Não Há Docência Sem Discência Resumo Do Capitulo 1 artigos e trabalhos de pesquisa

  • Resumo livro pedagogia da autonomia

    Livro: Pedagogia da Autonomia (Paulo Freire) Capítulo 1: Não docência sem discência Resumo I Neste capítulo, Paulo Freire se refere aos saberes que devem ser praticados a todos os modelos de ensino, sejam eles críticos, progressistas ou conservadores, onde necessidade reflexões críticas sobre a prática e esta se torna exigência na relação teoria/prática. Ainda quando formando, o futuro pedagogo deve saber que ensinar não é transferir conhecimento e sim possibilitar que o aluno o construa...

    1264  Palavras | 6  Páginas

  • Paulo Freire Pedagodia da Autonomia Resumo

    CULTURA E EDUCAÇÃO CARLOS EDUARDO ROSADO TORRES RAFAEL FELIPE ABRAHÃO BLACK RESUMO – DO LIVRO ‘PEDAGOGIA DA AUTONOMIA’ DE PAULO FREIRE VITÓRIA 2010 UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO CENTRO DE EDUCAÇÃO DEPARTAMENTO DE LINGUAGENS, CULTURA E EDUCAÇÃO CARLOS EDUARDO ROSADO TORRES RAFAEL FELIPE ABRAHÃO BLACK RESUMO – DO LIVRO ‘PEDAGOGIA DA AUTONOMIA’ DE PAULO FREIRE Trabalho apresentado como requisito...

    1047  Palavras | 5  Páginas

  • Resenha e resumo pedagogia da autonomia paulo freire

    conhecimento, e desenvolve-lo cada vez mais. Esse tipo de pensamento é que os professores devem ter sempre antes de entra em sala de aula, na qual chama da ética que o professor deve ter essa é uma ética universal. No primeiro capitulo o tema apresenta que “não existe docência sem discência”, deixa claro que o professor dever ser um grande aprendiz, e está aberto de apreender com a realidade de seus educandos, mas para que isso ocorra é preciso que se tenha uma metodologia rigorosa, que o professor tenha...

    4089  Palavras | 17  Páginas

  • resumo pedagogia da autonomia paulo freire

    FACULDADE DAS AMÉRICAS – FAM Eulânia Aparecida de Paula Tatiana Zacarias Barros RESUMO DE LIVRO: Pedagogia da Autonomia – Paulo Freire RESUMO DE LIVRO: Pedagogia da Autonomia – Paulo Freire Educação não transforma o mundo. Educação muda pessoas. Pessoas transformam o mundo. Paulo Freire. S U M Á R I O ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS 01 RESUMO 05 REFERÊNCIAS 14 RESUMO No início do livro que se chama “Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática...

    2626  Palavras | 11  Páginas

  • Não há docência sem discência.

    Capitulo 1 Não docência sem discência. Neste capítulo, Paulo Freire se refere aos saberes que devem ser praticados a todos os modelos de ensino, sejam eles críticos, progressistas ou conservadores, onde necessidade de reflexões críticas sobre a prática e esta se torna exigência na relação teoria/prática, criar possibilidades para o aluno produzir ou construir conhecimentos, reconhecer que ao ensinar, se está aprendendo e saber despertar no aluno a curiosidade, a busca do conhecimento, a...

    551  Palavras | 3  Páginas

  • Resumo

    NÃO DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA: REFLEXÕES A PARTIR DE UM TRABALHO DE FORMAÇÃO CONTINUADA DE PROFESSORES DO MUNICÍPIO DE SÃO CARLOS, SÃO PAULO Osmair Benedito da Silva1 Sabrina Maria de Amorim1 Luciana Nobre de Abreu Ferreira1 Salete Linhares Queiroz2 2 Universidade Federal de São Carlos Instituto de Química de São Carlos – USP 1 RESUMO Neste trabalho nos propusemos a apresentar considerações a respeito de reflexões advindas de professores em formação continuada da rede municipal de São Carlos-SP...

    4653  Palavras | 19  Páginas

  • Resumo e Análise crítica do Livro: Pedagogia da Autonomia - Paulo Freire

    Trabalho de Filosofia da Educação. Professora: Rita Dalpiaz. Alunas: Thainá e Shaiane. Livro: Pedagogia da Autonomia. Paulo Freire Resumo Capítulo 1: Não docência sem discência. Educador e aluno dependem um do outro. O professor aprende também quando ensina, e o aluno ensina enquanto aprende. Assim também, não educação se não houver à quem ensinar. Só existe ensino quando o aprendizado resultou na capacidade de recriar ou refazer o ensinado, ou seja, quando o que foi...

