• A Nova Sociedade de Capital e Indústria no Novo Código Civil
    CURSO DE DIREITO A NOVA SOCIEDADE DE CAPITAL E INDÚSTRIA NO NOVO CÓDIGO CIVIL Claudia Baccarelli D´Elia R.A. nº 463134-0 Turma: 3209 A e-mail: claudia@baccarelli.net CURSO DE DIREITO A NOVA SOCIEDADE DE CAPITAL E INDÚSTRIA NO NOVO CÓDIGO CIVIL Trabalho de Curso apresentado ao Curso...
    14285 Palavras 58 Páginas
  • DIREITO EMPRESARIAL - SOCIEDADE
    |SOCIEDADES NÃO PERSONIFICADAS   1.      SOCIEDADES EM COMUM 1.1 - Conceito O Código Civil de 2002 disciplina as sociedades em comum entres os artigos 986 e 990, regulamentando de forma sintética e sistemática, a situação das sociedades que, tendo ou não ato constitutivo escrito, não o levaram ao...
    3004 Palavras 13 Páginas
  • Trabalhofeito
    As sociedades simples Mauro Caramico* Conceito De todas as críticas que têm sido feitas ao novo Código Civil, as mais ácidas talvez sejam as destinadas às novas sociedades simples: José Waldecy Lucena corrige-lhes a terminologia, aconselhando fossem chamadas sociedades não-empresárias, para oporem-se...
    2028 Palavras 9 Páginas
  • A SOCIEDADE SIMPLES: FORMAÇÃO, EXEMPLOS DE CONTRATOS E DISSOLUÇÃO
    A SOCIEDADE SIMPLES: FORMAÇÃO, EXEMPLOS DE CONTRATOS E DISSOLUÇÃO Florianópolis 2013 SUMÁRIO 1 INTRODUÇÃO............................................................................................................... 03 2 FORMAÇÃO DA SOCIEDADE SIMPLES........
    2216 Palavras 9 Páginas
  • sociedades empresarias
    DAS SOCIEDADES SIMPLES E EMPRESÁRIAS. QUESTÕES RELACIONADAS AO REGIME JURÍDICO DA SOCIEDADE SIMPLES E SEU REGISTRO. Arnoldo Wald O critério adotado pelo Código Civil Brasileiro para distinguir a sociedade empresária da simples está centrado na forma, organizada empresarialmente ou não, pela qual...
    16999 Palavras 68 Páginas
  • Parceria
    A RESPONSABILIDADE DOS SÓCIOS NAS SOCIEDADES SIMPLES Almir Garcia Fernandes1 Resumo: As sociedades simples formaram um novo tipo societário inserido no Novo Código Civil Brasileiro, servindo de norma geral para a maioria dos outros tipos societários. A responsabilidade de seus sócios depende do contrato...
    3410 Palavras 14 Páginas
  • Tipos de sociedade
    EMPRESARIAIS TIPOS E FORMAS DE SOCIEDADES EMPRESARIAIS NCC / ENQUADRAMENTO / GESTÃO Cuiabá/MT outubro/2012 TIPOS E FORMAS DE SOCIEDADES EMPRESARIAIS NCC / ENQUADRAMENTO / GESTÃO ...
    5934 Palavras 24 Páginas
  • Treinamento e desenvolvimento
    passada vimos a sociedade em nome coletivo, sociedade em comandita simples e sociedade em comandita por ações, e da possibilidade da falência dos sócios. Os outros dois tipos de sociedade é a Ltda e a SA. Tipos de Sociedades: 1) Sociedade em nome coletivo 2) Sociedade em comandita...
    3956 Palavras 16 Páginas
  • sociedade simples
    SOCIEDADE SIMPLES A sociedade simples é um tipo societário criado como regra geral para sociedades não empresárias, previstas entre os artigos 997 a 1.038 do CC. Vale lembrar que as sociedades não empresárias podem se constituir por vários tipos societários, inclusive aqueles estipulados para as sociedades...
    527 Palavras 3 Páginas
  • Sociedades empresarias
    SOCIEDADES EMPRESÁRIAS Nos termos do novo Código Civil, a sociedade constitui-se por meio de um contrato entre duas ou mais pessoas, que se obrigam a contribuir com bens ou serviços para o exercício de atividade econômica e a partilha, entre si, dos resultados. As sociedades personificadas podem...
