com serpentes 42.1.1.1 Acidentes com aranhas e escorpião ...

    3475  Palavras | 14  Páginas

  • o corpo humano

    sistemas do corpo humano. A fisiologia é o ramo da biologia que estuda as múltiplas funções mecânicas, físicas e bioquímicas do corpo humano. Muitos cientistas buscam a partir da descoberta do código do DNA a construção em laboratório de corpos. É o que chamam de corpo biocibernético e de ciborgue, tais como corpo protético, corpo pós-orgânico, pós-biológico ou pós-humano. No âmbito anatômico e científico, o corpo é substância física ou estrutura, de cada homem ou animal. Para a Biologia é...

    1009  Palavras | 5  Páginas

  • corpo humano

    e sistemas do corpo humano. A fisiologia é o ramo da biologia que estuda as múltiplas funções mecânicas, físicas e bioquímicas do corpo humano. Muitos cientistas buscam a partir da descoberta do código do DNA a construção em laboratório de corpos. É o que chamam de corpo biocibernético e de ciborgue, tais como corpo protético, corpo pós-orgânico, pós-biológico ou pós-humano. No âmbito anatômico e científico, o corpo é substância física ou estrutura, de cada homem ou animal. Para a Biologia é umorganismo vivo...

    976  Palavras | 4  Páginas

  • Corpo Humano

    sistemas do corpo humano. A fisiologia é o ramo da biologia que estuda as múltiplas funções mecânicas, físicas e bioquímicas do corpo humano. Muitos cientistas buscam a partir da descoberta do código do DNA a construção em laboratório de corpos. É o que chamam de corpo biocibernético e de ciborgue, tais como corpo protético, corpo pós-orgânico, pós-biológico ou pós-humano. No âmbito anatômico e científico, o corpo é substância física ou estrutura, de cada homem ou animal. Para a Biologia é...

    978  Palavras | 4  Páginas

  • Introdução a filosofia moral

    a juízos de realidade, quando partimos do fato de que a caneta e a moça existem, mas a juízos de valor, quando lhes atribuímos uma qualidade que se referem à utilidade, a beleza, ao bem e ao mal, ao aspecto econômico. Dessa forma, os valores podem ser lógicos, utilitários, estéticos, afetivos, econômicos, religiosos, éticos, etc... Mas o que são valores? Embora a temática dos valores seja tão antiga como a humanidade, só no século XIX surge a teoria dos valores ou axiologia ( do grego axios "valor")...

    3209  Palavras | 13  Páginas

  • MONOGRAFIA DIREITO DOS ANIMAIS

    O DIREITO DOS ANIMAIS NO BRASIL RHAFAELLA LEAL ANACLETO DE MATOS NIQUELÂNDIA – GO 2014 RHAFAELLA LEAL ANACLETO DE MATOS O DIREITO DOS ANIMAIS NO BRASIL Monografia submetida à Faculdade Evangélica de Goianésia, como requisito parcial à obtenção do grau de Bacharelado em Direito. Orientador: Professor Ms. Márcio Lopes Rocha NIQUELÂNDIA – GO 2014 RHAFAELLA LEAL ANACLETO DE MATOS O DIREITO DOS ANIMAIS NO BRASIL Trabalho de Conclusão...

    11079  Palavras | 45  Páginas

  • Biologia animal

    Editora GRUPO UNIASSELVI 2011. Proibida a reprodução total ou parcial da obra de acordo com a Lei 9.610/98. Biologia 3 Biologia Animal Prezado(a) leitor(a), o ramo da Biologia que estuda os animais é a Zoologia (Zoo = animal; logia = estudo). Se alguém lhe fizesse a seguinte pergunta: Quais são as características de um animal? Qual seria a sua resposta? Os animais são organismos eucariontes, ou seja, possui uma membrana nuclear e diversas organelas membranosas mergulhadas no citoplasma. São pluricelulares...

    6522  Palavras | 27  Páginas

  • direitos humanos

    radical entre comunidade e sociedade. A comunidade é uma reunião de corpos (organismos) com deveres estabelecidos naturalmente, ou por um poder superior. Já a sociedade é uma reunião de indivíduos. * Pessoa e indivíduo são coisas distintas. Pessoa é o ser físico que não tem autonomia nenhuma, a Pessoa não tem o poder de tomar suas próprias decisões; enquanto que o indivíduo tem autonomia sobre si mesmo. O indivíduo pode tomar suas próprias decisões, define o seu destino e faz o que quer. No medievo...

    32141  Palavras | 129  Páginas

  • Classifica O Dos Animais

    Classificação dos animais Os animais dividem-se em dois grupos: vertebrados e invertebrados. Os animais vertebrados são os que têm esqueleto interno. Há cinco tipos de vertebrados: os mamíferos, as aves, os répteis, os peixes e os anfíbios. Os animais invertebrados são os que não têm esqueleto interno. Nascem de ovos, mas entre eles há grandes diferenças. Há três tipos de invertebrados: insetos, aracnídeos e crustáceos. Além desta divisão, muito importante, os animais têm outras diferenças, como...

    5121  Palavras | 21  Páginas

  • Homem e sociedade

    sobre a condição humana e à maneira como nos tornarmos humanos,assinale a alternativa correta: C) Diferentemente dos animais, cada indivíduo da nossa espécie precisa de educação para tornar-se propriamente humano. De acordo com o Texto “A condição humana”, podemos afirmar:  I Ao definirmos o trabalho humano devemos assinalar um binômio inseparável: o pensar e o agir. II O comportamento humano cada vez mais distanciado da natureza passa a ser regulado, pelo mito, pela religião, pela ética e pela...