    1656  Palavras | 7  Páginas

  • NÃO HÁ DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA

    História da Educação NÃO DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA Polo “C” – Rio Corrente – Petrolina 2014 QUESTIONÁRIO: NÃO DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA FREIRE, P. PEDAGOGIA DA AUTONOMIA: SABERES NECESSÁRIO Á PRÁTRICA EDUCATIVA. 18ºed. São Paulo: Paz e Terra, 2001. P.23-51 1. O que freire entende por educar para a autonomia? A conquista da liberdade...

    861  Palavras | 4  Páginas

  • Resumo do livro Pedagogia da Autonomia

     Pedagogia da Autonomia Esse resumo ressalta algumas reflexões acerca da leitura do livro:" Pedagogia da Autonomia" esta obra de Paulo Freire serve como base de conhecimento para a vida e todo seu conteúdo é valioso oferecendo orientações que devemos levar para prática docente. 1. Não docência sem discência. Quem ensina também aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender, o bom aprendiz é resultado do bom educador para provar a excelência do aprendizado é preciso perceber que...

    1081  Palavras | 5  Páginas

  • Resumo do livro Pedagogia do Oprimido

    Resumo do livro: Pedagogia da Autonomia 1 1. Apresentação: A temática do livro Pedagogia da Autonomia trata da questão da formação docente ao lado da reflexão sobre a prática educativa – progressiva em favor da autonomia do ser dos educandos. Esse livro é uma construção teórica do próprio autor, e pode ser considerado como uma síntese de todo seu pensamento. O autor lutou pela educação por toda sua vida, e foi durante todo esse tempo que ele colheu grande parte do material usado nessa...

    2293  Palavras | 10  Páginas

  • 3760 39044 1 PB

    ISSN: 1981-8963 DOI: 10.5205/reuol.3188-26334-1-LE.0704201324 Bordallo FR, Guimarães MVR, Silvino ZR et al. Pedagogia da autonomia: saberes necessários… REVIEW OF BOOK PEDAGOGY OF AUTONOMY: NECESSARY KNOWLEDGE FOR EDUCATIONAL PRACTICE PEDAGOGIA DA AUTONOMIA: SABERES NECESSÁRIOS À PRÁTICA EDUCATIVA PEDAGOGÍA DE LA AUTONOMÍA: SABERES NECESARIOS PARA LA PRÁCTICA EDUCATIVA Felipe Raqui Bordallo. Enfermeiro do Instituto Nacional do Câncer/INCA, Aluno do Programa de Mestrado Profissional em Enfermagem...

    1018  Palavras | 5  Páginas

  • NÃO HÁ DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA

    RESENHA ACADÊMICA NÃO DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA Paulo Freire. Não docência sem discência. in: Pedagogia da autonomia – Saberes necessários à prática educativa. Pág. 23-46. O texto em questão é parte do livro Pedagogia da autonomia – Saberes necessários à prática educativa e apresenta-se dividido em nove tópicos, através dos quais, Paulo Freire ressalta a necessidade de uma reflexão em torno de saberes indispensáveis à prática educativa; seja para educadores críticos...

    1025  Palavras | 5  Páginas

  • Não há docência sem discência

    [pic] SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO PEDAGOGIA NERI ANTONIO DOS SANTOS RESUMO DO LIVRO PEDAGOGIA DA AUTONOMIA Chapecó 2006 NERI ANTONIO DOS SANTOS RESUMO DO LIVRO PEDAGOGIA DA AUTONOMIA Trabalho apresentado ao Curso Pedagogia da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina de Filosofia ...

    2841  Palavras | 12  Páginas

  • Resumos para o concurso

    "Os Educadores-sonhadores jamais desistem de suas sementes,mesmo que não germinem no tempo certo...Mesmo que pareçam frágeisl frente às intempéries...Mesmo que não sejam viçosas e que não exalem o perfume que se espera delas.O espírito de um mestre nunca se deixa abater pelas dificuldades. Ao contrário, esses educadores entendem experiências difíceis com desafios a serem vencidos. Aos velhos e jovens professores,aos mestres de todos os tempos que foram agraciados pelos céus por essa missão tão digna...

    7423  Palavras | 30  Páginas

  • resumo

    CAPÍTULO 1 - NÃO DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA: São saberes demandados pela prática educativa em si mesma, qualquer que seja a opção política do educador ou educadora. É de extrema importância saber que uma reflexão como quando penso a formação docente é a prática educativo-crítica. A reflexão crítica sobre a prática se torna uma exigência da relação Teoria/Prática sem a qual a teoria pode ir virando blábláblá e a prática, ativismo. É preciso, sobretudo destes saberes indispensáveis, que o formando...