    431 Palavras 2 Páginas
  • Codigo Civil
    A RESPONSABILIDADE DOS SÓCIOS NAS SOCIEDADES SIMPLES Almir Garcia Fernandes Resumo: As sociedades simples formaram um novo tipo societário inserido no Novo Código Civil Brasileiro, servindo de norma geral para...
    3220 Palavras 13 Páginas
  • Sociedades
    ROCHA As Sociedades no Novo Código Civil Trabalho desenvolvido na disciplina de Contabilidade Introdutória I, mestrado pelo professor Cezimar Silva. ABRIL/2012 ÍNDICE: 1. INTRODUÇÃO 2. ANTIGAS SOCIEDADES CIVIS 3. SOCIEDADE SIMPLES 4. SOCIEDADES EMPRESÁRIAS 5. TIPOS DE SOCIEDADES 5.1. Sociedade...
    1876 Palavras 8 Páginas
  • SOciedade simples
    FACULDADE PITÁGORAS – CAMPUS BETIM A SOCIEDADE SIMPLES PABLO ROGER DE ANDRADE Administração 6º período Disciplina Direito Empresarial Professor Douglas BETIM 2010 “A luta pela existência é a lei suprema de toda a criação animada; manifesta-se em toda a criatura sob a forma de instito...
    1589 Palavras 7 Páginas
  • Sociedade simples
    SOCIEDADE SIMPLES A Sociedade Simples busca substituir as Sociedades Civis, uma vez que não são, obrigatoriamente, sociedades empresárias, destinando-se ou não à prática de atividades lucrativas. Inova no sentido de serem aplicadas suas normas de forma subsidiária aos outros tipos societários personificados...
    1746 Palavras 7 Páginas
  • Sociedade simples
    SOCIEDADE SIMPLES 1 – Parte introdutória necessária. O novo Código Civil adotou a teoria da empresa, de modo que remanesceu superada a teoria da atividade mercantil. A razão pela qual a teoria da empresa foi adotada repousa na ampla abrangência da atividade econômica e restrito campo da atividade mercantil...
    2047 Palavras 9 Páginas
  • sustentabilidade
    SOCIEDADE Simples 1. Conceito Conhecida também como sociedade não empresária, a sociedade simples explora uma atividade cientifica, literária, artística ou intelectual sem a organização de um empresa porem em nome de uma pessoa juridica. Como ela não tem natureza empresarial, admite-se que um...
    1794 Palavras 8 Páginas
  • Direito
    SOCIEDADE EM COMANDITA SIMPLES NO CÓDIGO CIVIL DE 2002 Lidiane Saemy Shiratori Aluna do 2º ano do Curso de Direito da Unesp (Franca–SP) SUMÁRIO: 1. Introdução - 2. Histórico e conceito - 3. O regramento do novo Código Civil - 4. O nome empresarial e suas vicissitudes - 5. A figura dos sócios comanditado...
    4396 Palavras 18 Páginas
  • DIREITO EMPRESARIAL
    produção. Na sociedade simples, o critério reside, em princípio, na predominância da atividade pessoal dos sócios. O exercício DIRETAMENTE pelos sócios dos atos singulares inseridos no âmbito da atividade econômica em razão da qual a pessoa jurídica foi constituída lhe imprime o caráter de sociedade simples...
    1359 Palavras 6 Páginas
  • Direito empresarial i
    das sociedades, decorrente do Código Civil de 2002, e da conseqüente repercussão dessa sistemática sobre as atribuições do Registro Público de Empresas Mercantis (Juntas Comerciais) e do Registro Civil das Pessoas Jurídicas, formulando-nos as seguintes questões: a) Como distinguir uma sociedade simples...
    8173 Palavras 33 Páginas
  • direito empresarial
    Direito Público e Privado, 2005; Código Civil Comentado, Nelson Nery Jr. Sociedade Personificada SOCIEDADE SIMPLES • A sociedade simples é a prestadora de serviços, antes denominada, no Código Civil de 1916 de Sociedade Civil (S/C). • É registrada no Registro Civil das Pessoas Jurídicas (Art...
    1062 Palavras 5 Páginas