Necessidade Eliminação Urinaria E Intestinal artigos e trabalhos de pesquisa

  • Assistencia da enfremagem nas cirurgias da via urinaria

    Portal do Sertão Curso: Técnico em Enfermagem- III Módulo Disciplina: Clínica Cirúrgica Orientador (a): Prof.º Gutembergue Moreira Assistência da enfermagem no pré, trans e pós-operatório das cirurgias das vias urinárias. Feira de Santana 2012 Centro Territorial de Educação Profissional do Portal do Sertão Curso: Técnico em Enfermagem- III Módulo Disciplina: Clínica Cirúrgica Orientador (a): Prof.º Gutembergue...

    1351  Palavras | 6  Páginas

  • Eliminação urinaria

    NECESSIDADE DE ELIMINAR “Eliminação é um tipo de função com as características específicas: movimento e evacuação de resíduos sob a forma de excreção.” (CIPE/ICNP, 2003, pág. 25) Rim Intestino Pele Pulmão NECESSIDADE DO ORGANISMO EM REJEITAR AS SUBSTANCIAS INUTEIS E PREJUDICIAIS RESULTANTES DO METABOLISMO 2010 Escola Superior de Enfermagem de Coimbra João Manuel Garcia do Nascimento Graveto, RN, MSc, PhD Útero FACTORES QUE INFLUENCIAM A SATISFAÇÃO DA NECESSIDADE BIOLÓGICOS/FISÍCOS ...

    2884  Palavras | 12  Páginas

  • Necessidades humanas

    Definição de pré-operatório É o período de tempo que tem início no momento em que se reconhece a necessidade de uma cirurgia e termina no momento em que o paciente chega à sala de operação. Subdivide-se em mediato (desde a indicação para a cirurgia até o dia anterior a ela) e em imediato (corresponde às 24 horas anteriores à cirurgia). Intervenções de enfermagem Atender o paciente conforme suas necessidades psicológicas (esclarecimento de dúvidas); Verificar sinais vitais; Pesar o paciente; Colher material...

    2911  Palavras | 12  Páginas

  • infecção urinaria

    um acesso mais fácil à bexiga. Causas  A maior parte das infecções urinárias é causada pelas bactérias Escherichia coli (E. coli), que atuam de forma benéfica no trato intestinal, mas, quando em contato com o sistema urinário, tornam-se nocivas e causam bastante sofrimento ao paciente.  Tipos de infecção urinária Há dois tipos de infecção do trato urinário, o tipo mais comum é conhecido como cistite (infecção da bexiga urinária), o outro tipo de ITU é a pielonefrite (infecção renal), este tipo...

    1485  Palavras | 6  Páginas

  • Litiase urinaria

    SISTEMA URINÁRIO Anatomia: O sistema excretor humano é formado por dois rins, uma bexiga urinaria e uma e uma uretra. Os dois rins são órgãos que filtram o sangue e retiram dele água e resíduos que compões a urina. São “órgãos gêmeos” situados sob o diafragma em ambos os lados da coluna vertebral. A sua forma é comparável a um feijão. A parte côncava do rim do rim é denominada Hilo, e por ai entram e saem vasos nervosos. É também a saída da pelve renal, que envia a urina através do ureter...

    3717  Palavras | 15  Páginas

  • Eliminação

    Eliminação Intestinal Objetivos de Aprendizagem • Enumerar e debater os fatores fisiológicos e psicológicos que influenciam a eliminação intestinal • Descrever as alterações fisiológicas mais comuns na eliminação intestinal • Avaliar o padrão de eliminação intestinal do utente • Formular diagnósticos de enfermagem relacionados com alterações na eliminação intestinal • Planear os cuidados de enfermagem face aos diagnósticos formulados • Executar os cuidados de enfermagem planeados •...

    2442  Palavras | 10  Páginas

  • Necessidades humanas basicas

    QUELE SCHRAMM DOMÍNIOS, NECESSIDADES HUMANAS BÁSICAS E DIAGNÓSTICO DE ENFERMAGEM Salvador – BA 2008.2 ARLETE BRITO FABIANA MONTEIRO MICHELE ALMEIDA QUELE SCHRAMM DOMÍNIOS, NECESSIDADES HUMANAS BÁSICAS E DIAGNÓSTICO DE ENFERMAGEM ...

    692  Palavras | 3  Páginas

  • incontinência urinaria

    1)Incontinência urinária (IU) é definida como a perda involuntária de urina fora da micção normal. Esta perda pode ser precedida de um esforço (tosse, espirro, risada, exercícios), de uma vontade urgente de urinar ou de ambos. 2)Tipos de incontinência urinária: Do ponto de vista de diagnóstico, existem quatro tipos de incontinência urinária:Incontinência de esforço: é causada por danos ou enfraquecimento dos músculos da pélvis, em especial do assoalho pélvico. Esse conjunto de músculos que fica...

