• Joinville
    João Fábio Silva da Fontoura et al. JOINVILLE – SANTA CATARINA HERMENÊUTICA CONSTITUCIONAL E PÓS-POSITIVISMO: NOTAS SOBRE A METÓDICA ESTRUTURANTE E SOBRE A TÉCNICA DA PONDERAÇÃO CONSTITUTIONAL HERMENEUTICS AND POST-POSITIVISM: NOTES ON THE STRUCTURING METHODIST AND WEIGHTING TECHNIQUE João...
    18882 Palavras 76 Páginas
  • Positivismo jurídico no século xix: relações entre direito e moral do ancien régime à modernidade
    POSITIVISMO JURÍDICO NO SÉCULO XIX: RELAÇÕES ENTRE DIREITO E MORAL DO ANCIEN RÉGIME À MODERNIDADE LEGAL POSITIVISM IN THE XIX CENTURY: RELATIONSHIPS BETWEN LAW AND MORAL José Renato Gaziero Cella RESUMO O presente artigo pretende descrever como se deu a formação do positivismo jurídico e como a Modernidade...
    19745 Palavras 79 Páginas
  • Administração
    estas questões, contribuindo para uma tempestiva atualização das classificações epistemológicas hoje dominantes. A revisão sobre os conceitos do Positivismo, Pragmatismo e Funcionalismo sugere fortemente que o ensino e a pesquisa em Administração vêm adotando métodos que mesclam os conceitos destas e...
    6493 Palavras 26 Páginas
  • Direito achado na rua
    ABSTRACT The contribution of the practical-theorical current (or tide) known as “The Law Found on the Street” – in an emancipatory persperctive, that has as its foundation the idea of a law as a social practice allied with the hermeneutical matter – allows the investigation of new possibilities of interpretative...
    3213 Palavras 13 Páginas
  • Neo constitucionalismo - da net
    contemporâneo” ou meramente “constitucionalismo”, bem como “constitucionalismo avançado” ou “constitucionalismo de direitos”. Importante salientar que convergência quanto ao período de surgimento. O marco histórico do surgimento do Neoconstitucionalismo, na Europa continental, foi o constitucionalismo...
    8556 Palavras 35 Páginas
  • Do positivismo à nova história: compreendendo os conceitos de tempo e espaço no estudo da história
    DO POSITIVISMO À NOVA HISTÓRIA: COMPREENDENDO OS CONCEITOS DE TEMPO E ESPAÇO NO ESTUDO DA HISTÓRIA O termo “história” na Língua Portuguesa e nas línguas latinas de um modo geral nos remete a três sentidos distintos. O primeiro, mais generalizado, refere-se ao conjunto das ações humanas no tempo...
    2920 Palavras 12 Páginas
  • A Pré-História da História
    com nenhuma realidade concreta. A explicação comum dos mitos cosmogônicos São os mitos da criação do mundo, que são vistos como exemplo de toda situação criadora. As sociedades são mostradas como tendo origem, geralmente, em lutas entre as diferentes divindades existentes. As características da...
    1515 Palavras 7 Páginas
  • teoria geral do direito
    que estava se consolidando no poder e que, para tanto, precisava difundir para toda a sociedade que a sua visão de mundo * Trabalho publicado nos Anais do XIX Encontro Nacional do CONPEDI realizado em Fortaleza - CE nos dias 09, 10, 11 e 12 de Junho de 2010 8480 e seus padrões de comportamento...
    7538 Palavras 31 Páginas
  • Perspectivas do direito: teorias pós-positivistas
    -Positivismo É inegável que a Primeira Grande Guerra e os regimes totalitários abalaram o mundo. Principalmente o regime nazista de Hitler, marco principal de um racionalismo desumano. Um regime atroz. Apesar de todo um aparato teórico e científico, embasado por grandes filósofos e apoiado por...
    2569 Palavras 11 Páginas
  • ESTRUTURALISMO E HERMENÊUTICA
    Camila Aparecida Braga Oliveira; Helena Miranda Mollo; Virgínia Albuquerque de Castro Buarque (orgs). Caderno de resumos & Anais do 5º. Seminário Nacional de História da Historiografia: biografia & história intelectual. Ouro Preto: EdUFOP, 2011.(ISBN: 978-85-288-0275-7) ESTRUTURALISMO E HERMENÊUTICA...