    1561  Palavras | 7  Páginas

  • Resumo: Pedagogia da autonomia

    mas não seguiu carreira, encaminhado a vida profissional para o magistério. Foi secretário municipal de São Paulo, organizou planos de alfabetização em países africanos. Suas primeiras experiências educacionais foram realizadas em 1962 em Angicos, no Rio Grande do Norte, onde trezentos trabalhadores rurais se alfabetizaram em 45 dias, publicou várias obras dentre elas: Pedagogia do Oprimido e Educação como prática de liberdade. Morreu em 1997, de enfarte. A obra divide-se em três capítulos, nos...

    1135  Palavras | 5  Páginas

  • Resumo do livro Pedagogia da Autonomia de Paulo Freire

    “saber-fazer é o saber-ser-pedagógicos”. Capítulo 1 Não docência sem discência É preciso, desde o principio mesmo de sua experiência formadora, assumindo-se com sujeito também da produção do saber, se convença definitivamente de que ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades para a sua produção ou a sua construção. Não docência sem discência, as duas se explicam e seus sujeitos, apesar das diferenças que os conotam, não se reduzem à condição de objeto, um do outro...

    2312  Palavras | 10  Páginas

  • resumo do livro Pedagogia da aut

    Resumo do livro Pedagogia da Autonomia Universidade São Marcos PEDAGOGIA Celso ferreira dos santos RESUMO DO LIVRO PEDAGOGIA DA AUTONOMIA São Paulo 2009 celso ferreira dos santos ESUMO DO LIVRO PEDAGOGIA DA AUTONOMIA PREFÁCIO As idéias retomadas nesta obra tem por objeivo trazer ao educador uma visão atualizada, leve e critica, provocativa, corajosa e esperançosa, questões que no cotidiano do professor continuam a causar conflitos entre educadores e educadoras. Uma pedagogia...

    2693  Palavras | 11  Páginas

  • Não há docencia sem dicencia

    Não docência sem discência Titulo Autor Não docência sem discência Titulo Trabalho ciêntifico apresentado ao professor pelo aluno para a obtenção da nota na matéria memorial cumprindo assim as exigências para a conclusão do ciclo realizado no período de 10/06/05 à 05/07/05. 1 Avaliação Dar-se-a através...

    681  Palavras | 3  Páginas

  • Resumo livro "Pedagogia da Autonomia" de Paulo Freire

    Pedagogia da Autonomia”, Paulo Freire Capítulo 1 O primeiro capítulo nos conduz a pensar quenão docência sem discência” abrange a reciprocidade entre docente e educando, compreendendo que ambos são sujeitos ativos no processo ensino-aprendizagem. Trata-se de relação que deve ser construída em parceria, onde não existe aquele que sabe e o que não sabe, e sim sujeitos que constroem e reconstroem o conhecimento juntos, pois à medida que se ensina, aprende, e aquele que aprende também ensina...

    1060  Palavras | 5  Páginas

  • Resumo cap.1., 1.1 e 1.2 Pedagogia da autonomia - Freire

    Capítulo 1 Não docência sem discência Paulo Freire expõe como tema principal do texto; saberes indispensáveis a prática docente independente da opção politica do educador. A leitura do texto leva o leitor a analisar os saberes em relação aos tipos de pratica; progressista ou conservadora, ou se a pratica exige saberes independente de opções ideológicas e politicas dos educadores. Essa reflexão é primordial ao se pensar a formação do educador e a pratica educativo-crítica. Freire menciona...

    848  Palavras | 4  Páginas

  • resenha sobre o capitulo 1 e 2 do livro paulo freire

    conhecimento, e desenvolve-lo cada vez mais. Esse tipo de pensamento é que os professores devem ter sempre antes de entra em sala de aula, na qual chama da ética que o professor deve ter essa é uma ética universal. No primeiro capitulo o tema apresenta que “não existe docência sem discência”, deixa claro que o professor dever ser um grande aprendiz, e está aberto de apreender com a realidade de seus educandos, mas para que isso ocorra é preciso que se tenha uma metodologia rigorosa, que o professor tenha...

    554  Palavras | 3  Páginas

  • RESUMO

    Resumo Não docência sem discência Com base na análise feita no texto de Paulo Freire (1996, pp. 21), deve-se entender que o autor aborda saberes que irão refletir na prática docente de educadores críticos, progressistas e também conservadores. Serão conhecimentos adquiridos pela prática educativa. Desse modo de acordo com Freire, pode-se inferir que (1996, pp. 22 a 23), os conteúdos devem ser claros e assimiláveis, possíveis lembrando-se do primeiro saber: Ensinar não é treinamento nem corpo...