    753  Palavras | 4  Páginas

  • Assistência de enfermagem aos pacientes portadores de estomias intestinais

    FACULDADE DE TALENTOS HUMANOS CLAUDIENE BERNARDES PONTES ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AOS PACIENTES PORTADORES DE ESTOMIAS INTESTINAIS UBERABA-MG 2010 CLAUDIENE BERNARDES PONTES ASSISTÊNCIA DE ENFERMAGEM AOS PACIENTES PORTADORES DE ESTOMIAS INTESTINAIS Trabalho de conclusão de curso apresentado à Faculdade de Talentos Humanos de Uberaba, como requisito parcial à obtenção do título de Bacharel em Enfermagem. Orientadora: Profª Esp. Mara Rosa. UBERABA-MG 2010 Ficha catalográfica...

    8166  Palavras | 33  Páginas

  • INCONTINÊNCIA URINÁRIA NO IDOSO

    INCONTINÊNCIA URINÁRIA NO IDOSO Palavras-chave: idoso, incontinência urinária e fisioterapia. 1. FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA 1.1 Abrangência do problema A definição adotada pela sociedade internacional de continência diz ser o estado no qual a eliminação involuntária de urina se constitui em problema social ou de higiene, podendo ser demonstrada de forma objetiva (Abrams e Cols,1988). Assim como temos a continência urinária, existe também a incontinência retal que consiste na eliminação involuntária...

    5026  Palavras | 21  Páginas

  • Infecção Urinária e Pielonefrite

     UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA ESCOLA DE ENFERMAGEM DEPARTAMENTO DE ENFERMAGEM MÉDICO-CIRÚRGICA CUIDADO DE ENFERMAGEM A PESSOAS NO CONTEXTO HOSPITALAR INFECÇÕES URINÁRIAS E PIELONEFRITE Salvador 2013 INFECÇÕES URINÁRIAS E PIELONEFRITE Trabalho apresentado à disciplina Cuidado a pessoas no Contexto Hospitalar, da Escola de Enfermagem da Universidade Federal da Bahia, como atividade para composição de nota no semestre. Salvador ...

    3908  Palavras | 16  Páginas

  • Incontinencia urinária

    Incontinência Urinária Feminina e Masculina INTRODUÇÃO Este trabalho aborda a Incontinência Urinária feminina e masculina, que consiste na perda involuntária e visivelmente demonstrável de urina. Pode acometer indivíduos de todas as idades, de ambos os sexos e de todos os níveis sociais e econômicos. As mulheres tem probabilidade maior de apresentarem incontinência urinária do que os homens. As causas são bastante variadas e a identificação da etiologia é essencial para o tratamento adequado...

    4804  Palavras | 20  Páginas

  • infecção urinaria

    Biológicas e da Saúde Curso de MEDICINA VETERINÁRIA ISABELA DE CASTRO OLIVEIRA JÉSSICA PIRES ÁVILA RASMINI ARACANJO DYEGO DAYWISON Identificação da prevalência de infecção urinária em porcas VIÇOSA MINAS GERAIS – BRASIL 2012 RESUMO Infecção urinaria é uma doença multifatorial que aparece muito discretamente, ou seja, as vezes sem sinal clinico e é de alta prevalência nos rebanhos. Podemos encontrar E. coli, Proteus sp, Streptococcus sp e...

    5223  Palavras | 21  Páginas

  • Revisão Constipação Intestinal na infancia

    Medicina, Ribeirão Preto, 37: 65-75, jan./jun. 2004 REVISÃO CONSTIPAÇÃO INTESTINAL NA CRIANÇA CONSTIPATION IN CHILDREN Rosa H. M. Bigélli1, Maria I. M. Fernandes2 & Lívia C. Galvão2 1 Médica Assistente. 2Docentes. Setor de Gastroenterologia Pediátrica. Departamento de Puericultura e Pediatria. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto - USP CORRESPONDÊNCIA: Dra. Maria Inez Machado Fernandes. Departamento de Puericultura e Pediatria da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto – USP...

    7218  Palavras | 29  Páginas

  • INCONTINÊNCIA URINARIA E FECAL

    Adriana Leão Souza INCONTINÊNCIA URINARIA E FECAL Olinda 2014 Adriana Leão Souza INCONTINÊNCIA URINARIA E FECAL Olinda 2014 SUMÁRIO OBJETIVO GERAL 2 OBJETIVOS ESPECIFICOS 2 INTRODUÇÃO 3 1 INCONTINÊNCIA URINÁRIA: 4 1.2 CAUSAS: 4 1.3 TIPOS DE INCONTINÊNCIA: 5 1.3.1 INCONTINÊNCIA URINÁRIA TRANSITÓRIA: 5 1.3.2 INCONTINÊNCIA URINÁRIA PERMANENTE: 5 1.3.2.1 Incontinência por urgência: 5 1.3.2.2 Incontinência Urinária de Esforço: 6 1.3.2.3 Incontinência Mista:...