    4481 Palavras 18 Páginas
  • historia do direito
    por exemplo, o acontecimento final. Pelo que se refere a mim, eu gostaria de terminá-lo, aprisioná-lo na curta duração o acontecimento é explosivo. tanta fumaça que enche a consciência dos contemporâneos; porém apenas dura, apenas se adverte sua chama... O passado está, pois, constituído de uma...
    6612 Palavras 27 Páginas
  • Fichamento Bobbio
    DE CIÊNCIAS JURÍDICAS CURSO DE DIREITO FICHAMENTO DO TEXTO “O POSITIVISMO JURÍDICO COMO ABORDAGEM AVALORATIVA DO DIREITO”, DE NOBERTO BOBBIO. RECIFE 2011 FICHAMENTO DO TEXTO “O POSITIVISMO JURÍDICO COMO ABORDAGEM AVALORATIVA DO DIREITO”, DE NOBERTO BOBBIO. ...
    4410 Palavras 18 Páginas
  • direito
    Heitor Pedrotti e Gisele Ventura Martins. Retumba ainda em minha mente: “um final de semana, Róber! Pare ao menos um final de semana!”. Entretanto, não como negar que eles também me empurram para seguir adiante. Agradeço àqueles que me incentivaram a ingressar no mestrado: Daniel de Abreu Pereira Uhr...
    27584 Palavras 111 Páginas
  • resenha critica
    Tecendo Saberes. Rio de Janeiro: Diadorim-UFRJ / CFCH.             _________ . (1996). Social representations of street children, resumo publicado nos Anais da Terceira Conferência Internacional sobre Representações Sociais, realizada em Aix-em- Provence.            Fernando Gewandsznajder é licenciado...
    2651 Palavras 11 Páginas
  • Psicologia
    experiência - Positivismo de Comte – o conhecimento científico reduz-se ao que é objetivamente observável = factos - Materialismo Dialético de Marx e Engels – rejeita o dualismo (tem uma perspetiva do real como unidade/totalidade). O espírito resulta da complexificação da matéria. Positivismo Existem...
    3185 Palavras 13 Páginas
  • Resumo - mente
    experiência - Positivismo de Comte – o conhecimento científico reduz-se ao que é objectivamente observável = factos - Materialismo Dialéctico de Marx e Engels – rejeita o dualismo (tem uma perspectiva do real como unidade/totalidade). O espírito resulta da complexificação da matéria. Positivismo Existem...
    2823 Palavras 12 Páginas
  • Lugar e Defenições
    experiência - Positivismo de Comte – o conhecimento científico reduz-se ao que é objectivamente observável = factos - Materialismo Dialéctico de Marx e Engels – rejeita o dualismo (tem uma perspectiva do real como unidade/totalidade). O espírito resulta da complexificação da matéria. Positivismo Existem...
    3185 Palavras 13 Páginas
  • Positivismo
    POSITIVISMO O positivismo foi uma corrente filosófica iniciada por Auguste Comte, onde as idéias de percepção humanas são baseadas na observação, exatidão, deixando de lado teorias e especulações da Teologia e Metafísica. Segundo Comte, as ciências que são positivistas são a Matemática, Física, Astronomia...
    2852 Palavras 12 Páginas
  • A IMPORTANCIA DA HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO
    ação que realiza, mas adquire sentido pelo passado e pelo futuro desejado; o passado está morto, porque nele se fundam as raízes do presente. Não um conceito de “ser humano universal” que sirva modelo em todos os tempos. Melhor seria nos referirmos à “condição humana” plasmada no conjunto das relações...
    3479 Palavras 14 Páginas
  • Resenha
    rua. In Tecendo Saberes. Rio de Janeiro: Diadorim-UFRJ / CFCH. _________ . (1996). Social representations of street children, resumo publicado nos Anais da Terceira Conferência Internacional sobre Representações Sociais, realizada em Aix-em- Provence. Fernando Gewandsznajder é licenciado em Biologia...
    3743 Palavras 15 Páginas