    1009  Palavras | 5  Páginas

  • Análise textual de: “Pedagogia do Oprimido – Paulo Freire (Capitulo 2)”; “Pedagogia da Autonomia – Paulo Freire ( Capítulo 1)”; “La Vía Para El futuro de la humanidad – Edgar Morin ( Capítulo 2)”.

    Rondonópolis Instituto de Ciências Humanas e Sociais Departamento de História Ariadine Cristina da Silva de Castro Análise textual de: “Pedagogia do Oprimido – Paulo Freire (Capitulo 2)”; “Pedagogia da Autonomia – Paulo Freire ( Capítulo 1)”; “La Vía Para El futuro de la humanidad – Edgar Morin ( Capítulo 2)”. Trabalho apresentado à disciplina Estágio Supervisionado I, do curso de História 3º semestre do Instituto de Ciências Humanas e Sociais da UFMT/CUR, ministrada pelo prof...

    1298  Palavras | 6  Páginas

  • concurso para professores resumo parte pedagogica

    bem ser ‘’bonzinho’’. FUNÇÃO TÉCNICA E POLITICA. (distintas porém inseparáveis). Otimismo ingênuo: a escola fora da dinâmica social, espaço neutro de transmissão de cultural. Pessimismo ingênuo: não o que fazer na sociedade falida. A ESCOLA É PARTE DA SOCIEDADE E TEM COMO UM TODO UMA RELAÇÃO DIALÉTICA, A ESCOLA TRANSFORMA A CULTURA E A MANTÉM AO MESMO TEMPO É CONTRADITÓRIA. Saber ser, (Libaneo, 1986) saber ser: liberdade, articulada com limites/...

    4227  Palavras | 17  Páginas

  • Resumo do livro pedagogia da autonomia de paulo freira

    Capítulo, Não docência sem discência- “dosdicência”. Freire aponta que existem diferentes tipos de educadores: críticos, progressistas e conservadores, mas, apesar destas diferenças, todos necessitam de saberes comuns tais como: • conseguir dosar a relação teoria/prática; • criar possibilidades para o aluno produzir ou construir conhecimentos, ao invés de simplesmente transferir os mesmos; • reconhecer que ao ensinar, se está aprendendo; e não desenvolver um ensino de "depósito bancário"...

    2548  Palavras | 11  Páginas

  • Pedagogia da Autonomia - Resumo do primeiro capítulo

    PRIMEIRO CAPÍTULO DO LIVRO “PEDAGOGIA DA AUTONOMIA: SABERES NECESSÁRIOS À PRÁTICA EDUCATIVA, DE PAULO FREIRE. FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 43 ed. São Paulo: Paz e Terra, 2011. PRÁTICA DOCENTE: PRIMEIRA REFLEXÃO O autor Paulo Freire, na presente obra, tem como interesse central tratar a respeito de saberes indispensáveis à prática docente de educadores críticos, progressistas, salientando a importância de uma reflexão crítica de seus...

    1777  Palavras | 8  Páginas

  • Resumo pedagogia da autonomia

    RESUMO: PEDAGOGIA DA AUTONOMIA A Pedagogia da Autonomia é um livro pequeno em tamanho, mas gigante em otismo, que condena as mentalidades fatalistas que se conformam com a ideologia imobilizantes de que “a realidade é assim mesmo”. Para Paulo Freire, educar é construir, é libertar o ser humano das cadeias do determinismo neoliberal, reconhecendo que a História é um tempo de possibilidades. É um “ato comunicante, co-participativo”, de modo modo algum produto de uma mente “burocratizada”. É necessário...

    544  Palavras | 3  Páginas

  • PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA – PIBID: uma análise a partir dos seus atores

    UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA – UnB FACULDADE DE EDUCAÇÃO – FE Lucas Ramos Xavier PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA PIBID: uma análise a partir dos seus atores Brasília, 2013 ii UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA FACULDADE DE EDUCAÇÃO - FE Lucas Ramos Xavier PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO A DOCÊNCIA – PIBID: uma análise a partir dos seus atores Monografia de conclusão de curso apresentada ao curso de Pedagogia, Faculdade de Educação...

    27229  Palavras | 109  Páginas

  • Pedagogia e sua Docência

    AÇÃO DIDÁTICA NO ENSINO SUPERIOR: A DOCÊNCIA EM DISCUSSÃO DIDACTIC ACTIVITY IN HIGHER EDUCATION: TEACHING UNDER DISCUSSION Maiza Taques Margraf Althaus* Resumo O artigo discute como vem sendo abordada no meio acadêmico a questão da ação didática em instituições de ensino superior, concebida como o desenvolvimento da docência e suas implicações no cotidiano da aula e da vida universitária. Também é apresentado o PRODEA – Programa Didática em Ação, em desenvolvimento pela Pró-Reitoria de Extensão...