    2074  Palavras | 9  Páginas

  • Infecção urinaria

    RELAÇÃO À INFECÇÃO URINÀRIA ROSSINI, KARIANI DE OLIVEIRA 1 ; RODRIGUES, LEANDRO FERREIRA 1; DAMACENO, MARINA ALVES 1; BIANCHINI, MAYARA RAMOS 1 ; FALEIROS, RENATA 2 ; CABRAL, MIRELA MORAES WALDEMARIN 3 (karianirossini@aluno.unifran.br ) (1) Alunos do primeiro ano de farmácia desta instituição de ensino (2) Professora mestre de metodologia científica, do curso de farmácia da Unifran (3) Professora mestre de microbiologia do curso de farmácia da Unifran INTRODUÇÃO: A infecção urinária acompanha inúmeras...

    12496  Palavras | 50  Páginas

  • Doenças intestinais

    UNIVERSIDADE PAULISTA ENFERMAGEM / NOTURNO A.P.S NUTRIÇÃO EM CONDIÇÕES ESPECÍFICAS NAS: * Doenças Intestinais, Câncer e HIV * Suporte Nutricional, Enteral, Parenteral e Dietas Hospitalares. São José dos Campos 2012 ALUNA: DANIELE CRISTINA RIBEIRO SANTOS ...

    6776  Palavras | 28  Páginas

  • Infecção Urinária

    Infecção urinária A infecção urinária é uma patologia que afeta qualquer parte do aparelho urinário, desde os rins, a bexiga, até a uretra. É decorrente da presença de agentes infecciosos em alguma parte do sistema urinário, sendo que quando afeta os rins, recebe o nome de pielonefrite; quando acomete a bexiga, é chamada de cistite; quando atinge a uretra, recebe o nome de uretrite. A bactéria que habitualmente é responsável pelas infecções urinárias é a Escherichia coli, que compõe a flora intestinal normal...

    754  Palavras | 4  Páginas

  • ANÁLISE DO TRATAMENTO FISIOTERAPÊUTICO PARA MULHERES QUE SOFREM DE INCONTINÊNCIA URINÁRIA NA MENOPAUSA

    TÍTULO DO TRABALHO TODAS EM MAIÚSCULAS ESTILO ResuMO O presente estudo de caso buscou analisar o perfil das mulheres com Incontinência Urinária durante a menopausa, diagnosticar possíveis causas da patologia e avaliar a efetividade da fisioterapia para promoção da qualidade de vida. Para tanto, uma mulher no climatério com incontinência urinária foi submetida a doze sessões de exercícios de Kegel, três vezes por semana, durante quatro semanas consecutivas, sendo atendida na Clínica-escola...

    3445  Palavras | 14  Páginas

  • incontinencia urinaria

    Introdução A Sociedade Internacional de Incontinência (ICS) define incontinência urinária (IU) como a condição na qual há perda involuntária de urina pela uretra. De acordo com a ICS, os tipos de IU mais frequentes nas mulheres são a incontinência urinária de esforço (IUE), a bexiga hiperativa idiopática (BH) e a incontinência urinária mista (IUM). Outros tipos de IU são: a incontinência urinária de urgência (IUU) e urge- incontinência (UI). Anatomia pélvica: a pelve e dividida em pelve maior...

    2582  Palavras | 11  Páginas

  • Infecção urinaria

    Ranieri Mota, Thiago Pereira. INFECÇÃO URINÁRIA Fortaleza 2012 1 Daniele Araújo, Luana Benício, Patrícia Sayonara, Ranieri, Thiago Pereira. INFECÇÃO URINÁRIA Trabalho apresentado à disciplina de Atividade prática supervisionada do curso de Farmácia da Faculdade de ensino e cultura do ceara como requisito parcial para aprovação da disciplina sob orientação da Prof.ª Darcielle Bruna Dias Elias. Fortaleza 2013 2 SUMÁRIO 1- INFECÇÃO URINÁRIA.......................................

    5004  Palavras | 21  Páginas

  • doenças urinarias

    crônicas. Infecção urinária O que consiste a doença A infecção urinária é uma patologia que afeta qualquer parte do aparelho urinário, desde os rins, a bexiga, até a uretra. É decorrente da presença de agentes infecciosos em alguma parte do sistema urinário, sendo que quando afeta os rins, recebe o nome de pielonefrite; quando acomete a bexiga, é chamada de cistite; quando atinge a uretra, recebe o nome de uretrite. A bactéria que habitualmente é responsável pelas infecções urinárias é a Escherichia...

