• Direito
    Plano de Aula: Teoria e Prática da Narrativa Jurídica TEORIA E PRÁTICA DA NARRATIVA JURÍDICA Título Teoria e Prática da Narrativa Jurídica Número de Aulas por Semana Número de Semana de Aula 3 Tema Narrativa jurídica simples e narrativa jurídica valorada. Objetivos O aluno deverá ser capaz...
    1473 Palavras 6 Páginas
  • narrativa juridica
    PLANO DE CURSO – TURMA DE QUARTA-FEIRA Disciplina: Teoria e Prática da Narrativa Jurídica Curso: Direito Campus: Macaé Semestre Letivo/ ano: 2º/2013 Carga Horária: Período: 2º Professora Mestra Simone Machado da Silva Turma: Dia da semana Data Conteúdo programático Quinta-feira ...
    474 Palavras 2 Páginas
  • direito
    Narrativa Jurídica - é dividida em narrativa valorada e narrativa simples. Características da Narrativa jurídica: Eleita na 3ª pessoa Busca de objetividade Ordem cronológica Elementos estruturais: O quê? (fato), quem? (sujeitos), onde? (lugar), quando? (tempo), como? (enredo, sucessão cronológica...
    472 Palavras 2 Páginas
  • redaçao juridica
    Produção da parte narrativa da Petição Inicial: "Dos fatos". Objetivos - Produzir uma narrativa jurídica valorada; - Diferenciar a narrativa simples (Relatório) da narrativa valorada (Dos fatos); - Utilizar os modalizadores na narrativa forense. Estrutura do Conteúdo 1. Narrativa simples 2. Narrativa...
    583 Palavras 3 Páginas
  • Trabalho de narrativa juridica
    1-Caracterize de modo pormenorizado, a narrativa jurídica simples. R: Narrativa jurídica simples é uma narrativa sem compromisso de representar qualquer das partes. Deve apresentar todo e qualquer fato importante para a compreensão da lide, de forma imparcial. É uma narrativa marcada pelo compromisso de expor...
    1065 Palavras 5 Páginas
  • DIREITO
    TIPOLOGIA TEXTUAL Basicamente o texto pode ter os seguintes tipos predominantes: a) NARRATIVO - Na narrativa, os fatos são vividos por personagens em determinado lugar e tempo. Existindo um narrador que assume duas perspectivas básicas diante do texto agindo como uma personagem ou como um mero observador...
    3235 Palavras 13 Páginas
  • trabakhi
    Plano de Aula: Teoria e Prática da Narrativa Jurídica TEORIA E PRÁTICA DA NARRATIVA JURÍDICA Título Teoria e Prática da Narrativa Jurídica Número de Aulas por Semana Número de Semana de Aula 3 Tema Narrativa jurídica simples e narrativa jurídica valorada. Objetivos O aluno deverá ser capaz de: ...
    1562 Palavras 7 Páginas
  • Teoria e Pratica da Narrativa Jurídica - Plano de Aula: 3
    pela análise do fato gerador do conflito e das circunstâncias em que ocorreu. Ainda assim, vale dizer que essa narrativa será imparcial ou parcial, podendo ser tratada como simples ou valorada, a depender da peça que se pretende redigir. Pode-se entender, portanto, que valorizar ou não palavras e expressões...
    428 Palavras 2 Páginas
  • Teoria e prática da narrativa jurídica
    Caderno de Teoria e Prática da Narrativa Jurídica Teoria e prática da narrativa jurídica Aula 2 - 08/08/13 Aula 1 - Relação entre a estrutura das peças processuais e a Teoria Tridimensional do Direito. Peças Processuais - textos produzidos pelo operador do Direito durante...
    1260 Palavras 6 Páginas
  • Direito
    Plano de Aula: Teoria e Prática da Narrativa Jurídica TEORIA E PRÁTICA DA NARRATIVA JURÍDICA Título Teoria e Prática da Narrativa Jurídica Número de Aulas por Semana Número de Semana de Aula 6 Tema Seleção dos fatos da narrativa jurídica. Objetivos O aluno deverá ser capaz de: - Identificar...