    3901  Palavras | 16  Páginas

  • fichamento do livro pedagogia da autonomia

    NORMAL E PROFISSIONAL PRÁTICA DE FORMAÇÃO – ESTÁGIO SUPERVISIONADO PROFESSORA: Talissa Elaine Nunes FECHAMENTO DO LIVRO CAPITULO 1NÃO DOCENCIA SEM DISCÊNCIA 1. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Livro: FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996. Título do capítulo: Não docência sem discência Intervalo de páginas: 11 - 14 2. APRESENTAÇÃO DAS IDÉIAS DO AUTOR Citações principais do texto: “A reflexão crítica sobre...

    5852  Palavras | 24  Páginas

  • RESUMO DO LIVRO PEDAGOGIA DA AUTONOMIA DE PAULO FREIRE

    Resenha: A obra educacional de Paulo Freire não se destaca pelo tamanho físico de seus escritos, mas sim pelo contexto e pela densidade de cada obra sua. No livro Pedagogia da Autonomia não é diferente, que apesar de poucas páginas, possui uma estrutura e contexto teórico amplo e totalmente interligado com as outras obras do autor em sua concepção de educação libertária. A primeira parte dessa obra tem o titulo de Não docência sem discência o autor disserta no inicio sobre a curiosidade...

    3845  Palavras | 16  Páginas

  • Pedagogia

    Pedagogia da Autonomia | FREIRE, Paulo 1 FICHA DE LEITURA FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. São Paulo: Paz e Terra, 2011. 144p. RESUMO No seu último livro, Paulo Freire compartilha suas principais ideias sobre educação a serviço da formação de um novo professor crítico, atento aos desafios da construção da eticidade e autonomia. O mestre da educação brasileira perpassa os saberes necessários a uma prática educativa que – ao questionar...

    530  Palavras | 3  Páginas

  • artigo docencia

    O papel da docência na formação social e intelectual dos discentes Amanda Vitória da Silva Cruz Francisco Adoniran da Costa filho Universidade Federal de Campina Grande- UFCG Resumo O presente trabalho tem como objetivo apresentar discursões acerca do espaço em que se tem acentuado sobre o rumo da educação no Brasil e a formação e profissionalização dos educadores. Aonde a cada dia vem ocorrendo mudanças no ensino e em suas estruturas básicas, mostrando a diversas mudanças que vem ocorrendo...

    1488  Palavras | 6  Páginas

  • pedagogia da autonomia

    Paulo Freire – Pedagogia da Autonomia (parte 1) Primeira parte de um pequeno resumo do livro Pedagogia da Autonomia do grande mestre Paulo Freire. O livro está estruturado em três capítulos, dentro dos quais o autor enumera e explica vinte e sete saberes mais que fundamentais – obrigatórios – na formação docente e na reflexão sobre a prática educativa, principalmente a progressista. Contudo, antes dos capítulos, o autor apresenta uma seção chamada “Primeiras Palavras”, em que escreve sobre os objetivos...

    32990  Palavras | 132  Páginas

  • RESUMO PEDAGOGIA DA ESPERAN A

    Europa, América e África. Sua pedagogia tem sido conhecida como Pedagogia do Oprimido, Pedagogia da Liberdade, Pedagogia da Esperança. Em seus trabalhos, Freire defende a ideia de que a educação não pode ser um depósito de informações do professor sobre o aluno. Esta "pedagogia bancária" , segundo Freire, não leva em consideração os conhecimentos e a cultura dos educadores. Respeitando-se a linguagem, a cultura e a história de vida dos educandos pode-se levá-los a tomar consciência da realidade que...

    3255  Palavras | 14  Páginas

  • Exemplo de projeto para pesquisa cientifica

    ------------------------------------------------- Título: A formação continuada do professor como necessidade na educação atual ------------------------------------------------- 1. - Resumo O professor é uma figura central no processo da formação acadêmica e humana. Ele influencia de modo direto ou indireto no futuro de muitos jovens. O mundo tem se transformado em meios tecnológicos chegam à sala de aula e auxiliam na formação acadêmica da nova geração de estudantes. Qual a formação necessária...

    1658  Palavras | 7  Páginas

  • direito

    Atividade de Autodesenvolvimento Aula-tema 01: Fundamentos, História e Evolução do D ireito do Trabalho. O objetivo desta atividade é a sedimentação...LUTA PELO DIREITO- Rudolf Von Ihering - RESUMO DAS IDÉIAS PRINCIPAIS DO LIVRO A LUTA PELO DIREITO- Rudolf Von Ihering Observação: O livro possui 5 capítulos Introdução Primeiramente para Ihering o direito é uma idéia prática, e ele possui uma antítese.trabalho DIREITOS RESERVADOS Proibida a reprodução total ou parcial desta public ação sem o prévio...