    1384  Palavras | 6  Páginas

  • Incontinência Urinária

    ​​Incontinência Urinária Feminina A incontinência urinária é uma condição que afeta dramaticamente a qualidade de vida, comprometendo o bem-estar físico, emocional, psicológico e social. A incontinência urinária pode acometer indivíduos de todas as idades, de ambos os sexos e de todos os níveis sociais e econômicos. Normalmente existe uma perfeita coordenação entre a bexiga e o esfíncter (músculo que funciona como uma válvula que fecha a uretra, impedindo a saída da urina). A maioria das pessoas...

    1851  Palavras | 8  Páginas

  • Apresentação Infecção Urinária

    SISTEMA URINÁRIO INFECÇÃO URINÁRIA GRUPO 9: Ana Lúcia, Ana Carolina, Ayandra, Ederkelen, Yone e Leonardo DEFINIÇÃO/CONCEITO DE PATOLOGIA  É uma patologia que afeta qualquer parte do aparelho urinário, desde os rins, a bexiga, até a uretra. É decorrente da presença de agentes infecciosos em alguma parte do sistema urinário, sendo que quando afeta os rins, recebe o nome de pielonefrite; quando acomete a bexiga, é chamada de cistite; quando atinge a uretra, recebe o nome de uretrite. A bactéria...

    630  Palavras | 3  Páginas

  • Incontinência Urinária em pacientes com AVC

    de Pesquisa e Pós-Graduação PIBIC 2013∕2014 – Edital Relatório Técnico MANIFESTAÇÕES DE INCONTINÊNCIA URINÁRIA EM PACIENTES COM ACIDENTE VASCULAR CEREBRAL: estudo de prevalência Resumo Objetivou-se determinar a prevalência das manifestações de incontinência urinária em pacientes com Acidente Vascular Cerebral (AVC) no período de acompanhamento ambulatorial. Considera-se incontinência urinária (IU) qualquer perda involuntária da urina. Estudo transversal de abordagem quantitativa, realizado no ambulatório...

    2659  Palavras | 11  Páginas

  • Iu - incontinência urinária

    INCONTINÊNCIA URINÁRIA – IU Incontinência urinária é a perda involuntária da urina pela uretra. É um distúrbio mais frequente no sexo feminino, definida também como a saída involuntária da urina em horas e locais inadequados. Ela leva ao isolamento, depressão, perda da auto-estima e má saúde. A IU é causada pelo aumento da pressão intra-abdominal, ineficácia da musculatura do assoalho pélvico, dentre outros inúmeros fatores. A desinformação torna-se um problema incurável. Estudos relatam...

    2591  Palavras | 11  Páginas

  • infecção urinária na gravidez

    RBGO 24 (7): 471-477, 2002 Trabalhos Originais Infecção Urinária na Gravidez: Análise dos Métodos para Diagnóstico e do Tratamento Urinary Infection in Pregnancy: Analysis of Diagnostic Methods and Treatment Geraldo Duarte, Alessandra Cristina Marcolin, Carla Vitola Gonçalves, Silvana Maria Quintana, Aderson Tadeu Berezowski, Antônio Alberto Nogueira, Sérgio Pereira da Cunha RESUMO Objetivos: avaliar os aspectos diagnósticos, terapêuticos e as complicações dos casos de infecção do...

    1754  Palavras | 8  Páginas

  • Wanda horta teoria e aplicaçao

    sistematizado para o levantamento de dados do ser humano que torna possível a identificação de seus problemas, convenientemente analisados e avaliados, levam ao segundo passo. O segundo passo é:Diagnóstico de enfermagem, que é a identificação das necessidades do ser humano que precisa do atendimento e a determinação pela enfermeira do grau de dependência deste atendimento em natureza e extensão. O terceiro passo:O Plano assistencial, que é a determinação global da assistência de enfermagem que o ser...

    1929  Palavras | 8  Páginas

  • Estudo de caso

    1. Introdução O trato urinário inferior – aqui definido como a unidade vesicoesfincteriana, a bexiga ou a uretra, em conjunto – tem como funções básicas o armazenamento de urina a baixa pressão e sua eliminação, sob controle voluntário. O prejuízo pode ser causado por alterações anatômicas, neurológicas e ou vesicais. O tratamento destes distúrbios do trato urinário inferior depende da causa da disfunção, da presença de comorbidades clínicas e do estado geral do indivíduo. Independente de eliminar...