    3095  Palavras | 13  Páginas

  • Entre o bem e o mal

    a cumplicidade, a demonstração da preocupação do indivíduo com o seu semelhante, é o q o faz humano na sua essência. Podemos dizer que os valores não são, mas valem. Quando dizemos de algo que vale, não dizemos nado do seu ser, mas dizemos que não é indiferente. A não-indiferença constitui esta variedade ontológica que contrapõe o valor ao ser. A não indiferença é a essência do valor.O valer é não ser diferente. A não-indiferença constitui o valer, e ao mesmo tempo podemos precisar algo melhor esta...

    3356  Palavras | 14  Páginas

  • Geração eficiente e rápida de células tronco pluripotentes induzidas a partir de queratinócitos humanos

    [pic] Trabalho Introdução à Biotecnologia Artigo: Geração eficiente e rápida de células tronco pluripotentes induzidas a partir de queratinócitos humanos. Aasen T., Raya A., Barrero MJ., Garreta E., Consiglio A., Gonzalez F., Vassena R., Bilić J., Pekarik V., Tiscornia G., Edel M., Boué S., Izpisúa Belmonte J. Efficient and rapid generation of induced pluripotent stem cells from human keratinocytes. Nature Biotechnol. 26(11):1276-84 (2008). Grupo: Santo André, 19 de julho de 2010 ...

    4398  Palavras | 18  Páginas

  • Origem do ser Humano

    A Origem do ser Humano A teoria criacionista foi feita a partir de conceitos judaico-cristãos que se encontram na Bíblia. “No princípio, Deus criou o céu e a terra (...)” – trecho retirado da Bíblia de Jerusalém. De religião em religião, todas acreditam que seu Deus tenha criado a tudo e a todos. Na bíblia, há um trecho que diz que nossa criação foi feita à “imagem de Deus”, dando a entender que Deus não é alguma coisa ou alguma força, mas alguém como nós. Para os que acreditam no criacionismo,...

    2647  Palavras | 11  Páginas

  • Evolução do ser humano

     A Evolução dos Seres Humanos A evolução humana é a origem e a evolução do Homo sapiens como espécie distinta de outros hominídeos, dos grandesmacacos e mamíferos placentários. O estudo da evolução humana engloba muitas disciplinas científicas, incluindo aantropologia física, primatologia, a arqueologia, linguística e genética.1 O termo "humano" no contexto da evolução humana, refere-se ao gênero Homo, mas os estudos da evolução humana usualmente incluem outros hominídeos...

    1845  Palavras | 8  Páginas

  • O FENÔMENO SER HUMANO

    O FENÔMENO SER HUMANO, UMA ESPÉCIE DIFERENTE (ANTROPOLOGIA SOCIAL) Belém – 2011 UNIP – UNIVERSIDADE PAULISTA Disciplina: Filosofia Correntes do Pensamento Homem e Sociedade Professora: Gyselle Pimentel O fenômeno ser humano, uma espécie diferente ...

    2022  Palavras | 9  Páginas

  • Resumo Trabalho e capital humano

    utilidades. O que distingue o processo animal do humano, além de os animais apenas tomarem posse dos produtos naturais enquanto os homens possuem a capacidade de transformar o estado natural em que os produtos se encontram, é o fato de o homem planejar essa transformação antes de executá-la. O homem torna esse trabalho consciente e tem um propósito ao fazê-lo, enquanto o trabalho dos outros animais é totalmente instintivo. É correto afirmar que os animais também podem aprender, porém, não com a...

    1134  Palavras | 5  Páginas

  • Trabalho de animais invertebrados e vertebrados

    Escola estadual Jose ferreira lima Clovianna Jorente Garcia Mutum 14 de Setembro de 2012 Escola estadual Jose Ferreira Lima Animais Vertebrados e Invertebrados Trabalho apresentado à professora Tânia Carolo, ministrante da disciplina de Biologia, para obtenção de nota parcial para o terceiro bimestre. Clovianna Jorente Garcia Mutum 14 de Setembro de 2012 Índice INTRODUÇÃO...........

    929  Palavras | 4  Páginas

  • Animais Vertebrados e Invertebrados

    Prof°: Alice Sumário Introdução Os animais fazem parte da nossa natureza e do nosso habitat. Eles são agrupados de acordo suas características. Podemos diferenciá-los de acordo com a forma como nascem e se reproduzem; as semelhanças entre as partes do corpo; a forma de como se locomovem e os alimentos que comem. Você sabia que existe uma imensa quantidade de espécies de animais no Brasil? São mais de 350 espécies de mamíferos, cerca de mil aves, 300 de...

    806  Palavras | 4  Páginas

  • corpo humano

    Corpo humano Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre. NoFonti.svg Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde setembro de 2013). Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo. Encontre fontes: Google — notícias, livros, acadêmico — Scirus — Bing. Veja como referenciar e citar as fontes. Anatomia externa...

    1150  Palavras | 5  Páginas

  • Fisiologia do Exercício e Treinamento Física Aplicado a Modelos Animais

    Fisiologia do Exercício e Treinamento Físico Aplicados a Modelos Animais 1. Treinamento físico e adaptações fisiológicas 1.1. Respostas Fisiológicas à Periodização de treinamento Araújo et al (2012), em um estudo até então inédito que se propunha analisar os efeitos do treinamento físico seguindo uma periodização linear, baseando-se na intensidade individual correspondente a teste prévio de Lactato Mínimo, sobre volume de treinamento, biomarcadores e performance aeróbia e anaeróbia de ratos apresentou...

    1765  Palavras | 8  Páginas

tracking img