    1703 Palavras 7 Páginas
  • Direitoo
    Prática da Narrativa Jurídica ) sala: 307 Data: 09/02/2012 Conteúdo/ unidades Unidade 1- estrutura das freses processuais. * Ver o que é um acórdão..!! E ver como é uma petição..!! ( narrativa, dissertativa, argumentativa e tec..) Unidade 2- tipos de narrativas. *...
    727 Palavras 3 Páginas
  • Civil
    destes. Pode se identificar que a simples valorada é a história que as partes contam para o advogado que por sua vez expressa em documento para pedir ou pleitear o direito, por que faz parte da defesa da requerente ou sujeito que pleiteia algo. Já a narrativa valorada, e a resposta que o Juiz ou promotor...
    411 Palavras 2 Páginas
  • xxdefcx
    AULA – ARGUMENTAÇÃO E REDAÇÃO JURÍDICA – Gênero e tipologia textuais: A NARRAÇÃO NO TEXTO JURÍDICO - A estrutura da narrativa jurídica Distinção entre gênero textual e tipologia textual A diferença entre gênero e tipos textuais é importante para o profissional do Direito, posto que deve orientá-lo...
    3222 Palavras 13 Páginas
  • Curso de Direito
    da narrativa jurídica Semana 5: Tipologia textual: narração, descrição e dissertação .................................................... 20 Semana 6: Narrativa jurídica simples e relatório informativo .......................................................... 25 Semana 7: Narrativa jurídica...
    17813 Palavras 72 Páginas
  • Interpretação e Produção de Textos aplicados ao Direito
    estrutura da narrativa jurídica Semana 5: Tipologia textual: narração, descrição e dissertação ..................................................... 15 Semana 6: Narrativa jurídica simples e relatório informativo ......................................................... 19 Semana 7: Narrativa jurídica...
    17693 Palavras 71 Páginas
  • Dos fatos” > texto narrativo;
    7 Conteúdo abordado: produção da parte narrativa da Petição Inicial: “Dos fatos”. Objetivos da aula: 1) Produzir uma narrativa jurídica valorada; 2) Diferenciar a narrativa simples (relatório) da narrativa valorada; 3) Utilizar os modalizadores na narrativa forense. Leitura recomendada para esta...
    645 Palavras 3 Páginas
  • Narrativa
    Aula 03 Teoria e Narrativa 12/03/2014 Narrativa Jurídica Simples x Narrativa Jurídica Valorada Toda narrativa é valorada. A sentença deve ser imparcial. Não há distinção entre simples e valorada. Metodologia da Narrativa Jurídica Memorizar: Quem quer?: Autor O Quê?: Pedido De quem...
    2476 Palavras 10 Páginas
  • narrativa juridica
    todas as formas de vocativo, “vocês poderão”... RELATÓRIO JURÍDICO: 1. O relatório é um texto de tipo narrativo; 2. Caracteriza-se por ser uma narrativa simples, sem valoração. Sempre que possível, aponte as alegações de ambas as partes; 3. Todos os fatos relevantes do caso concreto devem ser narrados...
    1024 Palavras 5 Páginas
  • Plano de aula 1
    Plano de Aula: 2 (respostas) Questão 1 Fragmento 1 – descrição narrativa valorada Fragmento 2 – dissertativo argumentativo Fragmento 3 - descrição narrativa valorada Fragmento 4 - descrição narrativa simples Fragmento 5 - dissertativo argumentativo Fragmento 6 – descritiva Questão 2 Voto 1 (argumentação)-...
    311 Palavras 2 Páginas
  • Caderno de teoria e pratica
    |Título |Teoria e Prática da Narrativa Jurídica  | |Número de aulas por semana|1  ...
    22372 Palavras 90 Páginas