    2573  Palavras | 11  Páginas

  • urinario

    Infecção Urinária Infecção urinária é um dos principais motivos que leva muita gente a consultar um médico. Ainfecção ataca partes do trato urinário e varia em suas características de acordo com o local afetado. Neste artigo vamos falar um pouco a respeito de infecção urinária considerando os seguintes tópicos:   O que é infecção urinária; Como se adquire; Quais são os sintomas; Como é feito o diagnóstico; Como é o tratamento.   O QUE É INFECÇÃO URINÁRIA? A infecção urinária ocorre quando...

    1426  Palavras | 6  Páginas

  • eliminação

    Eliminação vesical Padrão Normal Micção 4 a 6 X dia - 30ml/h 250/400ml por micção Diurese 1000/2000 dia Urina sem dificuldade Com controlo esfíncteres Factores que influenciam Eliminação Vesical Idade (incontinência) Distúrbios Sensoriais Alterações hormonais Tonicidade muscular Ansiedade Sugestões auditivas Hábitos culturais Medicação/ingestão de líquidos Traumatismos (cirúrgico/tumor) Perda de líquidos decorrentes de outras fontes Características da...

    2558  Palavras | 11  Páginas

  • parasitoses intestinais

    INTRODUÇÃO As parasitoses intestinais ou enteroparasitoses, decorrentes de protozoários e/ou helmintos, representam um grave problema de saúde pública particularmente nos países subdesenvolvidos onde se apresentam bastante disseminadas e com alta prevalência, decorrente das más condições de vida. As infecções por helmintos e enteroprotozoários estão entre os mais frequentes agravos infecciosos do mundo. A cada ano acontecem cerca de 65000 óbitos decorrentes das infecções por ancilostomídeos...

    1509  Palavras | 7  Páginas

  • Ostomias

    diferentes nomes, consoante o órgão a que dizem respeito e têm diferentes funções. Existem três tipos de ostomias: de respiração, de alimentação e de eliminação. Dentro das ostomias de alimentação, existem a jejunostomia e a gastrostomia, que têm como finalidade a alimentação. Dentro das ostomias de eliminação existem as urinárias e as intestinais. Estoma Respiratório: A Traqueostomia é um procedimento...

    1379  Palavras | 6  Páginas

  • Cirurgia Abdominal e o papel do enfermeiro

    classificadas de acordo com o potencial de contaminação (contaminadas, potencialmente contaminadas ou infectadas a depender da área a ser operada e as estruturas manipuladas); porte ou risco cardiológico (médio ou grande porte); de acordo com a necessidade (urgência, emergência ou eletiva); ou ainda de acordo com a finalidade terapêutica (radical, curativa, paliativa, ablativa). A histerectomia é um procedimento cirúrgico que tem por finalidade a extração do útero, que pode acontecer por via vaginal...

    956  Palavras | 4  Páginas

  • Lei 8142

    A Lavagem Intestinal, também chamada de colonterapia ou hidrocolonterapia, o procedimento consiste na injeção de água no intestino grosso através do reto com o auxílio de um equipamento para a eliminação de toxinas e resíduos fecais. Entretanto, embora o procedimento tenha se difundido rapidamente entre os praticantes de terapias alternativas com a promessa de trazer inúmeros benefícios aos usuários ele não é reconhecido pela Sociedade Brasileira de Coloproctologia que inclusive alerta sobre os riscos...

    2389  Palavras | 10  Páginas

  • Alto índice de infecção urinária em gestantes

    UNIVERSIDADE SAGRADO CORAÇÃO ANA PAULA DIAS SOLDERA JOSILENE CHECHETO VINCENZI LORENA PALAMIN SGAVIOLI ALTO ÍNDICE DE INFECÇÃO URINÁRIA EM GESTANTES NA CIDADE DE ITAPUÍ/SP BAURU 2010 ANA PAULA DIAS SOLDERA JOSILENE CHECHETO VINCENZI LORENA PALAMIN SGAVIOLI ALTO ÍNDICE DE INFECÇÃO URINÁRIA EM GESTANTES NA CIDADE DE ITAPUÍ/SP Monografia apresentada a Pró-reitoria de Pesquisa e Pós – graduação como parte dos pré-requisitos para obtenção do título de Especialista em Análises...

    4337  Palavras | 18  Páginas

  • Entero infecção

    anormal das fezes que torna sua eliminação difícil e por vezes dolorosa , uma diminuição do volume fecal ou a retenção das fezes no por um intervalo de tempo prolongado.(BRUNNER, 2008) A constipação pode ser causada por determinados medicamentos, distúrbios retais ou anais, obstrução, afecções metabólicas , neurológicas e neuromuscular, bacteriana, fisiológicas as características definidoras podem ser abdome distendido, anorexia, dor ao evacuar, dor abdominal, eliminação involuntária de fez e líquidos...