    1148  Palavras | 5  Páginas

  • Resumo de "pedagogia da autonomia" de paulo freire

    prática educativa. Paz e Terra coleção leitura (1996), (cap. 1 p.21-45) *Lucas Gabriel Nascimento Queiroz A obra Pedagogia da Autonomia, Paulo Freire (1996), mostra que a prática docente pode diferenciar-se entre os educadores que a exercem, mas precisam de metodologia de ensino, que é adquirido com a própria prática docente. Para Freire (1996), a teoria deve buscar na prática seu complemento, assim como, a prática sem teoria não teria nenhum sentindo, “A reflexão crítica sobre a prática se...

    500  Palavras | 2  Páginas

  • Resumo crítico do texto “Entre a Bola e o MP3- Novas tecnologias e Diálogo Intercultural no cotidiano escolar adolescente”

    Resumo crítico do texto “Entre a Bola e o MP3- Novas tecnologias e Diálogo Intercultural no cotidiano escolar adolescente” Em seu estudo, Miriam Soares Leite, apresenta uma reflexão de forma muito lúcida sobre a inserção das novas tecnologias nas escolas. Todo seu texto é pautado na Escola dos Murais, esta que foi objeto de seu estudo, entretanto, pode abranger para qualquer escola, já que o impacto das novas tecnologias de comunicação e informação é uma realidade comum a todas no cotidiano escolar...

    984  Palavras | 4  Páginas

  • DOCÊNCIA ALÉM DE SALA DE AULA

    DOCÊNCIA ALÉM DE SALA DE AULA Aquele que escolhe como profissão ser professor, precisa estar comprometido com o resultado final de seu trabalho, sabendo-o como parte importante e imprescindível na  construção do indivíduo e, podemos ver isso claro na afirmação de Libâneo (1994, p.17): “ O trabalho docente é parte integrante do processo educativo mais global pelo qual os membros da sociedade são preparados para a participação na vida social. A educação – ou seja, a prática educativa – é um...

    2977  Palavras | 12  Páginas

  • Pedagogia da autonomia

    1 FREIRE, PAULO. Pedagogia da autonomia: Saberes necessários à prática educativa. São Paulo: EGA. 1996. I – CREDENCIAIS DO AUTOR Paulo Régis Neves Freire (Recife 19/09/2921 – São Paulo 02/05/1997) foi educador. Foi alfabetizado pela mãe e na adolescência começou a se interessar pela língua Portuguesa. Fez faculdade de Direito, casou-se com uma professora e teve 5 filhos. Começou a alfabetizar adultos no departamento de educação e cultura do SESI. Assim, ele começou a expor suas ideias...

    1257  Palavras | 6  Páginas

  • Metodologia

    1o MÓDULO MANHÃ DO PRIMEIRO ENCONTRO 1. A importância do estudo na vida do educador Destaco dois pensadores contemporâneos procurando mostrar a relação entre docência e discência e sobre a importância da formação contínua daquele que pretende ensinar, principalmente o professor, mas todos aqueles que têm o ofício ligado ao ensino são afetados pela orientação dada. 1.1. Não docência sem discência Para Paulo Freire (1996), a docência se fundamenta na discência, isto é, só existe o mestre na medida...

    4954  Palavras | 20  Páginas

  • Elementos Formadores da docência

    ELEMENTOS FORMADORES DA DOCÊNCIA Antonio Mulato Paulino Universidade Estadual do Ceará-UECE RESUMO O presente trabalho aborda a temática elementos formadores da docência, com o objetivo de analisar e compreender a sua racionalidade, destacar a sua importância e conhecer a sua atuação e influência na sala de aula. O estudo foi realizado na Universidade Estadual do Ceará, no curso de Pós-Graduação Lato Senso, Psicopedagogia Clínica e Institucional, na disciplina Metodologia do Ensino...

    6040  Palavras | 25  Páginas

  • Pratica de ensino Introdução a Docencia

    1301696 SUESLEY A. C. DO CARMO PRÁTICA DE ENSINO – INTRODUÇÃO A DOCÊNCIA Desenvolvimento das Questões Propostas - Atividade A JUINA/MT MAIO/2013 Relatório para avaliação da Atividade A na Disciplina Prática de Ensino: Introdução a Docência do Curso Graduação Licenciatura em Matemática da Unip Universidade Paulista...

