• fichamento do livro pedagogia da autonomia
    COLÉGIO ESTADUAL OLAVO BILAC – ENSINO FUNDAMENTAL, MÉDIO, NORMAL E PROFISSIONAL PRÁTICA DE FORMAÇÃO – ESTÁGIO SUPERVISIONADO PROFESSORA: Talissa Elaine Nunes FECHAMENTO DO LIVRO CAPITULO 1NÃO DOCENCIA SEM DISCÊNCIA 1. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS Livro: FREIRE, Paulo. Pedagogia da...
    5852 Palavras 24 Páginas
  • Exemplo de projeto para pesquisa cientifica
    relação entre docência e discência ------------------------------------------------- 3. - Competências profissionais e humanas e seus reflexos na sala de aula. ------------------------------------------------- Capítulo 3: Nasce um professor ------------------------------------------------- 1...
    1658 Palavras 7 Páginas
  • Metodologia
    ligado ao ensino são afetados pela orientação dada. 1.1. Não docência sem discência Para Paulo Freire (1996), a docência se fundamenta na discência, isto é, só existe o mestre na medida em que ele se faz discípulo. Pois, antes de ensinar é preciso aprender. Daí se pode concluir que todo bom professor...
    4954 Palavras 20 Páginas
  • Pedagogia da autonomia
    necessários à prática educativa é dividido em três capítulos, os quais são: Não docência sem discência, Ensinar não é transferir conhecimento, Ensinar é uma especificidade humana. No primeiro capítulo Não docência sem discência, Paulo Freire da mais ênfase na questão que o educador aprende...
    1257 Palavras 6 Páginas
  • Resumo livro pedagogia da autonomia
    Livro: Pedagogia da Autonomia (Paulo Freire) Capítulo 1: Não docência sem discência Resumo I Neste capítulo, Paulo Freire se refere aos saberes que devem ser praticados a todos os modelos de ensino, sejam eles críticos, progressistas ou conservadores, onde necessidade reflexões críticas...
    1264 Palavras 6 Páginas
  • pedagogia da autonomia
    . No capitulo 1, Paulo Freire inicia considerando alguns dos conhecimentos explicados ao longo do livro essenciais para qualquer educador, e não somente ao progressista. Quando afirma que não docência sem discência, refere-se à construção do conhecimento em um processo dialógico e dialético...
    32990 Palavras 132 Páginas
  • Paulo Freire Pedagodia da Autonomia Resumo
    Rosado Torres Rafael Felipe Abrahão Black Pedagogia da Autonomia – saberes necessários à prática educativa. Cap.1 Não docência sem discência. “Não docência sem discência, as duas se explicam e se reduzem à condição de objeto, reduzem à condição de objeto um do outro. Quem ensina...
    1047 Palavras 5 Páginas
  • Resenha e resumo pedagogia da autonomia paulo freire
    progressiva em favor da autonomia do ser dos educandos”. 1°. Não docência sem discência- “dosdicência” Freire aponta que existem diferentes tipos de educadores: críticos, progressistas e conservadores, mas, apesar destas diferenças, todos necessitam de saberes comuns tais como: • conseguir...
    4089 Palavras 17 Páginas
  • Tcc ( PEDAGOGIA DE PAULO FREIRE)
    indeciso e acomodado. Não docência sem discência, as duas se explicam e seus sujeitos, apesar das diferenças, não se reduzem à condição de objeto, um do outro. Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender. 7 Abstract. Pratik kritik Paulo FREIRE a...
    996 Palavras 4 Páginas
  • Resumo
    ao referido questionário: Em relação ao capítulo 1, “Não docência sem discência”, diga com suas palavras se você concorda com o autor sobre todas as exigências necessárias para se ensinar. Ao final, reflita sobre sua prática docente comparando o que é exigido e o que você realiza quando leciona...
    4653 Palavras 19 Páginas
  • Religião
    primeiro responsável. É de suma importância que o professor em sala de aula deve saber escutar para poder aprofundar a arte da docência. 5. Resumo da Obra. Capítulo I – “Não docência sem discência" Neste capítulo Paulo Freire critica as formas de ensino tradicionais. Defende uma pedagogia...
    2542 Palavras 11 Páginas
  • Pedagogia
    ) não docência sem discência; b) ensinar não é transferir conhecimento e; c) ensinar é uma especificidade humana. O tema central da obra é “a formação docente ao lado da reflexão sobre a prática educativa progressiva em favor da autonomia do ser dos educandos”. 1°. Não docência sem discência...
    3249 Palavras 13 Páginas
  • pedagogia da autonomia
    Venécia, Como requisito para obtenção da avaliação bimestral. Professora Deneci. NOVA VENÉCIA 2013 CAPÍTULO 1: NÃO DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA. 1.1 – Ensinar exige rigorosidade metódica 1.2 – Ensinar exige pesquisa 1.3 – Ensinar exige respeito aos saberes dos educandos...
    3693 Palavras 15 Páginas
  • Fichamento: Pedagogia da autonomia - Paulo Freire
    FICHAMENTO: PEDAGODIA DA AUTONOMIA – PAULO FREIRE FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia, Saberes necessários à prática educativa. 37º Ed. São Paulo: Paz e Terra, 1996. RESUMO Capítulo 1NÃO DOCÊNCIA SEM DISCÊNCIA Paulo Freire aborda aspectos básicos para a docência, fundamentando...
    1443 Palavras 6 Páginas
  • Resenha do livro Pedagogia da Autonomia - Paulo Freire
    traz em suas palavras iniciais formas de ações motivadoras inteligentes e competentes que mantem de relacionados de forma “rica” e harmônica a docência e a discência. Não docência sem discência. Quem ensina aprende ensinando, e quem aprende, ensina aprendendo. Baseado nesta frase caminha este...
    1191 Palavras 5 Páginas
  • Pedagogia da Autonomia: Saberes necessários à prática educativa.
    capítulo I “Não docência sem discencia”, Paulo Freire mostra-nos que ninguém ensina sem aprender e ninguém aprende sem ensinar, justificando assim o pensamento que professor não é superior, melhor ou mais inteligente, porque domina conhecimentos que o educando ainda não domina, mas é, como o...
    848 Palavras 4 Páginas
  • Pedagogia da autonomia
    Pedagogia da Autonomia (Paulo Freire) Resumo do Capitulo 1 Não docência sem discência Paulo Freire tem como interesse central, considerar saberes indispensáveis á prática docente de educadores em geral, independente de suas opções políticas. É muito importante uma reflexão...
    938 Palavras 4 Páginas
  • Resenha do livro pedagogia da autonomia
    docência sem discência. A obra completa tem 141 páginas. FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à pratica educativa. São Paulo: Paz e Terra, 1996. ( Coleção leitura). I. APRESENTAÇÃO Nesta resenha serão apresentados no capítulo I : 1. Não docência sem...
    1643 Palavras 7 Páginas
  • Pedagogia
    Síntese sobre o livro Pedagogia da Autonomia Cap. 1Não docência sem discência. 1.3 – Ensinar exige respeito aos saberes dos educandos. O livro aborda assuntos importantes e necessários à prática educativa. No primeiro capitulo Paulo Freire enfatiza que não docência sem discência. Que...
    598 Palavras 3 Páginas
  • fichamentos
    otimismo do autor. 1 PRÁTICA DOCENTE 1.1 CITAÇÕES “Não decência sem discência, as duas se explicam e seus sujeitos, apesar das diferenças que os conotam, não se reduzem à condição de objeto um do outro. Quem ensina aprende ao ensinar e quem aprende ensina ao aprender.” (p.25) “O...
    1519 Palavras 7 Páginas