    3761  Palavras | 16  Páginas

  • Aspectos legais do trafico de orgãos

    OSTOMIAS: JEJUNOSTOMIA, ILEOSTOMIA, COLOSTOMIA E UROSTOMIA. Ostomias o que são? É uma cirurgia para a construção de um novo trajeto para a saída das fezes ou da urina. Essa intervenção das fezes, chama-se ostomia digestiva e para a urina, ostomia urinária. A abertura feita na parede abdominal é a estoma e torna-se necessária quando o paciente sofre alguma perfuração no abdome, ferimentos, anormalidades congênitas ou em casos de câncer no reto, intestino grosso ou na bexiga. Como essa abertura...

    1733  Palavras | 7  Páginas

  • Constipação intestinal

    DISTÚRBIOS INTESTINAIS E RETAIS São alterações nos padrões de eliminações fecais. Constipação Infreqüência anormal ou irregularidade da defecação, endurecimento anormal das fezes que dificulta sua eliminação, e uma diminuição no volume fecal, ou retenção de fezes no reto durante um período prolongado Manifestações clínicas Distenção abdominal. Dor e pressão. Apetite diminuído. Cefaléia Fadiga Indigestão Sensação de esvaziamento incompleto. Tratamento de enfermagem A educação do paciente...

    1530  Palavras | 7  Páginas

  • Assistência de enfermagem nos problemas intestinais

    CUIDAR II por Lívia Barros Assistência de Enfermagem ao paciente com problemas intestinais APARELHO INTESTINAL 1. Noções de Anatomia e fisiologia O canal gastrointestinal é um tubo que mede aproximadamente 7,5m de comprimento, através do qual o alimento passa e está sujeito a transformação para aproveitamento dos nutrientes, depois de liquefeito (quimo). Compreende: Boca, esôfago, estômago, intestino delgado e intestino grosso a) Esôfago: tubo de fibras musculares...

    1405  Palavras | 6  Páginas

  • Fisiologia humana

    nucléicos, oriundos dos alimentos, em nucleotídeos capazes de serem absorvidos pela mucosa intestinal. Sob a ação desse conjunto de enzimas digestivas, o bolo alimentar passa ao jejuno e íleo. Ao longo do intestino delgado, é produzido o suco entérico, que, também, é rico em enzimas proteolíticas, lipolíticas e glicolíticas. Todos os produtos finais são, então, facilmente absorvidos pela mucosa intestinal. Durante o seu trajeto pelo intestino delgado, o bolo alimentar se torna líquido, pois recebeu...

    2151  Palavras | 9  Páginas

  • Enfermagem

    hierarquicamente relacionados e refletem os padrões de desenvolvimento infantil, ou seja, que a perda da função no idoso começa pelas atividades mais complexas, como vestir-se, banhar-se, até chegar as de auto regulação como alimentar-se e as de eliminação ou excreção. O índice de Katz pode ser pontuado de duas formas, uma onde cada tarefa recebe pontuação específica que varia de zero para a independência à três para dependência total, e no escore dependente ou independente. Índice de Katz EXERCÍCIO ...

    1641  Palavras | 7  Páginas

  • Wanda horta e o modelo das necessidades humanas básicas

    1. INTRODUÇÃO O trabalho a seguir tem por intenção abordar a teoria de modelos de enfermagem “Necessidades humanas básicas” da autora Wanda de Aguiar Horta, abordando os seguintes aspectos: * História da autora e do modelo * Os conceitos apresentados pela autora no modelo e a inter-relação desses conceitos * Descrever o Processo de enfermagem de acordo com a teoria * Apresentar um artigo onde o modelo é aplicado 2. DESENVOLVIMENTO 2.1 O modelo e sua história Wanda...

    4948  Palavras | 20  Páginas

  • Ostomias intestinais

    INTRODUÇÃO A palavra “estoma” tem origem grega a partir do étimo “stóma”, exprime a idéia de boca e tem como sinônimo “estômato”. É o termo usado para um orifício formado por cirurgia, do interior de um órgão para o exterior. A mucosa mucosa intestinal é levada para fora da parede abdominal. A Ileostomia possibilita que o conteúdo líquido fecal do íleo do intestino delgado seja eliminado pelo estoma. Já uma Colostomia permite que fezes formadas no cólo saiam pelo estoma, as colostomias também...

    1730  Palavras | 7  Páginas

  • AVA PATO

    Nistagmo Neurite óptica Diplopia Fala e garganta Disartria Disfagia Sistema músculo esquelético Fraqueza Espasmos Ataxia Sensitivos Dores Hipoestesia Urinário Incontinência Polaciúria ou Anúria Infecção do trato urinário Disfunção urinária em 90% dos casos Intestinal Incontinência Diarréia ou Constipação DIAGNÓSTICO Chegar ao diagnóstico da EM, geralmente é bem complicado pois seus sintomas podem gerar muita incerteza relativa ao prognóstico, os fatores potenciais visuais, auditivos e...