    1730  Palavras | 7  Páginas

  • Resumo pedagogia da autonomia

    Pedagogia da autonomia Capitulo 1 Não docência sem discência O foco central desta obra é pontuar os saberes indispensáveis à pratica docente. Saberes são demandados pela prática educativa em si mesma, qualquer que seja a opção política e ideológica do educador. A reflexão crítica sobre a prática se torna uma exigência da relação Teoria/Prática sem a qual a teoria pode ir virando blábláblá e a prática, ativismo. Um dos saberes indispensáveis é compreender que ensinar não é transmitir conhecimento...

    9071  Palavras | 37  Páginas

  • Tcc ( PEDAGOGIA DE PAULO FREIRE)

    Theodor adorno. 3 CAPITULO 1. Paulo Freire nasceu em 19 de setembro de 1921 em Recife. Filho de Joaquim Temístocles Freire, capitão da Polícia Militar de Pernambuco e de Edeltrudes Neves Freire, Dona Tudinha, Paulo teve uma irmã, Stela, e dois irmãos, Armando e Temístocles. A irmã Stela foi professora primária do Estado. Armando, funcionário da Prefeitura da Cidade do Recife, abandonou os estudos aos 18 anos, não chegou a concluir o curso ginasial. Temístocles entrou...

    996  Palavras | 4  Páginas

  • pedagogia autonomia resumo

    Segue o resumo do livre do Paulo freire-pedagogia da autonomia, onde selecionei os pontos os quais considerei mais relevantes. Resumo: Não docência sem discência. Saberes que me parecem indispensáveis à prática docente de educadoras ou educadores críticos, são igualmente necessários a educadores conservadores. São saberes demandados pela prática educativa em si mesma, qualquer que seja a opção política do educador ou educadora. Sendo que quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina...

    1235  Palavras | 5  Páginas

  • PRÉ-PROJETO DE TCC 1

    Saberes necessários à pratica educativa - Paulo Freire O professor e a educação bancária Freire (1996, p. 23), ensinar não é transferir conhecimentos, nem formar é ação pela qual um sujeito criador dá forma, estilo ou alma a um corpo indeciso e acomodado. Não docência sem discência, as duas se explicam e seus sujeitos apesar de diferenças que os conotam, não se reduzem à condição de objeto, um do outro. Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender. O papel das...

    548  Palavras | 3  Páginas

  • Pedagogiada autonomia - resumo

    Robinson Jorge da Silva Resumo: Pedagogia da Autonomia – Paulo Freire UNISAL Lorena 2009 Paulo Freire tem propriedade singular ao fazer uma síntese que denota sua maturidade, simplicidade e vontade trazendo à luz alguns questionamentos e propostas pertinentes para a formação do corpo docente em sua obra Pedagogia da Autonomia, sugerindo práticas e possibilidades de os educadores estabelecerem novos paradigmas de...

    2236  Palavras | 9  Páginas

  • Resumo - prática de ensino

    PEDAGOGIA DISCIPLINA: GESTÃO DA ESCOLA DE EDUCAÇÃO BÁSICA (ESTÁGIO) SEMESTRE: VIII / TURNO: MANHÃ RESUMO DO CAPÍTULO 1: PRÁTICA DE ENSINO: ELEMENTO ARTICULADOR DA FORMAÇÃO DO PROFESSOR LAYANA RODRIGUES DE SOUSA. CRATO – CE 2012 RESUMO BARREIRO, Iraíde Marques de Freitas; GEBRAN, Raimunda Abou. Práticas de ensino e estágio supervisionado na formação de professores. – São Paulo: Avercamp, 2006. CAPÍTULO 1: PRÁTICA DE ENSINO: ELEMENTO ARTICULADOR DA FORMAÇÃO DO PROFESSOR 1.1 A Prática de Ensino na...

    662  Palavras | 3  Páginas

  • O PEDAGOGO FRENTE EDUCA O 1

    Marchetto Tutor Externo: Natacha Roberta Barbosa Centro Universitário Leonardo da Vinci - UNIASSELVI Curso Pedagogia ( PED 1298) – Seminário Interdisciplinar I 08/06/2015 RESUMO Esse artigo tem como objetivo a leitura e a interpretação de diferentes autores, importantes no cenário da educação. Dessa maneira as crianças e os jovens não devem ter “aulas” de educação moral, mas vivenciar a moralidade em todos os aspectos e ambientes presentes na escola. A pedagogia também exerce um importante papel na educação...

    2559  Palavras | 11  Páginas

  • REsumo Paulo Freire

    Coleção Leitura. Cap. I Não docência sem discência- “docência” Freire aponta que existem diferentes tipos de educadores: críticos, progressistas e conservadores, mas, apesar destas diferenças, todos necessitam de saberes comuns tais como: • conseguir dosar a relação teoria/prática; • criar possibilidades para o (a) aluno (a) produzir ou construir conhecimentos, ao invés de simplesmente transferir os mesmos; • reconhecer que ao ensinar, se está aprendendo; e não desenvolver um ensino de ...