    966  Palavras | 4  Páginas

  • Necessidades diarias de calcio

    CÁLCIO – Necessidades Diárias CÁLCIO CÁLCIO • • • • Avaliação do consumo Necessidades Diagnóstico de deficiência Tratamento: ▫ Alimentar ▫ Medicamentoso CÁLCIO CÁLCIO • Cátion divalente: Ca2+ • É o mineral mais abundante em todo o corpo humano. • Corresponde de 1,5 a 2% do peso corporal total. • 99% deste total está presente nos ossos e nos dentes na forma de hidroxiapatita (Ca10(PO4)6(OH)2), uma estrutura cristalina que consiste de fosfato de cálcio, disposta ao redor de uma...

    5161  Palavras | 21  Páginas

  • Pacientes Com Necessidades Especiais Saude Publica

    pacientes com comprometimento cardiovascular deve ser avaliada a necessidade de profilaxia com antibióticos em pacientes suscetíveis ao desenvolvimento de endocardite bacteriana Profilaxia antimicrobiana American Heart Association 1. Identificar o paciente suscetível; 2. Identificar os procedimentos odontológicos que causam possível bacteremia e requerem profilaxia antibiótica; 3. Seleção apropriada do regime antimicrobiológico; 4. Eliminação de todas as fontes de infecção Identificação do paciente...

    2772  Palavras | 12  Páginas

  • trabalho de nefrostomia

    recuperação da função renal em pacientes com uropatia obstrutiva.Tem também um papel importante na obstrução das vias urinárias por neoplasias abdominais avançadas. Cirurgia urogenital e outros procedimentos SISTEMA URINÁRIO: Rim: Nefrostomia-Nefrectomia-Transplante renal-Nefropexia. Ureter: Ureteroscopia-Ureterostomia-Derivação urinária-Uretorossigmoidostomia. Bexiga urinária: Cistectomia(Cistostomia suprapúbica)- Cistoscopia. SISTEMA REPRODUTOR *HOMEM* Próstata: Prostatectomia(ressecção...

    1631  Palavras | 7  Páginas

  • Power Point Rafaela

    Cuidados de Higiene e Conforto, e Eliminação Fisiológica do Utente Carrazeda de Ansiães, 28 de abril de 2015 Cuidados de Higiene e Conforto, e Eliminação Fisiológica do Utente Objetivos Reconhecer as Necessidades Humanas Básicas: higiene e conforto, e eliminação; Aplicar técnicas de apoio à higiene e conforto ao utente com ajuda total e parcial; Estimular a circulação, respiração, o exercício e a eliminação; Cont. 2 Cuidados de Higiene e Conforto, e Eliminação Fisiológica do Utente Estimular...

    551  Palavras | 3  Páginas

  • ESTUDOS DE CASO PARA PROVA PRATICA 3

    médico apresentando Erisipela, com lesao, deambulando com auxilio de familiares, com queixa de dor no MID. Não tabagista, nega etilismos, afirma apresentar sono a base de medicamentos, alimentação e hidratação satisfatória, afirma eliminação urinária (3 a 4 x ao dia) e intestinal (1 vez ao dia) satisfatórias e com cores diversas devido a medicação, sedentária devido a patologia, sem problemas de comunicação. Antecedentes familiares com problemas circulatórios, afirma anteriormente cirurgia de varizes e...

    2007  Palavras | 9  Páginas

  • Estudo de Caso SIDA, Mielite Transversa e Infecção Urinária

    CATARINA RAIANE PEREIRA DE SOUZA ABORDAGEM NUTRICIONAL DE UM PACIENTE COM SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA, MIELITE TRANSVERSA E INFECÇÃO URINÁRIA: UM ESTUDO DE CASO Tubarão, 2015 RAIANE PEREIRA DE SOUZA ABORDAGEM NUTRICIONAL DE UM PACIENTE COM SÍNDROME DA IMUNODEFICIÊNCIA ADQUIRIDA, MIELITE TRANSVERSA E INFECÇÃO URINÁRIA: UM ESTUDO DE CASO Estudo de caso apresentado à disciplina de Dietoterapia Adulto e Infantil do curso de Graduação em Nutrição, da Universidade do Sul...

    12654  Palavras | 51  Páginas

  • Pré e pòs operatório

    pré-operatório É o período de tempo que tem início no momento em que se reconhece a necessidade de uma cirurgia e termina no momento em que o paciente chega à sala de operação. Subdivide-se em mediato (desde a indicação para a cirurgia até o dia anterior a ela) e em imediato (corresponde às 24 horas anteriores à cirurgia). Intervenções de enfermagem • Atender o paciente conforme suas necessidades psicológicas (esclarecimento de dúvidas); • Verificar sinais vitais; ...

    3176  Palavras | 13  Páginas

  • Cálculo renal

    de outras substâncias, como oxalato de cálcio e ácido úrico que se cristalizam. Essas cristalizações podem migrar pelas vias urinárias causando muita dor e complicações. Os cálculos podem atingir variados tamanhos, que vão de pequeninos grãos, até o tamanho do próprio rim. Eles se formam tanto nos rins quanto na bexiga. O cálculo renal é também chamado de litíase urinária ou urolitíase. Apresenta como sinais e sintomas: alteração na urina ou no ato de urinar, tais quais: diminuição súbita na quantidade...

    1355  Palavras | 6  Páginas

  • Trabalho INCONTINENCIA URINARIA

    investigações, para minimizarem a ocorrência destes e investir em equipes, preparando-os. Ocorrência: Lesões pré-operatória por posicionamento cirúrgico. Palavra chave: Cirurgia, posicionamento cirúrgico, pré-operatória 2. Objetivo A incontinência urinaria é muito frequente em idosos. Ela acarreta problemas sociais, emocionais e econômicos. Atendem ao isolamento o que idoso com incontinência se submete; isso pode leva-lo a depressão assim como leva ao cuidador ao estresse; Fatores que predispõe a...

    1944  Palavras | 8  Páginas

  • Cuidados pre e pos operatorio

    pré-operatório É o período de tempo que tem início no momento em que se reconhece a necessidade de uma cirurgia e termina no momento em que o paciente chega à sala de operação. Subdivide-se em mediato (desde a indicação para a cirurgia até o dia anterior a ela) e em imediato (corresponde às 24 horas anteriores à cirurgia). Intervenções de enfermagem • Atender o paciente conforme suas necessidades psicológicas (esclarecimento de dúvidas); • Verificar sinais vitais; ...

    3176  Palavras | 13  Páginas

  • Aula Feridas e Estomas

    boca visando à exteriorização de qualquer víscera oca existente no corpo. (SANTOS e CESARETTI; 2005) Etiologia • • • • • Câncer; Doença de Chagas; Doença de Chron; Acidentes; Doença inflamatória intestinal crônica. (BARBUTTI et al., 2008) Classificação • Eliminação ou não; • Urinária ou Intestinal • Quanto ao seguimento:  Ileostomia;  Colostomia: • cecostomia; • transversostomia; • sigmoidostomia. (CREMA e SILVA, 1997) Classificação • Quanto a forma de exteriorização:  Terminal;  Em alça;...

    1799  Palavras | 8  Páginas

  • roteiro de anamnese - enfermagem

    Auxiliar o paciente a tossir produtivamente, apoiando seu tórax durante a tosse e umidificando o ar para liquefazer as secreções. Diagnósticos: B – Anorexia: 1. Déficit no auto cuidado para alimentação; 2. Nutrição desiquilibrada menor que as necessidades corporais; 3. Risco de desiquilibrio eletrolíticos resultantes dos vômitos. Intervenções de Enfermagem: Administrar medicamentos conforme prescrição médica. Estabelecer uma relação de confiança com o paciente, ajudando o mesmo a desenvolver...

    712  Palavras | 3  Páginas

  • Noções gerais sobre o sistema gastrointestinal, urinário e genito-reprodutor

    .................................................................................................. 6 1.4. A importância da digestão para a absorção de nutrientes e funcionamento do organismo ............... 8 1.5. A mecânica e eliminação intestinal ................................................................................................... 9 1.6. Noções elementares sobre as principais alterações gastrointestinais: disfagia; vómito (risco de aspiração); dispepsia; úlcera gástrica...

    5494  Palavras | 22  Páginas

  • EXAME FISICO SISTEMA GASTROINTESTINAL E URINÁRIO

    acessórios  boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado, cólon, reto, canal anal e ânus. Funções: ingestão e propulsão do alimento; digestão mecânica e química do alimento; absorção de nutriente para a corrente sangüínea; e armazenamento e eliminação dos produtos de desgaste do organismo através das fezes. 2. Projeção das vísceras abdominais na parede abdominal Divisão do abdome 3. Levantamento de dados 3.1. Investigar problemas nutricionais: ...

    1396  Palavras | 6  Páginas

  • LILACS

    deficiência/incapacidade/saúde.(AU) 2. http://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/lil-592755 Perspectiva educativa do cuidado de enfermagem sobre a manutenção da estomia de eliminação Resumo Este estudo foi desenvolvido com os objetivos de descrever os saberes e práticas de usuários estomizados sobre a manutenção da estomia de eliminação intestinal e urinária; e analisar a pertinência do compartilhamento de tais saberes e práticas com os cuidados fundamentais de enfermagem, desenvolvidos no contexto ambulatorial...

    4590  Palavras | 19  Páginas

tracking img