    1321  Palavras | 6  Páginas

  • Resenha do livro Pedagogia da Autonomia - Paulo Freire

    Resenha do livro Pedagogia da Autonomia – Freire, Paulo. 1996 O autor introduz a obra, falando de formas de ações éticas metodológicas a serem aplicadas aos alunos. Não daquela ética que tange as normas do mercado de trabalho, mas as normas de um profissional que age com afeto a sua metodologia, que com essa gana de ensinar concilia o interesse do aluno através de métodos como a consideração da vivência dos mesmos associados à metodologia do conteúdo da aula. Traz o autor como tal afeto, determinação...

    1191  Palavras | 5  Páginas

  • Pedagogia

    QuímicaFarmáciaFisioterapiaFísicaLetrasMatemáticaPsicopedagogiaQuímicaver tudoArquivos em destaque Enviar arquivo Comunidade Acadêmica Cursos Enfermagem Medicina Química mais Cursos Instituições de Ensino UFBA UFRJ UFRGS outras Instituições Perguntas e Respostas LoginCadastro Resumo: Pedagogia da Autonomia- Paulo Freire Verarow Enviado por: Vera Freitas | 20 comentários Arquivado no curso de Educação na USP Download denunciarDenunciarrowCreative CommonsLicença de uso: BY-NC-NDrowPEDAGOGIA DA AUTONOMIA: saberes necessários...

    3249  Palavras | 13  Páginas

  • Resumo dos autores para concurso

    Flexível RESUMO AUTORES – CONCURSO 2011-06-01 PREFEITURA ROMUALDO- Defende avaliação externa, SAEB, SARESP, BRASIL, essas avaliações dão uma devolutiva, é extremamente importante para o Brasil, através das avaliações o governo oferece formação para os professores, qualificação, para melhorar a qualidade na educação. PARA ROMUALDO: ♦ Avaliação é medida e testagem ♦ Testagem – utilizar outros dados, não só as avaliações ♦ Processual e ponto de partida ♦ Desempenho ♦ Avaliação externa tem...

    1520  Palavras | 7  Páginas

  • resumo

     DOCENTES: NA PERSPECTIVA DA DESVINCULAÇÃO DO ENSINO TRADICIONAL ÂNGELO SOUZA DOS SANTOS¹ RESUMO: A educação é um processo dinâmico, que constantemente sofre alterações no seu avanço e modificações nas suas transformações, partindo dessa temática; na contemporaneidade os docentes encontram desafios significativos para exercer a sua prática de forma prazerosa e atraente. Este trabalho tem a intencionalidade de apontar estratégias para o docente na sua prática, na perspectiva da desvinculação...

    2137  Palavras | 9  Páginas

  • pedagogia da autonomia

    FACULDADE CAPIXABA DE NOVA VENÉCIA CURSO DE GRADUAÇÃO EM PEDAGOGIA ROSELY RODRIGUES ALVES SPERANDIO RESUMO DO LIVRO: PEDAGOGIA DA AUTONOMIA – SABERES NECESSÁRIO À PRÁTICA EDUCATIVA. PAULO FREIRE. NOVA VENÉCIA 2013 ROSELY RESUMO DO LIVRO: PEDAGOGIA DA AUTONOMIA – SABERES NECESSÁRIOS À PRÁTICA EDUCATIVA. PAULO FREIRE. Trabalho apresentado à disciplina de Pesquisa...

    3693  Palavras | 15  Páginas

  • Estágio supervisionado em docência

    e ordená-los. Nesse procedimento, se necessário, solicite a orientação de seu professor. várias maneiras de se pensar um relatório, no entanto, é necessário cuidar de que ele atenda à estrutura apresentada pela disciplina. A linguagem deve ser impessoal, clara, precisa, desde a introdução até o final do relatório. Deve-se fazer uma revisão constante, para verificar se não houve repetição ou omissão de alguma informação importante. A estética de um relatório obedece...

    1843  Palavras | 8  Páginas

  • Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários à prática educativa.

    Atividade 1 Resumo do livro: Freire, PAULO.Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários à prática educativa. Pedagogia da Autonomia do professor Paulo Freire, relata proposta de práticas necessárias à educação fundamentada numa ética pedagógica, como forma de proporcionar a autonomia de seu educando; respeitando sua cultura, seu conhecimento empírico e sua maneira de entender o mundo que o cerca. Numa linguagem acessível e didática ele reflete uma constante preocupação como...

    848  Palavras | 4  Páginas

tracking img